GNR Alerta: Atenção aos excessos de velocidade


Destaques PPLWARE

33 Respostas

  1. Eduardo says:

    O importante é faturar…
    Agora criar ações de prevenção rodoviária, rever sinalizações (limites de 30 e 40 completamente descabidos, stops invés de cedências e vice-versa), corrigir problemas de tráfego e acabar com estacionamentos em 2ª e 3ª fila, isso já dá muito trabalho e pouco lucro.

    • R says:

      Não se pode generalizar, mas esta é a regra. Basta ter uma placa de localidade no meio de nenhures para o limite ser de 50 Km/h sem justificação e mantém-se indefinidamente. Podemos olhar para outros países rigorosos onde a sinalização está de acordo com a via; exemplo: o limite de 50 Km/h é aumentado para 70Km/h numa extensão (muitas vezes pequena) e depois volta aos 50 Km/h.
      Tem de haver fiscalização, mas também prevenção. E uma correcta e coerente sinalização é a melhor forma de se começar. Quem conduz bastante percebe-o perfeitamente.
      E poderíamos ir ainda mais longe… uma carga fiscal menor (IA) poderia permitir às pessoas ter carros melhores (mais seguros).
      Uma última nota: é triste ver rotundas cheias de carros parados em operações stop, e as pessoas a perder imenso tempo (de trabalho), à espera de serem “atendidas”. É necessário bom senso de todas as partes.

  2. Ricardo Vieira says:

    Caça ao euros dos contribuintes !

    Prevenção é muito pouca. 🙁

    • José Lito Vidigal says:

      A prevenção é máxima eles previnem-se do sol ao estar escondidos à sombra

    • João Pereira says:

      É mesmo caça aos aceleras, devias andar mais nas auto estradas para ver se realmente é uma caça ao contribuinte.

    • Sérgio Pereira says:

      mais prevenção? não faltam é avisos e notícias.
      como se faz mais prevenção?
      a culpa é sempre dos outros!

      • charles says:

        +1
        Criticar é mais fácil!
        Parar 1 segundo para pensar dá mais trabalho e não tem tanta piada!

        • Homo Erectíssimo says:

          O Sérgio Pereira e o Charles disseram tudo.Mais prevenção ?? Por amor de Deus,poupem-me !! Tenham é juízo e andem mas é devagar.Basta olhar para as vias rápidas(nem falo nas auto-estradas !!),para se ver o degredo de condutores que por lá andam !! A 100 Km/hora ?? Era bom !! Quantos e quantas andam mas é nos 120 a 150 Km/hora !! Ainda aqui há dias vi num noticiário qualquer um tipo que foi multado em 500 euros porque ia na autoestrada a 200 e tal Km/hora !! Sabem qual foi a resposta dele à jornalista ?? Que se pudesse ia a 300,porque o carro que ia à frente dele não o deixava passar !! Que descaramento !! E vale a pena,deste modo,mais prevenção ?? Para quê ?? Para os estarolas andarem por aí conforme lhes dá na gana,sem juízo nenhum ?? Ora,ora !! E já nem falo nos “senhores motociclistas” que andam nas estradas mais rápido que o vento !! Ui,nem me lembrem desses.

      • APereira says:

        Prevencao é ter carros patrulha visiveis em zonas mais complicadas,
        é ter os radares visiveis e avisos da possibilidade de haver radares em zonas complicadas,

        Em Portugal, prevencao é dizerem nas noticias que multaram nao sei quantos, é o governo dizer que este ano pretende encaixar nao sei quantos milhoes em multas e a policia escondida com radares atrás dos arbustos como se fossem ladroes.

  3. Vitor Sousa says:

    Não entendo o enquadramento desta noticia neste blog.
    Parece mais uma promoção da GNR.

  4. Alvega says:

    O verão está há porta…é preciso “guito” para pagar o subsidio de ferias dos TRABALHADORES, desculpem se me enganei.

    “Sabia que este ano já foram apanhados 44 mil condutores em excesso de velocidade?”
    Pois eu contraponho:
    Sabia que um condutor em excesso de velocidade, nao é o mesmo que velocidade excessiva?
    No parlamento, casa onde é SUPOSTO, serem feitas as leis, nao nos escritórios de advogados (amigos do regime), a única coisa que é ACTUALIZADA, sao os vencimentos e as BENESSES, dos próprios e corregionários.
    Seria talvez altura de actualizarem os limites de velocidade, pelo menos em algumas vias. Claro que deixavam de ter o MANÁ, sempre a pingar. Mas poupavam em recursos humanos, e podiam coloca-los a afazer algo de util, para variar. Nao que elaborar COMUNICADOS de IMPRENSA, e dar-lhe seguimento, nao seja util….
    Mas eu estava a lembrar-me de vigiar os presos..por exemplo.

