Samsung compra plataforma para rivalizar com Apple Pay


Destaques PPLWARE

51 Respostas

  1. Flavio says:

    Será que só eu é que acho este tipo de tecnologias ridículas? Fala-se tanto em segurança e afins e depois quando se houve falar nestas coisas fica toda a gente “louca” com a inovação.

    Eu moro na Inglaterra, aqui agora a moda são os contactless pay, eu vejo montes de gente a pagar coisas em restaurantes e afins em que nem olham para o preço que aparece no leitor, passam o cartãozinho lá perto e já está.

    Chamem-me antiquado, mas eu gosto que as máquinas me peçam o pin, sinto-me mais seguro.

    • Ricardo Richman says:

      es antiquado mas os portugueses sao todos assim no geral..por isso somos o pais que somos

      • Flavio says:

        Não. Somos o país que somos por sermos facilmente corrompidos e quando nos encontramos numa posição de poder, esse poder sobe-nos á cabeça. Ah e por termos “memória curta”. O Português só se lembra do que lhe convém.

        Acho que qualquer pessoa que tenha trabalhado para empresas/patrōes Portugueses e para outros estrangeiros vai dizer o mesmo (pelo menos conheço gente assim).

        • Rui C says:

          Não podes por tudo no mesmo saco, porque tiveste ou tens experiências negativas.
          Trabalho para uma empresa Espanhola na área de equipamentos informáticos corporate, e não é por ganhar melhor que a média dos ordenados em Portugal, que sinto + poder ou qq tipo de cenas.
          Cada um é como é.
          Faço a minha vida normal, compro o que preciso, felizmente não tenho que contar os trocos ao fim do mês a ver se dá para as despesas fixas.
          Em relação aos portugueses terem memoria curta, não concordo. Passei por bastantes dificuldades no principio da minha vida profissional no ramo da electrónica de consumo entre outras áreas, como construção civil, ramo automóvel, exportação, e felizmente foram essas dificuldades que fizeram de mim um profissional, com conhecimentos e vontade continua de aprender tal como me iniciei à 16 anos atrás.
          Como dizem os Angolanos: ” Ter dinheiro, liberta muitas preocupações da vida”.
          E desta vez até lhes dou razão.

          • Flavio says:

            Não falo por tanto assim por más experiências minhas. Em Portugal trabalhei em duas empresas que não valorizavam os colaboradores e que os usavam, mas, pelo menos pagavam ao fim do mês.

            No Reino Unido trabalho para uma empresa que valoriza os trabalhadores e é muito melhor que as que encontrei por Portugal (apesar de aí ter sido azar, o que não devem é faltar boas empresas).

            Falava mais num panorama geral, por exemplo:

            https://www.facebook.com/video.php?v=10151559527281718

            http://www.sol.pt/noticia/121003

            Pessoas com estudos que devido há crise tiveram que sair do país foram na conversa de outros compatriotas e andam a ser brutalmente explorados, tenho casos desses na família (o meu pai e tios) que felizmente alguns deles já se conseguiram safar dos locais onde estavam.

            Em relação há memória curta falo da população em geral. Um exemplo recente: A prisão de Sócrates, mal aconteceu via-se uma grande parte da população contente com isso. População essa que o colocou no poder por duas vezes… devem-se ter esquecido

      • Não Não says:

        +1

        O português é antiquado (“não quero isso para nada!”) até ver que o vizinho tem um, ou ver o vizinho a usar, e aí, dê por onde der, tem de ir comprar um também… nem que para isso tenha de por mais água no leite em pó para o puto, ou os pneus carecas tiverem de aguentar mais uns quilómetros em tempo de chuva…

  2. Nuno França says:

    Orgulho em ter iphone e ver os outros todos atras a tentar copiar, apple pay, touch id, siri..

    • Rui Barbosa says:

      Para a felicidade plena só te falta ter um Ford T…

    • Marc Solèr says:

      apple pay? google wallet (desde 2011)?

