PplWare Mobile

Portal da Saúde: Acesso só com Cartão de Cidadão ou Chave Móvel Digital


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. Adelino Lopes de Almeida says:

    Acabei de fazer a activação da Chave Móvel Digital para duas pessoas da mesma casa. Constatei que o sistema não aceitou o mesmo número de telemóvel para receber o PIN respeitante a duas pessoas distintas. Não me pareceu correcto, uma vez que uma das pessoas pode ter dificuldades ou até impossibilidade de manusear o telemóvel e, por tal motivo, não possuir um.

    • poiou says:

      E se em vez de ser para uma pessoa que não tem telemóvel, é uma pessoa mal intencionada que quer ter acesso á sua o informação?

    • José Moreira says:

      Se não tem possibilidade de manusear um telemóvel, e SE NÃO tem telemóvel, como é que vai receber e inserir o código de validação que lhe é enviado pelos serviços? A não ser que não saibas como é que funciona a CMD…

      • Adelino Lopes de Almeida says:

        Se for, por exemplo, um casal, um dos cônjuges, no seu telemóvel, pode gerir as situações de ambos. A obrigação de indicar um telemóvel diferente para cada um deles, parece-me que não vai acrescentar segurança e acrescenta dificuldades aos utilizadores.

        • José Moreira says:

          Julgo que há, por aqui, alguma confusão. Que até pode ser minha. As instituições consideram que um telemóvel, ao contrário do vulgar telefone, é um dispoositivo individual. Repara que, por exemplo, na verificação em dois passos do Google, não consegues pôr dois utilizadores com o mesmo número de telemóvel.
          De qualquer modo, e para quem tiver dificyuldades em lidar com esses dispositivos, existe sempre a solução alternativa: a utilização do cartão de cidadão (CC). Basta um vulgar leitor, e terá os problemas resolvidos.
          Agora: se me disserem que ainda há velhores que não aderiram ao CC, porque o Bilhete de Identidade é vitalício, e que isto é uma forma de os obrigar a aderir ao CC e, portanto, a constribuir para os cofres do Estado, bom – isso já são outros quinhentos.

          • João says:

            Na verificação de dois passos da Google consegue-se, sim, dar o mesmo número para vários utilizadores. Tenho 3 contas gmail todas associadas ao mesmo número de telemóvel.

  2. Caló says:

    Para a alfabetização que ainda temos e a percentagem de idosos (Que Eu para lá caminho) ainda existem, acho isto uma autentica palhaçada.
    Acho bem certas coisa como a receita por eMail ou por mensagem por exemplo, que pode ir para o Telemóvel de um filho, familiar ou vizinho que pode ajudar agora estas complicações, sim porque para certas pessoas de uma faixa etária isto vai ser um bicho.
    acho que vai haver muita gente que já se registou e nunca mais se vai servir.
    Vergonha.

  3. Tiago says:

    Help,.. não consigo logar, depois dos passos todos, a página da erro… no passo final diz :
    Após a sua autorização os seguintes dados serão enviados para a entidade Portal SNS – Área do Cidadão:

    Identificação Civil : *********
    Data de Nascimento : 17-02-1991
    Nome Completo : Tiago ***** ******* *********
    Identificação no Serviço Nacional Saúde : **********
    Identificação no Serviço Nacional Saúde (Cifrada) : Atributo presente (não visualizável)
    Nacionalidade : Atributo não disponível

  4. indignado says:

    Já estou a ver a minha avó com 92 anos que nem sabe escrever … estas ideais de jerico só mesmo no governo português !!!

  5. Fantasma says:

    Fantástico ser o Estado o excelente percursor para a info exclusão.
    Este fanatismo excessivo pela utilização da tecnologia (e sua quase obrigatoriedade até já visto na questão da declaração do IRS) é perigosa e ridícula!

  6. Eu says:

    O que eu queria mesmo era voto digital. E’ uma seca ir para as filas – sec. XVIII.

  7. Taigo says:

    Entramos numa nova fase com esta prática, a burocracia digital ! Nem a autoridade tributária (AT) tem este nível de exigência porquê isto agora ?! Se pretendem fazer experimentalismos não o deverão fazer em serviços de primeira linha com o cidadão. Esta medida é mais um passo atrás do que dois à frente. E digo-o por experiência própria. Faço a gestão das actividades de saúde de duas pessoas com mais de oitenta anos, pais e com incapacidades, portadores de BI vitalício. Maracação de consultas, pedido de medicação e outros actos médicos e administrativos sem que para isso tenha que me deslocar e perder longas horas nos serviços. Se deixar de poder fazer através do método convencional, login e password, certamente serão duas baixas na utilização do serviço digital. Estamos perante uma reforma claramente discriminatória !

