Quantcast
PplWare Mobile

Portugal for Ukraine: Tem intenção de recrutar cidadãos da Ucrânia?

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Sergio says:

    É um povo que merece toda a ajuda, em 1999 os meus pais tiveram a oportunidade de dar abrigo a 7 ucranianos durante uns dias, e coloca-los a falar com as pessoas certas para terem habitação e possível emprego.
    E não deixaram ficar mal ninguém, um povo grato e extremamente trabalhador.

  2. Araujo says:

    Pronto…. Começa os “contratos” de escravatura branca…
    Os empresários tugas gostam é disto.
    Pagar 500€ com horários desumanos e direitos zero.

  3. Secadegas says:

    Estranho… Para ajudar os portugueses que perderam tudo para os bancos e que vivem na rua não há ajudas ou casas….

  4. e.t. says:

    e as ajudas para os cá vivem, isto é, os portugueses, os africanos nascidos em portugal, etc. ?!?!? isto é uma hipocrisia generalizada …

  5. jorgeg says:

    The US Has Invaded 70 Nations Since 1776!

  6. Joao says:

    Prefiro ucranianos a brasileiros

  7. ze says:

    Estava à pouco a ler no rodapé de um canal televisão:

    “Comunidade Russa em Portugal começou a sentir Discriminação”

    Vão aparecer mil e uma opiniões acerca disto , mas a Leitura nua e crua desta situação é Só Uma.

    • Zé Fonseca A. says:

      Não devia acontecer, até porque os Russos que vivem por cá fazem-no porque quiseram fugir ao regime de Putin.

      • David Guerreiro says:

        E não só. Os cidadãos não podem ser culpabilizados pelas ações do regime político russo. Era o mesmo que vir culpar todos os portugueses pelo que o Salazar fez. Mas como disseste, e bem, muitos desses que vivem cá, fazem-no porque não se sentem bem (ou até são perseguidos) na Rússia.

    • lmx says:

      A isso Chamasse Rússofobia..
      Mas não é uma coisa de agora, é uma coisa que se tem trabalhado muito a nível de propaganda desde os tempos de União Soviética…programação da mente das pessoas..
      É bem sabido que o ser humano é influenciável.

  8. RUY ACQUAVIVA says:

    “Ninguém imaginaria que em plena pandemia por COVID-19 se iniciasse uma guerra!”
    Quanta hipocrisia!!!
    Guerra na Síria, guerra no Iemen, bombas em Gaza, guerra no Afeganistão, bombardeios na Somália…
    Muito nojenta essa frase de efeito mentirosa, que despreza a vida de milhões de seres humanos submetidos a outra guerras “em plena pandemia”.

    • Zé Fonseca A. says:

      Não recebeste o memo? A pandemia já acabou, já podes sair da caverna.

    • Danilo says:

      Muito bem falado, há muitos locais ao redor do mundo que estão em guerra, há locais que os próprios Estados Unidos iniciaram a guerra, mas não se fala disso.

      • paocomsalada says:

        Não é Europa tasse bem, não há direitos humanos tasse bem. os EUA podem matar e mudar regimes(quem diz EUA tbm inclui aliados aka NATO). vamos ver agora a America latina como vai ficar, cortaram relação com os russos e os EUA ja podem dominar de norte a sul

  9. Luís Silva says:

    Com esta guerra, onde andam esses lunáticos que dizem que estamos a ser vigiados e protegidos por seres extraterrestres? Bem, daqui a dias vêm outros tolos a dizer que já estava previsto nas profecias de Nostradamus LOL 🙂 🙂 🙂

    • paocomsalada says:

      onde anda jesus cristo? isto é o apocalipse!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! mas so para os europeus, nos paises onde não existe cristianismo é de boa. no final somos todos filhos de deus não é?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.