Quantcast
PplWare Mobile

Os novos Xiaomi 12 Series redefinem toda a categoria dos smartphones topo de gama

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. Emanuel says:

    A Xiaomi está cada vez com preços mais agressivos.
    Tive smartphones Xiaomi até agora, mas acho que vou ter que mudar para a Realme que tem preços mais competitivos.

    • eduedu says:

      Eu acho que estes preços são justificados, esta gama é exclusivamente para lucro, já as gamas redmi e poco são mais em conta para pessoas que não podem gastar tanto dinehrio, porque nessas gamas as margens de lucro são propositadamente baixas.

      • Emanuel says:

        Depende, aqui há uns tempos não era assim com os Xiaomi, eu acho que o diferencial deles era precisamente bons topos de gama a preços mais acessíveis.
        Neste momento, com topos de gama a este preço, não há grande diferencial

    • Sabe-se lá says:

      Aí vão dois. Tive mi4, mi5. Mudei para OP6 ( pra experientar) e quando quis voltar, o mi10 já estava nas alturas… Só preciso de resultados mais concretos do realme gt 2 pro na fotografia…

    • AqueleAmigo says:

      Emanuel tens razão mas repara:

      – O problema dos chips ainda continua, tem se falado menos mas ele ainda existe e existia na altura de produção deste smartphone em particular
      – Estamos a falar dum flagship, não é um flagship killer. Estes smartphones competem com os melhores do mercado, por uma fracção do preço. Para aquilo que tráz e o preço que está, e novamente, os problemas dos chips, é dificil teres mais barato e igualmente bom.

      PS: Atenção que a Realmente tbm carregou bem nos preços. O GT2 está estupidamente caro, quando o ano passado tava a cerca de 300-400€

      Os preços de tudo aumentaram e com isto da guerra, temo que ainda piore.

      • Emanuel says:

        Faz sentido o que estás a dizer, mas eu acho que é uma questão de posicionamento também.
        Há 2/3 anos, os Xiaomi e OnePlus eram também vistos como “Flagship killer”.
        Até que decidiram mudar um bocado o posicionamento.
        O problema é que anteriormente, tu se quisesses ter o que sempre foi considerado como melhor, como Samsung e IPhone, tinhas que dar facilmente o dobro do preço de um OnePlus e de um Xiaomi.
        Agora a diferença é bem menor, e acho que isso vai acabar por aumentar a tendência de compra dos IPhone e Samsung.
        Para não falar desta coisa que agora decidiram todos seguir de Versão normal < Versão Pro < Versão ultra.
        Será que podemos mesmo considerar a versão normal um flagship?

  2. José Antunes says:

    Uso um Xiaomi e já estou pensado em trocar de marca, a questão é a privacidade desses aplicativos de fabrica, alguém poderia falar sobre isso?

    • eduedu says:

      Nesse caso concordo que seja muito mau em privacidade, eu instalo sempre um sistema android que não seja de fábrica, em qualquer telemóvel android, pois todos falham nisso, com poucas exceções. Se quer um smartphone realmente privado a 100% tem de instalar um LineageOS ou algo assim. Esta é a minha opinião, mas posso estar enganado.

      • marketeer says:

        Estás a fazer tudo ao contrario.
        Roms open source trazem muitas vantagens, mas privacidade está longe de ser uma delas.
        Quanto mais fechado for o ecossistema, mais seguro é, quem quer segurança tem o bootloader bloqueado, usa rom de origem e o smartphone encriptado… ou então usa ios xD

        • eduedu says:

          Aqui estamos a falar de privacidade da big tech, não de ciber criminosos. Essa é a ideia que estava a ir. Mas discordo no facto que opem source é menos seguro, pelo contrário, acho o opem source mais seguro. O bootloader desbloqueado so é inseguro com acesso fisico a ele, o que eu não tenho.

      • ElectroescadaS says:

        Tenho aqui um smartphone mais antigo (BQ Aquaris E5HD) que da ultima vez que o pus a funcionar o sacana dava erros atrás de erros do tipo aplicações que davam erro por tudo e por nada. Tem o Android 5.0 que é o máximo que pode funcionar. Updates é mentira. É dificil colocar esse tal LieageOS num smartphone?

        • eduedu says:

          Depende do telemovel, e tens uma curva de aprendizagem, desde usar linhas de commando no computador e seguir guias na internet. Aconselho a começar no XDA Developers. Os xiaomi até que são fáceis, para mim, há outros que são bem dificeis.

  3. Brassousa says:

    Mias uns bugs da xiaomi os preços cada vez estao mais altos

  4. Mouro says:

    Corrigiram o sistema de processamento de imagem na parte da camera frontal ou as selfies dos xiaomis ainda deixam as pessoas com um tom de cor amarelado ?

  5. SANDOKAN 1513 says:

    O Xiaomi 12 Pro é uma máquina do caraças.Pena ser tão caro. 😐

  6. FA says:

    Vão fazer alguma Review dos telemóveis?
    Se fizerem tenham atenção ao seguintes detalhes já apontados por youtubers asiáticos:
    – Sobreaquecimento dos Snapdragon 8 Gen 1 em aplicações pesadas.
    – Segurar um ecrã curvo leva a uma avalanche de toques acidentais nas laterais, o que é frustrante durante videos ou jogos.
    O resto vocês já têm em conta e costumam fazer boas reviews.
    Bom trabalho!

  7. Pedro Mendonça says:

    alguma noticia acerca do suposto Xiaomi 12 mini?

  8. Jorge says:

    Fico com sérias dúvidas se compensa pagar 1099€ para este topo de gama, mais uns € e compras um iPhone 13 Pro Max! Tenho um Xiaomi 9TPro e estou sinceramente muito satisfeito com a marca, mas ainda assim, por 1099€ nem podes ligar o teu smartphone à TV por cabo USB-C! Ouchhh

    • Emanuel says:

      Também tenho o mi 9 t Pro, e também satisfeito, ainda funciona bastante bem, provavelmente o MI 9 foi o último Xiaomi Topo de gama que foi lançado com preço acessível.
      Pois, USB Type-C 2.0, Sem Ip Rating, selfie camera 1080p, sem LTPO 2.0…
      Estou para ver que ofertas é que eles têm de pré-venda, pode ser que compense

  9. traveller says:

    Podem ser muito bons mas estou em tempo de comprar made in china só o obrigatório.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.