Quantcast
PplWare Mobile

Maior instalação de captura de CO2 poderá estar operacional até 2026

                                    
                                

Fonte: Scottish Construction Now

Autor: Ana Sofia


  1. Manuel says:

    Se acabarmos com o CO2 acabamos com a vida na terra pois as árvores e as plantas necessitam de CO2 para a fotossíntese que produz oxigénio para os seres vivos.

    • Paulo Camarao says:

      Desde que se queimam petroleo e gas que a floresta aumentou e as arvores beneficiaram com a gasolina mas disso ninguem fala. Ja o litio dos eletricos e toxico para a floresta e causa desastres ambientais. A gasolina é como o leite, andam a demonizar algo porque e moda mas na verdade faz bem e funciona

      • Ruy Acquaviva says:

        O lítio não é “tóxico para a floresta” (um absurdo monumental, como poucos que eu já tenha visto) nem causa desastres ambientais (ao contrário do petróleo) e a gasolina não é demonizada, mas apenas seus graves efeitos ambientais são esclarecidos. Não é moda, as mudanças ambientais provocadas pela queima de combustíveis fóssieis é real.
        Obrigo-me a colocar tais esclarecimentos porque esse comentário é enganador e completamente errado em termos factuais.
        Já ví muita mentira colocada para defender que não se faça nada em relação à poluição ambiental, mas dizer que a gasolina “faz bem” é certamente a maior e mais insensata delas.

      • Eu says:

        Para os negacionistas só tenho uma frase para ser aplicada e dita por Einstein.
        “Duas coisas são infinitas: O Universo e a Estupidez Humana. Mas, em relação ao Universo, ainda não tenho a certeza absoluta.”

      • Rodrigo says:

        olha outro…tudo que dizes ‘e mentira. talvez seja isso o objectivo dum troll?

    • eu2 says:

      Ninguém falou em acabar com o CO2, não te preocupes.

    • Rodrigo says:

      ‘E impossível acabarmos com o CO2. Sinceramente ha cada génio aqui…nossa

    • zequinha says:

      Penso que o objetivo é capturar CO2 para junto com hidrogénio, produzir e-fuel, o combustível que vai substitui a gasolina.

      Ainda é necessário mais desenvolvimento tecnológico, para baixar os custos de produção, até chegar perto dos preços dos atuais combustíveis.

      • zequinha says:

        … gasolina de origem fóssil (a atual) e a gasolina sintética (e-fuel- CO2 + H) que pode ser usada nos carros atuais a combustão. Esta é a solução a médio prazo, até a tecnologia de baterias estar otimizada e houver suficiente potência elétrica na rede (telhados fotovoltáicos, por exemplo)

  2. Umx says:

    Como será obtida a energia para o processo?
    Qual o destino do carbono capturado?

  3. Gustavo Jorge says:

    Tenho ouvido falar que não é o CO2 que faz mal mas sim outro composto que é muito mais nocivo para o ambiente, o nox.

    • Keyboardcat says:

      Os NOx (óxidos de Azoto) são nocivos para o ser humano. Causam doenças respiratórias, são o principal contributo para o smog e chuvas ácidas.

      Mas não têm um impacto relevante no aquecimento global como o CO2. Já para não falar que o ciclo dos NOx é relativamente curto. Enquanto o CO2 emitido pelo uso de combustíveis fósseis vai ficar na nossa atmosfera para sempre, visto os processos geológicos responsáveis por remover o CO2 da atmosfera já não existem.

      Por isso o CO2 acaba por ser um maior problema. Porque ao contrário dos NOx, não basta deixar de o produzir para resolver os problemas causa-dos pelo mesmo.

  4. Ruy Acquaviva says:

    Sabe o que retira o gás carbonico do ambiente com alta eficiência e é extremamente útil? As plantas.
    A recuperação ambiental de áreas degradadas é muito mais barata e eficiente no combate ao efeito estufa do que essas fábricas que estão sendo propostas. Se essa solução, muito mais racional e coerente, não é feita, discutir esses projetos mirabolantes e altamente controversos é mais que perda de tempo, é uma forma de enganar a população.

    • Keyboardcat says:

      As plantas não removem o dióxido de carbono do ambiente. É como dizeres que varrer o lixo para debaixo do tapete remove o lixo de tua casa. Mas sabes que isso é só verdade por um curto espaço de tempo.

      As plantas absorvem CO2 durante o seu processo de crescimento. Mas como tudo na vida essas plantas morrem e todo esse CO2 é libertado novamente para a atmosfera.

      Já para não falar que devido aos números atuais de população temos que destruir áreas enormes de floresta para usar como áreas agrícolas. Sim, pouca gente aqui nesta caixa de comentários quer abdicar do seu bife.

      Mas mesmo que plantasses árvores, acho que não tens noção dos números. Para compensar a quantidade de carbono emitido pelos Estados Unidos tens que plantar cerca de 40 milhões de árvores… por dia! E isto é assumido que essas árvores crescem instantâneamente e nunca morrem.

      Estamos a extrair milhões de barris de petróleo e a queimá-lo. Achas que vai haver árvore que absorva isso?

      A solução é só uma. Voltar a por esse carbono de onde ele veio. E infelizmente já não existem processos naturais para esse efeito. Isso foi há cerca de 300 milhões de anos atrás, já vamos tarde.

