Quantcast
PplWare Mobile

Facebook elimina 17 páginas de Direita antes das eleições em Espanha

                                    
                                

Imagem: El País

Fonte: The Guardian

Autor: Micael Pires


  1. César Oliveira says:

    O Facebook faria melhor ao apagar todas as paginas da extrema direita e da extrema esquerda.
    Esses extremos são igualmente perigosos.

    • anon says:

      Deviam era serem todos proibidos.

    • Daniel says:

      E tem-no feito. O facto de só aparecer notícias de páginas de extrema-direita a serem removidas é porque não existe grande extrema-esquerda para remover (ou não estão representados nas redes sociais). E quem disser que não há direita em Portugal ou que PCP ou BE são extrema-esquerda, está tão à direita, tão desviado do centro, que tudo o que não seja direita ao extremo não é direita. Diz mais dessas pessoas do que do país.

      Além de que nas últimas 3 décadas a extrema-esquerda tem pintado paredes e soado a doidos; a extrema-direita assassinou pessoas. “Pequena” diferença.

  2. fc says:

    Páginas de direita ou de extrema-direita? Só tinham a ganhar com algum rigor nos títulos.

  3. Hugo says:

    Viva a ”democracia”! Se fossem de extrema-esquerda já não faziam mal…

    • José says:

      Isso é o que eu me pergunto! Quais são os critérios? Como é possível que eu veja na dita rede tana informação extremista inclusive islâmica e apenas se ouve falar dos de extrema direita? O que faz de uns melhores do que os outros? É que já tenho uns anitos e jamais confiei na extrema esquerda, que destrui e destrói impunemente milhões de vidas neste mundo, mas curiosamente em relação a estes não existe o mesmo critério de “atenção” ao que fazem. Cada vez estou mais convencido que anda pro aí alguém tentar compensar o ego dos russos do canalha do seu lider pela queda da URSS

  4. Hugo says:

    Viva a ”democracia”! Se fossem de extrema-esquerda já não faziam mal…

  5. anon says:

    E depois ainda dizem que quem são fascistas são são da Direita. Veidadeiros fascistas são os Socialistas.

    • Pedro says:

      Os donos do facebook são socialistas? As coisa que a gente aprende na net…

      • José Moreira says:

        Tem razão. São perigosos comunistas a ganhar o ordenado mínimo. O que ganham acima, vai todo para o Partido. E eu sou o Papa Francisco.

        • José says:

          O piores comunistas nunca ganharam o ordenado mínimo! Essa é uma mentira divulgada desde sempre! Os que ganham o ordenado mínimo nem sequer sabem bem o que é comunismo, caso contrário fugiriam dessa ideologia a mil pés! Tenho um cunhado que nasceu soviético, ele pode dizer-lhe o como se sentia o povo no maldito regime e império comunista.

      • anon says:

        Facebook não bloqueia nada sem pedidos.

      • José says:

        Se não são parecem! Eu diria até que 90% de todos os grandes autores e gente que influenciou a política internacional no sentido de um caminho “socializante” desde há uns dois ou três séculos culminando em Karl Marx eram todos gente rica e burguesa. Jamais vi um pobre defender uma tese qualquer socialista a não ser que sirva um líder qualquer que jamais teve bolhas nas mãos e o manipule por detrás como a uma marioneta.

    • Nuno V says:

      Define-me o que é um fascista e um socialista se faz o favor. Sendo que os fascistas e os socialistas encontram-se em lados opostos da bussula política, apenas alguém extremamente ignorante poderia dizer que os socialistas são fascistas. Deixa-me adivinhar para ti socialismo e nacional-socialismo são sinónimos.

      • José says:

        Defina você já que sabe tanto! Vou-lhe dar uma “colher de chá”: todos os partidos que se formaram após as Revoluções liberais, são socialistas. Agora pense um pouco.

        • Nuno V says:

          O socialismo é um sistema social e económico cujos meios de poduç

        • Nuno V says:

          O socialismo é um sistema social e económico cujos meios de produção são propriedade publica ou coletiva. O fascismo é um movimento de extrema-direita, autoritário e ultranacionalista. A definição é muito curta, mas se quiseres eu posso expandir mais um bocado. Mas por estas dá claramente para ver que estes são opostos.

          Também estás errado quando dizes que todos os partidos que se formaram após as revoluções liberais são socialistas, demonstras desconhecimento crasso da história. Olha para a nossa revolução liberal de 1820, ou para a Francesa de 1789.

          • Walter Neto says:

            Como explicas o Fascismo ser de extrema-direita se nele há um estado inflado, controlo estatal da Economia, imprensa, ausência de liberdades individuais e perseguição a opositores políticos, tal e qual foi na URSS, Cuba, Angola, Coréia do Norte, Venezuela, e demais socialistas?