    • goolo says:

      deve-te custar muito tratar dos CC para os dois e pedir a chave de certeza e voltas a estar sem problemas nenhuns, já estou na mesma situação que tu há uns bons anos e tive de mudar os BI vitalícios para CC e problema resolvido agora com esta alteração foi só pedir as respectivas chaves…

      não criem problemas onde eles não existem, e os idosos não são desculpa para que a evolução etagne, se não tivesses os teus pais a teu cargo já estavas aqui a dizer maravilhas, não era, por favor…

    • Vitor Modesto says:

      Encontro-me com a mesma dificuldade, fazia todo o acompanhamento e gestão dos serviços e necessidades de saúde dos meus pais, com 89 e 92 anos e agora estes inteligentes acabaram com essa possibilidade, a juntar o Regulamento Geral de Protecção de Dados e nem as receitas me querem enviar por mail ou telefone, enfim, sem palavras ou com um fod…-se todos! Para dispensar comentários desnecessários de quem nem tomates para se identificar, não não têm condições de mobilidade, nem de visão, nem para assinar nem forma de conseguir o CC.

  8. Paulo Coutinho says:

    No caso de filhos que ainda não têm telemóvel como fazer o registo se nao aceita o mesmo numero de telemovel?

  9. XpTo says:

    Faço novo registo com nr telefone e email e dá sempre: ” 504 Gateway Time-out
    The server didn’t respond in time. “

    • goolo says:

      servidor sobrecarregado, pois como sempre toda gente só tem conhecimento dos assuntos em cima da hora, logo tens de ir tentando até conseguires…

  10. Pedro Silva says:

    Resumindo: introduzem complicação desnecessária num processo que costumava ser simples, reduzem a ergonomia de utilização dos serviços do SNS, e por tabela ainda trazem entraves e despesas a quem não tenha leitor de cartões ou telemóvel, obrigando essas pessoas a comprar aparelhos externos propositadamente para aceder a um simples site na Internet, mesmo que já tenham computador e net lá em casa.

    Tudo para justificar os fundos do estado alocados para estes autênticos TACHOS que são os senhores da nova Agência para a Modernização Administrativa (AMA), que desde a sua fundação ainda não pararam de arranjar formas de consertar o que não está estragado e dificultar cada vez mais a vida do cidadão comum com idiotices que ninguém pediu, e ninguém precisa.

    Haverá quem lhe chame progresso – eu chamo-lhe retrocesso.

    Estou desejoso que o site das Finanças faça o mesmo… é da maneira que paramos já todos de declarar e pagar impostos, uma vez que teremos a justificação de não ter os aparelhos e mecanismos necessários para tal (computador, net, telemóvel, leitor de cartões… o que é que querem mais dos cidadãos, chips implantados na testa ?) – a menos, claro está, que seja a Srª Ministra ou o Sr. Director-Geral da AMA a financiar dos seus bolsos os cidadãos para comprar isso tudo.

  11. Luís Migues says:

    No nosso caso, somos um casal com 2 menores, temos todos os documentos, exceto os passaportes, pois não são obrigatórios ao procedermos doutro pais da União Europeia. Não podemos ter os nossos cartões de cidadão enquanto não tenhamos a nacionalidade portuguesa (6 anos a viver continuamente). Recebemos 2 mensagens de correio eletrónico em que nos avisaram que é obrigatório autenticar-se com a CMD. Ao pedirmos as nossas chaves móveis digitais mediante o portal das Finanças o sistema apresentou-nos o erro de que não se reuniram as condições necessárias para as criarmos. Tentamos a última via, a presencial; deslocamo-nos até uma loja do cidadão e o sistema informático não aceita os nossos documentos, apenas aceita os passaportes (já estragamos meio sábado e 15 euros no transporte). Agora estamos a tentar a via telefónica: ligamos às centrais, a outras lojas, aos espaços do cidadão, ao Instituto dos Registos e do Notariado -IRN-, ao Serviço de Estrangeiros e Fronteiras -SEF-, em distintos dias e horários, e ninguém solucionou nada. Para quem não sabe, os 4 passaportes custam 240 euros ilíquidos, 1 ou 2 manhãs de trabalho sem receber e 1 ou 2 manhãs sem ir às aulas, ademais dos incómodos, das papeladas e das despesas no transporte (total: no mínimo, 320 euros de perda e vários dias de burrice). Acha esta situação justa para quem vive honradamente em Portugal?

  12. Eugénia Guerreiro says:

    Pedi o código de segurança para autenticação no portal SNS. Há uma semana que todos os dias tento entrar no portal SNS e não consigo. Marco o código corretamente e aparecem mensagens diferentes: não foi possível, tente daqui a 3 minutos ou daqui a 32 horas, como hoje aconteceu, ou o código não está certo – e está, entre outras mensagens.
    Não sei como vão resolver isto, pois não devo ser a única a quem isto acontece.
    Os sites de venda de roupa e livros, funcionam muito melhor.

  13. Ricardo Moreira says:

    Desde que isto entrou em funcionamento, eu nunca mais tive acesso ao portal do SNS.
    O sistema CAPTCHA utilizado é de tal forma díficil que nem este humano que aqui vos escreve consegue ultrapassá-lo! Marcação de consultas no centro de saúde, agora só à maneira antiga: indo perder meio dia ao centro para marcá-las!

  14. filipa says:

    tenho o mesmo problema, tenho duas filhas, uma com 1 ano e outra com 3 anos.
    Claro que não tem telemovel.

    Na minha opinião complicaram o processo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.