Quantcast
PplWare Mobile

Maioria do conteúdo sexual de menores na Internet mostra meninas entre os 11 e 13 anos

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. ToFerreira says:

    Está na hora de aplicar IA aos telemoveis das crianças para evitar isto.

    • Spoky says:

      Eu diria mais, esta na hora aplicar IA nos pais das crianças que permitem isto acontecer.

      Pelos vistos é perfeitamente normal crianças / raparigas de 13/14 anos já com tantas redes sociais e fotos menos próprias, quem diz fotos diz vídeos…

      Just my 2cents

      • Kabindas says:

        Independentemente dos pais serem uma m3rd@ ou não a tecnologia está ai á distancia de um dedos para todos. Se estás á espera que os pais tenham tempo para policiar todos os movimentos dos filhos, não vives no mesmo mundo que eu. Com tanto hipe á volta de ML e IA, faz TODO o sentido usar estas tecnologias para bem de todos.

        • Amilcar Alho says:

          “Se estás á espera que os pais tenham tempo para policiar todos os movimentos dos filhos”, se não tens um mínimo de tempo para “policiar” e educar os teus filhos, simplesmente não devias ser pai… 😉

        • FAR says:

          Este tipo de comportamento por parte das crianças advém de falta de educação e supervisão, pura e simplesmente.

          Existem vários métodos eficazes para controlar o que uma criança pode ou não fazer com o seu smartphone (assumindo que tem mesmo de ter um). Não há desculpa.

        • FAR says:

          Dito isto, concordo que a tecnologia seja usada para fins úteis e benignos. Se IA conseguir ajudar a mitigar este flagelo, ótimo, mas duvido que seja uma solução definitiva pois há sempre forma de contornar a coisa.

      • ToFerreira says:

        Conversa de quem não é pai, aposto! Gostava de saber como pode um pai controlar as mensagens que um filho envia pelo telemóvel.

    • nop90 says:

      Espero que nunca sejas pai, se estás à espera que os outros eduquem os teus filhos, mais vale estares quieto.

      • Spoky says:

        O problema esta exactamente ai, “se estas a espera que os outros eduquem os teus filhos” não sei se essa resposta foi para mim ou para o ToFerreira, mas se for para mim digo-te já que, o problema esta ai.

        Os pais preocupam-se muito com coisas obsoletas, do que com coisas que realmente toda a sociedade vê e esta a vista de todos, essas são as que eles se deviam preocupar. Nas quais muitos nem querem acreditar ou nem imaginam que aconteça ou esteja a acontecer e quando acontece ou ignoram ou fazem de conta de que não se passa nada!

      • ToFerreira says:

        Espero que um dia sejas pai e depois me contes como controlas as mensagens que o teu filho envia pelo telemóvel, ou só lhe dás telemóvel quando tiverem 18 anos? Com que idade tiveste o teu? Que controlo tinham os teus pais sobre o mesmo? E se usar o telemóvel de um amigo como controlas?
        Mais reflexão e menos palavras vãs! A tecnologia existe, é facilmente aplicável e eficaz no caso, não há razão para não a aplicar, a não ser nas cabeças mais pequeninas que também pouco importam.

        • FAR says:

          “ou só lhe dás telemóvel quando tiverem 18 anos?”
          Substitua ’18 anos’ por ‘maturidade para saber usar’ e sim, absolutamente.

          “Com que idade tiveste o teu?”
          Mais tarde do que agora têm e fazia menos coisas, mas essa questão não joga em favor do seu argumento, pois é comum terem smartphone cada vez mais cedo (infelizmente na minha opinião, mas é uma opinião).

          “Que controlo tinham os teus pais sobre o mesmo?”
          O que queriam. Na minha altura no máximo tinha uma SMS mais picante que não queria nada que vissem, mas aí falava sobre a situação. Agora é diferente, podes ter muito mais “cenas chatas”, mas também tens mais ferramentas de controle.

