PplWare Mobile

Hoje é o Dia… do Técnico de Informática


O gosto pela tecnologia despertou sentimentos únicos que levaram a escrever umas palavras e a premir o obturador.

Destaques PPLWARE

  1. Joana says:

    com tanta base e maquilhagem duvido que a rapariga seja uma tecnica de informatica ahah

  2. Tiago says:

    Desculpem, mas o que e’ um Técnico de Informática? Esse termo e’ tao errado…..

  3. David Cordeiro says:

    Para comemorar vou trabalhar o o dobro….

  4. carlos says:

    feliz dia caros colegas e amigos técnicos 🙂

  5. Redin says:

    No que a mim me diz respeito, muito e muito obrigado.

  6. Mark says:

    Não sou mas é o que todos pensam que eu faço…

    • Hugo Cura says:

      E à borla, verdade? 🙂

      • Artur Matias says:

        Aí é que está. Ninguém pede um parecer a um advogado à borla, ou a um médico, mas a um informático sim.

        • oscar sousa says:

          e fora de horas …. temos de ter sempre solução para o problema 🙂

        • José M. says:

          Acha que ninguém pede um parecer de borla a um advogado? Do conheço, e conheço bem esse mundo, não há é outra coisa! É o Estado o grande caloteiro, é o pior! Quantos vão a uma consulta de advogado e depois dizem que não sabiam, com todo desplante, que era para pagar ou que a consulta era paga! Não é um, nem são coisa, mesmo muitos e raros os que pagam! Quanto a técnicos de material informático, a não ser para amigos ou vizinhos, nunca vi borlas para ninguém! Assim como a médicos, todos se lembram que as consultas se pagam porque podem estar a sofrer no pelo! Mas a advogados garanto que não. E conheço mesmo muitos, nem todos são deputados meninos de família, ou com eles relacionados, há muitos que se não fosse o conjugue por muito que trabalhassem, passavam fome, a verdade é essa mas poucos admitem! É uma profissão que eu jamais adoptaria nem recomendo.

      • joao says:

        Adoro quando metem todos os serviços profissionais relacionados com IT nesta categoria….adoro quando ” é só dar um jeitinho”…e adoro ainda mais quando mandamos a fatura….

      • Mark says:

        Sim trabalho na área de IT logo sou técnico de Informática e é sempre ora dá ai um jeitinho ao PC 😀

        E à Borla como é obvio

  7. says:

    Bonita técnica de informática, sim senhor. Smile 🙂

  8. Pedro Fonseca says:

    Não sei se repararam mas a Sra. Menina Técnica de Informática da foto está numa situação de elevado grau de perigosidade,… o que a menina está a fazer pode levar à fractura da ponta da unha! Deve ser novata. 😉 Bom dia para todos!

  9. Gonçalo Pimenta says:

    Um excelente dia a todos “colegas” 😉
    Cumprimentos.

  10. Rui C says:

    Um trabalho que em termos de remuneração cada vez mais é mal pago. E em que qualquer um pensa que sabe e faz.

    • David Guerreiro says:

      Sim, o português comum não dá geralmente valor ao trabalho, e para eles o técnico carrega para ali numas teclas e fica tudo resolvido. Claro que depois, achando que tudo é tão simples, só querem pagar 10€ pelos serviços…
      Se for cobrado 10€ de mão-de-obra + 50€ por um parafuso, já não se importam porque é uma peça, agora pagar 50€ por mão-de-obra vem logo os insultos.

      • Hugo says:

        Bom dia,

        Ora aí esta porque além de técnico de inf. tb me tornei contabilista, vigarista, logista, taxista, em suma, um verdadeiro faz tudo 🙂
        Sei que foi ontem o dia, mas não tive tempo, porque estava a fingir que trabalhava ou melhor a “dar um jeito” nos pc’s.

  11. O meu dia e nem sabia 🙂 Bom dia a todos os colegas 🙂

  12. João Marques says:

    Sem dúvida que deviam dar mais valor e terem mais respeito pelos técnicos de informática, pois são eles que resolvem maior parte dos problemas informáticos!!!
    Os meus cumprimentos a todos os meus colegas técnicos de informática 😀
    Tenham todos um bom dia, e com poucas queixas 😉

    • José M. says:

      Como em todas profissões! Eu monto e reparo os meus pc’s e não vejo nada de especial nisso! Ainda este mês actualizei processador é placa-mãe, reparei o computador de um primo, e para mim, foi absolutamente normal! Isso fez de mmim o quê? Um super-herói? E aqueles que pegam numa enchada que nos garante a comida na mesa é menor o seu esforço? Neste país, tudo tem a mania que é especial! O que falta é brio e vontademem fazer melhor, aprender, estudar! Quantos em várias áreas mal terminam um curso se ficam por aí? Eu conheço bastantes! E,para além de terem umas bases do que estudaram ainda são donos de uma cultura geral medíocre, param no tempo e depois queixam-se.