    • Ricardo says:

      Isso já são muitas a ideias bem concebidas para as cabecinhas pensadoras… a esta altura se algum leu o seu comentário e já tem um “nó cego” na cabeça….

  5. xico fininho says:

    …”para as vias onde o excesso de velocidade representa um risco acrescido de acidentes de viação.”

    Antes fosse apenas isso, o pior é que não. O Alentejo tem varias estradas e auto estradas onde não passa quase ninguém e com retas enormes, mesmo assim fazem 30 por uma linha para colocar os radares em sitios para caça à multa.

    Faço diariamente a estrada Guimarães – Felgueiras, os raids das estradas estão todos destruídos, tal é o perigo da estrada, no entando aí é raro ver radares

  6. SampaioPT says:

    Dinheiro e progressão na carreira (conforme o €€ que amealharem) é o esses “senhores” querem…

  7. José says:

    Quando alguém é apanhado em excesso de velocidade por radar móvel da GNR é logo multado e tem de pagar a multa de imediato (penso eu que é assim). Mas com radares fixos SIMCO a multa vai para casa, certo? Quanto tempo estão a demorar para notificar o infrator? Alguém já teve recente experiência?

  8. Sergio says:

    Bem me parecia que Aveiro é só street racers xD
    Temos aqui um troço da 109 para andar a 50, quando claramente não existe nada que justifique isso, dia sime dia não lá estão ele a facturar

  9. RS says:

    se anda-se a ver o que pessoas andam a fazer na estrada o que fazia melhor porque mais grave pessoas que ano sabem fazer rotundas e passam da direita para esquerda sem assim do nada, todos dias levo com caramelos numa estrada para dias vias no mesmo sentido cada a andarem no meu da estrada, par mais nao falara do camionistas que não respeitam nada nem ninguém. Isso sim e que deviam nadar ver nao velocidade que andar um pouco mais principalmente nas horas mostras não vai provocar nada.

    • Homo Erectíssimo says:

      É,tá-se mesmo a ver que enganas o pessoal 🙂 🙂 E depois ainda muitos vem para aqui dizer para ires para a escola,para saberes escrever e mais isto e aquilo,mas tu a mim não me enganas,meu caro.Eu tenho mais “escola” de malandragem do que tu.Esta de escrever desta maneira para enganar os tolos já não pega comigo.Mais fino do que tu sou eu que faço cair outros com novas maneiras.Ainda tens de aprender muito.Se me conhecesses até ficavas parvo. 🙂

  10. Pérolas says:

    Contabilisticamente classifica-se numa conta “79 – Proveitos e ganhos extraordinárias” ou por ser uma entidade pública é noutra conta?

  11. Homo Erectíssimo says:

    Caramba,isto lá para o distritos de Setúbal e de Aveiro é que é cá uma “inteligência suprema”.Será por estarem na periferia das duas grandes metrópoles do país(Lisboa e Porto) ?? Sabe-se perfeitamente que muitos gostam de pôr o pé no acelerador fora de portas,como se diz,por isso não era de admirar.Até aposto a 100% que muitos/as dos/as condutores/as que foram apanhados nestes 2 distritos eram dos distritos vizinhos,tenho a certeza absoluta.Aplaudo e muito é o meu distrito(Braga) e o distrito de Portalegre,que,em conjunto,não passaram a barreira das 1000 multas.Sim senhor,é assim mesmo !! Os dois tiveram na totalidade 962 condutores/as multados/as.Que lição bem dada aos outros distritos,fiquei espantado.Muito bem. 🙂

    • José Carlos da Silva says:

      Mas que lição? A avaliar pela densidade populacional e pelo tráfego registado diariamente, diria que é normal – não? Sendo então também justificável que seja nesses distritos que haja bastante mais controlo…

      Todos gostam de falar e de tecer opiniões ou criticar os outros. Dizer que os limites são desajustados ou dizer que os outros fazem e acontecem. Ou que os motociclistas isto. Ou que o cavalheiro do Porsche aquilo. Ou que a senhora do Renault na vida do meio não sei que mais. Quem nunca errou que atirei a primeira pedra.

      • Homo Erectíssimo says:

        “Densidade populacional” ?? O senhor deve estar é passado da mioleira !! Braga é o 3º distrito do país e o distrito mais jovem de toda a Europa !! O distrito tem aproximadamente 850.000 habitantes !! Poupe-me às suas “piadas” !! E diz você no fim–»”Quem nunca errou que atire a primeira pedra”. Ó meu amigo,nem preciso de ir tão longe para procurar exemplos bons.Eu próprio tenho automóvel há mais de 20 anos e nunca tive 1 multa !! Nem uma !! E conheço pessoas como eu que nunca tiveram uma 1 multa sequer,acredite. 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.