Quantcast
PplWare Mobile

O Grooveshark fechou e 5 dias depois renasceu das cinzas

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Simões


  1. Pedro Nunes says:

    Para começar..
    Se se querem manter de pé sem problemas, podem começar por manter a legalidade acima de tudo, assim como o spotify.

    É certo que .. não era bem essa a premissa do grooveshark, mas na minha opinião, se determinada música é muito ouvida é porque é boa, se é boa os autores envolvidos na mesma merece alguma massa, pelo menos é assim que o spotify funciona.

    Eu gostava muito do grooveshark, não havia pub, não havia cá necessidade de se pagar para ouvir um álbum inteiro no telemóvel com trafego de dados, mas também tinha noção que tal coisa não poderia ser legal e que certamente os autores das músicas dificilmente estariam a ser compensados.

    Como tal gostava de voltar defacto o grooveshark de pé, mas em bom estado para todos.
    Infelizmente nem sempre é fácil, as editoras são mesquinhas como tudo.
    Se não seguir este caminho da legalidade, pode ir acabar exactamente como este acabou com milhões de $ de dividas, não me parece um bom futuro para ninguém.

    • Tiago says:

      se a music é ouvida é porque é boa? por isso é que tudo o que vende é uma trampa. enfim.

      • Rui Pedro says:

        Lembra-te que mesmo sendo má, há uma geração inteira e seguintes que gostam e compram. Eu sei que a música de hoje em dia era boa para limpar o rabo, mas é o que vende. Temos de nos habituar. É assim que projectos como o spotify e o pandora (que é mesmo uma pena não estar disponível para estes lados sem ter de usar meios para aceder) ganham o que ganham. Espero que existam cada vez mais projectos deste género, porque assim com a concorrência, as subscrições irão descer de preço e ficar mais acessíveis, isso eu o espero, porque isto é o futuro.

      • Fernando says:

        Essa coisa de Musica boa ou musica má não existe. Existem gostos. Ninguém tem a autoridade de dizer quais são as notas musicais boas ou más, baseando-se na sua experiência pessoal e gosto. Senão da mesma forma, só ouvimos música clássica e Ópera…eu também posso dizer que Metal é um valente m****, só barulho e gajos aos berros…ou Hip-pop…ou género qualquer…mas não tem autoridade de dizer que essas pessoas só ouvem porcaria , só porque eu gosto de outro género. Música tem várias formas…serve para nos animar, para nos fazer pensar, para nos emocionar e algumas só para nos divertir…todos tem aquelas músicas que nunca assumem que gostam, mas que se divertem à brava quando ninguém está a ver…cresçam…

        • rui jorge silva says:

          Tons, sao notas, musica é a junçao de instrumentos.
          uma bateria sozinha, nao da musica, so da ritmo.
          O que é bons para uns, pode nao ser bom para outros. Sao gostos. Boa Pascoa a todos.

        • 100 unhas says:

          Se é uma questão de gostos porque é quando alguém diz que musica X ou Y é lixo puro vem sempre um gajo dizer isso que disseste? E OBVIAMENTE que discordo se achas que não há musica boa nem má, provavelmente é porque houves seja o que for sem critério nenhum e provavelmente não sabes o nome de mais que 5 musicos. Houve uma senhora que uma vez ouvi dizer “eu é que gosto mesmo de musica…oiço tudo…” é esta a tua posição? José Malhoa? Ana Malhoa? “Bô tem mel”? Eu mais tu igual a uiui? Nikki Minaj? Não tem diferenças qualitativas em relação a Sérgio Godinho,Bob Dylan, Led Zeppelin, Beatles, Velvet Underground, Miles Davis? É isto que estás a dizer?

    • Asdrubal says:

      Spotify é meio parecido com “sky”.

  2. Pedro says:

    Qual é essa versão ainda não original do Grooveshark?

  3. Panhonhas says:

    É falso, é apenas o mp3juice com um skin.

  4. Shpedro says:

    Isto não tem nada a ver com o Grooveshark. 🙁

    E eu cheguei a comprar conta no Groovshark, pois a funcionalidade deles de broadcastera única. (a meu conhecimento).
    Espero que de alguma forma voltem.

  5. Mota says:

    Insisto… Uso o MEO Music e não quero outro.

  6. RCS says:

    E Soundcloud? Está na berra ou é impressão minha?

  7. Gitano de Harare says:

    É uma enorme tristeza assim como uma grande decadência social, gastar o que gasta em tabaco, drogas, saias, alcohol… e não ter o discernimento de comprar uma musica que podem escutar a vida toda, em qualquer parte do mundo, no formato que entenderem, e desta forma apoiar os artistas indie que ainda fazem coisas muito boas no mundo. Eu compro no beatport, junodownload, iTunes, Amazon. Estes serviços mencionados, spotify, pandora, meo, groove apenas servem para desbravar mais moribundo e enriquecer os parasitas que monopolizam as vossas vidas.

    • badsector says:

      Não conhecendo o beatport/junodownload mas em relação aos outros dois, esses não “servem para enriquecer parasitas que monopolizam as vossas vidas”?
      É que as margens de lucro desses serviços são absurdas quando comparadas com as margens dos artistas que tanto defendes.
      Se o teu comentário é defender artistas não defendas editoras/serviços que esses sim é que são parasitas.

    • Homo Erectíssimo says:

      O senhor “Gitano de Harare”(lá do Zimbabué),compra nessas plataformas todas porque deve ter bem guito para lá “esturrar”,como aqui se diz em Portugal !! Mas se o senhor tem há,infelizmente,quem não o tenha(€€€),percebe ?? Deixe-se de moralismos,as pessoas neste país são pobres !! Fala mal do Spotify,do Grooveshark e do MEO Music porquê ?? Tenha dó de quem é pobre !! Havia era de tudo ser grátis !! TUDO !!

  8. h.v says:

    “O novo site, alojado no domínio grooveshark.io” não funciona. Culpa meu computador? Se sim quem me ajuda?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.