Quantcast
PplWare Mobile

Supercarregadores da Tesla já estão em funcionamento na Guarda

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. Tiago says:

    Esses super carregadores dá pra todos os carros elétricos ou apenas prós Tesla?

    Qual o valor do investimento?

    • Fernando says:

      Só Tesla

    • Paulo Alexandre Pinto says:

      Sao exclusivos Tesla….

    • TugAzeiteiro says:

      É isso que eu acho mal… apenas Tesla’s podem carregar! Vamos voltar ao mesmo dos telemóveis no passado… cada um tinha um carregador diferente, até que por fim lá surgiu a imposição de terem todos a mesma porta. Eu bem sei que o custo de produção/implementação é todo da Tesla, mas bem que podia carregar outros veículos eléctricos, claro está a pagar! É como as gasolineiras, há sempre alguém que investe no posto e depois vende o combustível… Acho um perfeito disparato cada marca ter uma porta de carregamento diferente, e isso só irá atrasar a implementação do veiculo electrifico. Espero que a UE ou o organismo que regula isso coloque a mesma “norma” que colocou para os telemóveis….

      • Louro says:

        Existem outras coisas para além do tipo de porta de carregamento que iriam fazer com que nao funcionasse em outros modelos.

        Como disseste e muito bem, se o investimento é Tesla entao nao me parece que eles tenham de suportar qualquer outro veiculo.

      • Victor Vaz says:

        Caro amigo.
        Essa norma já existe. Todos os carros elétricos possuem tomada Tipo 2 (Menekkes) para carregamentos até 22 kW. Chademo e CCS para cargas rápidas.
        A Tesla até usa o Tipo 2, que permitirá no futuro a carga de outros veículos, embora não à velocidade 120 kW, assim prevejo, a não ser que os outros fabricantes se adaptem.

      • Nonnus says:

        As coisas não são assim tão lineares, como nos telemóveis. Os outros carros eléctricos não Tesla não permitem a mesma potencia de carregamento.

        Então e qual era o problema? O problema é que vamos imaginar que um dono de um Tesla chega a um posto destes para carregar e encontra-se um Renault ZOE a ocupar um posto destes. Sendo que o Renault ZOE apenas carrega a 22KW e os postos Tesla tem uma potencia de 120KW o Renault ZOE estava a ocupar um lugar de carregamento e não estava a usar a potencia total que o carregador disponibiliza, logo o dono do Tesla não ia ficar muito satisfeito de estar a espera que o ZOE carrega-se a 22KW.

        Ao contrario dos telemóveis que são carregados em casa, estes postos são públicos e tem de ser o mais eficientes possível para diminuir o tempo de espera nos carregamentos.

        • Victor Vaz says:

          Não façamos confusão. Os Superchargers recarregam em DC, tal como os veículos com tomada Chademo.
          O Zoe recarrega em AC, modo 3, até 22 kW, e em PC rápidos até 43 kW (julgo que também em modo 3, AC).

  2. Sr. Manel says:

    Estranho ser na Guarda. Devem ter la imensos teslas… e nao fazerem antes nas capitais.

    • Pedro Pinto says:

      Não é preciso existirem Teslas…mas passam por cá vários Teslas, que fazem a ligação Portugal-EUROPA (e vice-versa). Isso é uma ideia de quem olha para o interior com desprezo. Nem tudo tem de acontecer nas capitais! (Já agora, a Guarda é capital de distrito).

    • J. Gomes says:

      Estavas tão bem calado!!

    • Pedro Coelho Silva says:

      É uma lógica mais de permitir viagens longas do que propriamente por densidade de veículos. Os VE podem ser carregados em casa, se tiverem garagem com tomada elétrica e portanto não necessitam tanto de abastecer no dia a dia como os Veículos “tradicionais”. Claro que nas grandes cidades muita gente não tem garagem com tomada elétrica e a tesla já começou a lançar “super carregadores urbanos”, mas penso que na europa ainda vai demorar 1 ano até vermos isso, em antecipação a chegada do model 3 que vai ser vendido em quantidades muito superiores aos actuais S/X .

    • Manuel Arcângelo says:

      Estranho é não ser em Vilar Formoso! Aí sim, é que servia para desenvolver o interior do interior! Mas alguém tinha que patrocinar, e neste caso lá foi o hotel a chegar-se à frente. Menos mal. A ideia não é para os que lá existem, porque esses podem carregar em casa. Isto é útil para quem passa, e por isso faz sentido ser à porta de um restaurante ou hotel (também podia ser numa praça onde houvesse vários restaurantes, claro).

  3. Victor Vaz says:

    Os Superchargers destinam-se apenas a Teslas. No futuro pode vir a mudar. Eles localizam-se nos trajetos de longo curso. É muito bom para a Guarda, que passa a ser conhecida por quem tem o privilégio de ter um carro do futuro.

