Quantcast
PplWare Mobile

Maior camião do mundo elétrico, será movido agora a hidrogénio

                                    
                                

Autor: Vítor M.


  1. LA says:

    No meu entender, penso que o futuro estará no hidrogénio.

    • David Cordeiro says:

      Sim, enquanto não existirem baterias suficientemente pequenas e com grandes autonomias, terá de se optar pelo hidrogénio!

    • IonFan says:

      Acho normal que pense assim. Eu próprio já pensei assim. Depois de explorar o assunto, percebi que a solução do hidrogénio (FCEV) é bastante inferior à das baterias (BEV). Ficou de tal forma claro que neste momento conduzo um carro eléctrico a bateria.

      O hidrogénio tem cerca de um terço da eficiência do ciclo completo (desde a produção da energia até à transformação em movimento). Isto quer dizer que, com a mesma energia gerada, percorre 3 vezes mais kms com um BEV.

      Além disso as células de combustível necessitam de metais mais raros, como por exemplo a platina (não deve ser coincidência este FCEV estar a ser desenvolvido para uma empresa que minera platina), e continuam a necessitar de uma bateria de suporte. Ao contrario dos BEV que consomem electricidade que pode ser gerada por cidadãos comuns, os FCEV mantêm-nos reféns de uma infraestrutura de produção e distribuição, controlada por alguns. Talvez esta ultima particularidade seja a principal razão pela qual ainda vemos a promoção desta tecnologia.

      Os FCEV têm algumas vantagens, mas a meu ver e exceptuando alguns casos extremos, não se sobrepõem às desvantagens em relação aos BEV.

      • darksantacruz says:

        Entendi os seus motivos e concordo que atualmente os FCEV ainda nao sao alternativa mas ate os mais entendidos na materia indicam os FCEV como sendo o futuro e os BEV apenas como transicao para os FCEV. Que tal deixar a tecnologia dos FCEV evoluir? Serao certamente a verdadeira alternativa verde.

        • IonFan says:

          Como é que algo que necessita de 3x mais energia pode ser mais verde?
          Evoluir mais? O conceito foi criado no inicio do século XIX. Fez no ano passado 50 anos que o Homem foi à Lua. O modulo de serviço da Apollo já usava células de combustível (porque tinha o hidrogénio e o oxigénio do motor disponível). Há mais de 40 anos que esta tecnologia é utilizada em veículos terrestres. É suposto esperar indefinidamente?

      • Samuel Carreira says:

        Ia para comentar algo nestes moldes também. Depois de se analisarem todos os prós e contras técnicos, chega-se facilmente à conclusão de que o hidrogénio apenas fará sentido em casos muito específicos. Falo especificamente da indústria do transporte de mercadorias onde fará cada vez mais sentido converterem os motores dos grandes navios comerciais para uma solução com hidrogénio. No caso do vulgar automóvel doméstico, a opção elétrica com armazenamento em baterias (atualmente de Lítio) será o futuro. Desde que a tecnologia das baterias permitiu criar células com uma maior densidade energética (por volume e massa), a eficiência do veículo elétrico fez com que se tornasse uma opção muito competitiva. Aliás os próprios fabricantes estão a perceber que até a nível de fabrico será possível colocar no mercado um automóvel com valor mais baixo (menos partes móveis na linha de montagem, menos R&D em algumas áreas muito específicas como a metalurgia para a fundição dos blocos do motor, ou as inúmeras complicações técnicas derivadas das metas para diminuir o consumo e as emissões). A tecnologia atual das baterias, já torna estes veículos uma boa opção para alguns casos e tudo aponta que com o avançar da tecnologia ainda se torne a opção ideal para praticamente todo o parque automóvel.

  2. Fulano says:

    Sempre disse e contínuo a dizer: O futuro é sem dúvida o hidrogénio.
    Carros movidos a baterias de lítio não têm futuro, apesar de no momento serem uma moda.

  3. sandrosfc says:

    Adoro essas particularidades da língua Portuguesa de Portugal.

  4. Ruben says:

    Grande novidade, excelente, ser humano só destrói se quiser ou houver dinheiro nesse campo, capacidade de inteligência e enorme. Parabéns pela construção e pela notícia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.