Quantcast
PplWare Mobile

5G em Portugal: Altice interpõe providência cautelar contra a ANACOM

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Fusion says:

    Isto do 5G já está a cheirar mal em Portugal, que país de otarios

  2. B@rão Vermelho says:

    Acho graça agora as operadoras estarem preocupadas com a mudança de regras a meio de um contrato, quando é com os clientes fazem as alterações que bem entendem sem grande preocupação agora como é para o lado deles já viola a confiança.
    Que venha é concorrência estrangeira com preços realmente competitivos, os dados móveis em Portugal são vendidos ao preço do ouro.

    • João says:

      Que eu saiba não há contratos assinados, logo não houve mudança de regras a meio de um contrato.

    • Francisco Wicked says:

      Isso é falso. Raramente há alterações a meio do contrato e quando as há é possível rescindir sem penalização.

    • Manuel Costa says:

      Isto ainda é o leilão das frequências… cada operadora terá de adquirir licenças para frequências que irá ceder aos seus clientes.

    • João Ferreira says:

      Achas que alguma empresa estrangeiro com 2 dedos de testa que vir para um país investir esta quantidade de dinheiro quando o país muda as regras todos os meses? Até me admira como a Vodafone não se pira ou vende a Vodafone Portugal. A MEO e a altice estão presos a portugal mas se eu fosse a vodafone simplesmente vendia a participação da vodafone Portugal e usava esse dinheiro para ir para outro país. Enfim.

  3. Jorge Pedro Miguel says:

    Em quanto existirem estes chupões em Portugal, não saímos deste impasse de 3º mundo, enfim…

  4. Filipe says:

    Quando implementarem o 5G em Portugal já será dinheiro mal gasto pois já todos lá fora têm o 6.

    • Spoky says:

      Quem quer saber, do 5G e do 6G, vocês parece que vivem a pala disso. Realmente o mundo e os gostos andam estranhos… Onde já se viu andar a chorar por causa de 5G e 6G.. Qualquer dia nem sais de casa.

      É triste.

    • Manuel Costa says:

      Pergunte ás empresas, por exemplo ali ao falador do Alexandre, porque razão fazem ofertas em que sobem 1 euro num valor de 102 milhões de euros, na oferta anterior. É que já lá vão 3 meses, nalgumas frequências o valor subiu… 270 euros.

  5. Watcher says:

    Cada vez concordo mais com a ANACOM, um leilão não deixa de ser um leilão, ou seja enquanto houver licitações, melhor para quem vende.

    Também entendo que as operadoras queiram pagar o menos possível mas se querem sempre licitar à base do mínimo, é normal que as coisas demorem.

    Eu começo a achar que as operadoras estão a engonhar isto de propósito e criar agitação social à volta do tema para haver pressão na ANACOM para acabar o leilão mais cedo e as operadoras ficarem com o espectro a preço de saldo.

    Tendo em conta a diferença de serviço entre o que é oferecido cá e no estrangeiro, não tenho pena nenhuma das operadoras, se nós tratassem melhor e com preços justos podia ser que ficasse do lado delas

  6. Pe@ce says:

    O leilão vai acabar quando o 3 grandes tiverem as suas redes totalmente adaptadas para o 5G.

    • João says:

      O leilão é para isso mesmo. Para que os operadores possam ter as suas redes 5G…

    • Manuel Costa says:

      Curiosamente, a Altice/Meo, anda a instalar antenas 3G, fora dos grandes aglomerados urbanos, ao mesmo tempo que vende as 4G para Espanha e Itália, comprou antenas 5G à Inglaterra, que estão arrumadas num armazém em Caneças. 278 antenas 5G estão lá desmontadas e já estariam colocadas, se a Altice estivesse mesmo interessada em avançar com o 5G. O navio chegou a 2 de Dezembro de 2020… estão há quase 1 ano a ganhar pó e a operadora montou 12 junto ao Altice Arena para um espectáculo e testes.

  7. Carlos Santos says:

    5G é para que? derreter os 500mb de tráfego por 7.5€ em 20 segundos? LOL

    Quando tivermos tarifários em linha com os europeus, ai tenho alguma pena da altice.

    Até lá, a Altice serve apenas e unicamente o seu interesse.

    • Bruno Santos says:

      O salto tecnológico do 5G vai ser para muito mais do que isso.
      As comunicações móveis no geral, caso o planeamento seja o ideal, irão melhorar muito.
      Para além de ajudar em avanços médicos, científicos, etc, vai trazer melhorias nos campos de comunicação
      Mas claro, é preciso que haja um planeamento ideal para tal acontecer

      • Manuel Costa says:

        As promessas são muitas… Nos EUA, 73% dos clientes 5G voltaram para tarifários 4G em menos de 12 meses. Na Inglaterra, depois da avalanche inicial, novos clientes tem aparecido a conta-gotas, sendo que estão com taxas de retenção abaixo dos 50%.
        Por isso, a ideia de que o 5G irá “melhorar 1000000000% a sua vida” não está a funcionar com a grandíssima maioria dos clientes.

