Quantcast
PplWare Mobile

Sony retira o jogo Cyberpunk 2077 da PlayStation Store e inicia os reembolsos

PUB

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. ze ze says:

    Já vi estas histórias antes… o marketing é fascinante.

  2. Miguel says:

    Cyberpunk é sem dúvida o melhor exemplo para explicar o porquê do orçamento destinado ao marketing ser cada vez maior, chegando em alguns casos quase á metade dos orçamentos totais.

    O Marketing não é mais do que a ciência de explorar a imbecialidade humana. Num mundo onde qualquer coisa recebe análises logo após ou até antes do lançamento, só consigo pensar assim.

  3. Rol says:

    O jogo e feito na polonia, tudo dito. Por isso so jogo exclusivos americanos ou japoneses.

    • O tipo says:

      Este foi o comentário mais estúpido que li hoje. Obrigado.

      Hint: The Witcher saga

    • Miguel says:

      Está visto que nunca jogaste a serie the witcher, inclusive um dos melhores jogas da geração, o witcher 3.

    • RM says:

      O jogo ‘The Witcher 3: Wild Hunt’ também é da CDPR e é um dos melhores jogos de sempre.
      E qual é o problema de ser feito na Polónia !?
      Os jogos Crysis foram feitos na Alemanha pela Crytek, se calhar também não valem nada para ti !?

    • asdasd@asjdas.pt says:

      O Witcher3 tem reviews de 9 em 10 ou mais em quase tudo o que é site de review e é feito no mesmo sitio pela mesma empresa 😀
      Por outro lado já á muito ano que se vive num mundo mais ligado, lá porque a empresa tem sede na polonia, não quer dizer que nao tenha equipas noutros paises…

    • Xnelox says:

      Cada um com a sua taradisse…

      Eu é mais torresmos

  4. Há cada gajo says:

    Esta malta não se enxerga. Querem um jogo de ultima geração a rolar em máquinas do passado e em ano de novas consolas no mercado. Hello ?????
    É um excelente jogo, mas tem ter uma máquina à altura do mesmo.

    • Miguel says:

      Sendo assim não o produziam para as consolas antigas.

    • Pedro Vieira says:

      Comentário mal informado. O jogo foi anunciado há quase uma década, e esteve em desenvolvimento muito antes de sequer serem anunciadas as consolas de nova geração.

      • Há cada gajo says:

        E ? Querias que o jogo continuasse a ser desenvolvido com a tecnologia de há uma década e fosse lançado com a tecnologia antiga ?

        • RM says:

          Nos PCs tens requisitos minimos e recomendados e os jogos funcionam em muitas configurações de hardware. Os jogos detectam o hardware e autoconfiguram-se para um bom desempenho.
          Na PS4 e XBox One, o jogo foi mal optimizado. O hardware não é velho.

        • iMF says:

          Há pessoas que gostas de ser enganadas hahaha
          Metem a venda um jogo por 70€ para a PS4 e não é jogável e acham normal.

          Se o jogo não tem capacidade para correr numa PS4 não ponha a venda. A partir do momento que sai para a PS4 tem de ser jogável.
          Pode ter menos gráfico como é óbvio, mas tem de ser jogável.
          Com 15/30 FPS não é jogável.
          Já ninguém se lembra do Batman para PC??? Podias ter o melhor computador possível, mas a certas alturas os dos caiam para valores não jogáveis.
          O problema está na optimização do jogo.
          Uma coisa são gráficos outra são a jogabilidade.
          Ponto final, se não é jogável não o lançam.

    • jo says:

      When was cyberpunk first teaser?
      Cyberpunk 2077 was announced in May 2012. Trailers for the game were released in January 2013, at E3 2018, and at E3 2019

      Sei que teaser não são trailers de gameplay, mas já lá vai o tempo.

    • qwertyuiopus says:

      Um jogo que demorou 8 anos a ser desenvolvido.

      Queres gozar com quem?

