Apple: do iPod ao HomePod


Destaques PPLWARE

35 Respostas

  1. Belmiro says:

    O iPod vai ser descontinuado já que agora todos usam o telemóvel (um nicho usa aparelhos especializados); mas não se deve comparar este produto (HomePod) que é uma cópia da Amazon e Google e o iPod nos seus tempos que foi brutal e trouxe muita inovação (capacidade, software, interação, qualidade, etc).

    A imaginação já foi…

    • Brasão SS says:

      Li em algum site, se encontrar coloco o link, que o Home Pod esteve 5 anos a ser preparado. Por isso não se pode dizer que seja claramente uma cópia. Até porque quando aparece rumores sobre alguma coisa que a Apple eventualmente esteja a trabalhar a concorrência vai logo a correr fazer algo semelhante ou parecido, para dizer que foram os primeiros, e dessa forma dizerem que é a Apple que anda a reboque dos outros. Um exemplo claro foi o Apple Watch.
      Mas seja como for o iPod realmente fez uma revolução na música , quando foi lançado. Isso estou de acordo.

      • Joel Reis says:

        E a Amazon já tinha começado em 2010, a Apple começou depois, e esperou que os outros lançassem para ir atrás. Em vez de levar os outros atrás como com o ipod, vai atrás deles, aproveitando para corrigir falhas do que já existe.

        • Brasão SS says:

          @Joel
          Se leres o link que postei abaixo, verás que relativamente ao HomePod realmente foi isso que aconteceu. A Apple estudou bem o Amazon echo, mas não lançou primeiro o seu porque a qualidade de som da Amazon Echo era fraca. A Apple queria algo com melhor qualidade sonora. O projecto da Apple era um projecto secundário, foi morto várias vezes, até que decidiram levar para a frente. Foi interrompido várias vezes. Era um acessório. Senão teriam lançado mais cedo. Além disso, eles queriam integrar com a Siri, que pelo vistos, é menos competente que a Alexa, e a Google Ass.
          Mas este facto não altera em nada o que eu disse acima. É um facto, que quando há rumores de uma hipotética criação da Apple, há sempre alguém que vai correr, lançar primeiro, algo parecido, baseado em fugas de informação. Depois é a treta do costume. A Apple é que anda a reboque. Evidentemente que há coisas que é como dizes e bem, outras empresas lançam, e a Apple vai atrás.

        • Helder says:

          A Amazon começou em 2010?

          Lol?!

          A Siri saiu em 2011, a Amazon só a compilou muito mais tarde!

      • Artur Chaves says:

        Certo o Homepod começou a ser desenbolvodo em 2012, no entanto da mesma forma, a Google e a Amazon não comecaram a desenvolver os seus dispositivos ontem. O desenvolvimento da Google, por exemplo, é anterior a 2012.

      • Toni da Adega says:

        Mas se um marca faz num ano ou 6 meses (não sei quanto é o pessoal julga quanto tempo as outras marcas demoram a preparar um produtos), então essas marcas só tem muito mais mérito.
        Desenvolver um produto novo semelhante numa fracção de tempo é algo bastante difícil.

        • Brasão SS says:

          @Toni eu percebo a tu lógica. Mas bato sempre no mesmo. Que adianta desenvolver um produto numa fracção de tempo, se depois pode ser um produto fraco. Não estou a dizer que é. Pode ser! E falo genericamente. Só para dizerem que lançam primeiro? Não faz sentido. Depressa e bem, não há quem.
          Não estou a dizer que o HomePod é melhor. A nível sonoro dizem que é fantástico, já a integração com a assistente pessoal, fica aquém da Alexa, e da Google Ass. Agora a Apple tem que melhorar a IA, e vai conseguir, visto ser possível através da atualização salvo erro através de firmware. Até porque o HomePod está preso ao ecossistema Apple. Isso afasta muitos. Para quem tem a frota toda da Apple, faz sentido a compra de um HomePod.
          E fazendo uma observação ao teu comment abaixo,sem dúvida que demora tempo a desenvolver produtos. Lá está, dás-me razão. O que interessa é que lancem produtos bons, quem manda primeiro, não interessa. Que mandem é bons. Haja concorrência. É bom para os consumidores.
          Abraço.