          “E se usar o telemóvel de um amigo como controlas?”
          E vai tirar nudes com o aparelho de outra pessoa? Aqui é mesmo ignorância dos riscos, voltamos à parte da educação.

          Não é preciso controlar (apenas supervisionar – que é como quem diz estar atento) se se gastar tempo a educar. Se a criança não QUISER fazer as coisas não precisa de ter o pai ou a mãe constantemente a espreitar por cima do ombro a ver se não o faz.

          Mas se quiser controlar, é fácil. Como já lhe indicaram existem várias aplicações para smartphone que lhe permitem controlar praticamente tudo o que é feito e é possivel fazer no smartphone da sua criança.

          • Cortano says:

            “E vai tirar nudes com o aparelho de outra pessoa?”

            Basta ver noticias na CMTV para se perceber que isso é coisa bem comum.

            Os tempos são diferentes, eu nem tlm tinha – na minha adolescencia nem smartphones havia, nem tlms com camera… os “tlms” nem cabiam no bolso.

            No entanto, quebrei muita regra impostas pelos meus pais.
            Há muita forma de fugir ao controlo.

            Controlo parental?!? funcionam, sem duvida, mas existe forma de contornar praticamente todos os controlos parentais.

  2. Spoky says:

    Sabem o que é o mais engraçado? É que a maioria dessas “meninas” com essa idade, já tem fotos no Instagram, Facebook entre outras redes sociais a demonstrar demasiado, e ATÉ DIGO MAIS.. Os pais, muitas das vezes SABEM e SÃO AMIGOS na própria rede social.

    Como é que se permite isto? É crime? Crime de quem? Quem são os responsáveis? Pois, vê-se isto diariamente. Todos os dias, e a tendência é para AUMENTAR.

    Os pais permitem demasiado, MUITA LIBERDADE. E depois quem são os culpados? As pessoas que estão na própria rede social, os pais culpados? Não!

    Alias, quem for dizer aos pais que deviam ter mais controlo e não permitir fotos “praticamente nuas” ou a demonstrar demasiado, eles até se sentem insultados. Pura realidade. Muitos pais pensam que estão a fazer um bom papel de pai e mãe, mas na realidade nem isso estão. Ou recusam-se a admitir tal facto.

    Depois acontece isto que se lê nas noticias, nas redes sociais principalmente no instagram vê-se raparigas cada vez mais a por videos a dançar, cada vez mais “despidas” e mais atrevidas, e nem falo nos stories que põem as vezes!!

    Como se sabe disto? Eles/elas próprias fazem por isso, mostram-se demasiado. O conteúdo é partilhado meio mundo já viu, principalmente amigos e colegas de escola.

    Depois disto vêm a consequência -> Ofensas, fofocas na Escola, Bullying e gozo. Culpa de quem? Das redes sociais.

    Os pais, são os que menos tem culpa nisto tudo! Coitados fazem tanto pelos filhos, são meninos/meninas com idades inferiores a 16 anos com iPhones da ultima geração (nada contra iphones) com câmaras super mega espetáculares.

    Depois bora culpar quem esta nas redes sociais e vê isso, mesmo que não queira! Porque basta PARTILHAR, DAR LIKE que mesmo não querendo, acaba por aparecer.

    Culpa de quem? Redes sociais? Sim tem uma parte dela, mas os pais como é obvio são os mais inocentes e vitimas nesta história!

    • RM says:

      Certamente, nem todos os pais são iguais. Muitos são uns ignorantes em certos assuntos e outros não querem saber, preferem agradar e fazer todas as vontades (mimá-los) aos filhos, em vez de lhes dar uma melhor educação, e depois é o que se vê.
      Neste mundo, não há inocentes. Os adultos não são assim tão diferentes das crianças e dos adolescentes. Também fazem m*rda, apesar de serem “adultos”!
      Educar bem os filhos é uma tarefa dura e controlar o que fazem, é quase impossível.
      Os pais precisam de ser mais conscientes e informados dos novos perigos.