      • Marc Solèr says:

        E já agora nem a Apple nem a Google foram “inovadores” ou “revolucionarios” nestes serviços de pagamento. Foram as próprias instituições financeiras VISA , Mastercard que inventaram esta tecnologia (paywave, paypass). Google Wallet / Apple Pay simplesmente copia a tag NFC destes cartões e agora ao parages, invez ires ao bolso tirar a carteira, tiras o telemóvel. WOOOOW INOVATION!

        • Jonathan Fitzgerald says:

          Com a diferença de que tens um sensor biométrico integrado no smartphone, que só por acaso faz toda a diferença…

          • Soares says:

            Nem mais! Apesar de permitir apenas transacções de baixo valor, o cartão por si só não é muito (nada) seguro, qualquer pessoa pode usa-lo sem identificação!

          • Nunes says:

            @ Soares
            O sistema da Apple permite transações de qualquer valor, igual ao cartão de crédito/débito que substitui!

        • Ricardo Richman says:

          a inovação é nao ter de andar com cartoes, basta o tlm (o meu gps, camera fotografica compacta, cartoes credito, bilhetes de aviao e cinema,telemovel,agenda,redes sociais,mp3,leitor de video) tudo num só e com a seguranca do meu dedo. Se achas que isso tudo em apenas 170gramas e 7mm de espessura é pouco..

          • Marc Solèr says:

            170gramas e 7mm?
            Cartão de crédito: 5gramas e 0.76mm 😛

          • Soares says:

            Marc… É SO LER (Solèr): “tlm (o meu gps, camera fotografica compacta, cartoes credito, bilhetes de aviao e cinema,telemovel,agenda,redes sociais,mp3,leitor de video)”, o cartão de crédito faz isto? LOL

          • Ricardo Richman says:

            Marc soler leste tudo o que escrevi? É que deves ser estupido se acreditas que o teu cartao de credito tira fotos, gps, net, etc

        • Nunes says:

          “Google Wallet / Apple Pay simplesmente copia a tag NFC destes cartões e agora ao parages, invez ires ao bolso tirar a carteira, tiras o telemóvel”
          Estás enganado! O sistema de pagamento difere do sistema usado nos cartões, acrescentando medidas extra de segurança e permitindo pagamentos de qualquer valor, ao contrário dos cartões em uso contactless!
          No caso do ApplePay o processo de pagamento é simples e rápido, assegurando a identificação do utilizador sem necessidade de andar a inserir um código. Isso é inovação.

          • Marc Solèr says:

            Eu não tenho limite de montante quando utilizo PayWave (VISA) e por opção minha defini um PIN. O único limite que tenho é o limite do crédito mensal. Mas talvéz aqui na Suíça seja diferente.

            Poderia ter a opção (tradicional) de ter um montante máximo por exemplo de 50 francos e não ter que inserir código de segurança.

            O que quero dizer é que acho que não faz diferença “inovadora” em pagar com cartão contactless ou pelo ApplePay/Google Wallet. A segurança reside no utilizador.

            Se perder o iPhone/Android, ninguem consegue utilizar os cartões la guardados a não ser por um bypass (como muito se ve tanto no iOS & Android).
            – Se perder o cartão de crédito, ou so consegue extrair o montante máximo que defino, ou adivinha o meu PIN (pouco provável).

          • Nunes says:

            “ninguem consegue utilizar os cartões la guardados a não ser por um bypass”
            bypass??
            Nunca ouvi de tal coisa no iPhone e o sistema do ApplePay assegura que a pessoa pode desactivar os pagamentos remotamente.

            “acho que não faz diferença “inovadora” em pagar com cartão contactless ou pelo ApplePay/Google Wallet. A segurança reside no utilizador”
            diferenças:
            “tokenização” – ninguém consegue usar os dados duma transação para fazer outros pagamentos. E no caso do Apple Pay assegura que ninguém segue as compras que fazes – só o Banco é que sabe que pagamentos são feitos, o comerciante não faz ideia de quem é o cartão!

            melhor informação sobre os pagamentos, já que rapidamente se pode ver o histórico. No caso do Apple Pay até é possível acompanhar os pagamentos com o cartão físico!

