Xerife da Flórida promete prender Tim Cook se Apple não cooperar


Destaques PPLWARE

68 Respostas

  1. gajo de alfama says:

    Basta o Cook estalar os dedos que este homem desaparece do mapa.

    • dad says:

      Acredita, lol

      Estes é tipo… “fala e fala e fala” e no fim não faz nada porque o Tim Cook não esta acima da lei mas este tem de comer muita sopa para poder tocar no Tim Cook

      • Wistfultale says:

        Coitado, é mais um troll como o Mr Trump. Pensa que por ser Xerif tem poder sobre tudo: a isso eu chamo abuso de poder.

        • dad says:

          Mesmo e ele é do Texas, chega a Califórnia e não pode fazer nada…lol
          E se o Tim Cook passar no Texas, o xerife até lhe beijava os pés e pedia-lhe un Iphone xD

          • apache says:

            Mesmo que fosse da California, não pode prender pessoas aleatoriamente!

            Enfim… é o povo que agora vai eleger o Donal Trump para Presidente deles…

          • Tomás says:

            Ele falou que o faria caso conseguisse convencer o procurador e um juiz, por isso não seria feito aleatoriamente.
            Não deixa, no entanto, de ser uma ameaça preocupante duma autoridade que deveria saber melhor como é que a Lei funciona e os limites dos seus poderes. Não só a Apple está a actuar dentro dos seus direitos como este Xerife dificilmente conseguiria ter um caso com um juiz que desse o mesmo tipo de ordem à Apple, pois esta lei em particular só pode ser usada por um tribunal Federal, e não é qualquer caso que vai parar a um juiz dum tribunal federal.

    • Mota says:

      “Não ligamos ao tribunal federal ou ao tribunal federal”
      Erro no texto.
      “We’re not paying attention to the federal judge or the state judge. You see, we’re above the law”

      2.

      Vocês falam no texto que ele ameaçou prender, mas não puseram o que ele disse pq?

      “But believe you me, if I get a toehold in this county and I can get the state attorney’s office to prosecute, and a judge to back us up with it, I’ll lock the rascal up”

    • Real World says:

      Hum hum. Vê-se.
      Se o xerife quiser prender o Tim, prende. Depois os advogados podem tira-lo de lá. E sabes o que acontece ao xerife? Nada! O que não falta na América são homens mais ricos e mais poderosos que o pobre Tim.
      E digo mais se o estúpido do Donald Trump for eleito presidente, a Apple desbloqueia tudo o que houver para desbloquear e nem pia. O objectivo desta ” guerra” é só um. Publicidade grátis. Se e Quando os EUA apertarem com a Apple o Tim faz o mesmo que os outros. Baixa a calcinha e faz o que lhe mandam.

  2. YaBa says:

    Uiiiii, cuidado, temos mauzão na área.

    Não o querem convidar a vir prender também a nossa corja portuguesa?

    Fala muito mas os advogados logo o calam. Valeu pelo esforço Xerife, fica para a próxima.

  3. Tomás says:

    será que o Xerife não sabe a legislação? Ameaça prender por fazer uma coisa que a legislação permite mostra um espírito de abuso de poder

  4. Darth says:

    Como epé que um borra botas qualquer, no outro lado dos EUA, manda prender alguem na california? Enfim, falar nao paga imposto

  5. Tulio says:

    Vocês não conhecem o Texas 🙂

  6. Jorge Rodrigues says:

    Só mesmo na america…
    O senhor Xerife até se esquece que assim que passa para o estado vizinho é aponas um cidadão comum….
    A não ser que pertença a uma força federal e não estatal…
    Enfim ….

  7. pacman says:

    A frase “o CEO da Apple precisa saber que não está acima da lei” está muito bem dita.

  8. Tulio says:

    Vocês não conhecem o Texas 🙂

  9. NT says:

    Pois nem a policia deve estar acima da lei… E se ele está a ‘ameaçar’ o próprio ‘xarife’ está a violar a lei que ele diz que ninguém estar acima… Enfim Brave New World….

  10. Jacinto Leite Capelo Rego says:

    Era o xerife Judd, aquele que queria era ser o Juiz Judd. Mais um valentão que desempenha o papel de pistoleiro…

  11. Francisco says:

    Só tenho a dizer Bla bla bla wiskas saquetas (publicidade a parte) o senhor não sabe o que diz… alguem faça um teste de alcoolemia ao Sr.
    A Apple li algures que tem uma equipa de 500 Advogados neste caso vs o FBI e era logo um Xerife que ia prender o CEO da Apple só porque ele acha que sim… enfim nos USA é mesmo 8 ou 80…

  12. Carlos says:

    Hum for para prevenir um ato de terrorismo, abuso sexual, etc estes tipos de crimes horrendos, concordo esse com esse xerife!
    E quem discorda espero que nunca passe por essas situações.
    Mas ninguém está acima da lei, todos temos direito a liberdade, a vida privada etc, desde que estes direitos não intervirem com os direitos dos outros.