      • Spoky says:

        RM certo, mas é assim tão duro pedir a um filho/a que retire essas fotos das redes sociais? É assim tão dificil de exigir que o façam? Duvido, mas não é o que se vê por ai…

        Basta ires para as redes sociais perder algum tempo e logo vês que os pais nem querem saber minimamente. Culpabilizam os outros, em vez deles próprios e quando alguem lhes chama atenção, é uma ofensa! Quando na verdade é a realidade da má educação que lhe esta a ser dada a criança.

  3. Justino, o Justo says:

    Os pais, os supostos pais, há muito tempo que deixaram de o ser. São só mais uns amigos porreiraços. Pais há muitos poucos. Hoje a sociedade pressiona para ter filhos mas não capacita os novos pais para o serem. Para estes, ter filhos é uma moda, uma necessidade material. E quando assim é, esta é uma possivel consequência. E acredito que o pior ainda virá, quando esta malta toda chegar a adulto. Espero estar enganado.

  4. Joao Ptt says:

    Quando comecei a ver os fabricantes a colocarem câmaras de tirar fotos e filmar nos telemóveis (depois smartphones) consegui logo vislumbrar o futuro sombrio que se aproximava na democratização e no acontecer em larga escala não só disto como de muitas outras coisas erradas. Não me entendam erradamente, estas coisas erradas já aconteciam antes, mas eram mais contidas em escala porque tinham de utilizar webcams ou utilizar máquinas de fotografar que além da sua má/ péssima qualidade ainda implicavam bastante trabalho para fazer acontecer… mas com as câmaras integradas nos telemóveis/ smartphones/ tablets passou estar literalmente à mão de semear a ferramenta que facilita o abuso e a utilização para fins errados.

    Embora a responsabilidade esteja nos educadores quando se trata de uma criança e na maior parte dos restantes casos do próprio e eventualmente de terceiros que incentivem tal, não ajudou o facto de as empresas terem começado a disponibilizar as câmaras fotográficas/ de filmar nos próprios dispositivos, se ainda hoje não trouxessem (hoje em dia só através de leis que proibissem é que tal é credível de vir a acontecer) com certeza que todo este abuso e conteúdos errados continuaria a ser bastante mais contido na dimensão porque quanto mais difícil as coisas forem de executar mais difícil é de acontecerem porque as pessoas são preguiçosas, não estão para aprender muitas das vezes, depois ainda surgem as incompatibilidades/ avarias/ etc. … mas se já está integrado e simplesmente funciona a utilização errada está mais do que facilitada.

    Claro que as câmaras em smartphones/ tablets são úteis e acredito que na maioria dos casos não é utilizado de forma assim tão errada, mas pronto se quase toda a gente tem um desses dispositivos e existe tanta gente errada é normal que tal venha mais à superfície com ainda mais gente envolvida.

  5. nop90 says:

    Comecem a responsabilizar os pais, os primeiros vão chorar baba e ranho, mas fica o exemplo e os outros vão andar mais atentos aos filhos, que é a obrigação deles logo de inicio, mas pronto, para alguns é só fazê-los…

  6. Infinity says:

    Se as crianças brincassem mais na rua a jogar a bola, escondidas, apanhada etc se calhar pouco disto acontecia.

    • Cortano says:

      Sim, vais jogar à bola na rua que passam carros a 50kms… ou na rua totalmente ocupada por carros estacionados. Claro que sim.

      Na rua onde eu jogava à bola em criança, hoje em dia seria impossível fazê-lo.

      • Infinity says:

        É verdade mas rua não significa nas estradas, existem parques e outras áreas de lazer. A questão é as crianças saírem de casa e socializarem com outras crianças sem usar telemóveis ou outros dispositivos.

        O mesmo acontece com pessoal já maior de idade em que se calhar estão num bar e se for preciso, estão a falar uns com os outros utilizando o telemóvel.

