PplWare Mobile

Ford Cortina de 1959 recebe transplante de motor de um Tesla Model X acidentado


Imagem: The Driver

Fonte: The Driver

Autor: Vítor M.


  1. Mendez says:

    Mas não se fala no isolamento e qual foi ?
    Parece-me que isso nem existe , portanto está todo contente por estar sentado em cima de um posto de transformação eléctrico.
    Está-se bem é saudável.
    No dia que perceberem como isso é saudável será tudo a querer despachar o brinquedo.

  2. Francisco Santos says:

    Mendez, um posto de transformação eléctrico? Os cabos das velas do Cortina original tinham muito mais tensão.

  3. Garga says:

    Quero ver, quando tudo estiver eletrificado, de qual usina nuclear virá a energia pra demanda exorbitante… Baterias tem vida útil limitada e ainda não são renováveis, quero ver onde irão enterrar tanto lixo…

    • Francisco says:

      Sempre a mesma lenga-lenga de ignorante.
      É melhor leres blogs mais científicos que a secção de comentários do pplware, daqueles com estudos e factos.
      Digo-te já dois: antes sequer de serem alvo de reciclagem (que são), são reutilizadas nos mais variados fins.

    • JL says:

      E se tiver de vir de uma central nuclear ( que não é necessário), qual é o problema ? Já lhe fizeram algum mal ?

      Então e o gasoleo e gasolina não tem uma vida útil limitada ? e o motor que os consome não ? dura para toda a vida ?

      Enterrar para ? vão fazer o mesmo que fazem aos actuais veiculos !! sabe o que fazem ?

  4. JL says:

    Gostava de saber onde é que está o motor tesla? looool

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.