Quantcast
PplWare Mobile

Camel 101 lança Those Who Remain, um jogo de horror português

                                    
                                

Autor: Paulo Silva


  1. Luis Da Costa says:

    Não sei se os criadores do jogo estão a ver esta pergunta mas, a quando um port para Gnu/Linux e MacOSX?

    • mrProGamer says:

      Para o GNU/Linux e o Mac OS X, eu acho que eles vão lançar pelo Steam, mas podes enviar o email deles (info@camel101.com) ou através do site do jogo deles (https://www.thosewhoremain.com/) sobre essa dúvida.

      E não, eu não sou criador desse jogo, mas sim, eu sou apenas um fã.

    • Ricardo Cesteiro says:

      Olá Luis, sou um dos devs 🙂
      Muito provavelmente vamos fazer o port em breve, o nosso objectivo é chegar ao máximo de plataformas possiveis.
      Só não o fizemos de inicio porque a logistica já foi bastante pesada só com 3.

      Um abraço

      • Luis Da Costa says:

        Obrigado pela resposta. Vou ficar a aguardar então. Se necessitarem de ajuda para a versão Gnu/Linux não hesitem em perguntar, terei todo o prazer em ajudar.

  2. mrProGamer says:

    Eu achei esse jogo a um lixo e cópia comparada ao TLOU e aos jogos de terror

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.