    • Leandro Barbosa says:

      Penso o mesmo, porém se essa fosse a resposta a culpada continuaria sendo a produtora, pois não deveria ter lançado para consoles mais antigos, mas o dinheiro sempre fala mais alto…

    • Toni da Adega says:

      Se o jogo está à venda para uma consola o jogo só tem que funcionar a 100%. Na consola não há requisitos mínimos.

  5. Android.6.0 says:

    na minha nova minha xbox x series corre lindamente com graficos espectaculares alias a nova xbox esta-me ssuprender por a positiva sem duvida a mais potente da sua geracao digo isso porque tenho igualmente a ps5 e tenho tido alguns problemas no seu desempenho

  6. PT says:

    “Marketing não é mais do que a ciência de explorar a imbecialidade humana”
    Adorei! 😉
    Concordo.

  7. Hugo Domingues says:

    Desde a “bomba” OVERKILL’s The Walking Dead que eu não compro mais em pre-venda/antecipado, este pelos vistos vai pelo mesmo caminho e na realidade concordo com o companheiro de cima (Rol) tem toda a razão e eu vou pelo mesmo caminho.

    • iMF says:

      Eu só compro em pré perder o GTA, nunca desilude, são uma porcaria nas datas de lançamento, nunca cumprem, o GTA V para PC veio com 1 ano de atraso.
      Mas antes assim que cumprir datas e virem correcções depois.
      Enquanto tiveram essa postura vão ter sempre me cativar.

  8. Rodrigo Maia says:

    Fan boys do fifa aprendam, e deixam de gastar dinheiro sempre com o mesmo jogo, e só seguir o exemplo do cyberpunk.
    Eu iria comprar o jogo mas pensei 3 vezes antes de o fazer, só compensa mesmo quando houver o online e mesmo assim com o preço reduzido.

  9. Rodrigo says:

    O Jogo corre lindamente nas consolas de nova geração (PS5 e Xbox X Series), e na minha opinião é muito bom! toda a história e jogabilidade.
    O problema aqui foi mesmo a CDR ter feito um jogo que puxa muito pelas consolas da geração anterior (que diga-se de passagem têm tecnologia com mias de 10 anos) ao ponto de gerar estes erros.
    Acho que não passa propriamente pelas estratégias de marketing e muito menos o país onde é produzido

  10. Joao R says:

    Em ps5 o jogo corre bem e com poucos bugs, mas infelizmente para o pessoal da ps5, o jogo continua a ser um jogo de ps4 e agora não vão poder comprá-lo. Não sei se foi a melhor decisão por parte da sony.
    Afortunamente na minha Xbox Series X corre lindamente, até parece terem melhorado os graficos no último patch mesmo sendo um jogo da geração passada.

  11. Tiago says:

    Não entendo o hate contra esta empresa. O GTA IV foi lançado cheio de bugs, o Skyrim igual, BF 4 também. Não podemos esquecer que é um jogo de mundo aberto e muito pesado para consolas com hardware de há 7 anos atrás, não há milagres. E, se virem os comparativos de gameplay entre a versão apresentada e a versão final, a qualidade do jogo aumentou e não sofreu downgrade.

    • Paulo Martins says:

      O que incomoda é maneira como eles tentaram esconder os problemas no jogo, nenhum reviewer teve acesso às versões das consolas antecipadamente, mesmo no PC para não mostrarem os bugs ninguém pode usar capturas próprias do jogo, apenas o material do marketing.
      Depois não é apenas os bugs como em Skyrim é a performance, o jogo principalmente na Xbox One S tem alturas que a framerate é inferior a 15fps o que torna o jogo praticamente injogável, se o hardware não suporta só tinham é que cancelar o jogo na plataforma.

  12. Altamente says:

    Isto tudo por causa de uma série de meninos mimados, que querem realismos e bug free.
    Na alturas das NES, PS1, Sega Saturn’s e Super Nintendos, com qualquer coisa ficavamos satisfeitos (e eramos felizes).