    • Tomás says:

      A tecnologia de cifragem não tem o luxo de poder ser só ultrapassada por bons motivos. Para quereres ter cifragem limitada terás que assumir o risco de outras pessoas passarem a ser vítimas.

    • Luis Coelho says:

      O meu caro amigo deve querer ver a sua vida privada na rede um dia destes.
      Tudo começa assim com o argumento de que “é só para determinadas situações”, depois usa-se e abusa-se para tudo e mais alguma coisa.
      Já nos bastam os casos VIP das nossas Finanças para esconder e mostrar os pod(e)res do uso e abuso de autoridades no acesso à informação.

  13. Pedro says:

    Engraçado como defendem cegamente o que a Apple faz. Neste caso, abrir uma backdor nos iphones é completamente ridiculo, como é óbvio, e o que este Xerife diz também não tem ponta por onde se pega mas tentem perceber nas entrelinhas o que o homem quer dizer. É inacreditável o nível deste caso ter chegado onde chegou. Parecem umas criancinhas a brincar, uns aos ricos e outros aos polícias.

    • Luis Coelho says:

      O que esta em causa não é o que a Apple faz, mas sim o que se pode fazer nesta era da informação em favor da privacidade ou do direito à mesma.
      Imagine que a partir deste seu post se conseguia descobrir quem você era, onde morava, onde trabalhava e a que horas, quem seria a sua família e os seus hábitos pessoais de consumo e de conteúdos multimédia, onde estudavam os seus filhos, etc…
      Dessa forma, a sua vida seria um livro aberto para quem quisesse vender-lhe o que quer que seja, quem quisesse saber a que horas iria assaltar a sua casa, onde iriam raptar familiares, entre outro tipo de ameaças à sua vida privada.
      Seria um tipo de crime sem precedentes na história, onde a partir de um simples clique e à distância de quaisquer exposições físicas, o criminoso poderia orquestrar a sua estratégia.

  14. LuisPinto says:

    Acho muito bem a atitude da Apple. Quando se trata em manter a privacidade dos usuários, é para se cumprir. Agora… Não sabia que um xerife tenha o poder de um juiz, para mandar prender seja quem for…

  15. Flávio Ferreira says:

    Acho bem a atitude que prenda que se fosse aqui que os terroristas chegassem o pessoal pedia logo para desbloquear isso tudo

  16. Natthor says:

    Acho piada a todos os defensores do senhor Tim pode ser que quando um maluco destes vos rebentar com a familia e precisem do i phone do gajo debloqueado voces nao protejam tanto a intimidade desta corja

    • Flavio Ferreura says:

      +1
      Mas é que nao duvidas, esta gente fala mas se fosse assim era logo a pedir mesmo

      • joao says:

        enfim comentário feliz esta gente é tao cega pelo iphone que nao pensa no que esta por de trás disto …..enfim iphone ao poder ….pode fazer tudo se fosse Microsoft ai jesus era isto e aki lo

      • Luis Coelho says:

        Sim e agora imagine tudo isso mas agora ao contrário. Por se ter aberto no futuro o precedente da backdoor, que qualquer um entraria no seu dispositivo e rapidamente disseminava as suas fotos intimas na internet, assim como as suas password bancárias, contatos, emails, etc…

    • Luis Coelho says:

      E agora imagine que tudo isso se invertia. Ou seja, que ao invés se ser algo utilizado a favor da sua família, seria contra a sua família. Tudo porque se abriu um precedente que rapidamente hackers tiveram acesso aos mesmos mecanismos de entrada no seu dispositivo.
      O que diria?

  17. George Orwell says:

    O xerife deu um valente tiro no pé.

    Caiu do céu a Tim Cook e à Apple ( além da Google e Twitter que partilham da mesma filosofia ) o melhor argumento com o qual já nem sequer contavam.

    Aberto o precedente legal que a Apple pretende evitar, qualquer xerife como este teria acesso a dados privados nos smartphones e computadores pessoais usando as empresas tecnológicas como se fossem seus braços policiais subordinados, abalroando pelo caminho o direito de defesa do acusado.

    Ainda por cima, um xerife dum condado do estado da Florida, estado este conhecido pelas decisões judiciais mais estapafúrdicas de todo o país onde o preconceito rácico parece estar omnipresente.

    Sem prejuízo de toda a estima e consideração que as autoridades nos merecem, tantas vezes correndo risco de vida em prol da nossa segurança, numa profissão de grande desgaste e muito pouco reconhecida, lutando muitas vezes com meios inferiores ao infractor, porém, as leis estipulam uma fronteira que este xerife foi tão eloquente em ultrapassar que dispensa mais comentários.

