Quantcast
PplWare Mobile

Gigafactory 4 já abriu e Elon Musk afirma que os Teslas podem sair no próximo mês

                                    
                                

Autor: Rui Jorge


  1. R says:

    “Mas nem tudo é perfeito. Elon Musk disse que a Tesla estava preocupada em não conseguir o recrutamento suficiente de pessoal para operar na nova fábrica, apelando a que as pessoas de “toda a Europa” se candidatassem.”

    Por cá também há imensos problemas de mão de obra mas imensa gente no desemprego e a receber RSI. As ofertas de trabalho serão assim tão más?

    • Pensador says:

      Trabalho há muito mas as pessoas procuram é emprego.

    • Manuel Costa says:

      O problema da Tesla nem são os ordenados… são os turnos de 19 horas consecutivas com 30 minutos para 3 refeições.
      Um prémio de desempenho são 18 meses de ordenado. Chegar lá são 38 meses de trabalho com mais de 300 horas mensais.

      • Paulo Santos says:

        “O problema da Tesla nem são os ordenados… são os turnos de 19 horas consecutivas com 30 minutos para 3 refeições.”

        Diga lá onde viu isso escrito, pois parece-me que nem em países sem direitos laborais isso é permitido.

        • nuno says:

          “O problema da Tesla nem são os ordenados… são os turnos de 19 horas consecutivas com 30 minutos para 3 refeições.” E é assim que começam as desinformações e fake news na net.

      • eu2 says:

        Quem tem acompanhado os comentários do pplware sabe que Manuel Costa costuma exagerar nos números. Agora esqueceu-se de colocar um número com muitos zeros, o que deixaria claro que são números inventados.

    • Silva says:

      Claro, quem recebe o RSI terá certamente as qualificações para ir trabalhar para esta fabrica. E para mais, segundo o seu comentário. ir trabalhar para uma fabrica deste género, é tão fácil como concorrer a cantoneiro. Espetacular análise.

  2. Pedro L says:

    Se não encontram trabalhadores a 800 que experimentem a 1600 que talvez aparecam alguns

  3. jimmypt says:

    Não compare duas realidades completamente distintas.A nossa realidade é que,não há muita gente interessada em certas ofertas de emprego com o salário mínimo e trabalho extenuante.Ás pessoas preferem andar a pedir carimbos para receberem o subsidio de desemprego.

    • Manuel Costa says:

      Não é nada disso… receber 600 euros limpos, gastar 280 para chegar à empresa e voltar a casa, ter de cumprir os códigos de indumentária que levam, mais de 4000 euros, nos primeiros meses, refeições em que dão 5 euros de subsídio de alimentação, sendo que o local mais próximo leva 15 euros pela refeição simples… no fim dos 600 euros, 580 foram para os gastos de estar a trabalhar, quando não há mau tempo e o combustível faz gastar mais dinheiro do que se recebe.

      • R says:

        E, já agora, acrescente-se a enorme fatia que fica para o Estado.

      • Milhais says:

        Que trabalho e que tens, onde tens de gastar do teu proprio bolso 4k euros em indumentaria? Toda a minha roupa de trabalho sempre me foi oferecida pelas empresas, roupa, botas e ferramentas.

        O ir ao restaurante, e que tal levar umas sandes ou marmita de casa? Nao vejo os Holandeses, Alemaes ou Polacos a queixarem se de levar sandes para o almoco. Mas no pais do sol, todos querem uma boa almocarada de uma hora e meia.

  4. Mig21 says:

    Ambientalistas contra fábrica de veículos eléctricos e de baterias? Que surpresa (ironia!)!
    Não há como entender esses “ambientalistas”…

    • João Ferreira says:

      Só ficam satisfeitos quando mandam tudo para a china tornando-os mas fortes onde podem fazer copy cat da tech por aqui desenvolvida de forma muita mais barata porque nao tem de ter grandes despesas. Basta espiar. Enfim. Hipócritas.

  5. Ugreen says:

    Agora ja ninguem tem desculpas para nao comprar um. Pensem no ambiente

  6. Ugreen says:

    Agora ja ninguem tem desculpas para nao comprar um. Pensem no ambiente e menos no umbigo

  7. Manuel Costa says:

    A Tesla que pague melhor (salário base são 3700 euros mas com 74 horas de trabalho semanal, nalguns com turnos de 19 horas consecutivas) ou corrija os horários super abusados que quer praticar.
    Além de deixar de cobrar 8100 euros pela formação anual dos seus próprios funcionários… É normal que não consigam mão de obra especializada com estas condições, mesmo com os 190000 milhões que a Alemanha lhes pagou.

    • Paulo Santos says:

      Desculpe, mas 190000 milhões ? Sabe o perfeito disparate dessa afirmação?

    • Milhais says:

      Opa que o pessoal nao curta esta ou outra empresa ainda entendo. Mas agora espalhar desinformacao isso ai nao faz sentido.
      Na Alemanha a media de horas de segunda a sabado nao pode exceder as 8horas ou 48h por semana. Por isso para de espalhar desinformacao e numeros sem sentido. Quem dera ter uma empresa destas dimensoes em Portugal.

  8. wtvlol says:

    Mais promessas do Sr. Charlatão.

    Ainda há quem acredite…

    • Vítor M. says:

      Charlatão? 😀 o homem não lida bem com prazos, mas no resto está a dar cartas. Mudou a indústria automóvel, mudou a indústria espacial, está a mudar a indústria das comunicações por satélite e continua a querer acrescentar à sua loucura a ida a Marte (fora outras áreas onde está também a investir). Por isso, de charlatão não tem nada 😉

    • iFernando says:

      quando o comentador está tão longe, tão longe da realidade, que nem a foto da Gigafactory consegue ver, passa a ser ele próprio o Charlatão.