          • Nuno Fernandes says:

            Exacto, mas é uma chatice do caraças para quem usa ecossistema Apple, comprar um Home Pod que está muito atrás da concorrência como coluna inteligente e ter de esperar semanas ou meses até que a coisa funciona como deveria e de acordo com o preço. Isso de resolver os problemas de software com o tempo é verdade mas é também uma treta. Se eu comprasse um Ferrari e ele viesse com 200cv em vez dos 500cv eu e qualquer pessoa ficava chateada. Não tem lógica terem demorado tanto tempo para lançarem um produto inacabado. Para o preço que custa, não pode acontecer…

          • Brasão SS says:

            @ Nuno
            “Isso de resolver os problemas de software com o tempo é verdade mas é também uma treta.”
            Meu caro, isso é transversal a todas as empresas tecnológicas, não é só à Apple.

          • Nuno Fernandes says:

            @Brasão SS
            “Meu caro, isso é transversal a todas as empresas tecnológicas, não é só à Apple” mas não devia, pelo menos no nível de imaturidade que foi apresentado e olhando para o preço e para a reputação da Apple. Se fosse outra empresa com menos hype e já levava porrada forte e feio. Achas que com o Jobs isto acontecia? Nunca

          • Brasão SS says:

            Pois não devia… Tens razão, mas infelizmente é assim, com muita coisa, com muitas empresas tecnológicas. Se for imaturidade a nível de IA, que estás a falar, (não sei ao certo que tipo de imaturidade estás a falar) poderiam apresentar uma coisa mais completa é certo. Com o tempo vai estar ao mesmo nível da IA da concorrência, e acredito que a IA ultrapasse a concorrência. Como já disse acima, este projecto era secundário, foi morto várias vezes, e “ressuscitado”. Foi tratado como um acessório. Como earphones e adaptadores, se é que me entendes. Tendo em conta este pormenor, e o desleixo, até nem apresentaram uma coisa assim tão má. Muitas reviews, dizem que o som é muito bom mesmo.
            Quanto ao preço, que queres que te diga… Compra quem quer, ou quem pode. Quanto ao levar porrada, isso já estou em total desacordo. A Apple é a empresa que mais porrada leva, mesmo com erros mesquinhos. A do carater indiano é um bom exemplo disso. Qualquer coisa, a Internet não perdoa.
            Então blogs anti Apple, é de bradar aos céus. Distorcem as coisas! Senhor!
            As empresas com menos hype, ninguém ligava. Esta como é muito mediática, e tem muito hype, cai tudo em cima. Mas a tradição tem que se manter.
            😀

    • R says:

      nao compares uma coisa com outra. sao muito diferentes!
      o da apple é mais coluna com um som fenomenal. como assistente pesoal nao é tao bom
      o da amazon nao tem qualidade de coluna, mas tem o assistente pessoal melhor.

    • Helder says:

      “que é uma cópia da Amazon e Google”

      Que autismo perante a Apple…

      E a Amazon Alexa e Google Assistant são uma cópia da Siri da Apple!

      E é difícil pensar agora, mas o iPod está longe de ser o primeiro leitor MP3 portátil, e até do primeiro com disco rígido (Diamond River por exemplo).

      • Nuno Fernandes says:

        Uma cópia? Lol, achas que a Siri foi o primeiro assistente por voz? Pesquisa lá melhor… Nem o conceito é original! Agora quando surgiu a Siri era melhor que a concorrência, mas a Google (e mais tarde a Amazon) souberam trabalhar direito e neste momento não ficam nada atrás da Siri, só diz que a Siri é bem melhor quem não conhecer ou quiser saber. E neste caso específico a Siri está muito limitada, nem sei como deixam lançar para o mercado um produto destes inacabado a nível de software. Mas como é a tua empresa fetiche, tu papas e dizes amém, se fosse outra já era uma treta… Pormenores!