          • Nuno V says:

            Certamente que estás a brincar. Então uma das medidas de Hitler após este ser nomeado chanceler foi precisamente uma miríade de privatizações. O mesmo se diz de Portugal, que durante o tempo do fascismo a grande maioria dos sectores estratégicos eram privados, tendo sido nacionalizados após o 25 de Abril. Ao contrário da ideologia do fascismo e nacional-socialismo, a do socialismo não é fundada sobre a repressão de quem quer que seja. Se não acreditas em mim lê os textos de vários socialistas e fascistas, e depois compara. E falas como se os países capitalistas não fizessem precisamente o mesmo. Como por exemplo, diz-me a que tribunal foram apresentados os prisioneiros de Guantánamo?

          • Walter Neto says:

            Me mostre artigos credíveis que falem dessa tal miríade de privatizações
            “O socialismo não é fundado na repressão”, é uma pena que os mais de 50M na China, 20M na URSS, e 30M mortos na América latina, África e Ásia, não possam dizer o contrário
            Os próprios percursores dessa ideologia de merda em várias ocasiões falaram do seu caráter assassino
            Eu responderia a tua pergunta se primeiro respondesses a minha

            E já agora, se o socialismo fosse assim tão bom:
            A URSS não faleria
            Cubanos não andariam diariamente a tentar fugir pra os EUA
            Portugal não estaria em crise desde que me lembro como gente
            Venezuela não seria esse teatro das emoções
            Karl Marx não morreria miseravelmente e nem veria os filhos morrerem pior

            Enfim, o socialismo nunca funcionou, e nunca funcionará, não é uma questão ideológica, mas sim Economia básica…

          • Nuno V says:

            https://www.jstor.org/stable/27771569

            Percebes tanto de política como eu percebo de tricot. Fazes confusão entre ideologia com crimes cometidos em nome dessa ideologia, como se a primeira obrigatoriamente incitasse a segunda. Eu disse para leres os textos fundadores das ideologias para comparares, mas tu, como um bom ignorante, entrou a 100 e saiu a 200. Se formos pelo teu raciocínio, todas as ideologias incitam à violência, pois foram cometidos crimes em nomes de todas estas.

            A tua ignorância torna-se gritante quando afirmas que “Portugal não estaria em crise desde que me lembro” isto tudo devido ao socialismo, quando Portugal NUNCA foi socialista. Tu, como muitos ignorantes que andam por aí, fazem uma equivocação entre partido socialista com socialismo. Portugal é, e sempre o foi no pós 25 de abril, capitalista.

            Já agora, qual é a tua fonte para o número de mortes?

  6. Jorge RIBEIRO says:

    Em portugal também temos paginas de extrema direita/ anarquistas que na maior parte das publicações só dizem merda, mentiras ou pegam em noticias antigas para confundir o povo. Contudo não penso que apagar essas páginas sega algo correto a fazer, até porque estamos numa democracia e toda a gente tem o direito á opinião, por muito parava que seja. Vejo também paginas de partidos políticos de esquerda que têm representação no parlamento a difundir mentiras nas suas paginas oficiais, isso sim é mais perigoso (o mesmo já vi com partidos da direita a supor coisas no twitter que se vão a ver são completamente falsas ou então estão em linha com o que se passa noutros países da EU). Mais perigoso do que isso até são paginas pessoas que se tentam passar por entendidos da medicina que andam a por em perigo pacientes de fora a vender coisas, e aí nada é feito pelo facebook.

    • Daniel says:

      “estamos numa democracia e toda a gente tem o direito á opinião”

      As pessoas teimam nesta da “opinião”… as pessoas podem ter o direito à sua opinião mas não aos seus FACTOS.

      • José says:

        Daniel o que quer dizer com isso? Que confusão a vossa quer do Jorge que do Daniel. O direito à opinião liver e sem censura é um dado adquirido, numa sociedade democrática e livre! As pessoas devem sim ser responsáveis pelo que dizem. Se fundamentam a sua narrativa em factos comprovados qual é o problema? É que não consigo entender o que quer dizer com “não sãos seus factos”. Está a dizer que muitos falam sem conhecimento de causa é isso?

  7. Lando Freire says:

    Foicebook em ação

  8. JCD says:

    Ditadura Digital! Pouco a pouco a remover a liberdade! O Facebook esta a tornar-se numa máquina de censura ao serviço de quem mais lhe paga!

    • José says:

      è uma perigo o que está a acontecer, estas empresas privadas violam as Leis e sobretudo a Lei maior de uma nação que é a sua Constituição. Amputam a livre opinião aos cidadãos, mesmo que sejam a mais disparatada. Nunca a liberdade individual dos cidadãos no seu conjunto esteve em tão grande e grave perigo! depois espantam-se estas inteligências pardas que os extremismos estão a avançar por todo o lado.