  9. Nick says:

    Quanto e’ que pagam?

  10. jca says:

    A probabilidade de sairem carros dessa fábrica no próximo mês deve ser inferior à de me sair o euromilhões. enfim mais uma aldrabice…

  11. Miguel Real says:

    Estão a misturar ‘coisas’ nos comentários, A Tesla escolheu um dos países com salários mais altos e maior poder de compra da Europa perto dos países nórdicos também com maior poder de compra. os painéis solares e as baterias poluem muito menos que as alternativas. O poder e a aldrabice dos construtores automóveis Alemães realmente passaram quase impunes. Recebi uma carta do centro de emprego, (que no passado convocou um invisual par motorista de camião É VERDADE. para ir limpar depósitos de matérias perigosas na refinaria de Leça da palmeira pelo ordenado mínimo, agora pensem !!!. Esta escravatura moderna do salário minimo para todos que deixa muita gente sem dinheiro para viver na segunda metade do mes continua a engordar muitos que quase nem impostos pagam por cá.

  12. TugAzeiteiro says:

    Portanto o preços dos TESLA vão baixar é isso? Já que não há importação (transporte marítimo vindo dos EUA ou China e seu custo ), ou visto que já não será preciso pagar igualmente a Taxa/imposto de importação de país terceiro para a UE…. Pois… não me parece!!

    • Toni da Adega says:

      VW é fabricada em Palmela, e depois são mais baratos em Espanha ou Alemanha que em Lisboa 😀

      • Miguel Real says:

        Alem do poder de compra em Espanha, (Madrid), e da Alemanha ser superior ao nosso, (menos horas de trabalho por compra). Sabemos que somos um pais médio na UE mas para o bem e para o mal atrasado e remendado por 48 anos de salazarismo fora os anos anteriores ao estado novo, (velho), de desgraça. Somos um pequeno mercado no sudoeste da Europa, (com muito bons recursos humanos mal geridos e desaproveitados), usamos as condições naturais quase só para o turismo, mas felizmente conseguimos não explorar petróleo na nossa costa embora se fosse como os nórdicos ate ja poderíamos ter minas de lítio e exploração de petróleo mas para consumo interno e/ou com valor acrescentado, (não exportar lítio/petróleo em bruto) e real respeito pelas populações e natureza minimizando os riscos mineiros, (ainda temos tradição mineira ex: uranio). Por fim sabemos que as cargas fiscais sobre os carros, os combustíveis, as casas, etc não vão diminuir mas para pormos os mais ricos a pagar mais impostos temos que os convencer de que valará a pena e acabar com a cultura da corrupção e suborno e fuga aos impostos ‘recompensando’ quem paga mais mas sem exagerar…desculpem estava a sonhar Mundo século XXI 2012 será parece não parece !!!

    • Gonçalo says:

      Sim, vão baixar

      • wtvlol says:

        Podem baixar mas haverá algum tipo de imposto no futuro. O estado tem ter receita de alguma forma. IUC irá ser caríssimo? Irão haver taxas altas ao conectar o EV a um carregador?

        A mina de ouro dos impostos dos combustíveis vai possivelmente acabar daqui a umas décadas.

  13. Miguel Real says:

    Não me parece que os preços dos Tesla ou outros automóveis eléctricos baixem, podem é aparecer no tempo modelos mais abaixo na(s) gama(s), ou CHINESES pois estão já noutros países da Europa. Alem disso os carregamentos também tendem a aumentar com a subida dos preços da electricidade a não ser para quem possa carregar em casa com energia renováveis, (mas com um retorno de investimento mais curto se servir casa e carro(s)),. No entanto como os combustíveis fosseis e os carros que os usam ainda vão subir mais que os carros eléctrico a electricidade será sempre uma boa opção para quem o possa fazer. E os incentivos para tudo o que for eléctrico também tendem a desaparecer É mesmo assim o melhor caminho e talvez o único electrificar tudo o mais possível com auto-consumo e venda para a rede pois será mais ‘barato’ que o que existe com derivados do petróleo embora a janela de mudança venha a ser mais longa do que quando mudamos dos cavalos e do vapor para gasolina e gasóleo, (infelizmente o GPL auto não é incentivado).

    • Vitolas says:

      O GPL não tem incentivos nenhuns porque segundo alguns iluminados o carro como é a gasolina apesar de ter o kit a GPL pode efetivamente andar a gasolina, logo não tem qualquer incentivo ou regalia em rigorosamente nada como se alguém no seu perfeito juízo e ainda por cima com o preço dos combustíveis como estão fosse andar a gasolina tendo o GPL ao alcance de um botão.. Nas inspeções a mesma tem de ser feita a gasolina, o selo paga como carro a gasolina, instalações de GPL com iva a 23% ou compra de carros novos pagam os mesmos impostos de um carro só a gasolina.
      E tudo isto apesar das diferenças que todos sabem a nível de poluição em relação a um carro somente a gasolina ou a gasóleo ou até em comparação aos pseudo elétricos que são os híbridos.

      Já agora, quando fui a inspeção repetiram o teste ao CO2 por 3 vezes porque os valores eram mais baixos em 10 g/km em relação ao que estava no livrete e isto num carro com 18 anos e mais de 210k.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.