Quantcast
PplWare Mobile

LG desistiu dos telefones e irá mesmo fechar a sua divisão de smartphones

                                    
                                

Fonte: The Korea Times

Autor: Pedro Simões


  1. Nitroglycérine says:

    Ah! Pois é!
    Os chinas arrumaram-nos.
    A LG não consegue produzir equipamentos a preços tão competitivos como os fabricantes chineses e ainda com desempenhos semelhantes ao dos telemóveis chineses.
    E também me parece que a capacidade da LG em compreender o mercado, e os consumidores, ficou muito aquém do necessário. Não souberam dar ao consumidor bons e bonitos equipamentos, com desempenho de alto nível e a preços justos .
    Resultado: ficam pelo caminho, o que é uma pena.

  2. Augusto Pires says:

    É uma pena! Com a LG podia-se comprar um telemóvel que não tinha de ter o famigerado selo “made in china”, que como se sabe é sinónimo de uma porcaria qualquer devido à qualidade rasca de tudo o que é produzido naquele país! Mesmo marcas consagradas perdem muita da sua reputação quando apresentam aquele triste “dístico”. Vá lá que há 4 anos atrás consegui comprar um LG V10… made in Korea, claro está. Com bateria removível (portanto, facilmente substítuida, quando necessário, por outra carregada); ecrã com 515 dpi – portanto, imagens super-realistas devido à alta resolução quase sem igual noutros telemóveis – e luminosidade adaptada automaticamente às condições de luz externas, etc fazem deste telemóvel tudo o que preciso, mesmo, hoje em dia. Com esta notícia fico com um dilema, mesmo não tendo necessidade, será que devo comprar um novo telemóvel desta marca para precaver o futuro quando a LG desaparecer de vez do mercado?

  3. Jorge says:

    A tua opinião é um pouco redutora para não dizer xenófoba, nem tudo o que vem da china é lixo. Existe muita coisa boa que vem de lá. Quanto à LG para mim, apenas me vendeu um telemóvel que tive por pouco mais de 6 meses e que durante esse tempo foi para reparação. Voltou com o mesmo problema e foi para o lixo. Portanto, para mim já foi tarde.

  4. J.B. says:

    é pena, em comparação com a sua concorrente direta Sul Coreana Samsung, só falharam mesmo no marketing e propaganda da marca.

  5. David Guerreiro says:

    Era expectável, nenhuma empresa pode suster perdas avultadas tanto tempo, especialmente com os accionistas a pressionar. O mesmo sucedeu com a Microsoft que durante muito tempo andou a sustentar uma divisão que arrastava os resultados da empresa para baixo. A LG junta-se assim à HTC. Eu penso que a Nokia por este andar vai ser a próxima (infelizmente).

  6. Antonio Conde says:

    Amigo comparar a LG com a Samsung?? Não é só o marketing que faz a diferença. Recordo que a Samsung tem uma das melhores câmeras da atualidade bem como processadores próprios de grande nível.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.