            – não necessitar de andar a inserir sempre um código, o que torna o pagamento mais simples.
            – usar o sistema para pagamentos em aplicações, sendo que já há aplicações de lojas físicas que aproveitam isto para melhorar o seu serviço.

          • Soares says:

            Tanta azia só pode ser de quem não tem dinheiro nem para comprar um belo de um iPhone!!!

          • Marc Solèr says:

            Se nunca ouviste falar nos famosos bypass no iOS então não deves ser um leitor regular da Pplware.

            Youtube: iOS bypass

          • Nunes says:

            @ Marc
            vais ter que ser bem mais específico do que isso para indicares onde é que viste um método que permite aceder aos cartões no iPhone e fazer pagamentos!

    • mig says:

      orgulho? lol
      orgulho em ter determinada marca?
      independentemente da marca em questão (tb tenho IOS) acho ridiculo esse termo!
      minha opinião!!

      • Ricardo Richman says:

        sim orgulho, sabes há coisas que se compram e que nos dão um enorme gozo ter, iphone 6 plus para mim da um gozo enorme…ha quem prefira um grande carro por ex (a mim não me diz nada porque prefiro andar de bike e tenho um fiesta para quando preciso mesmo)

        • Bicla Man says:

          Um grande carro bem estimado dura-te uma vida, enquanto que um iphone, para o ano que vêm, já está desactualizado!

          Mas lá está cada um sabe de si.

          Sinceramente, vejo com cada comparação, à pessoas a abdicar ou a comparar o conforto e segurança com um iphone, coisa que apenas permite comunicar.

          • Rui C says:

            Olha eu prefiro, as contas pagas ao fim do mês, e muita comida na mesa , e viagens pelo mundo 1 x por ano.
            Mas lá está são opções PESSOAIS de cada um.
            Em relação ao telemóvel, um 5S dá e chega para tudo o que preciso na vida pessoal e profissional.

          • Não Não says:

            Um grande carro, também quando sair o modelo novo também fica desatualizado… Lol!

          • Rui C says:

            As pessoas deviam avaliar tudo o que compram através do custo/beneficio, muito provavelmente mais de 50% não comprava o que realmente compra por impulso.
            Pegando o exemplo do carro:
            Um carro melhor, tem acréscimo extra de despesas, ora façam lá as contas.
            – Seguros mais caro
            – Manutenções mais caras
            – Desvalorização superior aos modelos ditos económicos
            – Mais consumos em média

            Portanto em tudo o que compram se fizerem a relação que fiz, rapidamente concluem que para terem uma vida financeira minimamente saudável, não precisam de tudo à grande, mas sim tudo “à média”.

            Depois é óbvio que vão conseguir ter de parte algum dinheiro para outras coisas que agora não tem.
            Por exemplo eu com este sistema, tenho sempre dinheiro para uma viagem por ano para fora da EUROPA.
            Mas o que é bom para mim, para quem lê pode ser um absurdo. Dai existir uma coisa chamada RESPEITO. 🙂
            Sejam felizes.

          • Bicla Man says:

            A carroçaria fica desactualizada.
            A mecânica permanece quase idêntica se não idêntica.

            As opções de escolha/extras permanecem iguais aos anos.

            Dou-te o meu exemplo, tenho um Audi de 97 com full extras, isto é: tecto de abrir, estofos em pele aquecidos, airbags, radio com leitor de DVD/MP3 e 150Cv e sim já está pago aos anos.
            O bloco do motor do meu carro é usado também no Audi TT e outros modelos de anos recentes.

          • Bicla Man says:

            Concordo contigo Rui C.

            Acontece que não se pode comparar o cu com as calças.

            Uma coisa trata-se apenas de comunicação, outra é conforto segurança e deslocação.

            Estas duas não se comparam.

          • Nunes says:

            Alguém parece ter perdido a noção da enorme diferença de peso no orçamento entre um carro e um smartphone.
            Só a diferença de preço entre um grande carro e um bom carro daria para pagar todas as despesas com os telemóveis durante décadas

          • Benchmark do iPhone 6 says:

            Nunes,
            Já há notícias sobre as baterias do carro da Apple.

