Quantcast
PplWare Mobile

EUA não renovaram a licença da Huawei! Muda algo nos smartphones mais antigos?

                                    
                                

Fonte: The Washington Post

Autor: Pedro Simões


  1. Flavio sousa says:

    Então os modelos antigos da huawei vao ficar sem updates do software esta lindo esta

  2. HUGO ANDRE says:

    pois desde sexta que os Huawei Mate 20 Pro ja foram ja nao tem servicos nem gmaps nem contactos nrm nada de play stor e, portanto niente de google services… ora quem tem hora trocar de marca…

  3. Euéquesei says:

    Telefone sem google é um sonho tornado realidade.
    Mal posso esperar por apanhar o P40 Pro…

  4. SANDOKAN 1513 says:

    Agora é que vão ser elas,se me compreendem.Bye bye,Google apps e Google Play Store. ☜ 😐

  5. Joaquim Catana says:

    In this Huawei ,it seems that the Google don’t like Huawei,and vice-versa,because some Apps don’t work well!!!

  6. Samuel MG says:

    EUA estão a levar a Huawei a ser auto-sustentável. Eu estou admirado com a paciência da China. Se fosse outro qualquer já estava a cobrar o dinheiro que o EUA devem.

    • Luis Martins says:

      Paciência da China? Um país que impede os estrangeiros de comprarem casas ou terrenos na China, um oais com uma ditadura que prende e assassina os opositores internos, um pais com uma censura que baniu os serviços da Google, do Facebook do Twitter, do WhatsApp, do Wikipedia etc etc Há que dar a mesma resposta à China e o ocidente deixar de ser governados por traidores que estão a destruir as económicas ocidentais pars encher os bolsos às multinacionais que deslocalizaram as fábricas para a China onde têm disponíveis mão escravos a trabalhar 12 horas por dia quase de borla.

      • Telmo says:

        Primeiro, como é que sabes que não podem viver na China?
        Existe muitos casais chineses com estrangeiros

        • Louro says:

          Ele tem razao ema algumas coisas outras nao.

          – Podes ir viver para a China, mas nunca serás chines.
          – Se lá viveres tens de reportar constantemente para a policia da tua zona, para saberem onde estás e com quem estás.
          – Se saires do país, serás sempre questionado,
          Se casares com uma chinesa, serás tu e ela sempre mal vistos, especialmente pela familia dela,
          – Se quiseres lá viver, tens de ter um visto de trabalho, mas se lá viveres e pedires um visto de reuniao de familia, nao poderás ter nenhuma actividade remunerada.
          – Podes comprar casa, no entanto é muito mais complicado do que qualquer local, mesmo que tenhas o dinheiro na mao para pagar
          – Se tiveres o azar de te envolver em qualquer problema com chineses (nem que seja um chines bebado que te bateu), a palavra do chines irá sempre contar mais que a tua e possivelmente irás ter de pagar uma boa quantia ao chines.
          – Se tiveres algum caso do genero do descrito acima, nao podes sair do país.
          – Se tiveres o azar de dizer alguma coisa menos boa do governo, serás levado pela policia e possivelmente preso, o numero de condenacoes de estrangeiros é muito alto quando comparado com um chines.
          – Se tiveres filhos lá, eles serao chineses automaticamente, terás um grave problema para resolver caso queiras que eles tenham a tua nacionalidade, e isso implica que eles terao de renunciar á nacionalidade chinesa.

          Nao é o mar de rosas que muitos pensam a china ser, é engracado uma cultura tao diferente da ocidental e lá és considerado exótico.

          • Euéquesei says:

            Louro, não sei até que ponto esses factos são todos reais.
            Já perdi a conta às vezes que lá fui e posso dizer lhe que fui recebido pela família dela como se fosse da família tb.
            Só tive problemas com a sogra.
            Não gosto dela e ela sabe disso até porque provavelmente tb não gosta de mim.
            Mas ninguém gosta da sogra, seja na China seja onde for.

            As pessoas são super simpáticas, nunca fui lá vítima de qualquer tipo de racismo ou coisa do género.

