PplWare Mobile

Dica: saiba quantos disparos tem o obturador da sua câmara DSLR


Autor: Eduardo Mota


  1. josé says:

    … e eu que pensava que o elemento que tinha vida útil e sem possibilidade de manutenção era o sensor…
    o obturador é mecânico e dura uma vida. ao contrário do sensor que tem uma vida estimada de 150 a 250000 capturas.
    pelo vosso artigo a mirrorless são eternas

    • IDroid says:

      Estás a trollar,certo?

    • Justino, o Justo says:

      Isso está aí um pouco confuso. O sensor, como tudo, terá vida limitada também, mas tem duração muito maior que o obturador. No limite poderás ter uma máquina que levou vários obturadores por terem atingido o seu fim de vida e manter sempre o mesmo sensor. Por ser mecânico é que o obturador tem vida limitada. Se for eletrônico, aí a coisa é diferente.

      • josé says:

        é exactamente ao contrário. o obturador continua a ser a mesma peça das máquinas de rolo. dura uma vida inteira. ok! não a ponham debaixo de água, no meio do nevoeiro do mar, etc. com uma manutenção simples e espaçada é eterno. o sensor já é outra coisa. experimentem deixá-lo em bulb durante o dia e depois contem-nos o resultado.
        o sensor depois dos 150/250k começa a ficar com pixels cegos. não é instantâneo.

        • Mestre em direito says:

          Você está completamente errado e a vida da máquina é dada pelos disparos feitos pelo obturador e, caso tenha, o espelho. De resto não vale a pena argumentar.

        • rodrigo says:

          errado. Muito errado.

        • mlopes says:

          meu caro @josé o que diz é verdade numa slr, aquilo a que chama “máquina de rolo”, pleo simples facto de o número de fotografias tiradas com uma slr ser, por norma, muito menor do que o que hoje se tira hoje com uma dslr.
          mesmo as slr nas mãos de profissionais estavam várias vezes em manutenção e a substituir obturadores precisamente por que estes avariavam.
          hoje acontece o mesmo com as dslr.
          por algum motivo as marcas publicam o valor relativo ao shutter count ou shutter actuations.
          usando as expressões em inglês percebe-se muito melhor a que os fabricantes se referem efetivamente e, sem dúvida alguma, que se referem ao obturador.
          o que fala sobre os sensores tem muito que se lhe diga. não há números estatísticos que demonstrem ao fim de quanto tempo um sensor adquire pixeis defeituosos. para baralhar ainda mais as coisas um sensor pode ter básicamante três tipos de problemas com os seus pixeis: dead, stuck e hot; e não vai encontrar nenhum fabricante que se refira a estatísticas sobre isto em parte alguma

    • Mário says:

      A minha primeira câmera, fez 360k disparos! Uma nikon dslr, entrada de gama, D3200. Nunca teve qualquer problema. O problema dela, fui eu, que a deixei cair.

      • mlopes says:

        um exemplo em particular não serve para chegar a conclusão nenhuma.
        uma nikon d3200 tem um shutter count anunciado pela marca de 100 mil atuações. se no seu caso fez 360 mil sorte sua, e ainda bem, mas não pode daí tirar conclusão alguma a não ser que a deve ter tratado muito bem e teve sorte ou que a tratou mal e teve muitaaaa sorte

  2. Justino, o Justo says:

    Ok josé, bom fim de semana para ti.

  3. Deixem-se de inventar.... says:

    para esclarecer, acho que melhor do que quem FAZ as máquinas não haverá:
    “Nikon DSLR cameras incorporate a shutter mechanism capable of moving extremely fast to help capture split second detail. The mechanical precision required to achieve shutter speeds up to 1/8000s is awe inspiring. However, as with everything mechanical, it may need to be serviced or replaced someday.”

    https://www.nikonimgsupport.com/ni/NI_article?articleNo=000003332&configured=1&lang=en_US

    facto mais do que conhecido de quem tem uma (D)SLR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.