Quantcast
PplWare Mobile

Ciclovia coberta por painéis solares no meio de uma autoestrada? Parece ser um sucesso…

                                    
                                

Autor: Vítor M.


  1. paulo rodrigues says:

    Existe uma falha de segurança latente… já todos vimos o que acontece com um veiculo pesado desgovernado… facilmente derrubará esta estrutura passando, inclusive, para a via contrária! Quem for apanhado pelo meio o mais certo será entregar a alma ao criador…

    • rodrigo says:

      um veiculo pesado tanto pode ir para o centro como pode ir para os lados.

      • mariopac says:

        Para o centro há o dobro das possibilidades porque há trânsito nos 2 sentidos, além da poluição parecer-me mais concentrada.

      • paulo rodrigues says:

        Sim pode ir para os dois lados, eu refiro-me para o centro que é o que está em causa… já agora, caso não saibas, também pode ir para o ar (subir), depois cairá por força da Lei da Gravidade… sim pode cair ao centro, à direita, à esquerda, à frente, atrás… já que temos que considerar todas as probabilidades mesmo que o que está em causa é o centro…

    • Pedro AndreAlvarenga Simões says:

      Nos tambem rstamos aqui mal. Um meteorito vai cair um dia destes aqui na terra

      • paulo rodrigues says:

        Sim é verdade… mais rápido cai um meteoro, como o que extinguiu os dinossauros, do que um veículo nesta autoestrada tem um acidente que o leva a esventrar o centro da via.

    • daniel199202 says:

      Só uma coisa pelo que sei, os pesado nunca chagam na faixa do centro que é mais a esquerda 😀 mas sim há perigo de acidente, mas como eles planeia ter carros autónomos o risco vai diminuir muito haha, by the way não podes ter uma mentalidade tão pessimista

    • Joaquim ciclista says:

      Por essa ordem de ideias não havia ciclistas nas estradas… No IC apanho camiões a 80km/h a passarem a 50cm de mim!

  2. Vivas says:

    E que tal uma autoestrada no meio de uma ciclovia? Isso é que era inovação a sério!

  3. Wishmaster says:

    Tem vantagens, mas não é com certeza para fazer um passeio de bicicleta. Será mais para apenas deslocação ou apenas treino. O ruído dos veículos numa auto-estrada atinge decibéis elevados…Um passeio de bicicleta nesta ciclovia nunca será uma experiência agradável.

  4. Blackbit says:

    Acho a ideia perigosa, por alguma razão os peos e ciclistas não podem circular nas autoestradas.
    É verdade que esta ciclovia esta “protegida” das viaturas mas nada impede um ciclista mais maluco de atirar objectos para os carros…

    • censo says:

      Tal como o inverso !

    • Filipe F. says:

      Da mesma forma que nada impede passageiros de automóveis que circulam numa autoestrada mandarem coisas da janela, que acertam noutros carros, ou teres as passagens aéreas onde qualquer pessoa ou até criança pode ir para lá mandar coisas para a autoestrada. Parece-me menos provável um ciclista neste país e nestas condições andar a mandar objetos para os carros porque sim, do que andar cá na autoestrada e levar com beatas ou lixo atirado pela janela, de carros que circulam a nossa frente, que é o pão nosso de cada dia.

    • Francisco R says:

      E um maluco numa ponte não pode atirar um tijolo para um carro que passe numa autoestrada por baixo da mesma? Ou a própria bicicleta? Se pensarmos todos como você mais vale viver num bunker.
      A ideia está excelente, e os acessos por túnel são espetaculares.
      E uma coisa é certa, não vão haver carros estacionados no meio da ciclovia.

      • uIMF says:

        O que já aconteceu várias vezes em Portugal.
        Por mim até podem por uma ciclo na lua, se ajudar a que não haja tantos acidentes nem engarrafamento. Está óptimo
        Só é pena em Portugal o preço de km de cada ciclovia custar o preço de 5 kms em outros países ( deve ser porque cá temos mão de obra cara só pode)

  5. Alguem says:

    “protege os ciclistas do sol” mas a sombra está na estrada dos carros

  6. Joao Ptt says:

    Aqui o problema óbvio é a poluição dos automóveis, enquanto a maioria ainda for movida a combustíveis que produzam poluição.