  13. Paulo says:

    A única coisa que acho fascinante é o sentido de oportunismo da Sony. Colocando assim a noticia parece que a Sony fez um sacrifício tirando o jogo da loja e a dar reembolsos. Primeiro, quem dá reembolso não é a Sony de certeza, é a CDPR. A própria CDPR enviou um email a dizer que faria o reembolso sem problema algum bastava só pedir o mesmo, por isso o mérito aqui não pode ir para a Sony. Seguinte ponto, a Sony tem a sua loja com os seus jogos, quem é que sai a ganhar se na tua própria loja tiveres apenas os teus jogos e não jogos da outra empresa?

    E queria endereçar mais um ponto. Para todos os que dizem que a “PS4 é que é fraca de mais para o Cyberpunk”: Calem-se. A CDPR responsabilizou-se pela performance do jogo das consolas “last-gen” no momento em que lançou o jogo para as mesmas.

    • Dinis Domingos says:

      “quem dá reembolso não é a Sony de certeza, é a CDPR” Na loja da Sony é a Sony que dá o reembolso. E o que é de pasmar é que a Sony não dá reembolsos na sua loja…

    • Paulo Martins says:

      Ao comprares um jogo a Sony paga custos na transferência, ao fazer a devolução do valor tem que pagar novamente esses custos, numa situação normal, engano por parte do cliente por exemplo, creio eu que é a Sony que assume estes custos.
      A ideia que me dá é que a CDPR resolveu anunciar os reembolsos sem consultar a Sony e a Microsoft e não houve acordo de quem pagaria os custos com as transferências, daí tanto a Sony como a MS se recusaram a aceitar as devoluções que não estavam dentro da política normal da empresa, mas as reclamações devem ter sido tantas que a Sony resolveu assumir os reembolsos mas para castigar a CDPR resolveu remover o jogo da loja.

      • Pedro Pinto says:

        Foi isso mesmo o que aconteceu.

        • Pastilhas says:

          Aqui sem dúvida que ouve má-fé da Sony e Microsoft. Por Exemplo, uma das clausulas para se poder ter um refund, depois da compra e transferência do jogo, diz que: “Once a player launches a game, refunds are only offered if “the content is faulty.””
          Claramente, esse é o estado em que o jogo foi lançado na PS4 .

    • SSSFDFG says:

      CONSOLE PESANTS

  14. Omg not again says:

    Há uma boa década os jogos eram hype DEPOIS de terem sido terminados, lançados para o mercado e terem reviews feitas por revistas e outros…
    Hoje o jogo é hype a partir do momento que mostram 5 minutos de filme no YouTube de gráficos irrealistas (nada idêntico ao produto final) e a malta fica toda excitada! Correm a agarrar o cartão de crédito, compram algo que… Não está finalizado, não sabem se é realmente aquilo que lhes apresentaram nem se corresponde às espectativas!
    Uma lição importante deste (e outros jogos) que a malta correu toda a abraçar de olhos fechados: Não comprem algo que não está terminado!!!

  15. Zebusto says:

    A mim parece-me que a empresa ficou sem verba para terminar o jogo e teve de o lançar a toda a força “ignorando” os bugs. Isto que aconteceu com o Cyberpunk também aconteceu com o No Man’s Sky.

    • Filipe says:

      Sem verba não foi. Mas foi graças aos investidores da empresa. O jogo ou saía ou fechavam a torneia e acabavam os fundos. Então mal corria nos mínimos dos mínimos, foram forçados a lançar.

    • FAR says:

      Parece-te mal. À CDPR o que não falta é $. Este lançamento antes do tempo foi culpa dos acionistas, pura e simplesmente. Quem desenvolveu sabia exatamente o estado em que o jogo estava. Mas quem desenvolve não é quem manda…

  16. Dinis Domingos says:

    “Mas esta retirada ainda agravou mais a situação que a criadora está a passar, uma vez que o dinheiro investido no desenvolvimento do jogo poderá ficar em risco.” Que tanga!!! PAGARAM TUDO (jogo, marketing, etc) no primeiro dia… O jogo tá pago. As acções da firma é que não param de descer.

