Quantcast
PplWare Mobile

Huawei continuará sem serviços Google: equipa de Biden “não vê razão” para suspender o veto

                                    
                                

Autor: Vítor M.


  1. Bruno M. says:

    Portanto, todos criticavam TRUMP, todos queriam o trump fora, e agora que o Bidé está lá, até agora não acertou uma para a caixa!

    • Nuno T. says:

      O que tu queres dizer é que não te fez o favor para poderes comprar um Huawei…

    • Carlos says:

      Por acaso até já cancelou uma serie de medidas absurdas do trump.
      Neste caso não cancelou, porque provavelmente há motivos para continuar assim e embora a face mais visível desta questão sejam os telemóveis, a Huawei, é uma das maiores fornecedoras de equipamentos para redes móveis e o grande problema deverá ser mesmo esse.

    • Maria says:

      Acertou… e muito.
      Assim até tu te podes sentir bem nos EUA.

    • Rodrigo L. says:

      Deixem-se de tretas!
      Sendo a Huawei uma empresa chinesa, esta é obrigada a fornecer informação ao governo chinês.
      Ou seja, este problema só é resolvido quando a Huawei alterar a sua sede para outro país, deixando assim de ser uma empresa afiliada da China.

      • UnExpert says:

        E porque é que é a única empresa chinesa completamente banida então? Será por espionagem ou pura guerra comercial? Repito se as preocupações dos EUA fossem mesmo a espionagem bastava por o nome de uma empresa (BKK) e bania logo 4 marcas de smartphones, 1 delas sendo a OnePlus, o que não se verifica por coincidência claro

  2. Miguel says:

    Está guerra já vem antes do Trump, só que os média só falavam no Trump.
    Os Serviços de informação já na altura de Barrracaabana já diziam que a Huawei era um perigo.

  3. Brassousa says:

    Estou a ver a honor vir para Portugal com os serviços google e vao vender mais telemóveis e a huawei ja tem os dias contados

    • Tiago says:

      O Ceo da Honor já falou em entrevista que o objetivo é tomar o mercado da Huawei mundialmente com smartphones com qualidade como a Huawei andou a lançar.

      • Brassousa says:

        Ya mas a honor e boa marca eu ja tive o honor 8 posso dizer que sao telemóveis bons mas agora com a separação da huawei a honor pode ser bem vista em tudo mundo

  4. SSD says:

    Já tinha dito que não me acreditava que ia ser assim tão facil. Depois do 5G estar a rodar na Europa (e boa parte com infraestruturas americanas claro), talvez a Huawei deixe de ser ameaça. Até lá têm muita a ganhar em manter a Huawei fora de jogo.

  5. Omg not again... says:

    So os inocentes acreditam que o partido democrata é “justo” e “diferente” do republicano…
    Os EUA são uma cooperativa de interesses gerida por muito menino poderoso que faz parte de organizações que vão dividindo o mundo consoante o seu interesse…
    Capacitem-se… Os EUA são o problema, porque parte da solução, não são.

  6. David Guerreiro says:

    Uai, então não era tudo culpa do Trump? Agora que ele saiu, qual é a desculpa? Vamos ver quantos mais artigos vão sair sobre este assunto…

    • Nuno T. says:

      tens toda a razão… Todas aquelas manifestações contra as sanções à Huawei não serviram para nada… Aquelas cargas policiais, as pessoas presas e no hospital, a revolta e angústia, tudo para nada…

  7. ToFerreira says:

    Atrás de mim virá, quem bom de mim fará.

  8. Pedro Liz says:

    Todos criticam o trump por defender o seu pais da espionagem chinesa e retirar as tropas da siria e medio oriente. Ninguem criticou o obama e o bush por criarem guerras com siria, afeganistao, iraque sem razao aparente. O obama ate ganhou um nobel da paz….incrivel como ainda falam mal do trump.

    • Toninha says:

      Se fazes o favor não venhas para aqui dizer verdades porque aqui só interessa o poltica mente correcto. O máximo que irás conseguir é uns nomes depreciativos à tua pessoa. Tem mais atenção ao que diz a TV e tenta pensar menos, tá?

    • SSD says:

      Sinceramente critiquei o Trump por muita coisa, esta não foi uma delas porque já tinha dito até que não me admirava que a posição do Biden fosse exactamente a mesma, até devido ao conflito comercial existente entre os 2 países. Agora os EUA fazerem-se de virgens ofendidas quando é mais do que sabido que eles próprios vigiam tudo e todos e se calhar há bem mais tempo que os chineses é que não faz sentido, para mim pelo menos. E o resto dos países subitamente também ficarem preocupados, quando nunca fizeram nada em relação aos americanos (e continuam sem fazer), quer por opção, quer por “incentivo”, como foi o caso do nosso país, dos americanos é um pouco incompreensível.

  9. Miguel says:

    Eu tenho o huawei p40 e não trocava por nada.. É uma máquina topo de gama e no fim acabas por te habiatuar ao fato de não teres serviços Google. A huawei na store deles, já tem tantas coisas e o Petal, que vem com o telemóvel, completa o que falta. Eles até o maps já têm deles. Não tão bom como o Google maps mas não vai demorar.. Enquanto os EUA andarem com isto só compro chinês.. Eles deviam era ter vergonha..

  10. Freud says:

    Desculpem a minha ignorância mas a Motorola também não é chinesa?

  11. Marco says:

    O problema da huawei é que constrói redes 5G e 4G e outras fabricantes não.

  12. iFernando says:

    Tanto tempo perdido a acusar Trump.
    Quando os mais bem informados sabem que é o conselho de segurança dos EUA, quem decide e alerta para estes perigos, FBI NSA CIA.

  13. greego says:

    Os genes continuam lá, liquidar os que se atravessam no seu caminho mesmo com mentiras…

  14. marcelo rebelo de sousa says:

    a esquerdalha agora quem vai acusar?

  15. Marquinho says:

    A questão principal aqui é: Qual a razão para existir o veto? Essa é que não se entende… ou melhor até se entende, a Huawei cresce, a Apple caiu e o governo de Trump bora lá parar os chineses se não vão-nos comer vivos é simples.
    Como user Huawei no meu caso tenho os GS, mas se não tivesse, não teria e não seria por isso que deixaria ou deixarei de comprar enquanto mantiverem a qualidade que têm isso é certinho.
    O que vai acontecer aos GS é o mesmo que tem acontecido ao whatsapp embora por motivos diferentes claro, as marcas chinesas cada vez estão maiores, melhores, e vistas de outra forma no mundo android e cada vês mais smartphones de marcas chinesas são vendidos, a Xiaomi já vende os seus smartphones na China sem GS e o que acontecer é que só os users Apple vão usar na maioria os GS, porque o mundo android por este andar vai acabar por ser banido fora Nokia e Samsung.
    Quando as pessoas ficarem banidas de usar os GS, seremnl obrigadas a usar apps alternativas e perceberem que existem alternativas tão boas como as da Google… foi o que aconteceu com o whatsapp pensavam que fazia o que queriam e a malta ok, vamos mudar e afinal o whatsapp não era insubstituível, tal como os GS.

  16. ridiculus says:

    eu como consumidor que penso pela minha cabeça nao vou comprar americanos so que eles querem nem vou comprar chines porque eles querem, vou comprar o que me apetecer

  17. Vasco bras says:

    E por isso que eu tenho Samsung e estou bem servido

  18. lllç says:

    Já agora quem baniu primeiro a Huawei não foram nem o Obama nem o Trump, mas sim o governo australiano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.