Quantcast
PplWare Mobile

Xiaomi: estes smartphones vão deixar de receber atualizações muito em breve

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. Tadeu says:

    Não são modelos recentes? Têm 2 anos!

    • Galo says:

      Estão mais perto dos 3 anos do que dos 2…

      Segundo o comunicado oficial não vão terminar as atualizações…vão deixar de ser lançadas as versões de testes (que chegavam a ter periocidade semanal) para serem lançadas apenas versões estáveis.

      • Tadeu says:

        segundo a gsmarena, 6 dos 9 ficaram à venda depois de Junho de 2019

      • Pedro Teixeira says:

        Depois de muitos Galaxy, comprei o MI 9T Pro e passado dois anos está super rápido e a bateria ainda dura o dia todo. Comprei o numa altura em que a Xiaomi se estava a afirmar e paguei 320€, passado dois meses estava perto dos 500€. Pensei, aqui está uma marca como deve ser mas depois das últimas decisões sei que vai ser a próxima Samsung com overpricing e desdém pelos seus utilizadores. É triste.

    • eu2 says:

      É o período de garantia, agora já pode começar a cair aos bocados.

    • Nuno says:

      o meu mi 9t tem praticamente 3 anos para mim 3 anos de atualizações é mais do que suficiente porque caso nao saibas o telemovel contnua a funcionar sim eu sei é uma novidade mas é mesmo vdd não precisas do android 21 para o telemovel funcionar, os nokias 3310 nunca tiveram autualizações nunca vi o pessoal a queixar se.
      Queixam-se muito das atualizções mas se for preciso não usam uma unica novidade dessas atualizções

      • Tadeu says:

        não comentei as actualizações, comentei a noção de que um aparelho com 2 anos não é recente!

        • Galo says:

          Todos os aparelhos têm mais de 2 anos, com alguns perto de 3 anos. É verdade que não se podem designar por “obsoletos” ou “antigos”, mas também “recentes”….é algo muito relativo.

          • Tadeu says:

            um deles ainda nem fez 2 anos de estar à venda!

          • Galo says:

            Fizeste-me ir procurar essa informação por todos. Aqui ficam as datas da disponibilização dos equipamentos.

             Mi 9 Pro – 2019/3
             Mi 9 – 2019/01
             Mi 9SE – 2019/01
             Redmi K20 Pro (Mi 9T Pro) – 2019/3
             Redmi K20 – 2019/2
             Mi CC9 Meitu – 2019/3
             Redmi Note 8 Pro – 2019/3
             Mi CC9 – 2019/3
             Redmi Note 8 – 2019/3

            TODOS têm mais de 2 anos. No final de novembro 2021 (data apontada no artigo) todos estarão a 2-4 meses de completar 3 anos!
            PONTO FINAL

          • Tadeu says:

            ??????????? enfim… nem vou comentar a falta de honestidade
            https://www.gsmarena.com/xiaomi_redmi_note_8_pro-9812.php

          • Galo says:

            Todas as datas indicadas por mim foram retiradas do “tudocelular.com”.
            Podem existir discrepâncias relativamente a outras fontes. Mas é que até segundo a tua fonte esse foi lançado entre agosto e setembro. Estamos em outubro…já completou 2 anos.

          • Tadeu says:

            quero lá eu saber donde retiraste…
            com um pouco de honestidade levaria no mínimo a tentares confirmar a correcção do que dizes!!!! E uma pesquisa na Google revelaria as notícias de lançamento com a data correcta.
            quanto às contas que fazes, a honestidade intelectual para fugir aos 2 anos, é hilariante! mas pronto parece que apanhámos alguém que acha que tem 2 anos depois de 367 dias.

            https://www.gsmarena.com/xiaomi_redmi_note_8-9814.php
            só ficou à venda a 16 de Outubro

          • Galo says:

            A honestidade é que anda a fugir em ti…é tipico aqui apontares o dedo e fugires à responsabilidade quando erras.

            Eu coloquei no google, e a primeira fonte que me surgiu foi essa. Depois mantive a fonte para todos os equipamentos listados. A fonte nao é desconhecida. Tu tiveste honestidade para ver a data la indicada antes de vires com acusações?

            O cerne da questão é que mais mês menos mês todos os equipamentos irão ter mais de 2 anos (alguns quase 3) quando deixarem de pertencer ao lote de equipamentos elegíveis para as versões beta.

            Volto-te a perguntar: qual marca assegura tanto tempo de atualizações por esta gama de preços?

          • Tadeu says:

            “erras”… facepalm…

          • Galo says:

            É mesmo impossível ter um dialogo contigo 😀 Centras-te num ponto do teu interesse, e esqueces tudo o resto.
            Há que ouvires também…

            Se bem te lembras tudo começou porque tu disseste que os equipamentos tinham 2 anos!
            Ora de acordo com a fonte que indiquei NENHUM tem 2 anos! Todos têm mais de 2 anos. Se tivermos em conta a minha fonte erraste REDONDAMENTE (e eu estava certo a dizer que estavam mais perto dos 3 anos do que dois 2).

            Se considerarmos a tua fonte, os dados que apresentaste, há 1 ou 2 equipamentos em 9 que estará com 2 anos agora! E isto assumindo a data colocação à venda, não da apresentação.
            Assumindo a tua fonte eu errei por ter generalizado, pois só uma parte estará perto dos 3 anos! E já o assumi atrás. Mas tu também erraste na tua generalização!

            Percebes o que é ver os arguemntos dos 2 lados?

