Quantcast
PplWare Mobile

Radares de velocidade em Lisboa continuam desligados mas “metem medo”

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. André R. says:

    Os novos radares devem aguardar a instalação do contador de energia, que hoje em dia é um suplício para pedir a instalação de um…

  2. Tiago Alves says:

    Pode não estar a funcionar hoje, mas quem garante que não estão amanhã?
    É melhor não arriscar.

  3. Jane Doe says:

    “mete medo” mas não dão rendem multas, que é para isso que servem.

  4. André Silva says:

    A culpa é do Costa? Oh wait… A moda é dizer que a culpa é do socialismo… Mesmo que não seja.

    • Jane Doe says:

      Então o Costa nunca esteve na moda, porque a culpa das asneiras que ele faz nunca é dele nem do socialismo… Desde o Passos Coelho até nem sei quem, não lhe falta a quem apontar o dedo. Até fazendo o que quer e lhe apetece (aka maioria absoluta), consegue responsabilizar os outros, é um verdadeiro artista!
      Afinal de contas o primeiro ministro é alguém com poucas ou nenhumas responsabilidades…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.