    Mais meios e departamentos tecnológicos para as polícias exerceram as suas competências em casos concretos podem pacificamente coexistir com o direito dos cidadãos à sua privacidade garantido pelas empresas tecnológicas.

  18. Diogo says:

    Olha, este já parece o Bruno de Carvalho com os comunicados!

    • rui says:

      O bruno só fala no facebook. Por isso já é diferente. 😀

    • George Orwell says:

      Desconheço se o Rui se refere à entrevista do xerife, sendo que, uma conferência de imprensa dada por um xerife não se pode confundir com um comunicado, ou se refere à minha mensagem que ao momento se encontra imediatamente acima da sua.

      Acautelando a hipótese de ser este último o caso, devo dizer-lhe que lamento não ter aprendido nada com a sua mensagem, desconheço quem seja Bruno de Carvalho e muito menos os comunicados deste. Daí que, podia ser mais específico quanto aquilo que o parece afligir.

      Penso também que, se for este o caso, e caso a moderação deste Blog partilhar constrangimento semelhante quanto ao estilo, estarei aberto, em salutar convivência, a melhorar o estilo ( a opinião não mudo) e até, deixar de comentar em definitivo, o que não me trará consequências relevantes e aceitarei com toda a naturalidade e humildade do mundo com que aqui comentei

      Cabe a palavra à moderação.

  19. José Maria Oliveira Simões says:

    Nada de novo. Típico das terras do tio Sam. Desde sempre que foi proibido vender tecnologia de criptografia. Eles estão habituados desde sempre a entrar na privacidade das pessoas com o Echelon. Por sinal, em Portugal também se está a ir por essa via. No tempo dos nossos avós punham-se as sopeiras atrás das portas a ouvir os patrões. Hoje há gente que até fica com as orelhas vermelhas de tanto ouvir o que dizemos ao telemóvel. Como se vê, nada mudou, a não ser a tecnologia. A tecnologia por si não é má, a não ser o mau uso que fazemos com ela ! Por exemplo, em Portugal o Estado vai ao ponto de querer saber quantos tostões temos na nossa conta e o que fazemos ou compramos com o nosso dinheiro.

  20. LG says:

    Lulz mas este Xerife tem alguma jurisdição na California?

  21. Ace says:

    Alguém que relembre o homem que não estamos no Faroeste!

    • Luis Coelho says:

      Lá ainda continuam com a mesma mentalidade, já que com as leis de uso e porte de arma, só lhes faltam os saloons, os cavalos na rua e os chapéus. Ai é verdade, eles continuam com isso tudo 🙂

  22. joao alves says:

    num antigo post pedi que traduzissem as citações.

    obrigado por terem começado a traduzir 😀

  23. Márcio says:

    cade os phonehackers?
    Será que é mesmo impossível esse desbloqueio?

    • Kekes says:

      Não, a questão está na obtenção de dados de forma legal para que tenha valia jurídica.

      • Tomás says:

        nada impede o FBI de ter um mandato e usar hackers para o conseguir, basta documentar o que é feito para que possa ser replicável e assim servir de prova.

      • Francisco Pinto says:

        Errado. Um mandato de justiça para aceder ao iPhone válida juridicamente, mesmo que seja via hackers! Na prática é o que o FBI quer! Que seja a Apple a hackear o iPhone!o Problema é que eles querem uma forma “fácil”de aceder aos iphones e que funcione sempre! Já que mesmo que já tenham crackado vão ter de explicar como o fizeram e inviabilizar esse método para uso futuro! Tb é uma das razões da NSA não ajudar o FBI! Teriam caso já o consigam ou tenham capacidade para o fazer, de admiti-lo e demonstrar o método o que obviamente iria ser inviabilizado pela APPLE numa actualização!
        Assim mais tarde ou mais cedo a Apple e por arrasto todas as outras empresas tecnológicas vão ser obrigadas a “criar” uma maneira “fácil” do FBI e companhia aceder aos devices sempre que “quiserem”.

        • Tomás says:

          Alguns dos métodos propostos como alternativa dificilmente serão inviabilizados com uma actualização de software, só com mudanças no hardware e mesmo assim seriam mudanças difíceis de vir a acontecer no curto prazo.
          A intenção é política e não por motivos técnicos; serve para marcar “território” e para no mínimo tentar influenciar o Congresso, já que o FBI e o Presidente se tinham visto forçados a desistir duma iniciativa legislativa no ano passado.

          • Francisco Pinto says:

            Sim esses métodos que implicam copiar o “disco” do devices não seriam inviabilizados. Mas esses métodos não são propriamente fáceis. Além de que dependendo da pass podem demorar um bocadinho de tempo até se conseguir! O ke eles querem é uma maneira “fácil” e permanente de acesso aos devices.