          • Tadeu says:

            blablabla… desonestidade^3

          • Marco says:

            o que interessa não é a data de lançamento, é a data em passou a não ser vendido. Se não, é uma intrujice,, serão mesmo menos de dois anos.

          • Galo says:

            Concordo. A data de colocação à venda é que interessa. Dos 9 equipamentos, 1 deles completa 2 anos em 12 dias. Todos os outros já têm mais de 2 anos.

            Mas como disse, mais mês menos mês, dizer que equipamentos com 2 – 3 anos são ou não recentes é muito relativo. Depende do ponto de vista de cada um.

  2. alberto francisco says:

    rip, la se vai o meu xiaomi redmi note 8 pro

  3. rjSampaio says:

    a caminho dos 3 alguns, mas sim, mas sim tambem considero recente.

    3anos é o numero redondo que a malta costuma trocar de telefone, deve ser por isso, eu vou mandar o meu 9T pro até partir ou mais ~2 anos. E como uso xiaomi.eu, não deve ter qualquer problema.

  4. Nuno José Almeida says:

    Eu quero lá saber de novidades que normalmente o que fazem é deixar o telemóvel com bugs, actualizações de segurança é que têm de ser obrigatórias. O meu Poco F1 já não tinha uma faz uns meses. Fui obrigado a trocar para Samsung no trabalho por essa razão. Sim é um pouco mais caro pelas mesmas características, mas não estou arrependido.

    • Eduardo says:

      Por essa razão que também terei, entretanto, de largar o meu POCO-F1. Ainda está bastante bem em termos de funcionalidade e fluidez, mas sem atualizações de segurança coloco a Xiaomi fora de opção numa próxima compra, sabendo antemão que irei desembolsar mais. Bastava atualizarem o nível do patch de segurança Android e ficaria satisfeito. Ainda está na versão de 12/2020, quase um ano sem atualizar.

      • Nuno José Almeida says:

        Exactamente. Supostamente a Samsung nisso é a melhor. Vamos ver se é verdade.

        • Luis Henrique Silva says:

          Tenho a71 tem andado a actualizar, agora em outubro ou novembro vem mais outra.
          Deixei xiaomi e estou satisfeito com o meu samsung, pelo mebos acabou-se os problema que tinha com o redmi note 8T

  5. Manuel says:

    Já me precavi e instalei o LineageOS. Não tenciono trocar de telemóvel tão cedo.

  6. Carlos Santos says:

    Hora de meter LineageOS! (e fazer o donativo à grande equipa do Lineage!)

  7. Jota says:

    Não acredito nisto! Estes telemóveis são relativamente recentes! Seria uma machadada na reputação da Xiaomi!

    • Galo says:

      Calma Jota.
      Como está manchada se a marca assumiu, como está referido no artigo, compromisso de 4 anos de atualizações para os modelos mais recentes?

      Os modelos referidos, anteriores a estes compromisso, deixarão de ter oficialmente atualizações de testes regulares após mais de 2 anos de terem sido lançados (alguns 3 anos). Qual a marca que oferece melhor para modelos desta gama de preços?

      Por experiencia própria, até diria que é provável os equipamentos em questão virem a receber uma ou outra atualização oficialmente, após a data indicada.

  8. Xfera says:

    Tenho um Xiaomi Mi5 com Lineage OS, Android 11 e atualizações regulares de SO e segurança. Super fluído e Google câmara top. Vantagens de marcas que permitem desbloquer o bootloader.

  9. Joao says:

    Conseguiram confundir toda a gente, quando o comunicado é bem claro: os modelos mencionados vão deixar de receber updates para versões beta para testing, mas assim que exista uma versão estável da mesma os modelos mencionados irão receber a atualização sem qualquer entrave.
    No entanto ao ler a notícia fico com a ideia de que os modelos mencionados vão deixar de receber qualquer atualização a partir de novembro!!!

  10. Napoleão Bonaparte says:

    Mais um exemplo de como conseguir arruinar um projeto ganhador. Presumo que o fiasco da séria Mi A foi apenas para praticarem antes de passarem à grand e escala.
    É difícil ganhar os clientes mas quando se sente defraudados, rapidamente voltam as costas…

  11. enese says:

    Uma coisa sobre o android, agora com o android 11 e ainda mais com o proximo android 12 as atualizações dos fabricantes já pouco interessam a nível de Segurança, pois a google já pode fazer patch na maioria do android com as atualizações do google play services.

  12. Nuno says:

    Pessoal tenho o meu Poco F1 a correr pixel experience oficial com Android 11 e tem actualizações todos os meses. Ainda é melhor do que a miui

  13. Jacinto Leito Norego says:

    Acho que quem fez este artigo devia ter lido a notícia por completo, porque todas as fontes que vi, verifiquei que a lista de smartphones indicados apenas irão de deixar de receber updates de roms beta. Sendo assim, estes smartphones irão continuar a receber updates (estáveis).

  14. Paulo says:

    Lá toca a gastar dinheiro em mais um.
    Este sistema e pra nós fazer gastar mais.

  15. Pedro Fernandes says:

    É pena. Tenho o mi 9t, e ainda está super rápido. E não há muitos telefones no mercado com ecrã total, como este. Coisa que eu gosto muito

  16. Fernando says:

    Xiaomi incentivando a sempre trocar seu smartphone, mesmo quando ele ainda é bom

  17. Franco says:

    Por isso é que fugi do Android.iOS, pelo menos, 5 anos de atualizações no iPhone estão garantidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.