            Em relação a viver lá etc e tal, sinceramente não sei como é.
            Mas que ninguém pense que anda um polícia atrás de cada estrangeiro a ver o que faz.
            Isso é nos filmes, polícia por acaso vê se pouca, o que não faltam e são aos milhões são as câmaras de filmar nas ruas.

            É um país bonito, muita coisa histórica para ver, mas aquele idioma tramado que eles têm dificulta tudo.
            Mas desde que haja vontade, faz se.

          • Louro says:

            @Euéquesei
            Se és efectivamente casado com uma chinesa entao deverias de saber de tudo o que eu referi, se nao tudo pelo menos de uma grande parte das coisas.
            Eu vivi perto de 8 anos em Guangzhou e nao me considero fluente em mandarim mas sei o suficiente para conseguir ter uma conversa e perceber aquilo que estao a falar a minha volta.

            Como tu dizes, nunca lá viveste, é normal que nao tenhas a nocao, mas sim és muito controlado pela policia local, tens de reportar para eles saberem onde estás e de vez em quando aparecem em tua casa.

            Claro que se fores muito low profile, eles entretanto acabam por te deixar em paz e as visitas e requerimentos deixam de ser tao frequentes.
            No caso de acharem que os incomodas, podes preparar para ter a tua vida feita num inferno.

            Quanto a beleza do país, depende das localizacoes, se fores para uma cidade tier1, tens muita coisa muito porreira a volta, se fores para cidade tier2 ou assim, já vais encontrar muita coisa mal tratada e quase abandonada.

            Se visitares as zonas mais rurais, é muito provavel que vás encontrar casas inacabadas, muitas delas parece que só tinham interesse em construir para cima, isto porque há uns anos atrás o governo pagava por assoelhada.

            Quanto ás familias, como é óbvio é normal, há boas e más pessoas em todo lado, mas que a maioria ve com maus olhos o casamento com ocidentais é verdade, especialmente quando o ocidental é o homem.

            Pelo que dizes nao percebes mandarim, é normal que muita coisa te passe completamente ao lado.

          • Weber says:

            Para escreveres isso tudo não deves gostar dos chineses mesmo. Vai para os States morrer à porta do hospital por não teres seguro.

          • Louro says:

            @Weber
            Nao gosto nem deixo de gostar, sao pessoas como qualquer outra, nacionalidade nao faz das pessoas melhores ou piores, mas o que estavamos a falar sao das regras na China.

            Boa sorte na China, onde morres cá fora ou lá dentro porque os tratamentos…

        • Euéquesei says:

          A minha esposa é Chinesa e eu vou lá à China as vezes que quero.
          Só preciso do visto, que no meu caso é familiar, e pronto.
          Se posso comprar terras ou não, isso não sei, mas tb não estou interessado em ser agricultor.
          O que posso garantir é que um Chinês que compre uma casa na China é proprietário dela por 75 anos.
          Após esse tempo deixa de ser dono, ele ou herdeiros.
          Funciona como se fosse uma renda.
          E as mais valias não são tributadas.
          Aquilo tem lá umas regras um bocado esquisitas,….
          Em relação ao resto, em vez de falar do que se passa lá, seria melhor falarmos do que se passa cá.
          Corrupção total, criminosos à solta, incompetência sem fim, nepotismo, controle dos media pelo partido do estado, em 20 anos todos os pais de leste nos passaram à frente.
          Somos a lanterna vermelha.

          Falemos dos nossos problemas, que são tantos que nem daqui a 500 anos estarão resolvidos.

          • Louro says:

            O facto de Portugal estar mal, nao significa que nao possamos dizer que haja coisas erradas em outros países.

            Tu tens visto para visitar, é normal, da mesma forma como qualquer pessoa que queira visitar pode ter um visto e lá ir quantas vezes lhe apetecer, nao precisas de estar casado com uma chinesa para ter isso.

            No entanto se quiseres ir para lá viver, tens duas hipoteses.
            Tens um visto de reuniao de familia, que te permite lá viver mas nao permite que trabalhes ou tenhas qualquer tipo de actividade remonerada no país.
            Este visto nao é cancelado só precisas de ir a policia local para o ter estampado de vez em quando. (já nao me recordo do tempo).