  17. Samuel MG says:

    Não foi neste jogo que a produtora disse que devolvia o dinheiro a quem não ficasse satisfeito com o jogo!?

  18. Pedro Pinto says:

    Finalmente !! Depois de o jogo sair da PS Store a Xbox passou a ter um exclusivo

  19. RM says:

    O jogo não está em condições na PS5 ?

  20. Oblivion says:

    este jogo no meu pc corre lindamente!!

    ADORO!

    A comunidade PC Já cansou de durante anos e anos levar na cara com jogos apenas optimizados para consolas e com jogabilidade e gráficos horríveis em plataforma PC…. ANOS E ANOS!

    mas como o pessoal das consolas esta mal habituado…. basta um jogo mal otimizado e o todo o mundo acaba!!

    DEAL with it!
    mudem para PC!
    estamos em 2020!! ja nao estamos em 2010!

    • KIP says:

      Que comentario mais idiota vindo de um tipico “elitista” do pc…e quem nao tiver dinheiro para montar um pc?as consolas sao muito mais baratas,practicas,e acessiveis, dai serem a primeira escolha dos gammers. E normal que o mercado gire mais a volta das consolas. Nao gostas?deal with it, compra uma consola

    • says:

      O jogo não tem sequer AI. Os carros andam só num caminho predeterminado. Os bonecos si tem uma animação. Este jogo é básico que dói. Não são só bugs mas Principios base.

    • Ficolixado says:

      Que comentário ridiculo
      Também tenho um PC e quase de certeza mais potente que o teu, e no entendo prefiro jogar na Xbox (atualmente SX). Qual o problema?
      Há público para tudo, e todas as plataformas tem as suas vantagem.
      E caso não saibas, mas o Cyber também está mal optimizado e cheio de bugs igualmente no pC.
      Compra e jogo, testa e depois vem falar.

    • Oblivion says:

      alguma vez na vida eu ia jogar na porcaria de uma consola?
      consola é para crianças. dai o nome “consola” serve de consolo!

      ja comprei o jogo para o meu pc ja joguei e nunca tive problemas no meu PC com este jogo!

      fico lixado tens pc melhor que o meu? duvido.
      so a grafica foram 900 euros em 2019. fora o resto.

      quem pode pode.. quem nao pode… que se console com a consola 😀

  21. Ricardo Pimentel says:

    Boa noite, já alguém conseguiu o reembolso de cyberpunk 2077 ?
    Comprei o jogo na PS Store, segui as intruções através do link e obtive este email de resposta:

    Quando efetuou a sua compra, pediu-nos que lhe proporcionássemos um acesso imediato à mesma com a condição de dispor de um “período de reflexão” de 14 dias a partir dessa data, durante o qual poderia cancelar a compra e solicitar um reembolso, mas:

    (i) no caso de conteúdo digital (tal como jogos), se iniciar a transferência ou a transmissão em fluxo do conteúdo, perderá este direito de cancelamento. Tenha em consideração que a transferência poderá ocorrer automaticamente (por exemplo, no caso das compras dentro dos jogos ou se tiver ativado a função [Transferência automática] nas definições da sua conta);

    (ii) no caso de um serviço de subscrição (tal como uma subscrição do PlayStation®Plus), não obterá um reembolso completo, uma vez que debitaremos a sua utilização do serviço.

    Isto não afeta qualquer direito a reembolso que possa ter relativamente a produtos anómalos.

    Mais alguém na mesma situação?

  22. Ricardo says:

    Boas Rafael,
    Sim foi esse o link que pedi o reembolso e foi essa a mensagem que me enviaram. É a mensagem standart para qualquer questão de reembolso, mas este é um caso diferente porque segundo sei vão pagar a todos que compraram o jogo.
    Vou tentar falar com a playstation Portugal e ver o que eles dizem.

  23. Miguel says:

    Já alguém conseguiu reembolso de cópia fisica?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.