  13. Gonçalo Santos says:

    Parabéns colegas!

    Cumprimentos!

  14. Artur Matias says:

    O técnico de informática é aquele que arranja tudo relacionado com computadores, mas também com eletricidade e mecânica.

    Não raras as vezes que numa empresa, quando falha a luz, se chama o técnico de informática para ver se pode ajudar. Ou quando a máquina do café não funciona.

    • Catarino says:

      Basicamente arranjamos tudo o que tenha corrente eléctrica e/ou mecânica 😀
      Abraço a todos os colegas.

    • Joaquim says:

      Exactamente. Se o fax não dá, chama-se o Joaquim, se o telefone falha chama-se o Joaquim, se uma lâmpada funde quem chamam, o Joaquim, se o site do Banco, das Finanças ou da Segurança Social não faz qualquer coisa ou dá erro lá vou eu. Isto no trabalho.

      Para a vizinhança, se a televisão não dá chama-se outra vez o Joaquim, se o carro faz um barulho mais uma vez, se a campainha não funciona lá vai ele, se o frigorífico avaria tem que o Joaquim ir dar o seu parecer e se ele diz que é melhor deitar ao lixo sem fazer ideia do que aconteceu, vai o frigorífico para o lixo.

      Já agora aproveito para dizer que que 90% das vezes eu não faço a mínima ideia de como resolver o problema. E também não tirei qualquer curso como técnico, apenas a licenciatura e mestrado em Informática, ou seja nenhum deles me dá qualificação para técnico de Informática quanto mais para o resto.

      • Mike says:

        Ando a fazer isso desde bem antes de ter a licenciatura. Ossos de “ofício”…

        • José says:

          Sabe ao que se chama isso polivalencia! Passa-se o mesmo comigo! E nunca achei isso um defeito, pelo contrário, o triste é, haver tantos ignorantes que nada sabem fazer! E digo isto com total conforto e sem arrogancias! Neste país não são poicos o que se licenciam, e após isso acomodam-se e nunca mais pegam num manual! Nem sequer são capazes de pensar! E olhe que pela parte que me cabe, chegamos à conclusão que os outros acham-nos indispensáveis, mas ao mesmo tempo mal vistos! Formei-me inicialmente em Direito, muito novo e inexperiente da vida, um erro, depois em engenharia electrotécnica para além de um curso superior de realização e engenhenharia multimedia, programação e gestão, sim tem sido uma vida a estudar! E depois? Assustam-se mal vêem o meu curriculum, com as tretas que todos já ouvimos falar! Depois, ao longo do tempo aonde trabalhei e já trabalhei em muitos lugares, tornei-me numa espécie de faz tudo, e quando se trata de reconhecimento é celebrada a existência do imbecil do colega do lado só porque vai para os copos com o chefe ou patrão! Esse é que é o funcionarios tipo português, o malandro que sabe contar umas piadas, beber uns copos e paródias e depois quando se trata de apresentar trabalho é desculpado porque estabeleceu cumplicidades com as chefias! Pode errar que tudo é perdoado! O que é polivalente não só tem que saber dar volta aos assuntos e problemas do dia-a-dia como inda é mal visto, porque é um elemento perigoso aos olhos dos menos dotados, mas mais manhosos, aliás na minha experiência a única coisa em tem alguma esperteza, é a ronha. Gente que por vezes de técnico tem um papel que receberam no fim desse curso! Nada mais.

  15. Quarto_Azul says:

    Afinal há um dia para mim. You like, you really like me ! 🙂

  16. PAULO SILVA says:

    cada vez mais somos precisos e cada vez mais parece que temos que resolver os problemas de borla. ou pior ligam a perguntar como se faz, mas se cobrar alguma coisa, somos doidos. trabalhamos de sol a sol mas vivemos de vento!
    felicidades a todos que como eu reparam, aturam os clientes, ganhamos cabelos brancos por uns miseros cobres, e que haja muita saúde para todos e que qq dia exista uma carteira profissional para diferenciar dos xicos espertos que nos tiram trabalho em casa de «borla».

