PplWare Mobile

CEO do Telegram abdica da comida durante 1 mês para “ter boas ideias”


Imagem: Independent

Fonte: Reddit

Desenvolveu desde cedo o gosto pela escrita e comunicação. Em leis formado, tem como hobbies a aquariofilia e a música. Mas é na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e no Pplware a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.

Destaques PPLWARE

  1. SANDOKAN 1513 says:

    “6 dias após o início do jejum extremo,Pavel Durov diz sentir-se “fantástico” ” Eu penso que Jesus Cristo só houve um.Este ainda lhe dá o badagaio e lá bate a bota,querem ver ?? Há cada doido neste mundo,irra !! 😐

    • Qualjoao says:

      Se calhar nao é assim tao doido como parece…não penso que seja unicamente para ter novas ideias mas também pra fazer o tal “reset” as funçoes do corpo humano, visto que este esta constantement a ser bombardeado com toxinas etc…Serve bem para recalibrar energias e ajuda muito na assimilação nutricional a nivel do estomago. Embora um mes seja exagerado estou curioso para saber o resultado.

      • EDPRR says:

        E do ponto de vista biológico, passou-se pouquissimo tempo desde que os nossos antepassados caçadores-recoletores passavam periodos de fome por falta de caça, intempéries e outros cenários. Durante a maior parte da historia do Homem, não se comia várias vezes por dia, durante algumas centenas de milhares de ano os homenideos teriam sorte se comessem carne de vez em quando. Os nosso hábitos alimentares atuais não têm nada a ver com as necessidades fisiológicas. Um mês sem comer duvido que aguente, mas 6 dias é, biologicamente, inofensivo.

        • Qualjoao says:

          Um mes é possivel so a beber liquidos, mas é preciso se informar bem…quando falamos de liquidos falamos também de smoothies aí ja pode fazer muita diferença, pode fazer smoothies de frutas ou de legumes por exemplo, mas também tem que se fazer uma pesquisa para fazer smoothies porque utilisar um blender qualquer para o fazer não é o ideal, pode se perder a qualidade dos nutrientes. Recomendam extractor de sumos, que esmaga os alumentos em baixa rotação pra nao “queimar” os nutrientes.

      • mlopes says:

        tirando o facto de não haver assimilação nutricional (absorção) ao nível do estômago mas sim ao nível do intestino delgado, até poderias estar certo 😉

        • Pedro says:

          E está certo sim senhor. Procura por Snake diet no youtube.

          • EDPRR says:

            Tenho alguma curiosidade sobre esse tipo de dieta, talvez me possa esclarecer. Se alguém não comer durante dois dias os níveis de energia descem e a pessoa fica sem-apática, resultado do metabolismo semi-desligar sistemas para conservar energia, e falta de açúcar. Complementar isso com água salina não pode de maneira alguma ser benéfico para a corrente sanguínea. Como é suposto funcionar?

          • mlopes says:

            alguém precisa voltar a estudar fisiologia.
            eu falei de fisiologia e mais concretamente do funcionamento do sistema digestivo! e em temos fisiológicos não há absorção no estômago (há exceções relativas a moléculas muito muito pequenas como p.e. o alcoól e a cafeína, cuja absorção se dá logo na boca e estômago mas não passam disso mesmo, exceções à regra).
            fisiologia no youtube? tudo é possível…

          • Pedro says:

            @mlopes Sim, tens razão relativamente à absorção, esta dá-se no intestino.

            Relativamente ao jejum prolongado é já praticado à muito tempo e com vista na auto-cura do corpo. Por exemplo, o Gandhi praticava frequentemente este regime, ficando até 21 dias sem comer.. Viveu 78 anos e foi assassinado..

            @EDPRR
            A Snake Diet baseia-se no conceito que a gordura corpural é comida.
            Enquanto tivermos excesso de gordura não precisamos de calorias externas.
            Os periodos de jejum recomendados vão de 24 horas minimo até 72 horas maximo até à próxima refeição.
            Mais de 72 horas o processo deixa de ser optimo devido à perda muscular para além da gordura.
            Durante o jejum prolongado pode-se beber o chamado “snake juice” que é basicamente àgua com eletrolitos, de modo a reabastecer os sais minerais que são expelidos naturalmente pela urina e suor. Esta água ira ajudar a não sentir o cancaço e a perda de força durante o jejum.

          • mlopes says:

            não sei que tipo de conhecimento tens sobre as tradições hindus ou jainistas, sobre ahimsa ou brahmacharya, sobre desobediência civil ou se alguma vez até leste thoreau. se não estás à vontade nestes assuntos, não tragas ghandi para este assunto porque, desculpa que te diga, não tens ideia do que estás a falar

          • Pedro says:

            @mlopes Sei que o Gandhi praticava jejum em forma de protesto. Estou apenas a apontar uma pessoa que praticava jejum prolongado sem consequências.