        Se os miúdos querem um telemóvel um 3310 serve perfeitamente

  7. João M says:

    E tudo começou quando se começou a dar smartphones para as crianças. Pornografia infantil sempre existiu mas, no tempo “antes do smartphone” era mais raro e estava directamente ligado a casos de pedofilia (pedofilos que tiravam as fotos e depois partilhavam) e muito raro sempre próprios jovens a tirar as fotos e partilhar. Agora com as redes sociais, instant messanging, etc.. as coisas ficaram piores e parte da culpa é dos pais.
    Dos pais que preferem dar o telemovel, sem controlo parental. Claro que há pais que não percebem muito de tecnologia e, então, os filhos acabam por perceber mais MAS existe um controlo parental – livre de tecnologia – chamado educação. É algo muito antigo e que dá um trabalho do caraças mas é mais eficaz do que uma app.

    Quando os pais permitem que sejam terceiros a educar os filhos – amigos, livros de sudo-ciência parental, redes-sociais – então a criança e jovem já está entregue ao mundo e cabe à inteligência (ou falta) dela decidir o que é certo ou errado. SE, por exemplo, uma mãe anda a tirar fotos sensuais (não confundir com sexuais) à frente da filha, a filha vai ficar curiosa e vai querer fazer o mesmo… aqui começa a deseducação. A filha vai pensar que é normal e as coisas podem facilmente escalar.
    Se querem proteger os filhos então comecem por “perder tempo” a realmente educá-los. Deixem de tirar fotos (ou filmar) jovens a dançar danças sensuais e depois coloca-las no instagram, ou facebook, com a tag “olha que lindinha está a minha filha” ; ou ir à praia e colocar fotos a publico… Tanta coisa que se pode fazer que não envolve apps nem conhecimento “techy”.

    • Joao Ptt says:

      O problema é que demasiados são pais antes sequer de saber o que significa ser adulto, e ser correcto então é cada vez mais difícil com esta onda impingida pelos filmes e pelas televisões inicialmente (que agora felizmente estão em declínio) e agora por muito(a)s nas redes sociais que esforçam-se por incentivar tudo quanto é errado como sendo correcto (que o corpo é delas e fazem o que querem e outras estupidezes similares que só mostram a imaturidade ou mesmo a malícia da pior espécie por vezes disfarçada de bem).

  8. Cortano says:

    Os comentadores aqui do sitio são todos uns pais exemplares, que controlam e dominam tudo o que os filhos fazem. Parabéns…