      • Ruy Acquaviva says:

        Leia com atenção o que eu escrevi antes de fazer seu comentário. Assim não fará respostas inúteis como essa.
        Eu falei de (desculpe a caixa alta mas é a única forma de enfatizar) recuperar ÁREAS DEGRADADAS.
        Existe uma quantidade enorme de áreas desmatadas e até mesmo desertificadas no mundo. A recuperação dessas áreas com uma cobertura vegetal, não exclusivamente mas preferencialmente arbórea, pode ser feita utilizando o processo de sucessão ecológica, plantando-se primeiro espécies resistentes a solos pobres e pouca umidade e acrescentando-se sucessivamente espécies mais adequadas a solos mais bem estruturados (i.e. com maior porcentagem de matéria orgânica incorporada, umidade e com presença de animais decompositores, microorganismos, etc.) e com maior cobertura, chegando-se ao final às árvores de maior tamanho.
        Não, amigo, não precisamos plantar todas as árvores. Os vegetais se reproduzem, sabia? Suas sementes são espalhadas pelo vento e animais que são atraídos por esses ambientes recuperados. Não é necessário plantar cada uma das árvores de uma área reflorestada. A natureza faz a sua parte.
        Agora pense (uma vez ao menos), uma área desertificada, ou com vegetação extremamente empobrecida tem quanto de biomassa? E quanto tem de biomassa uma área florestal com cobertura vegetal mais densa? Lembrando que além das raízes, caules, galhos e folhas das plantas, a grande quantidade de matéria orgânica incorporada no solo também compõe essa biomassa. Pois essa biomassa é composta em grande parte de carbono fixado a partir do?… do?… Isso mesmo! Do gás carbônico da atmosfera.
        Isso não elimina a necessidade essencial de parar de retirar carbono fóssil do subsolo e lançar na atmosfera, mas é uma forma muito mais eficiente, barata e racional de fixar o carbono em excesso da atmosfera, do que fábricas como essa que é objeto do artigo.
        Foi isso que eu quis dizer e você aparentemente não entendeu.

    • le me says:

      isso dá mais dinheiro. Se achas que essas empresas ambientalistas estão preocupadas mais com o ambiente do que com os lucros…

  5. Carlos Candeias says:

    Concordo amigo Keyboardcat

  6. AC says:

    Desculpem a minha ignorância mas qual o destino do CO2 retirado,qual a sua utilidade e como vai ser armazenado?

    • Keyboardcat says:

      Utilidade pouca. Neste caso não sei, mas em certos casos de captura de carbono o mesmo pode ser armazenado em cavernas subterrâneas a grandes profundidades.

      Eu sei que parece uma má ideia, como é que armazenar um gás no subsolo é uma solução duradoura. Mas basta ver que hoje em dia extraímos milhões de litros de gás natural que se encontra preso no subsolo há vários milhões de anos. Muitos destes processos fazem o inverso.

      Mas continua a não ser ideal é claro. O perfeito seria criar uma espécie de super-enzima que fizesse um processo semelhante à fotosintese. Em que converte-se CO2 + H2O em hidratos de carbono. Esses seriam mais simples e eficientes de armazenar a longo termo.

      Mas confesso que desconheço o processo usado neste projeto específico.

      • RUY ACQUAVIVA says:

        Para que desenvolver um processo que faça o mesmo que a fotossíntese se é possível utilizar a própria fotossíntese, que já existe e é facilmente utilizável através das plantas?

        • Keyboardcat says:

          Como já disse acima, toda a biomassa produzida pelas plantas acaba por ser decomposta por outros organismos e volta para a atmosfera.

          Já para não falar nas décadas necessárias para que essa biomassa se desenvolva.

          Florestas são importantes para o nosso ecossistema. Mas no que toca á remoção do carbono a sua utilidade é baixa. No final todo o carbono (ou parte dele) que foi removido do subsolo tem que voltar para lá. E florestas não fazem isso.

          • RUY ACQUAVIVA says:

            Como já disse acima uma região degradada ou até mesmo desertificação tem muito menos biomassa que uma região recuperada, com cobertura vegetal e materja orgânica incorporada ao solo. Seu erro é não entender que o CO2 se fixa à biomassa, sendo assim retirado da atmosfera.
            Porém esse não é o seu pior erro, o pior é que você não lê o comentário e por isso responde uma coisa diferente do que foi comentado. O colega falou em fazer artificialmente a transformação de CO2 e H2O em hidratos de carbono (alimento) e eu perguntei que se as plantas já fazem exatamente isso que ele disse por que então fazer artificialmente. Aí você vem e responde com um assunto diferente do que foi comentado. Tudo bem, você é livre para comentar o que quiser, mas não faz sentido responder uma afirmação com um assunto completamente diferente do que foi comentado. Fica parecendo conversa de surdos.
            Seria muito mais racional ler o comentário antes de responder.

          • RUY ACQUAVIVA says:

            Veja a foto deste artigo e perceba que depois de recuperada a área dessa fazenda, uma grande quantidade de carbono se encontra fixada na biomassa da cobertura vegetal.
            Não vou nem comentar que essa cobertura em si já tem efeitos benéficos na redução do aquecimento atmosférico, só a quantidade de carbono fixada na biomassa já é uma ação efetiva suficiente para justificar essa forma de combate ao efeito estufa.
            https://razoesparaacreditar.com/casal-planta-milhoes-arvores/

  7. kodiakshadows says:

    Lá está o Boris a mandar o lixo para a Escócia

  8. Miguel says:

    E plantar árvores? Não?

    Só complicam o fácil, mas no final o que interessa é sempre o mesmo, impostos e mais impostos.

    Por falar em CO2, este verão na Tuga está mau para andar a servir de exemplo para o aquecimento global como aconteceu em anos passados, e eu que vou de férias para a semana 🙁

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.