    • JJ says:

      A questão é que aqueles que sabem de informática, gostam de mostrar que sabem!

      Mas o problema é sempre dizer “há isso é fácil, faz-se isto e aquilo e pronto já está”. Se é fácil não tem que pedir dinheiro ou muito…

      Por exemplo, um carpinteiro quando se pede para fazer/arranjar um movel, diz quase sempre “isso vai dar algum trabalho” ou então enquanto tira medidas, vai soprando/suspirando/fazendo caretas, que leva o cliente a pensar que o trabalho vai ser complicado.

      Os técnicos de informática ainda tem muito que aprender com outras carteiras profissionais…

  17. Seabra says:

    O PC dela ainda por cima está cheio de pó….
    🙂

  18. Nuno says:

    Todos fazem greve. Se um dia os informaticos se juntam e fazemos greve então paramos tudo. Não compram, não pagam nada, pois tudo é gerido por nós. Pensem nisso

    • JJ says:

      Os donos da empresa vão levar nesse dia um filho, sobrinho ou algo do género, com menos de 16 anos de idade, para o trabalho… e olha que azar os informáticos estão de greve, e:

      “Filho/Sobrinho… consegues arranjar isto no PC!?…”

      Lá se vão safando… lol

      • NT says:

        Pois e quando a greve acaba lá vem o caso super hiper mega importante porque o sobrinho apagou “acidentalmente” o relatório do ano e o Zé Esperto da informática tem que ter a fórmula mágica para tornar esse relatório numa fenix… Renascer das cinzas.

        • Catarino says:

          +1
          centenas de casos como esse já me passaram pelas mãos.
          o melhor é ficheiros do word, excel etc alterados e guardados sobre outros.
          e depois querer o ficheiro com os dados anteriores.

      • Gonçalves says:

        E quando esses génios se lembram de limpar ficheiros nos documentos porque o computador tá muito lento e apagam o ficheiro do outlook…

  19. Perdido_Na_Escocia says:

    Isso de o técnico informático ser muito mal compensado financeiramente é uma coisa muito Portuguesa.
    Eu já tinha essa ideia, mas não foi até que emigrei (não porque não tinha trabalho em PT, bem pelo contrário, mas por outros motivos privados) que a realidade me atingiu.
    conheço pessoalmente 2 locais onde o técnico de informática é algo altamente desejável: Irlanda e Escócia (nas cidades de Edinburgh e Aberdeen).
    Nestes locais é relativamente fácil um técnico de informática (systems engineer) com alguns anos de experiência, tirar 28000£ ou 30000€ anuais. Os custos de vida são maiores, já se sabe, mas a diferença não é assim tanta e ao fim do mês consegue poupar um bom pé de meia.
    Mas a balança parece estar a mudar.
    Nesta minha ultima visita a Portugal, estive em contacto com vários colegas meus que trabalham ou trabalhavam na área e todos me indicaram que a maior parte dos técnicos de informática com bastante experiência ou mudaram de profissão por causa dos baixos salários (um empregado de café no Modelo consegue ganhar mais!) ou então integraram uma empresa multinacional e emigraram.
    Ou seja, a oferta está a escassear enquanto que a procura não pára de aumentar.
    Penso que no espaço de alguns anos, o técnico de informático começará a ser devidamente compensado pelo seu trabalho, apesar de irem sempre haver patrões chicos espertos a quererem que o técnico de informática seja também web developer, programador, network admin, vendedor, contabilista e advogado!!
    Pessoalmente, eu gostaria de voltar a PT, mas penso que se me oferecessem um salário de 900€ mês, eu ria-me na cara deles. Eu não preciso deles. ELES precisam de mim. Simples.
    Por isso, força colegas. Não os deixem espezinhar e virem com a tanga de “a crise está má”. Essa desculpa tem décadas (qd comecei a trabalhar lembro-me perfeitamente que essa foi a desculpa para ganhar apenas 80 contos).
    Eles precisam de nós e têm que pagar de acordo. Não digo ganhar tanto como um médico. Apenas o suficiente para se ter uma vida honesta e digna.
    Se lhes sobrar dinheiro (aos patrões) depois de vos pagarem condignamente, podem então ir comprar o mercedes ou o bentley para a amante.