          • mlopes says:

            o problema é que isso é falso.
            tinha consequências e graves. o maior jejum de ghandi deu-se em 1924 e foi de 21 dias e estava tão debilitado que já não se levantava e todos temiam que morresse devido a falha orgânica generalizada. não morreu porque interrompeu o jejum voluntáriamente.
            mas ok não vou discutir mais o assunto. cada um acredita no que quiser

          • Pedro says:

            @mlopes Até pode ter tido consequências graves nele, mas o facto é que o Gandhi já era estremamente magro antes de entrar nesse jejum. E claro 21 dias é um extremo que não deve ser seguido por ninguém. Mas é facto que o jejum de 1, 2 ou 3 dias não faz mal a ningúem e só traz beneficios.

        • Qualjoao says:

          Ok prof. 😉 Mas para um bom entendedor meia palavra basta. 😉

          • mlopes says:

            até aceito que poderia bastar 😉 mas depois de ler o post acima do @Pedro percebe-se logo que não basta, mesmo! 😉

          • Qualjoao says:

            Quando falei de um bom entendedor estava me a referir a si, ou quem percebe do assunto, eu sou ainda um curioso na matéria mas ando a avançar bem, como você é um bom entendedor meia palavra basta, sei que está certo, a assimilação dos alimentos se faz no intestino delgado como referiu. 😉

          • mlopes says:

            eu percebi @Qualjoao. 🙂
            o problema é que sempre aparece outra pessoa a ler e a não perceber (e apareceu como se viu).
            repara que para além de ter aparecido alguém que não percebeu até sugeriu logo uma barbaridade que tem consequências graves ao nível da tensão arterial e problemas renais pelo consumo estapafurdio de sódio. se nos lembrar-mos que a tensão arterial está intimamente ligada a riscos graves de doenças cardiovasculares (1/3 das causas de morte em portugal) percebemos ainda melhor o problema

          • Pedro says:

            @mlopes Sugiro que te informes melhor na materia antes de dizer que os comentários são uma barbariadade 😉

          • mlopes says:

            sugiro que aprendas algo sobre fisiologia e nutrição em vez de veres vídeos do youtube e leres artigos da treta.
            aliás qualquer mamífero da subespécie homo sapiens sapiens percebe que a dieta de um réptil pecilotérmico não é adequada para si tal como ingerir quantidades de sódio pelo menos duas vezes superiores ao máximo diário recomendado tem consequências graves
            fica a sugestão: não fiques apenas por uma parte da dieta e, já agora, ingere pequenos roedores vivos 😉 ou um antílope bébé 😉
            fui…

          • Pedro says:

            @mlopes Dizer que o sal é o causador único da alta tensão é no minimo duvidoso.Os artigos que li são inconclusivos e outros até são a favor do sal.

  2. mlopes says:

    quando se alia a necesidade de uma stunt publicitária à estupidez humana dá nisto…enfim…

  3. Hugo Santos says:

    Faz – me lembrar alguém.

  4. Casuístico says:

    Russo fica sem comer, mas sem vodka, jamais. Saudações.

  5. Dani says:

    É sabido que o jejum é um excelente meio para fazer o corpo recuperar, especialmente importante na sociedade actual que come demasiado e não dá tempo ao corpo de recuperar.

    Não penso que o jejum longo seja benéfico. Provavelmente faz mais sentido deixar de comer ou comer muito pouco ao jantar (por exemplo) ou saltar algumas refeições durante a semana. Dá tempo para o sistema digestivo descansar/recuperar e não chega a ter efeitos maus para a saúde que a falta de alimento pode trazer.

  6. Joao Ptt says:

    Acho que está a tentar ser o Steve Jobs, no sentido de adquirir informação apenas acessível ao espírito e com isso conseguir desenvolver algo que realmente seja útil e duradouro… o intelecto deve ter atingido o limite da criatividade e então foi à busca de uma maneira de ir além. Nada garante que seja bem sucedido, porém quem realmente procura com seriedade acaba por encontrar de uma maneira ou de outra.

    Cortar na carne não é boa ideia, embora seja boa ideia restringir-se à carne branca e aumentar gradualmente os vegetais e similares. A malta acha-se esperta e pensa que pode cortar a carne de um dia para o outro sem consequências, mas tal trás consequências indesejáveis que muitos deles só descobrirão quando passarem para o além. Deixar de comer carne é a direcção correcta, mas é para ser feito ao longo de gerações e terão de passar muitas desde o começo da redução da carne até se deixar de a comer de todo, para que o corpo se reequilibre com o tempo e se adapte à energia dos alimentos e permita uma boa comunicação com a alma e com o núcleo espiritual dentro da alma… algo que obviamente todos os que adoptam tais regimes alimentares de corte total ignoram por completo do contrário não seriam tão irresponsáveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.