  9. miguel says:

    Ao que isto chegou, mas ainda vai ficar pior!
    Na politica ou pertencemos aos partidos tradicionais que agora se consideram mais ao centro ou senao somos banidos e censurados com denominações tipo “extrema”.

  10. Bruno M. says:

    Os da esquerda ou da extrema esquerda mantêm-se!
    Porque será?!

    Não há nada como a censura para motivar votozinhos do povo ignorante contra a oposição!
    Não tarda estaremos piores que uma venezuela!

  11. Blue Beast says:

    Não tarda muito (nem um par de semanas),e já teremos à nossa disposição o novo browser denominado “Gab browser” ou “Dissenter browser” da Dissenter,para quebrar as regras da censura destes fascisóides do Facebook.Viva a liberdade !! Vejam no Twitter na página @getongab da empresa Gab.com-Dissenter.com o que significa o livre arbítrio e a liberdade de expressão.Vai ser um fork do Brave browser mas para muito melhor.Venha ele e rápido,caramba. 🙂

  12. BlackFerdyPT says:

    É a mesma história de que no Twitter…

    Todo aquele que seja fortemente “anti-sistema” é censurado ou banido. (Mas, até em contas de pessoas ligadas ao dito “Estado Islâmico” – que as usam, inclusivamente, para recrutar jovens na Europa – é permitido que se coloque informação, durante anos antes de seja feita alguma coisa.)

    “Notícias falsas”…

    Não foi recentemente provado (e admitido) que a história da suposta interferência russa nas eleições estadunidenses não passava de uma enorme Mentira? (Porque razão, em resposta a isto, não banem então as contas do ‘The New York Times’ e de todos os que são os principais média de massas estadunidenses?)

    “Xenofobia”,

    O ridículo termo agora tão usado, para rotular todo aquele que seja crítico do fenómeno da imigração em massa. (Não se pode ser contra e apenas a favor? E não se pode criticar, se se for contra? Usem também, já agora, o mais honesto termo “crime de pensamento”.)

  13. José says:

    Mas ninguém se opõe a isto? Quem deu ao Facebook licença para se imiscuir nas alçada dos Tribunais? Houve algum mandado j7udicial para fechar essas páginas? Não é que concorde ou deixe de concordar com o que aí se defende, mas parece-me muito mais perigoso ver uma empresa privada, multinacional, entender o que é bom ou não para as sociedade colocando-se a par de um dos poderes dos estados – na clássica divisão de Montesquieu – exercendo censura e agindo além do âmbito dos Estados, do que ver meia dúzia de disparates defendidos por idiotas – que devem na devida medida ser responsabilizados pelos meios legais do Estado que defendem e dizem! Hoje em dia nos poderes do Estado temos de contar com o poder executivo, legislativo, judicial e o do Facebook? Mas alguém tem noção do que incorremos? Como podem esta empresa sobrepor-se à Constituição de um país? Aonde estão os Princípios que defendem a livre escolha do cidadão? Aonde está o respeito pelos direitos do Homem e do Cidadão que constam como anexo a muitas Constituições europeias inclusive a portuguesa? Mas quem deu ao Facebook licença para se substituir aos Estados? O Facebook deveria antes começar por articular com os Estados apagar páginas relativas ao terrorismo que por lá abundam – ainda esta semana foram publicadas as decapitações e crucificações aos 37 condenados na Arábia Saudita, para consolo dos extremistas islâmicos! Eu tive a oportunidade de ver isso! O que preocupa ao Facebook é a revolta que os cidadãos ocidentais têm ao ver as suas sociedades degradadas e ser-lhes imposta uma moral, modo de vida que os ofende! Depois há por aí uns idiotas que se admiram por ver os radicais – que por sinal são movimentos cuja maioria nasce paradoxalmente nos EUA, talvez aí com muita interferência russa, não há inocentes nestas coisas – que crescerem por todo lado! Nunca as sociedades estiveram tão divididas, nem nunca houve tanta repressão a tanta gente. O caminho tomado não pode ser mais perigoso, por que o Big Brother não é o só o Estado, mas também estas empresas.

    • JORGE COSTA says:

      Concordo com qualquer empresa que aplique as suas regras internas de conduta para os seus utilizadores.
      Para isso não necessitam de tribunais e do estado para o fazerem. Quem utiliza o serviço devesse conter dentro dessas regras.
      PS: Não gosto dos extremos, mas por favor não me impinja a diarreia intelectual dessa “nova” extrema-direita que só usa a desinformação para passar ideias racistas, totalitárias e reaccionárias.
      Não podemos permitir que a história se repita!!! Em Portugal NÃO!!!
      Espero que os portugueses se lembrem ou que sejam informados do que eram os tempos da antiga senhora!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.