            Foi processada por ir contratar engenheiros a uma empresa fabricante de baterias. Como não é concorrente da dita empresa (não vai vender as baterias) talvez se safe.

            E não me digas que são para “small devices”, tipo smartphones e “sonotones” 🙂

            http://www.theverge.com/2015/2/19/8068625/apple-electric-car-battery-plans-lawsuit

          • Nunes says:

            @ Benchmark
            e????
            há muito tempo, por exemplo, que se sabe que a Apple presta atenção aos desenvolvimentos que a Tesla faz em termos de baterias.
            Tanto pode ser para os seus produtos actuais, como para um outro projecto qualquer, quem sabe relacionado com a sua iniciativa de energia limpa nas suas operações.
            Se a Apple quiser desenvolver a sua tecnologia de baterias ir buscar técnicos especializados em baterias de lítio a uma empresa que parece estar em processo de falência não é nada de extraordinário! O homem até foi contratado meses antes da data em que supostamente a Apple começou o projecto Titan!

          • Benchmark do iPhone 6 says:

            A qual deles te estás a referir?

            Também me parece que estão mais vocacionados para “sonotones” 🙂

            http://9to5mac.com/2015/02/19/apple-electric-car-team/

          • Nunes says:

            pela lógica que apresentas então o carro já anda a ser preparado há anos [muitos já estavam na Apple] e deve ser movido a vento, já que contrataram alguém que sempre trabalhou no na indústria de geradores eólicos!

          • Benchmark do iPhone 6 says:

            Mais 60 vindos da Tesla, de acordo com a Reuters, para o novo “small device” 🙂

            http://www.reuters.com/article/2015/02/19/us-apple-autos-lawsuit-idUSKBN0LN04Y20150219

          • Nunes says:

            @ Benchmark
            150 foram no sentido contrário.
            Devemos esperar por um smartphone da Tesla dentro de 1 ano!
            É fácil escrever qualquer história quando se tem poucos factos!
            O incrível é alguém achar que numa empresa como a Apple, um projecto destes ficaria tão publicamente escancarado [com nomes internos à Apple] poucos meses depois de iniciar! Mais incrível ainda quando isto colocaria a Apple numa posição em que muitos construtores ficariam reticentes em avançar com o CarPlay, que ainda está numa fase inicial de adopção!

          • Benchmark do iPhone 6 says:

            Quais construtores? O de carros eléctricos?

            Por acaso a Tesla tem mostrado desagrado por a Apple lhe estar a ir buscar empregados, recentemente, propondo-lhes um substancial aumento de ordenado: “Tesla CEO Elon Musk told Bloomberg Businessweek this month that Apple was seeking to hire away his workers, offering $250,000 signing bonuses and 60 percent salary increases”.

            Achas mais provável a Apple comprar a Tesla? Em pouco tempo já está muito cara e quanto mais tempo passar mais cara fica – e isto sem haver dinheiro a ganhar nos automóveis eléctricos, dizes tu 🙂

          • Nunes says:

            “Quais construtores? O de carros eléctricos?”
            Os construtores que representam mais de 90% dos carros fabricados e que têm poder sobre que tecnologias suportar nos seus carros, sendo que a Apple deseja neste momento que suportem o CarPlay como incentivo extra para as pessoas optarem pelos seus produtos actuais [aqueles que dão lucros, se te lembras]

            “Por acaso a Tesla tem mostrado desagrado”
            e…? Ninguém gosta de perder funcionários que podem ser importantes. Mas se li bem o Musk tb disse que poucos saíram e que mais vieram da Apple do que no sentido inverso!