            No caso de quereres trabalhar e sustentar a tua familia lá, tens de pedir um visto de trabalho, que te permite lá estar enquanto tiveres trabalho, continuas a de vez em quando ter de estampar o teu visto e reportar a policia local, no dia em que ficares sem trabalho o teu visto nao será mais renovado e terás de vir embora.

            Fala com a tua mulher que ela certamente saberá explicar como funciona.

            Nao te enganes, na China, corrupcao é coisa que nao falta, criminosos também nao e no que diz respeito a controlo dos media, quando comparados com a China, qualquer país ocidental é um puro bebé.

            Eu já lá vivi, nao sou casado com uma chinesa, fui lá em trabalho e confesso que fiquei deslumbrado com Guangzhou e Sheizen, entao decidi que ia para lá.
            Depois de algum tempo lá, percebi que as coisas nao eram assim tanto como eu pensava que eram e que a realidade na verdade era completamente diferente.

            Tu pelo que parece, estás deslumbrado , estás na parte em que eu estava depois das minhas primeiras visitas… se achas que lá é melhor, vai para lá. tens mais facilidades do que aquelas que eu tive, boa sorte.

          • Weber says:

            A minha esposa é ucraniana. Há quase duas décadas que está em Portugal. A última vez que tivemos foi há 2 anos. Posso dizer que não vi diferença nenhuma entre Portugal e Ucrânia.Vi aquele país a progredir a bom ritmo, ao contrário do nosso.Já disse a ela, que é preferível a Ucrânia anexar-se à Rússia que na Europa

  7. Euéquesei says:

    Louro, eu falo do que vejo quando lá vou.
    Pormenores de trabalho e etc não sei de nada disso até porque não me afecta.
    Agora se como diz viveu lá 8 anos, óbvio sabe mais pormenores que eu e fico lhe muito agradecido por partilhar essa informação com todos nós.
    Guangzhou nunca visitei mas estive em Shenzhen 20 anos atrás.
    Dizem que a cidade de hoje é totalmente diferente da que vi na altura…

    O meu visto é familiar, é diferente do normal, dá para entrar e sair as vezes que quiser sem limites, durante o tempo que dura o visto, no meu caso foi para 2 anos…

    Nunca, em momento algum, senti alguém a vigiar me, talvez a única pessoa que tenha feito isso tenha sido a sogra, porque polícia nem vê-la.

    Há uma coisa que sempre meti na cabeça quando lá vou e é o que faço aqui tb… .. É fazer as coisas tudo com civismo, educado e fazer a minha vidinha sem chatear ninguém.
    Política é assunto tabu.
    Os Chineses que se entendam, não tenho nem quero ter nada a ver com aquilo.
    Tudo sempre discreto, low profile, ninguém dá por mim.

    Mas sei bem o que aquilo é, a partir do momento em que para comprar um cartão telefónico é preciso dar identificação, está tudo apresentado.
    Depois há todas aquelas barreiras à Internet e informação vinda do exterior.
    Sei o que a casa gasta e sigo as regras.
    Até hoje, 5 estrelas.

    Quem for para lá, mesmo em férias, tem que seguir as regras.
    Não segue, vai se dar mal porque lá naqueles lados não são como cá.

    As pessoas são super simpáticas, perguntam sempre de onde sou e com surpresa minha sabem onde fica Portugal.

    Como eu disse antes, é só seguir as regras.
    Na China mandam eles. Quem for para lá tem que seguir as indicações deles.
    Fazendo isso, eles não chateiam.
    Pelo menos tem sido essa a minha experiência.
    Só não fui lá este ano por motivos mais que óbvios.
    Eu gosto da China, da cultura, ver aqueles templos, etc, enquanto puder ir, irei sempre.
    Agora que para um ocidental, habituado a fazer quase tudo o quer, chega ali e as coisas são muito diferentes, tem que se adaptar.
    Quem quiser ir para lá armar se em pato bravo, enfim, cedo se arrepende.

    Mas repito, até hoje, ao fim de mais de 20 anos de viagens, tudo 5 estrelas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.