  8. Helder says:

    Outra vez arroz?
    Noticiem também o resultado desta providencia cautelar por favor

  9. Darkny says:

    É uma vergonha isto. Temos empresas em Portugal que desenvolvem várias soluções para 5G, muitas das coisas que são aplicadas no o 5G foram desenvolvidas em Portugal e não temos nada. Já temos pessoas em Portugal a trabalhar no 6G e estes morcões não se despacham com isto.

    • Spoky says:

      Moço tu és assim tão desesperado por causa do 5G? Haja paciência para aturar nerds.
      4G da e chega suficientemente para uma utilização pessoal.

      A mim não me faz comichão isto, se estas assim tão incomodado junta-te a providência cautelar.

      • PedroLeal says:

        Quem deve de estar desesperado aqui deves de ser tu sinceramente…

        Dois comentários a dizer o mesmo, quando só olhas para o teu umbigo

        O facto de servir para a utilização pessoal ou não é irrelevante, porque como Darkny falou e bem, tens investimentos, empresas, funcionários que dependem que o 5G seja implementado mais rapidamente, e este leilão continua a ser a república das bananas

        Se não te faz comichão devia, pois continuamos na “cauda” da Europa, também devido a este tipo de coisas

        Temos as infrastruturas, temos as pessoas, temos tudo… E não temos nada

        • Manuel Costa says:

          ROTFLLLLLLLLLL
          Olhe para os EUA… 73% SETENTA E TRÊS POR CENTO!!!! dos clientes que iniciaram a utilização do 5G, voltaram para tarifários 4G antes dos 12 meses de utilização. Na Inglaterra a taxa de retenção de clientes 5G está abaixo dos 50% (quer dizer que menos de 1 em cada 2 desistiu desses tarifários).
          Pergunte-se porquê… talvez perceba a razão porque os 87000000000000 de apoiantes de termos televisões 16k a emitir de raiz, já nem nos 4k estão interessados e até em fullhd já é só para cabo.

      • Urtencio says:

        tem dias que parece que te fazes de burro!
        pesquisa um bocadinho e vais perceber as vantagens… vê a prova de conceito/simulação que a altice fez uns tempos atrás.. pode ser que a tua cabeça saia do funil!

        • Spoky says:

          Sim, vai ver vídeos dos benefícios do 6G pode ser que a tua cabeça saia do funil.

          Isto para concluir e dizer que haverá sempre tecnologia melhor que outra, mas que raio de argumento é esse? Esperavas que 5G fosse pior em termos de vantagens que o 4G?

          Benefícios para a saúde não tem de certeza (e estou a falar de
          mesmo de saúde não de hospitais nem PMEs etc)

          Não batas mais no fundo, que não é preciso…

      • Darkny says:

        Eu não tenho desespero absolutamente nenhum. Agora, para as empresas, e mesmo a nível governamental isto pode ser muito importante. Não é para o utilizador comum. Agora, em vez do SIRESP, por exemplo, poderíamos ter uma slice 5G, e adivinha quem ia poupar dinheiro. Em termos militares também pode ser importante, assim como para postos de vigia de incêndios.
        Deixa de ser burro. Para nós o 5G não é muito necessário, concordo. Mas para empresas e serviços é importante. E se discordas é porque não fazes ideia do que está envolvido.

  10. Fernando says:

    Esqueçamos a Altice. A ANACOM faz um regulamento para o leilão. Impõe esse regulamento e quando vê que não lhe agrada, altera esse regulamento a meio do concurso. Eu não gosto da Altice, não sou cliente deles mas, se a moda pega, daqui a pouco não temos qualquer segurança jurídica nos concursos públicos em que possamos estar envolvidos. Penso que as regras de qualquer leilão devem estar definidas à partida. Penso também que esta alteração das regras é motivada por a ANACOM não estar a alcançar os objetivos pretendidos.

    • João says:

      Não é proibido fazer alterações a meio do concurso, desde que seja cumprida a lei.

    • Manuel Costa says:

      A Anacom teve de alterar a formulação do concurso… porque as operadoras andam a fazer licitações de 1 euro!!! 1 euro num valor acima de 100 milhões de euros. É por isso que está a demorar tanto.
      A Altice está a boicotar a situação, pois está a licitar as 18 frequências, fazendo licitações de 1 euro diariamente em todas. A Vodafone subiu 160000 euros em 5 gamas, supostamente quer ficar com 4 delas, a Altice licitou mais 1 euro em todas. Se não tivessem licitado em 4, a Vodafone já tinha ido embora do leilão, pois já tinha o que queria. Tem sido sempre assim… até este.