            “Achas mais provável a Apple comprar a Tesla? Em pouco tempo já está muito cara e quanto mais tempo passar mais cara fica – e isto sem haver dinheiro a ganhar nos automóveis eléctricos, dizes tu ”
            Por favor não deturpas o que eu disse! Eu falei que o ramo automóvel é de margens pequenas… não disse que não há lucros! Os lucros é que não são assim tantos para justificar uma opção destas pela Apple face ao que gera agora, e demorarão longos anos a chegar a alguma coisa significativa, mais anos ainda para ultrapassar os lucros das lojas de conteúdos da Apple!
            Quanto ao valor da Tesla não é só pelos carros… em muito tb se deve à tecnologia de baterias que parece querer comercializar a outros fabricantes e noutros sectores

          • Benchmark do iPhone 6 says:

            Sem dúvida a margem baixa é um grande argumento.
            Há até quem tenha sugerido à Apple que deixe os smartphones porque os outros construtores têm margens baixas.

            É quase tão bom como o outro que diz que a Apple só pode fabricar “small devices” 🙂

            A propósito, além de “sonotones” já há mais small devices em perspectiva?

          • Nunes says:

            @ Benchmark
            e tu a dar-lhe! Estou a referir-me mesmo a marcas de gama alta que apresentam carros de alta qualidade em quase todos os parâmetros! Vai ver as margens da Mercedes, BMW e afins. Margens operacionais na ordem dos 10% vs cerca de 30% da Apple. É com esses que a Apple acabaria por ter de competir. Não estamos a falar duma indústria em que há falta de marcas com qualidade de construção ou que dão má experiência ao utilizador, nem de coisas que cabem na maioria dos orçamentos a pronto pagamento!
            O que significa que na gama alta a Apple não teria muito como fugir às margens que essas marcas praticam!
            A situação simplesmente não tem qualquer comparação com ramo de electrónica de consumo, em que uma pessoa pode aceitar gastar mais 200-300 euros para comprar algo que avalia ter melhor qualidade que as restantes alternativas.
            Em automóveis cobrar mais 10-20 mil euros [para aumentar as margens] face a um carro de qualidade idêntica ou melhor, já é uma proposta bem menos aliciante para o consumidor.
            Simplesmente não há muito como melhorar as margens, a não ser reduzindo todos os custos com componentes… mas os componentes são produzidos por outros por isso só conseguem reduzir significativamente o custo usando piores/menos componentes

    • Mikes says:

      Orgulho?! Ter orgulho num telemóvel?! Tens quantos anos?! 12?! 15?!
      Tinha orgulho no iphone se fosse eu que o tivesse criado. Isso sim, percebia, uma pessoa ter orgulho do que faz…
      Agora ter orgulho numa coisa que paguei para ter é estupido,,, diria mesmo, muito estupido mesmo. Totalmente infantil.

  3. Nunes says:

    A Samsung vai se meter num bico de obra!
    A tecnologia até pode ser usada em terminais mais velhos, mas sofre da mesma velha segurança, isto é, não protege as pessoas dos vários problemas que têm surgido nos Estados Unidos com roubos de dados de cartões de crédito.
    A tecnologia parece ter ainda problemas com os cartões mais recentes com chip e PIN, e pela forma como funciona não parece trazer qualquer vantagem no processo de pagamento face ao uso de cartão de crédito.

    • Ricardo Richman says:

      o problema é que a samsung não transmite a seguranca da apple, o touch ID que na apple é um sucesso e na samsung um fracasso, a siri outro sucesso que na samsung ninguem usa (s voice)..Nao basta copiar a apple para se ter sucesso, ha que ser competente e a samsung nao é.

    • Rui C says:

      Samsung != Segurança/Qualidade

      Óbvio que tinham que ir comprar alguma empresa para apresentarem um serviço igual à Apple.
      Visto que o desenvolvimento de software deles é péssimo.

      Só prova que é a APPLE que define as tendências de mercado, e os outros vão atrás. Diz muito da filosofia de cada um.

  4. Benchmark do iPhone 6 says:

    “And just three months after launch, Apple Pay made up more than $2 out of $3 spent on purchases using contactless payment across the three major US card networks, ”

    Há uns pormenores organizativos nestas coisas. Quem as reduz só a questões “tech” por regra dá-se mal. Agora, que a Samsung tinha que se meter nos pagamentos, tinha.

    http://www.cnet.com/news/samsung-buys-looppay-all-but-confirming-new-apple-pay-rival/

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.