    Os painéis solares, partindo do princípio que não ofuscam a vista dos condutores, por um lado produzem energia quando existe luminosidade suficiente, e ainda protegem um pouco os ciclistas da Luz solar directa e da chuva.

    Os acidentes, bem, existem limites ao que se pode fazer, mas nada impede de reforçar a estrutura a qualquer momento, nomeadamente ao construir estas ciclovias… ou tentar ir à origem do problema tentado que as pessoas nem cheguem a circular a velocidades suficientemente elevadas que possam ultrapassar as barreiras de segurança em caso de acidente… ou uma conjugação de ambas.

    De uma ciclovia nunca me tinha lembrado de colocar numa auto-estrada, já me tinha lembrado era de uma ferro-via, para permitir a circulação de comboios de forma mais rápida…. claro que isso por si também teria imensas dificuldades a vários níveis, teria de haver demasiada vontade para tal, coisa que não parece existir, pelo que nunca sequer tentei propor ou apresentar a ideia antes, e vou continuar assim, porque não vejo que seja viável na actualidade tal ideia, mesmo com as preocupações ambientais, redução de tráfego, redução de importação de combustível, redução de acidentes, etc.

  7. art says:

    Não há um país que cobriu as linhas férreas com painéis solares ? Realmente , quer as autoestradas , quer as linhas férreas , têm áreas enormes por aproveitar…..Por aqui a única coisa que vi foi construírem um edifício em cima de uma linha férrea , aproveitando a cobertura dada pelo prédio , para fazerem uma estação….suponho que essa ideia irá ser replicada ….

  8. Redin says:

    Olha isso tudo e a funcionar para oferecer suporte aos carregadores eléctricos nas estações de serviço???

  9. Koso says:

    Pra mim o único senão é a intoxicação dos ciclistas!

  10. KodiakShadows says:

    Pelos comentários até parece que isto é em Portugal ou os condutores de ambas as vias são tugas.

  11. paulo rodrigues says:

    Não faltam é sítios para colocar painéis solares que não estejam sujeitos a levar com uma viatura na sua estrutura… agora devia-se era criar qualquer coisa como a obrigatoriedade de instalação deste equipamentos em tudo o que é feito de raiz (novo). Não será, como é óbvio, em tudo mas grandes edifícios por exemplo. Os estádios de futebol cuja cobertura tivesse estes painéis daria muito metro2….

  12. Xnelox says:

    Acho mal, um acidente pode dar cabo dos painéis solares! Eu retirava os painéis mas mantinha a ciclovia

  13. Romiga says:

    Raios para os Treinadores de bancada. Depois de ler os comentários podemos pensar que os Coreanos são burros e suicidas. Acham que eles não fizeram estudos para perceber os perigos? Com esta mentalidade da treta não vamos a lado nenhum. Isto é inovação, aproveitei o espaço que não era usado para gerar energia solar, permitem a circulação de veículos ecológicos.

    • Francisco R says:

      Mas o pessoal não quer, anti-inovação, é melhor não mexer em nada e fica tudo quieto.
      Para que é que criaram a world wide web também, chatos pá.

  14. João Santos says:

    A acústica resolvesse mais facilmente do que evitar os acidentes possam vir a atingir a ciclovia.

  15. abdo hamdam says:

    Muito legal a ideia, ao mesmo tempo que criam uma ciclo estrada, utilizam a mesma para produzir energia com os painéis solares.
    Sim não é um a ciclovia para passeios mas na verdade uma ciclo estrada o que serve para difundir ainda mais o cicloturismo, dando aos ciclo viajantes segurança e conforto.
    Quem dera aqui no Brasil houvessem soluções assim. Afinal ser ciclo viajante por aqui é um exercício brutal de sobrevivência com estradas em péssimo estado de conservação, muitas sequer dispondo de acostamentos e motoristas completamente mal educados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.