Quantcast
PplWare Mobile

Windows 11 não para de crescer e assume uma posição de destaque no universo Microsoft

                                    
                                

Fonte: AdDuplex

Autor: Pedro Simões


  1. Miguel Leite says:

    O Português com acordo ortográfico é uma palhaçada. Arquitetas, Para xD
    É só estúpido.

  2. Pedro says:

    verifica-se o mesmo em android, linux , ios e osx 😉 Sendo android o sistema operativo com mais utilizadores 😉

  3. Octávio says:

    Testei o Windows 11 para jogos… e voltei ao Windows 10.
    Windows 10 só pra jogos e browser,
    Windows 11 para meter no caixote do lixo pois para o o meu perfil de utilizador não serve para mais nada… ou serve para escritório de contabilidade vá.

    • João says:

      Eu e 99,99% dos utilizadores não trabalham com o sistema operativo mas sim com o software que lá esta instalado, daí que seja pouco relevante o sistema operativo.
      Aliás quem trabalha com o seu próprio sistema operativo é porque não tem mais nada para fazer, ou porque um ou outro dia na vida teve algum problema.

    • Fusion says:

      Engraçado que a historia volta a repetir-se vezes e vezes sem conta.
      A uns anos atrás era a mesma coisa vindo das pessoas..
      Windows 7 só pra jogos e browser,
      Windows 10 para meter no caixote do lixo pois para o o meu perfil de utilizador não serve para mais nada…

      Passados estes anos agora o Windows 10 já é bom?

      • Léo Simões says:

        Foi sendo gradativamente melhorado, agora o 11 está ao nível do 10 inicial. Não vale nada, faz coisas que não queremos, abre pastas que não pedimos e outras coisinhas mais, e quando lhe dá na telha bloqueia.

        • Fusion says:

          Tenho desde a versão beta (lá atrás no tempo) e nunca tive nenhum desses problemas reportados.. Alias mais te digo, sou power user de Windows desde o Vista e até hoje nunca sofri de nenhum problema que são reportados ao longo dos anos, inclusive o Vista zero problemas com ele.
          As vezes fico a pensar se é mesmo o sistema operativo que tem problemas ou se é o user que faz coisas que depois rebenta com o sistema

    • Gajo que sabe says:

      Já agora porquê?
      Dos testes que fiz a diferença de performance nos jogos é quase nula.

  4. Jota says:

    Essa de “partirem” o Windows 10 em 7 partes, está boa! É que não partissem, dava 76% x 24%!

  5. JR says:

    Eles puxam as estatísticas de um lado para o outro. É o marketing a funcionar, a Microsoft lida com números como os gestores de empresas, as pessoas a ser números, PC’s números etc. Enfim é uma alegria. A Microsoft só querem ver a malta a estourar a massa. Existem ai muitos bons PC’s que podem rodar o Windows 11 para quem o gostava de experimentar. Embora sei que existe contornos, mas não haveria necessidade de existir estes contornos se a Microsoft exemplificasse o processo de transição. Mas como eles (Microsoft) andam ressabiados por vender PC’s, andam com estes joguinhos de restrições e estatísticas.

    • Milton says:

      É bem isso.
      Analisem a história.
      Era WinXP, ótimo. Todo mundo usava. Veio o WinVista. Pesado. Só serviu para vender Hardware. Então veio o Win7, que até hoje tem adeptos, um excelente sistema. Então vem o WIN8, este só serviu para alavancar a venda de telas TouchScreen e pra amenizar vem o Win8.1. Então vem outro sistema bom que é o Win10. Agora vem o Win11 para ajudar na inserção dos novos processadores Intel no mercado. Daqui a pouco vem o Win12 pra usar a nova tecnologia. Aguardem.

  6. SANDOKAN 1513 says:

    Só quando o suporte base terminar para o Windows 10 lá para Outubro de 2025,ou seja,daqui a 3 anos e pouco,é que o Windows 11 terá possibilidades de passar o Windows 10.E mesmo assim,não sei,não…

  7. João Luís says:

    Infelizmente algo que não é o melhor usado pela maioria … como tantas outras coisas …

  8. irritadiço says:

    Vê lá quantas VMs não devem estar nesses novos windows 11 a aparecer. Só eu já instalei o Windows11 3 ou 4 vezes em VM e apaguei passado uma hora. Quando aparece ruma nova versão do W11 instalarei outra vez em VM…Mais uma pessoa a aderir ao windows 11 para esses tótós das estatísticas…

  9. Box says:

    É por isso que eu aqui na minha caverna continuo com MS DOS e nao quero outra coisa.

  10. João says:

    Lembro muito bem quando a MS falava que o W10 seria a última versão. Agora a MS vem com essa de lançar o 11 e não permitir a instalação nas máquinas mais comuns. Vai parar de crescer logo logo, assim que as máquinas compatíveis forem atualizadas, e que são minoria. Aqueles que burlam os requimentos, quebrarão a cara, pois ficarão sem atualizações e por consequência, vulneráreis. Mas tem sempre aqueles que se acham expertos o suficiente, que nem AV usam.

  11. Tuga Pobre says:

    Marketing, no seu expoente,

    Começando pelo titulo deste artigo ” Windows 11 não para de crescer e assume uma posição de destaque no universo Microsoft”

    Entende a Microsoft posição de destaque um sistema com 23,1% comparativamente ao antecessor com 76,1% é mesmo só para rir…

    Gostava de ver a estatística destes 23,1%, quantos já regressaram ao Windows 10, garantidamente iria surpreender ….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.