Quantcast
PplWare Mobile

Tags: Dante

Análise Devil May Cry 5 (Playstation 5)

Uma das séries mais entusiasmantes e frenéticas de jogos de ação regressou no ano passado: Devil May Cry 5, às plataformas da geração antiga.

Agora, com o lançamento das novas super consolas, o jogo regressa numa edição preparada para o efeito, a Devil May Cry 5: Special Edition.

Nós já experimentámos Devil May Cry V: special Edition na Nova Geração.


Devil May Cry recebe derradeiro trailer

Devil May Cry 5, um dos jogos mais importantes deste primeiro trimestre do ano (ver aqui), encontra-se a pouco menos de 1 semana para o seu lançamento.

A Capcom sabendo disso mesmo, disponibilizou um trailer novo com o sugestivo “Final Trailer”.


Análise DmC: Devil May Cry (Playstation 3)

Ainda parece que foi no ano passado que joguei o primeiro Devil May Cry, para a Playstation 2. Com uma história algo diferente do que se fazia na altura e uma jogabilidade ambiciosa e intimamente ligada ao enredo do jogo, foi um titulo que pessoalmente me deu bastante gozo jogar e terminar (e tenho de confessar que o fiz a meias com a minha mulher).

Mais recentemente, em Janeiro deste ano, saiu para as lojas, DmC: Devil May Cry que, apesar de ter mais de 10 anos de experiência, mostra-nos um Dante que continua em boa forma.

Na companhia de Dante e de Virgil, o Pplware entrou na aventura por um mundo repleto de Anjos e Demónios.

DmC_1


Análise Marvel 3versus Capcom (Playstation 3)

O Universo fantástico da banda desenhada está connosco já há muitos anos e pode-se dizer que tem papel importante do desenvolvimento das sociedades. Ao acompanhar o desenvolvimento da sociedade muitos foram os aparecimentos e desaparecimentos de heróis e vilões mas há sempre aqueles, como por exemplo Homem-Aranha ou Hulk que se recusam a desaparecer e que inclusive recebem recargas de poder com o seu aparecimento noutros suportes (cinema, videojogos…).

Na sua grande generalidade as suas histórias centram-se nos inevitáveis confrontos do Bem contra o Mal, temática que o ser humano tanto precisa ou gosta.

Mais tarde que a banda desenhada apareceram os primeiros heróis digitais. Devo dizer que sinto-me um privilegiado, certamente á semelhança de muitos de vós, por pertencer à geração que viu aparecer as primeiras máquinas de jogos, numa altura em que os Spectruns ZX 48K, os 128K e os Amiga reinavam. Com elas apareceram alguns dos heróis para computador mais fixes da história, como por exemplo Ryu ou Chun Li.

O final do ano passado viu aparecer o terceiro capítulo do título Marvel versus Capcom que de certa forma tenta juntar ambos os heróis e vilões destes dois universos distintos.