Quantcast
PplWare Mobile

Surpreenda-se com a Ivacy VPN: navegar na Internet é mais seguro a $1 por mês

                                    
                                

Autor: Mário Sousa


  1. sofia says:

    Permite então contornar os geoLock dos canais?

    • joao matos says:

      Despende. Depende se o teu ip público não estiver a ‘vazar’ (ip leak) da vpn , a localização do fornecimento dos conteúdos face á localização / IP do servidor de vpn. Se o teu ip público ‘vazar’ da vpn não acedes a esses conteúdos (mas os fornecedores de soluções vpn também lutam / trabalham para que isso não aconteça). A vpn é um túnel encriptado desde a tua máquina até ao servidor do fornecedor da vpn, e daí sais desse servidor de vpn com um endereço ip que não o teu ip público real (do teu forncedor de internet.. altice, nos, vodafone, etc…). Não estás a pensar na Netflix pois não 🙂 ?? assim de repente. 🙂

  2. joao matos says:

    Utilizo a proton vpn há anos (são suiços :)). Para o que pretendo serve, nomeadamente acesso wifi em locais públicos, e evitar que alguém me ande a ‘sniffar’ os pacotes de dados (hipers, esplanadas, correios, etc).

  3. Nuno says:

    Será assim tão segura uma vpn com jurisdição em Singapura onde se monitoriza, controla e limita a liberdade de utilização da internet?

    • Mário Sousa says:

      Mas podemos dizer o mesmo de tantas outras marcas: Kaspersky, Apple, Meta Business, entre muitos outros que já tiveram ou estão em processo de litígio devido à proteção de dados, neste caso à falta dela. O Nuno não usa nenhum destes serviços, em especial facebook ou instagram? é que milhões de pessoas utilizam….

      Hoje em dia parece que tudo tem de ser colocado em causa só porque sim. Na minha opinião, até prova em contrário, não deverá existir apontar de dedos, mas isso sou eu….

      • Nuno says:

        Quando se usa uma VPNv estamos a fazer passar todo o nosso tráfego pela mesma. Tudo o que fazemos para por ela. Temos um middle-man em tudo.
        Penso que se não for de confiança é muito pior do que ter os posts do Facebook mas mãos erradas…
        De resto, para mim “confiar até prova em contrário” é ridículo porque quando a prova em contrário aparece já é tarde demais.
        E como isso pode acontecer em tantos serviços, nada como escolher os que não têm jurisdição em países com ditaduras, os que não estão sediados em países onde se controla e monitoriza precisamente o que queremos com segurança e privacidade, e nada como evitar os serviços que têm “no-log policy” mas colaboram constantemente com as autoridades para fornecer os tais logs.
        Mas isto sou só eu a dizer e eu não percebo nada do assunto às tantas…

        • Mário Sousa says:

          Então posso concluir que, por este andar e pelo pensamento apresentado, o melhor é mandar fechar a internet e começarmos a mandar cartas por correio uns aos outros, de novo.

          De assumpções baseadas “em ar” está o mundo cheio. Apontar dedos sem ter nada em concreto que possa desmontar qualquer argumento ou colocando em causa um fantástico serviço é muito mais fiável, todos sabemos disso,, não é?

          Em jeito jocoso, porque não encontro outra forma de me expressar com tamanha falta de tudo, começo a ponderar deixar de utilizar qualquer produto eletrónico made in China e afins porque, sendo um regime totalitário ditatorial comuna, e na conceção do leitor Nuno, vai trazer, provavelmente, um chip para controlar todos os meus passos e ações.

          A hipocrisia tem limites e vir escrever sobre um software que nunca teve qualquer problema sobre o assunto em causa mas depois, se calhar, até escreveu as mensagens aqui nos comentários com um PC ou smartphone ou tablet ou whatever feito na China ou em qualquer outro pais com ditadura mas não tem qualquer problema quando a informação esta a ser enviada para esse mesmo pais…Por algum motivo a HUAWEI foi desaconselhada emmuitos paises, ou já esquecemos desta parte também…mas há mais HUAWEIs por ai…

          Espero poder ter sido claro. Over and out.

          Bom fim de semana e obrigado pela sua participação. Se puder aproveite a campanha dos 5 anos que está a um preço que me parece, a título pessoal, bastante razoável!

          • Nuno says:

            Bastou-me ler a primeira frase para perceber a vontade de ignorar o que eu disse e de continuar a impingir algo só porque sim… Boa continuação…

        • João Matos says:

          Nuno, o perfil de utilização também depende do bom senso. Falando por mim, para acesso ao homebanking apenas utilizo o acesso 4g do meu operador no meu telefone e verifico sempre se o endereço https://xxxxxx corresponde. E mesmo assim não é 100% seguro. Nada é. Diria que respirar e viver já é um risco. Apenas tenta-se minimizar riscos.

          • Nuno says:

            E minimizar riscos é compatível com passar todo o nosso tráfego por uma VPN sediada num país onde um governo monitoriza e controla a internet? Onde há “gag-orders” que impedem os fornecedores de serviços destas vpn de informar os utilizadores das verdadeiras condições de monitorização a que estão sujeitos?

          • Nuno says:

            PS: Para acederes ao home banking usa a app do banco. Assim tens encriptação ponta a ponta sem que nenhum middle-man possa interceptar.

  4. João Matos says:

    Nuno, certo, é isso que utilizo, a app do banco. Deveria ter dividido o comentário em duas partes. Uma com a app do banco outra via endereço hptts. Relativamente a origem do fornecedor da VPN existem alguns mais confiáveis do que outros, é uma questão de verificar análises por parte de sites independentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.