Quantcast
PplWare Mobile

Signal: Aplicação de mensagens bloqueada na China

                                    
                                

Autor: Ana Sofia


  1. Petrus says:

    Boa publicidade para o Signal.

  2. Miguel says:

    Já estava a tardar, todo o Mundo se importa com as ditaduras mas quando toca a China tudo fecha os olhos.

    Eu acho que a Europa tem que ganhar tomat.. e começar a pensar no futuro pois só está a ajudar a crescer um monstro que depois não vai saber como o parar…

    • Joao Ptt says:

      Existem previsões que os Chineses vão apoiar a invasão militar islâmica em larga escala à Europa daqui a alguns anos, naquela que acabará por ficar conhecida como a 3.ª guerra mundial (embora na realidade seja a 2.ª).

      Não deixa de ser irónico que depois séculos de terem os Europeus a chatear a malta no Médio Oriente e África brevemente venham eles cá fazer o mesmo, e que a malta por cá não vá ter capacidade para os repelir quando a guerra começar à séria e por isso eles venham mesmo destruir isto tudo… onde aparentemente Portugal e Espanha até vão ser os primeiros a sofrer as consequências, ainda que o controlo total só deva dar-se mais para o final quando o resto da Europa estiver +/- controlada por eles.

      Por lá (Médio Oriente/ África) só estão à espera de alguém que os incentive com carisma e de circunstâncias que sejam vistas como um “sinal divino” (desculpa), do género algum vulcão próximo de Itália começar a expelir cinza (que impeça as aeronaves defensivas de operar), ou de um tsunami no Mar Mediterrâneo e que destrua a frota marítima defensiva de alguns dos maiores países europeus (Itália, França, Espanha…).

      • Miguel Porto says:

        Mas que raio de comentário é esse????
        As guerras do futuro (Ou já presentemente) vão ser economicas e de controle de massas.
        Isso de invasões fisicas é coisa do passado.

  3. Di says:

    Uma informação se possível, o Whatsapp ou o Telegram estão bloqueados na China ou no Irão??

    • Jorge Carvalho says:

      Estão.

      Abc

    • Mike says:

      Países (5) com regimes comunistas no poder e Países (vários) onde os direitos humanos, numa escala de zero a dez, apresentam valores zero ou mesmo negativos :(, entre outras atrocidades, tudo que é privacidade não é minimamente considerado! A questão de determinada app estar bloqueada, é até certo ponto irrisório até porque, na maioria dos casos, é contornável… Neste contexto, a verdadeira questão é a “perpétua moda” dos crimes contra a humanidade que mastigamos, engolimos e que nos provoca uma pirose de todo tamanho. Mas o podemos fazer acerca? (Spoiler: Pouco ou nada!). Relativamente a privacidade, sugiro pesquisar no SearX acerca dos 5 eyes, 9 eyes e 14 eyes.

  4. Euéquesei says:

    Boas, quando estive na China, vai fazer uns 2 ou 3 anos, tudo o que é Google ou Facebook está barrado pela Firewall.
    Não sei se usando VPN dá para desbloquear, porque sinceramente nem experimentei,mas se já aqui não uso esses serviços praticamente, não senti falta deles lá.
    Em contrapartida, todos os sites Portugueses funcionam na boa.
    Notícias, anúncios de meninas :), tudo sem problemas.

    Em relação a dizerem que o Signal foi barrado mas que com vpn dá para contornar a situação, é preciso ter cuidado com isso.
    Segundo li algures, VPN é ilegal na China, pelo menos para os Chineses lá residentes.
    Nada impede um polícia de retirar um telefone a um cidadão e verificar se tem alguma vpn instalada…
    Se a tiver arrisca-se a ser punido…
    Baste o governo querer e acabam-se as vpn na China.

    Eles lá têm mão de ferro nas leis.
    Só para dar um exemplo, conheço pessoalmente um caso de uma rapariga que engravidou antes do casamento e querem saber o que aconteceu?
    Pois bem, aqui vai, a polícia foi a casa buscá-la e levou-a à força para o hospital para abortar.
    Portanto, aquilo não é como aqui, lá não brincam e não há Mamadus nem Mamakis .
    É o que é.
    Vou lá muitas vezes e sei que as regras, gostem-se delas ou não, são para cumprir.

    Um estrangeiro que se arme em esperto e faça por lá coisas que aqui são impunes arrisca-se facilmente a nunca mais voltar…

    • paulo says:

      starlink ja chegou! espera so mais um pouco!

      • Joao Ptt says:

        Não tenha ilusões, as empresas têm de cumprir as regras do país onde estão a operar, ou não operam de todo! Em países como a China, Rússia e muitos outros, se utilizar algum aparelho via satélite eles detectam quase imediatamente e vão mesmo atrás de si a não ser que esteja previamente autorizado e consigam monitorizar o que está a fazer… pode conseguir ligar-se ao sistema se tiver lá amigos ou for algum agente secreto e tal… mas não o vai é poder fazer durante muito tempo porque vai ter os militares e a polícia à sua procura na região.

  5. A says:

    É sempre bom que haja informação, e neste momento sabendo que telegram, signal estão bloqueados é uma bom sinal, quando a maior ditadura do mundo acha que não consegue espiar estas aplicações é uma forma de Publicidade optima, desde que seja verdadeira está tudo bem…

    Vai sempre haver jogo do “gato e rato” nestes países que acham que o ocidente têm um problema/ grande mal de raiz-” As pessoas têm Liberdade de Expressão” é por isso que acho que as pessoas devam ser informadas se os seus software / hardware são oriundos de Países que são sensíveis a este mal ocidental – Como mais uma vez se demonstra!

  6. leme says:

    por cá é o que? parler e conta do trump?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.