      • João Ferreira says:

        Conclusão, a ANACOM foi incompetente porque não sabe fazer concursos. Se calhar devia despedir toda a gente que está na ANACOM porque decidiu ir com estas regras quando o resto a Europa usou outro sistema e já acabou.

  11. jimmypt says:

    Os operadores querem a galinha dos ovos de ouro,por um punhado de patacas.
    Para depois chularem os clientes como é costume.

  12. Bruno Santos says:

    Eu queria era ver a Altice a melhorar a sua rede 4G atual, e as suas rotas internacionais…
    O 5G realmente vai trazer uma melhoria, mas lembrem-se: para a rede 5G funcionar, é preciso existir backbone funcional e dimensionado, se não, nada feito…
    Depois voltamos como à alguns anos atrás, onde entre as 21 e as 2 da manhã, a rede CPRM (até no próprio site, cprm.net) estourada a escala, por falta de capacidade

    • SANDOKAN 1513 says:

      Muito bem dito.

    • Manuel Costa says:

      A Altice anda a instalar torres 3G fora dos centros urbanos… e vendeu mais de 1000 torres 4G que tinha em stock. As 5G estão a ganhar pó em Caneças, que a empresa ainda não se dignou a ir instalar, apesar de poderem cobrir a rede 4G e ficavam prontas para configurar assim que o leilão terminasse.
      Por isso, o leilão irá terminar e depois serão 18 meses até existir cobertura mediana nas cidades e muitíssimo baixa fora delas. Entretanto, já venderam 5 milhões de telemóveis com suporte 5G, daí dizerem que “estão a perder 5 milhões de clientes”.

  13. Secadegas says:

    A palhaçada continua… Quando o resto do Planeta estiver no 6G, Portugal começa finalmente a instalar a rede 5G.

  14. robin says:

    Num negocio de trilions de dollars não há-de existir uma luta titânica pela implantação do 5G

  15. Pires says:

    Tanta coisa por causa do 5G, quando ainda existem locais onde as ligações são ADSL porque as operadoras não querem colocar fibra.
    A ANACOM devia era obrigar as operadoras a colocar fibra onde ainda falta uma ligação de jeito.

  16. SANDOKAN 1513 says:

    Este leilão nunca mais vai ter fim.Da maneira que isto anda… 🙁

  17. PorcoDoPunjab says:

    Nem o leilão tem fim nem operadoras estrangeiras metem cá os pés. Concorrência? Era mais o que faltava…
    Eu não preciso de 5 g para nada.
    Quero é que o que temos actualmente funcione devidamente, o que não acontece.
    Se com o 4 g a rede é uma bandalheira então com o 5 g vai ser o quê?
    Já sei, 5 g no parque das nações e no resto do país tudo na mesma.
    Desde que a velocidade seja suficiente para ver filmes de mademoiselles sem quebras, para mim está porreiro pá…

    • Manuel Costa says:

      De facto, existem 12 torres 5G no Parque das Nações. Também existem 4 junto à Câmara Municipal do Porto e existem 137 na zona central de Lisboa, cobrindo desde Santos até Cascais e até Agualva-Cacém. De resto, há mais 278 antenas em Caneças mas, estão desmontadas a ganhar pó.
      Entretanto, na Sobreda da Caparica (margem sul do Tejo a menos de 10km de Lisboa) a Altice montou 3 torres 3G para melhorar a cobertura nas praias e atrás de uma serra.

  18. lp7 says:

    A anacom ainda deveria ser mais dura com esta mafia implantada em Portugal. Não tenham medo que eles não vão embora nem fechar portas.
    setor que só está preocupada em ter clientes fidelizados. Onde não se procura a razão de ser o setor com mais reclamações. (acabacem com a fidelização iam ver se não começavam a dar um bom serviço )
    Onde tens de pagar um telefonema para um apoio técnico do operador que está a pagar e que está fidelizado.

    se isto pega moda qualquer dia os supermercados e restaurante também começam a fazer contratos de fidelização com a desculpa do investimentos.

  19. HUGO SANTOS says:

    Depois da vergonha que foi o leilão do 4g cuja receita seria para financiar o programa dos portateis das novas oportunidades e secundário, acho bem que a ANACOM esmifre as operadoras, embora depois quem vá pagar o esmifranço sejam os consumidores.

  20. AAAasdf says:

    epa estou muito bem com o 4g limitado da vodafone e o 1mg de upload do Kanguru.
    nao preciso do 5g, ainda me causa rosasia na pele, tantos dados a circular a minha volta. LOL

  21. AAAasdf says:

    coisas mais perigosas desta decada: 5G, abelha asiatica, covid-19, trovoadas, exposição prolongada a luz solar, malta que usa droga e faz furtos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.