Quantcast
PplWare Mobile

4.200 carros Hyundai estão presos a bordo de um navio desde 2019

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. lumia says:

    Aos que o sal do mar ainda não toco…. faz-se um preço especial??

  2. JS says:

    Faz lembrar nos fins dos anos 80 o encalhar de um navio no mar em V N gaia com cerca de 5.000 Toyotas
    A cerca de 150 metros da praia
    Noticia aqui:
    https://raurino.blogs.sapo.pt/as-minhas-leituras-61930

  3. Miguel says:

    De certeza existe melhor forma de remover o barco do que essa estrutura megalómana….
    Eu pelo menos teria outras ideias, resta saber se eram possíveis. Já vi “salvamentos” mais simples…

  4. Valéria says:

    Tomara que dê tudo certo para o resgate dos automóveis!

  5. Therid says:

    Impressionante, os primeiros carros com 0km que vêem com o depósito cheio, tinham que ficar presos dentro de um navio..

  6. Yp Schow says:

    Aida por cima o mar a dar cabo deles
    Faz lhe mesmo bem a saúde…

  7. Pedro says:

    Bem… Se não ficaram danificados com o virar do navio, ou se o que os prendia no sítio não cedeu resultando em dano, o mais probavel é que o mar não seja causa para tal, pelo menos não na maioria dos veículos… Note que o navio também não naufragou e embora, dada a sua posição, a água com certeza lá esteja dentro, o navio deverá continuar estanque e a maioria dos veículos, presumindo que estão presos no sítio, deverão estar em relativo bom estado.

  8. C Pinho says:

    Algumas correccoes ao Portugues aqui utilizado.
    O navio nao virou, adornou. Utiliza-se o termo virar, quando estamos a falar de uma mudanca de direccão para bombordo ou estibordo.
    Um navio não é demolido, mas sim desmantelado. Um navio nao é um edificio.
    Os autmoveis nao estao presos, mas sim retidos no navio.
    O nome do navio é apenas Golden Ray. O MV significa “Motor Vessel”, em Portugues utilizamos a simples denominacao de navio.

    • Gustav says:

      O teu teclado não tem acentuação?

    • TONE says:

      Caro camarada se é que foi ou é , têm razão no términos utilizados mas para a grande maioria das pessoas isso é outro idioma nem os vai recrutar nem eles vão querer . Mas não se aborreça eles até pensam que no mar não há regras de navegação tal qual em terra com os automóveis

    • TONE says:

      Já agora aproveito para o corrigir , ( correções ) ou como antigamente ( correcções) ⚓

    • Ricardo says:

      Perdeste uma boa oportunidade para estar calado. Ou melhor dizer, para não escrever.
      Fala o roto ao nú… Pelo menos para a próxima use o corrector ortográfico quando escreve.
      correccoes = correcções;
      Portugues = Português;
      nao = não;
      mudanca = mudança;
      direccão = direcção;
      edificio = edifício;
      autmoveis = automóveis;
      estao = estão;
      denominacao = denominação

      Correcto e afirmativo (e para mim não há acordo ortográfico ok?)

      • Tone says:

        Essa foi para o C Pinho ?

      • C Pinho says:

        Como tive oportunidade de responder, eu nao vivo em Portugal. O meu teclado nao e como o vosso.
        Interessante no entanto que conseguiram ver a falta dos acentos mas nao notaram o uso dos termos errados no artigo…

        • Ricardo says:

          Não sei se vive ou não em Portugal, isso pormenores até porque não li sobre isso nos comentários que fez acima. Tanto de escrita como de residência… Bom Português fala-se em Portugal e noutros países. Basta querer…
          Mas caso não tenha percebido, criticar quando nós damos os mesmos, ou até mais erros fica de todo “sem sentido”.
          Quanto a questões gramaticais, bem… fiquem para outras núpcias.

          J

  9. TONE says:

    O problema está em quem deveria mandar mas é mais barato e permitido deixar estar assim do que obrigar ao responsável pelo navio a retirar tudo do local a fim de evitar mais porcaria nos oceanos . Enfim é o que temos …

  10. RUI DUARTE says:

    Se o navio estivesse carregado com ouro com certeza já o teriam removido do local…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.