Quantcast
PplWare Mobile

Ataque a infraestruturas críticas! Desta vez foi a um oleoduto

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Hélio Musco says:

    Bem, estão-me a obrigar a comprar acções de cibersegurança.

  2. falcaobranco says:

    Já o tinha dito uma vez noutro artigo… Die Hard 4.0 … o pessoal pensa que é um filme mas pode-se tornar bem real…

  3. O Pensador says:

    CyberPoligon… segue-se a falsa “ameaça” extraterrestre e as alterações climáticas, no script do Fórum Económico Mundial…

  4. Antonio Santos says:

    Porque é que não isolam estes e outros sistemas de controlo e acesso á Internet?… Ter uma espécie de Intranet só para este tipo de infraestruturas criticas…

    • neo says:

      Porque são incompetentes.
      As redes operacionais devem seguir um desenho standard (exemplo Purdue model) que as torna resilientes a este tipo de vetor de ataque. Nestas abordagens existem inclusivamente gateways unidirecionais que impedem o acesso externo, isto se a rede OT necessitar aceder de forma controlada a serviços externos, algumas arquiteturas mais conservadoras são air-gapped.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.