Quantcast
PplWare Mobile

Portugal: 5,6 milhões de casas têm Internet de alta velocidade

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. JS says:

    Vou voltar cá daqui a umas horas para ver os comentários de todos aqueles que estão revoltados por ainda terem ADSL.

    • rui says:

      como isto é em % de população a maior % desses também tem um Rt do covid mais baixo também. até quase que se pode relacionar a propagação com com a cobertura de fibra 😀

    • rjSampaio says:

      agora imagina aqueles que nem telefone têm, quanto mais adsl.

    • Luis Henrique Silva says:

      Natural, querias o quê? No tempo da ADSL já de 24Mb já tive adsl abaixo de 1Mb, tive de reclamar e consegui linha nova ligada a nova central…….
      No pais que já deva ter boa Internet em território todo, já que é pequeno comparado com outros pais, já se devia estar bem mesmo em zonas ruais…..

      • JS says:

        Felizmente na altura que tive ADSL estava colado à central e tinha velocidades na ordem dos 22-23Mbps, isto voltando 6/7 atrás no tempo. No entanto compreendo que em 2021 este problema já deveria estar claramente ultrapassado, seja por ligação ADSL ou BLM … Mas eh pá, é normal não haver este tipo de infraestrutura em zonas rurais que não tragam às empresas mais valias, ou eles estão lá a trabalhar de graça ?
        Eventualmente haveremos de chegar a um nível muito próximo de 100% de casas fibradas.

  2. O REVOLTADO says:

    ESTOU A VER A COISA POR OUTRO PRISMA……..5.6 MILHOES DE CASAS………SOMOS 10(,ETC) MILHOES DE HABITANTES….SÓ MINHA VIVEMOS 4….COM UMA MÉDIA DE 2 PESSOAS POR CASA EM PORTUGAL…EXPLIQUEM-ME ESTAS CONTAS……SFF (AFINAL NAO HA CRISE….DEVE TER SIDO A BASUCA QUE A DIVIDIR POR TODOS NOS DAVA 4.5000.000 POR HABITANTE +- )

    …OBRIGADO….E BOA TARDE

    • jorgeg says:

      +1 ele nao esperam que as pessoas facam contas!

      • Dk says:

        Estou a menos de 30km de Lisboa e fibra nem vê-la….
        Estima-se que haja 5,859 milhões de casas em Portugal, dos quais 0.75 milhões estima-se que estão vazias. E estes gajos dizem que chegam a 5.5 milhões de casas, quando de Norte a Sul do País, se não estás numa grande cidade, ou pelo menos “média” cidade, a probabilidade de teres fibra é quase nenhuma…
        Números completamente irrealistas e falsos.
        Enfim. Falsa propaganda….
        Devem de fazer contas de somar, a quantas casas as operadoras chegam… Vodafone, 1.5 milhões, NOS, 1.5 milhões, MEO 2 milhões…. E apesar de as casas que chegam todos, são exactamente as mesmas, somam e dão os 5 milhões, só pode, porque não vejo outra hipótese de estes números estarem sequer perto da realidade.

  3. Berto says:

    ADSL??? nem isso tenho, tenho 3G limitado a 1,5MB #STARLINK

  4. Dani says:

    Se não fosse a dstelecom, aqui no Alentejo tínhamos uma cobertura muito miserável e mesmo assim não chega em todo o lado, principalmente nas zonas remotas.

  5. Dani says:

    Se não fosse a dstelecom, aqui no Alentejo tínhamos uma cobertura muito miserável e mesmo assim não chega em todo o lado, principalmente nas zonas remotas.

  6. Há Cada Gajo says:

    O que é que para a ANACOM é “Alta Velocidade” ?

  7. ISP do estado é a soluçao says:

    Próximo passo é acabar com este cartel preços, todos iguais.
    Xulos

    • Carlos Santos says:

      Eu só posso escolher uma operadora, as outras não estão interessadas. Vivo no centro do Porto à minha volta existe disponível todas as operadoras mas o meu prédio é o mais recente e dos mais altos da cidade do Porto com mais habitações. Porque será?

  8. Victor says:

    Enganador, contabilizem os condomínios como uma só casa e vão ver os número a baixar drasticamente

  9. JM says:

    Gostava de ver era o acesso e tipo de acesso mas por freguesias!

  10. Carlos says:

    Estes Srs. da ANACON têm de começar a por mais tabaco no que fumam, saiam dos gabinetes e vão para o país real.

  11. CarlosC says:

    Deixo um exemplo: vila no Alentejo com cerca 2000 habitantes, Altice é o único operador (ou a NOS em satélite para TV). Já existe fibra na junta de freguesia e no Crédito Agrícola. Inclusive no ano passado ao colocar a morada no validador de cobertura já aparecia como zona de fibra. Caso esteja interessado colocam-me fibra (apenas para Internet) mas terei de pagar a fibra desde a central até minha casa (cerca de 200 mts) e um tarifário empresarial – serão cerca de 100 € por mês. Porque é que se hão-de ralar? O pacote M3 (150 canais 500/100) em fibra custa 29,99 (36,99 após o 6º mês), o pacote ADSL (150 canais 24/1) custa… 29,99 (34,99 após o 6º mês) – face a isto qual o incentivo da Altice em colocar fibra? A única solução seria a ANACOM forçar o operador a ter um preço para o ADSL que tornasse atractivo para o operador fazer a passagem para fibra – por exemplo ponham o ADSL a 5€ por mês e na semana seguinte era ver a fibra a ser instalada…
    Sem este “incentivo” os operadores ficam como estão.

  12. ahramis says:

    Enfim, a Anacom no seu melhor… Casa de aldeia, perdida numa montanha da Beira Baixa. Fibra? Miragem… Solução, internet por GSM 4G da Vodafone, com linha de vista a 14Km de distância na A23 e com velocidades até 45Mbps, nada mau, mesmo assim… A 3 ou 4 Km há torres da NOS e MEO cujas velcidades em 4G raramente ultrapassam os 4 ou 5 Mbps… É o que há…

  13. informado says:

    se baixassem os preços em vez de subir. Com 25 megas já me servia bem mas tenho de ter 100 pq é o mais baixo dizem eles a cobrar . a ANACOM é sempre a mesma coisa . Não faz nada de jeito

  14. Pai Natal says:

    Eu tinha ADSL 1 MB, depois de meses a reclamar lá me puseram 4G, mas fibra nem por um canudo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.