    ai… ai…

  9. David says:

    numa dada vc época dizer “preto “ era racismo, depois veio o negro etc…
    Depois veio as redes sociais que aumentam tudo o que se diz…e mesmo que seja a brincar está queimado!
    Bater? Uiii pai ainda para mal! Mas o pai apanhar, coitado da criança mas influências na escola etc!
    Eu somente acho que todos têm um pingo de razão! Mas na minha opinião…está tudo somente ao contrário! Coitado do cão que está a sofrer! Mas das milhares de crianças que estão a fome e tudo mais…que é isso?
    A quantidade de desperdício de alimentos que todos os dias deitamos fora…todos os dias morrem mulheres de crianças…mas coitado do animal!
    Querem defender um animal? Assumam-no até ao fim! Exijam direitos, mudem as leis….caprichos de crianças! Uma criança já sabe ter responsabilidade pq ela desde muito cedo sabe jogar com os pais para atingir os seus fins! Quer? Assume! Aos 18 muda de casa, vai estudar? Leva…é como um filho! Estará para sempre ligado a ti!
    Educação é de berço as escolas é para se aprender, e para te preparar para o mercado de trabalho! Educar vem de casa!
    Todos fizemos loucuras, sempre houve pornografia, pedofilia, e tudo mais…apenas hoje tudo tem uma ampliação enorme que não fazemos ideia…
    Violência doméstica? Ainda há isso na nossa cultura e tem estado a aumentar! Exemplo para os filhos!
    Nós, povo ainda não demos os mesmos direitos humanos as mulheres como ser! Ainda ganham menos que nós pq podem engravidar….estão doentes com maior facilidade etc…não é justificação!
    Não estou a dizer que elas devem fazer o mesmo que os homens fazem! A natureza física do homem ao longo de décadas, séculos evoluiu e o delas tb! Mas muitas mentes infelizmente continuam retardadas!
    Bullying? Solução psiquiatras ou psicólogos nas escolas! Pq sim o rapaz que sofre bullying é que é deficiente e está errado nesta sociedade PODRE!
    O gajo do Futebolleaks, e eu nem ligo a futebol, mas verdade ele cometeu crimes…vai preso e responderá por eles! Mas é toda a informação que está agora fora! Na posse de todos nós? Não vale de nada? Não claro que não pq foi conseguida de forma ilegal…logo não é legal usar…claro que estávamos à espera que quem comete as atrocidades…venha dar essa informação de bandeja e assim serem acusados! Logo são impunes e nunca serão julgadora!
    O Sócrates… ficaram em águas de bacalhau…nada acontecerá…e vai andar até mudarem de juiz e perdoarem! Quem é culpado? O Sócrates? NÃO!
    Os aldraboes do Futebol? NÃO!
    Os culpados somos todos nós que vemos futebol! Valorizamos futebol, Fátima e o fado…fazemos tanto crime em honra a um clube que lava dinheiro seja ele qual for…uma instituição que é sem fins lucrativos e tem um lucro anual de milhões… o pais que anda ao sabor do vento e das conversas de compadres e comadre nas assembleias e depois aos encontros entre eles em jantares e e abraços e outras coisas…
    Por isso…está tudo ao contrário…não lutamos por um país…não cuidados da educação dos filhos…pq o culpado e o professor e a escola! Vemos futebol a pensar nas mágoas então vamos lutar por um clube que pelo menos da mais alegria…ou tristeza durante 1h30m e alguns até pela noite dentro seja em casa ou alguns em Estabelecimentos prisionais…
    Mas todos arranjam desculpas todos a sua forma e feitio e a culta e sempre dos outros quando…na verdade somos os únicos culpados e nada fazemos!
    E sim mesmo numa época digital como a que estamos a passar…escondemos o perigo dos miúdos pq coitadinhos e depois quando se veem aflitos é que aprendem! Mas coitadinhos né! São crianças…

  10. Danilo says:

    Todo mundo sabe que criança acessa porno e até deve enviar fotos assim para os amiguinhos…
    Quem acha que criança é burra e não sabe o que é sexo é tolo
    Logo hoje em dia em que a internet tá aí e crianças sabem de coisas que nem adultos sabem
    Nunca menospreze uma criança. A geração dos baby boomers nem imagina o que acontece hoje em dia.

  11. SANDOKAN 1513 says:

    Há tanto pai e tanta mãe que julgam que têm uns anjos em casa e afinal… Desde há muitos anos que estas novas gerações de raparigas são do pior que há !! Quando chega o Verão então nem me falem,quase que andam nuas nas ruas !! É vergonhoso e um ultraje !! Depois admiram-se que há violações e mais não sei quê !! Elas não tem culpa,mas as mentes perversas dos violadores e pedófilos só dá para isso.Vêem miúdas todas descascadas e depois admiram-se do que acontece !! Mas também há muitas que aos 13 anos já dão bem “à bomba”,se me faço entender !! Precoces,dizem vocês ?? Tá bem,ninfomaníacas !! Metem-se com as amiguinhas das escolas,alto “putedo” já com essa idade,uns fuminhos aqui e ali,bebem álcool como um camelo,e depois são umas vaidosas que até metem nojo !! Ver miúdas com 14/15/16 anos no Twitter,no Facebook e no Instagram e ver os posts delas é um autêntico degredo !! Principalmente no Twitter.Mas eu fico-me por aqui.Se vocês soubessem o que eu sei,ui meu Deus do céu !! 😐

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.