    Cumprimentos das terras frias onde a tecnologia não chega 🙂

    • JJ says:

      A questão é que tens cada vez mais malta a saber trabalhar em informática… e no meio dessa malta existe sempre alguém disposto a receber menos. Enfim…

    • JJ says:

      E em Portugal já é normal pedir-se para se fazer tudo…

      O pintor é electricista, canalizador, carpinteiro e afins…
      O mecânico é bata-chapa, electricista auto, pintor-auto e afins…

      O técnico de informática não foge a regra… tem de ser alem programador web ou não, gestor de redes, vendedor, backoffice, gestor de base de dados e afins… e ainda mudar as lâmpadas do escritório se for preciso…

    • Mark says:

      +1
      Também vim para o Reino Unido por isso conheço bem a Realidade. Vim ganhar 3x Mais e não tenho metade das chatices.

    • Gonçalves says:

      Falta ai Técnico de Som na lista de afazeres dos Técnicos de Informática.
      🙂

    • poiou says:

      Vi um dia destes ofertas de emprego para embaixadas portuguesas e num dos casos pediam alguém licenciado em informática para fazer publicações no site, gestor de sistemas, base de dados redes e etc.
      E já agora a embaixada de São Paulo dizia algo do género: “Aconselha-se a que tenha amigos em São Paulo porque o custo de vida é elevado”

  20. R o B says:

    Agarra na chave daquela dimensão como se fosse uma esferográfica, é como usar uma vassoura convenientenebte com dois dedos.

  21. Gonçalves says:

    Então, para comemorar devia ficar em casa! 🙂

  22. JJ says:

    Acho que todas as empresas de TI devia ter no mínimo uma “técnica” de informática como a da foto!

    Assim, envia-se esta técnica aqueles clientes que não querem mudar de equipamentos e tem a mania que as assistências são muito caras. Acredito que uma técnica destas ao dizer que o tem de comprar-se outro PC e que o serviço custa x, a maioria não vai dizer que não… principalmente se ela ameaçar que não volta a fazer assistências…

  23. PHRF says:

    Partilho da mesma opinião do resto dos meus colegas. É um trabalho inglório e muito pouco reconhecido por aqueles que sabem o que fazem. Um bem haja =)

    • JJ says:

      Faz sentido!!!

      Acrescentava mais dois ponto:
      – O GAJO DA INFORMÁTICA, não inventa programas sem mais nem menos, nem recria programas só porque sim. Lá porque se gostava que determinado programa fizesse isto ou aquilo, não quer dizer que o GAJO DA INFORMÁTICA tenha culpa ou tenha capacidade para por esse programa a fazer o que se queria, principalmente se o programa não foi feito pelo GAJO DA INFORMÁTICA.

      – O mais surpreendente é que o GAJO DA INFORMÁTICA também erra! Por isso quando algum sistema, programa ou ficheiro desenvolvido pelo GAJO DA INFORMÁTICA tem o erro, encare isso igual a quando o seu carro avaria, não vai refilar a toa com a marca do carro. O GAJO DA INFORMÁTICA esta disponível para corrigir/arranjar o erro, ele gosta que tudo corra bem com o seu trabalho e quando isso não acontece fica aborrecido. Tenha paciência com o GAJO DA INFORMÁTICA ele vai arranjar uma solução para a situação e não criou esse erro de propósito ou porque estava distraído, mas sim porque esta subjectivo a falhas.

  24. Paulo Pires says:

    Parabéns a todos nós!!!!
    Já lá vão 14 anos!

  25. David Guerreiro says:

    Já tive o prazer de conhecer uma técnica, era uma pessoa com alguns conhecimentos, e devo dizer que é mesmo um caso raro, pelo menos em Portugal. As mulheres interessam-se muito pouco pelas tecnologias.

  26. CL says:

    E aos meus colegas técnicos de informática o que mais vos irrita quando dão alguma assistência?
    A mim, seguramente, é quando me dizem – “já está? Era só isso ….”
    Apetece-me responder-lhes … “se era só isso, para a próxima fazes tu”
    😀

    • Hugo says:

      Geralmente Tb se ouve um “é que eu não percebo nada de informática, tenho horror”, e no fim acaba com essa conversa 😉

      E pensar, Tb tem horror ?!?!?! – É o que apetece dizer, né??

  27. ACMSeBr says:

    Obrigado por lembrar desta pobre alma. e Bom fim de semana para todos.

  28. sousa says:

    Se fosse escolhido o dia 19/10 estariamos alinhados com o Brasil, mas ok

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.