PplWare Mobile

Alemanha abre a primeira estrada eletrificada para camiões com sistema da Siemens


Imagem: Siemens

Responsável pelo Pplware, fundou o projeto em 2005 depois de ter criado em 1993 um rascunho em papel de jornal, o que mais tarde se tornou num portal de tecnologia mundial. Da área de gestão, foi na informática que sempre fez carreira.

Destaques PPLWARE

  1. Pedro Monteiro says:

    Lembram-se dos trolley cars no Porto e em Coimbra? E era nos anos 60 e 70 do século passado!

  2. Pedro says:

    Nas décadas de 80 e 90 já nós tínhamos autocarros a usar eletricidade através de catenárias. Afinal nunca os devíamos era ter abandonado…

    • Carlos says:

      Pois.

      Acho mesmo que essa solução (ou uma híbrida com baterias) poderia ser muito interessante. Os autocarros passariam a elétricos que carregavam via cantenárias e com a ajuda de baterias podia fazer troços de ligação onde esses [as cantenárias] não existissem.

      A cidade só ganhava: menos poluição quer sonora quer atmosférica!

    • Mário Dias says:

      Bem visto, nem tinha pensado nisso. Mas parece ser uma boa solução voltarmos a ter esse tipo de transportes assim poderiam ter baterias mais pequenas e serem mais baratos.

    • Pintor says:

      Se formos nós é antiquado, sendo os Alemães é inovação.

  3. Yosef Shlomo says:

    que coisa mais idiota !!! vamos voltar aos trolleybus !!! agora vao encher as estradas de cabo ! PQP
    depois querem que eu acredite em evolucao das especies ???

  4. Jpp says:

    Excelente ideia. Pena os vistas curtas dos STCP que retitaram as catenárias do centro do Porto

  5. anon says:

    E porque não voltar a idade da pedra? Reduzia-se a poluição a 100%.

  6. anon says:

    E porque não voltar a idade da pedra? Reduzia-se a poluição a 100%. Que absurdo!

  7. Marcos says:

    Ridiculo, querem nível de vida mas nao querem poluição e desgaste ambiental? Cansado já destas ideas de elétricos. Quando as pessoas começarem a ser atropeladas mais porque nao ouvem o carro chegar perto delas, ou porque estes falham miseravelmente, ai quero ver como vai ser.
    Viva o belo som dos V8, morte aos progressistas caviar!

    • Toni da Adega says:

      +1
      Ideias de quem pensa que nível de vida é viver sem barulho e poluicao.
      Querem nível de vida que se mudem para o centro da cidade principalmente em hora de ponta, é só abrir a janela e curtir.

      E digo mais, esplanadas em centro de cidade com zonas pedonais ou bloqueadas ao transito (como agora é moda), é para esquecer. Esplanada para ser boa tem que ser em rua movimentada.

    • Paulo Cunha says:

      Visionário! A UE já lançou a lei que a partir de 2021 todos os carros eletricos vão ter um som digital.

      Abraço e cuide do planeta.

    • João M. says:

      Desde miudo que aprendi que antes de atravessar a estrada tenho de olhar para os dois lados e que se estiver a andar na estrada (acontece em sitios sem passeio) devo andar do lado em que os carros vem de frente; isto aprendi tinha eu menos de 10 anos… a malta hoje é que passa a vida a olhar para o telemovel ou atira-se para a estrada sem olhar e os carros que façam o favor de parar…

  8. manuel says:

    A Alemanha com o compromisso de acabar as centrais nucleares, fazendo a vontade aos “ecologistas”, está construir centrais a carvão do pior, que é a tal lignite.
    Mas a propaganda só fala a Alemanha vai acabar com o nuclear…

  9. LSousa says:

    Afinal isto do elétrico não é assim tão ecológico. Como podem ver a maior parte da eletricidade bem de formas bem poluentes, e quanto maior a necessidade de eletricidade mais produção de eletricidade poluente é necessária…

  10. falcaobranco says:

    Acho engraçado é a Siemens dizer: “Deste modo, a Siemens referiu que o proprietário de um camião poderia economizar € 20.000 em combustível ao longo de 100.000 quilómetros.”

    Isto…quando a autoestrada só tem 10 kms disponiveis… é mesmo mandar areia para os olhos das pessoas, dos donos das empresas de camionagem e tudo o resto… 😀 😀

    Isto dos electricos só vai começar a ter impacto a sério lá para os anos 2050/2060…basta pesquisarem pela net fora os milhares de testes que já fizeram com baterias…de todo o tipo!

  11. ElectroescadaS says:

    Se a ideia é ter troços de estrada com este sistema onde um camião eléctrico percorre X quilómetros por forma a carregar as baterias (apesar de ir em movimento) para chegar ao destino (como se fosse um posto de abastecimento móvel) se calhar a ideia não é assim tão estúpida…

  12. Eleodoro says:

    Será que deveriamos apostar na energial renovável e limpa e com menos custos como as das celulas fotoelétricas, que são carregadas /alimentadas pelo Apollo? Sem o uso exagerado de lithum e sem hridogénio e sem combustiveis fosseis?

  13. Alexandre says:

    ” Os camiões consomem cada vez mais gasóleo”. Mentira! Se me disserem que cada vez existem mais camiões, aí estou de acordo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.