  2. Martins says:

    Atenção, o sony walkman amarelinho foi uma bomba na forma como se ouvis e transportava a música preferida. Havia esse sony e os outros. Eu tinha um outro, pq nem pensar pedir dinheiro ao papá para um sony.

  3. Rui Barbosa says:

    Esse HomePod até pode ser muito bom e tal, com “qualidade de som fenomenal” haha. Mas continuarei a ouvir (música) nas minhas Wharfedale, obrigado!

    • Helder says:

      O HomePod é melhor que as tuas colunas da treta.

      • Nuno Fernandes says:

        Ó rapaz, tu não te trates… Tudo o que a Apple faz é melhor do que o resto, coitado de quem é assim, tapadinho! Nunca pensei que houvessem fanboys a este nível, a tentarem deitar abaixo tudo o que é (suposta) concorrência, sem conhecimento de causa. Nem sequer sabes quais as colunas que o Rui tem, como podes dizer que é melhor? Trata-te e arranja uma namorada que vais ver que é bem melhor do que ter orgasmos a sonhar com a maçã!

      • Rui Barbosa says:

        Tem toda a razão, para si podem ser “da treta”, mas, para o meu espectro auditivo não tenho dúvidas as minhas wharfedale diamond 11.5 são muito melhores que o seu HomePod (é que nem preciso ouvir para o afirmar) . Abraço (rapaz)

  4. Ricardo says:

    Cuidado onde pousam esse HomePod. Deixa marcas.

  5. Nuno Fernandes says:

    Acabei de ver 3 reviews em vídeo e mais duas em texto de sites com bastante reputação… Guess what, o Home Pod que era melhor que colunas de 1000usd afinal é ligeiramente melhor do que alguns concorrentes bem mais baratos que fazem mais e são menos limitados. Onde anda o Home Pod que um gajo qualquer usou que era melhor que umas KEF de 1000 paus? Parece que ninguém teve uma cópia igual a esse, deve ter sido uma edição especial! E já agora, se houver aqui algum audiófilo, digam-me como é possível uma coluna sem fios ser assim tão boa quanto colunas medium/high end onde se ligam cabos, que, segundo fóruns da especialidade, não tem comparação com qualquer tecnologia sem fios, seja AirPlay, Bluetooth 5.0, Wifi ou outra qualquer!
    Já nem vou falar que está super limitado a nível de features como coluna inteligente, porque aí, e venham os fanboys dizerem-me o contrário, o Home Pod falha largo. É uma falha que pode ser colmatada com o tempo via firmware, mas pagar 350usd (quanto custará cá, em €?) por uma coluna limitada e esperar que ao fim de alguns meses (anos?) ela fique realmente funcional é como comprar um Ferrari que vem com 1/3 da potência que ficará disponível com o passar do tempo…
    Já sei que vou ser atacado por fanboys mas eu estava à espera que alguém tivesse descoberto a pólvora no que toca a qualidade de som, e em vez de comprar uns monitores (como estou a pensar fazê-lo) ia já comprar o Home Pod, principalmente pela qualidade de som mas afinal não é assim tão melhor que as outras colunas inteligentes… É pena, toda a gente gostava de ter um Ferrari pelo preço de um VW, e era o meu caso, mas infelizmente não vou comprar uma coluna que bate monitores de gama média/alta por 1/3 do preço…
    Para quem achar que sou anti Apple, já tive um iPhone 6, tenho um Macbook Pro de 15″ com 6 anos e adoro, já tive um Mac Mini e teria esta coluna se não fosse tão limitada…

  6. B@rão Vermelho says:

    Claramente o Ipod é para mim o grande produto da Apple, tenho várias modelos do mesmo e ainda hoje utilizo e muito um Ipod nano 6, é um belo falhanço da Apple, mas muito pratico.
    É pena que o nano sendo tão pequeno e portátil tenha sempre de andar agarrado a fios.

  7. Não Interessa says:

    Pode ser um excelente produto, sé avariar é que é uma m***a
    https://www.youtube.com/watch?v=ArH41WyUt28

  8. João Tavares says:

    Mantenho-me nas minhas colunas Kef e no amplificador Yamaha….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.