  4. Victor Lavoura says:

    Então como pode ser um Renault Zeo com autonomia de 180 km carregando na Tesla 30 minutos fica com autonomia de 270 km ?

    • André Correia says:

      Os carregadores são exclusivos para Teslas pelo que não podem (até ver) ser utilizados por outros carros

    • Paulo Alexandre Pinto says:

      Nao pode pois é um protocolo de carregamento exclusivo da Tesla… so Teslas podem carregar la

    • Pedro Coelho Silva says:

      De qualquer forma referir Km não é o mais correcto,apesar de talvez mais fácil de entender. Se formos entrar em detalhes, ss carregadores dao x Kw por minuto, que até variam dependendo se a bateria está quase vazia ou quase cheia. A distancia que permitem realizar depende da eficiencia da conduçao e do carro. Um model X a 120km/h gasta muito mais que um model 3 a 60 km/h

      • Louro says:

        Sim correcto e ao mesmo tempo nao, da mesma forma que quando falamos em autonomia de um carro a combustao nao falamos no consumo total do mesmo no eletrico também nao devemos de o fazer.

        Quanto ao model x vs model 3 mesmo isso é relativo, pois depende de vários factores.

  5. Gouveia says:

    Esperemos é que ninguém se lembre de ir vandalizar, é que em Portugal há sempre aquela malta muito”inteligente” que gosta de fazer os testes de durabilidade.

    • Tiago André says:

      esses testes de durabilidade ate sao interessantes, aqui em marvila fizeram os testes de durabilidade às maquinas de venda de bilhetes, conclusao: ninguem paga comboio

  6. Joel says:

    haha a mentalidade que Lisboa é Portugal o resto é paisagem… a nível de trajetos rodoviários é mais que lógico ser na guarda ou a partir de Vilar formoso, a paisagem que faz fronteira com a Espanha, ficar a quase 400km de “Portugal”.

  7. Victor says:

    Tanto hype com a Tesla… BMW i3, Renault Zoe, Nissan Leaf entre outros.
    Ou muito me engano ou a Tesla vai ser a Apple dos carros.

    No entanto, estou mais curioso para as motas eléctricas que ainda são escassas

    • Victor Vaz says:

      A Tesla é o iPhone dos carros. Os Tesla têm atualizações pela internet, andam sozinhos (ainda em fase beta/testes), têm cerca de 500.000 reservas para um modelo que está a fabricar (cerca de 30.000 já entregues, e a produzir cerca de 3500 por semana, em escalada), o carro é controlável à distância (podemos dar autorização para um amigo o conduzir, mesmo estando o dono no outro lado do mundo…), só produz carros elétricos, etc…

      • Victor Vaz says:

        Correcao: Apple em vez de iPhone

      • pedro says:

        Yep, e tem seguidores tipo seita ou claque.
        Lol

        • Louro says:

          Sem dúvida, da mesma forma como tem os haters…

          Na verdade é 100% comparável aos Tesla.

          Tipo 1 – Aquele que tem dinheiro para ter um Tesla, mas decide comprar um Leaf porque se adapta melhor aquilo que quer e ás suas necessidades,
          Tipo 2 – Aquele que tem dinheiro para ter um Tesla e que se lixe lá o resto, vou comprar um Tesla.
          Tipo 3 – Aquele que gosta de tecnologia, gosta de carros e olha para um Tesla como uma inovacao no mercado, pode ter dinheiro para comprar um mas nao acha nessário.
          Tipo 4 – Tal como na Apple este pelos estudos realizados representa uma maioria, como todos sabemos como sao estes estudos tem a credibilidade que tem, Aquele que diz ter dinheiro para comprar um Tesla mas diz que nao compra porque nao presta e sao overpriced.
          Tipo 5 – Aquele que nao tem onde cair morto mas que gosta de vir para os foruns e blogs comentar a dizer que a Tesla nao presta e que nunca na vida compraria um.

      • noname says:

        Concordo!

        https://www.youtube.com/channel/UCfV0_wbjG8KJADuZT2ct4SA

        Vejam alguns dos vídeos deste canal de Youtube, que mostram a “facilidade” de reparar Teslas….

  8. José Madeiras says:

    Concordo com os 3 sítios aonde estão localizados os super carregadores tesla mas acho que Lisboa e Porto seria importante pela quantidade de teslas e a vinda de outros países

    • Victor Vaz says:

      Numa fase futura talvez Lisboa e Porto ganhem SC, mas não é importante agora.
      Para nós portugueses, principalmente quem pode ter um Tesla, é importante o Algarve. No norte já está a ser instalado o posto de Superchargers da Pena (a norte de Vila Real).

  9. João says:

    Para quando, estes carregadores em Braga

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.