          • Tomás says:

            O fácil depende do investimento no aperfeiçoamento da técnica e formação dos técnicos. Para PIN de 4 ou 6 algarismos serviria satisfatoriamente, num espaço de dias deveria estar desbloqueado, isto é, há meses que já teriam os dados sem andar com esta guerra. Para passwords alfa-numéricas nem com o método que querem obrigar a Apple a criar teriam garantia de conseguir desbloquear, com mais de 6 caracteres o mais certo seria demorar anos.
            Havendo uma alternativa viável que podem implementar perdem um argumento fulcral para o uso desta lei, pois depende em parte das autoridades não terem alternativas próprias (mesmo que não sejam perfeitas).

          • Francisco Pinto says:

            O que o FBI diz que quer é um engodo(para o público)! Não sei como é que a Apple vai fazer o que eles querem sem hackear (mesmo que seja um limitado as definições)o iPhone em questão!

      • Brasão SS says:

        Desculpa!
        Era kekes que queria escrever!

  24. Eu says:

    O que vale é que isto é só malta que conhece a legislação do estado do Texas ehehehe

  25. Fabio says:

    Dame piada certos comentarios , esta publicidade que nao é outra coisa a ver se a apple consegue vender alguns telefones a mais porque estes ultimos tempos andaram quase a oferecer ah ultima da hora iphones e com campanhas a verem se nao tinham um decrescimo nas vendas em relaçao ao ano passado, o que conseguiram com umas decimas a cima.. eu gostava era de ver o donald trump chegar a presidente, vejo certos comentarios que o tim cook é o maior , que tem 500 advogados contra o fbi e mais algumas barbaridades, a primeira coisa que o tim cook fazia era baixar as calçinhas, senao ia vender iphones para marte, nao e muito dificil o governo dos eua brincarem com a apple, seja com o que for , desde comercializaçao naquele pais , regras , cotas , patentes e ate se quisessem inventavam que o tim cook era violador como fizeram com o julian assange, o que o governo esta tentando fazer é pela melhor maneira que é legislar alguma lei em que nestes casos tenham acessibilidade aos iphones sem quebrar regras, porque o telefone esse se quisesseem desbloquar ja o tinham feito com a nsa ou mesmo com os chineses, mas isto tudo e muito bom para a apple, vamos a ver se este ano conseguem vender mais telefones que a samsung , azar e se o donald trump chega a presidente a publicidade comeca a ser outra

    • Tomás says:

      Quando temos ex-directores da CIA e da NSA a vir a público dizer que não se devem criar backdoors na encriptação, senadores americanos contra backdoors, e até senadores que mudaram de posição depois de se documentar sobre o perigo dos backdoors, será isso também publicidade?

    • Luis Coelho says:

      Para mim ouvir ou ler alguém dizer que, “gostava era de ver o donald trump chegar a presidente” diz muito sobre a sua inteligência.
      Tenho só pena do tempo que perdi agora a responder a um tópico dessa mesma pessoa.

  26. jesus jones says:

    Era a cereja em cima do bolo

  27. jaxwins says:

    Acima da lei ?? Só compra iPhones quem quer !! Apple não obriga ninguém a faze-lo. A Apple inventou um dispositivo que supostamente não é “vulnerável” e agora é obrigada a criar algo para agradar a certos indivídos que também se acham todos poderosos! Anda tudo louco! Tomem juízo. Revejam o significado da palavra Privacidade.

  28. Luis Coelho says:

    Um verdadeiro anormal este xerife, senão vejam as suas declarações originais onde ele afirma que Tim Cook alega:
    ‘We’re not paying attention to the federal judge or the state judge. You see, we’re above the law,’
    Traduzindo, ele refere que Tim Cook pensa que não irá prestar atenção a juizes federais e estatuais, porque se acha acima da lei.
    Ora o que Apple fez, foi tudo dentro da lei indo o caso a tribunal onde foi tudo decidido por um juiz.

    E este senhor continua rematando:
    “The CEO of Apple needs to know he’s not above the law, and neither is anybody else in the United States.”
    Traduzindo, o presidente da Apple precisa de saber que ele não está acima da lei e também ninguém nos Estados Unidos o está.
    Aparentemente, parece-me que só deve estar acima da lei este dito senhor que acha que a sua opinião está acima de um tribunal dos Estados Unidos, um tribunal do seu país e o qual ele supostamente defende.

    Dito isto, este xerife Grady Judd parece-me ser bipolar, dada a sua dificuldade em manter a coerência no seu discurso e desdiz rapidamente o que defende. Até eu fiquei confuso com o seu discurso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.