Quantcast
PplWare Mobile

Ataque russo destruiu Antonov An-225, o maior avião do mundo

                                    
                                

Autor: Ana Sofia Neto


  1. L.Sousa says:

    É uma pena era um excelente avião utilizado para muitas missões humanitárias!
    Quem pediu esta guerra?

    • Joao Ptt says:

      Quem não se preparou previamente para a Guerra: Ucrânia, neste caso.

      Quem se descuida na defesa abre espaço para o ataque.

      Fique inquieto, algures no futuro (não tão longínquo como isso) será o resto da Europa, que se tem desleixado bastante na sua defesa militar (pessoal, equipamentos e treino a sério) e por isso andam os políticos a fingir ser fortes mas sabem perfeitamente que numa guerra total a sério não têm hipótese real de ganhar… seja contra os Russos, ou até contra os radicais Islâmicos que só estão à espera de um líder carismático para os levar na luta contra os malvados europeus (da perspectiva deles)… e de algo que possam encarar como um sinal “divino” de aprovação para perderem todo o medo e que simultaneamente os favoreça tacticamente falando.

      • Não digo says:

        Lolol, militarmente a EU mete a Rússia a um canto, depois na NATO nem se fala.

        • AlexS says:

          “Lolol, militarmente a EU mete a Rússia a um canto, depois na NATO nem se fala.”

          Vejamo, tanques top só uns 100 M1 americanos e uma dezena de Leopards Alemães com defesa anti missil Trophy Israelita.

          UK:150 tanques Challenger 2 dos anos 80 ultima modernização: invasão do Iraque para alguns
          Italia: 200 tanques Ariete dos anos 80 sem modernização.
          Alemanha: 220 tanques Leopard , alguns modernizados.
          USA – na Europa: várias brigadas de tanques M1 modernizados
          Holanda – já não tem tanques
          Bélgica – Já não tem tanques
          Portugal -37 Leopard semi modernizados
          Espanha – 300 Leopard semi modernizados
          Austria 50 Leopards semi modernizados
          Dinamarca 40 Leopards semi modernizados
          Grecia 700 Leopard destes 400 semi modernizadoes
          Hungria 60 Leopard semi modernizados
          Noruega – 30 Leopard semi modernizados
          Polonia – 250 Leopard semi modernizados
          700 T-72 dos anos 80.
          Romenia 400 tanques do PVarsóvia dos anos 80.
          França – 400 Leclerc semi modernizados.

          • AlexS says:

            E um importante pontos é que a NATO não tem praticamente defesa anti-aerea para as suas forças terrestres tem de ter o domínio do ar e é muito inferior em artilharia comparados com os Russos que têm misseis de curto e medio alcance com opção para ogivas nucleares de baixa intensidade. A NATO não tem nada disso.

          • B@rão Vermelho says:

            Por favor não digam tanques que aquilo não serve para lavar roupa, são carros de combate, se tivessem sido militares sabiam a diferença
            A não ser que estejamos a falar de tropas com as fardas engomadas e lavadinhas 🙂

        • Secadegas says:

          Quando não se sabe do que fala, inventa-se…

      • TSSRK says:

        Vai lá tu ensinar o exercito deles, pareces saber muito.

  2. says:

    Era o único existente…

  3. Luis says:

    Vão buscar o dinheiro dos oligarcas nas contas offshore para pagar esta porcaria toda.

  4. Bitcoina says:

    A Russia Constói a Russia Destrói

  5. Miguel says:

    Quando vão começar a ser site de tecnologia novamente @Pplware?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.