Quantcast
PplWare Mobile

Wi-Fi ajuda universitários a tirar melhores notas

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. claro deveria haver rede wi-fi gratis em todas as escolas e universidades!

  2. Burgada says:

    “…Os estudantes gostam tanto de Wi-Fi, que 48% desistiria de cerveja em nome do acesso à Internet”

    Aqui está uma diferença cabal entre os estudantes universitários americanos e os Portugueses…e mais não digo…

    Cada um interpreta da forma como quiser…obviamente…eheheheh…

    Abraço

  3. Rui says:

    Esperimenta trocar a pergunta por coca cola nem um desistiria da coca

  4. aver says:

    Se fossem forçados a escollher:
    – 48% prescindia da cerveja em vez do Wi-Fi
    (e 72% preferia vestir as cores de um colégio rival a prescindir do Wi-Fi).

    Tenho muita fé nos 52% que não prescindia da cerveja (e nos 28% que sendo do Benfica não morrem se tiverem que usar uma camisola, uma camisola, …da Académica). LOL.

  5. @Jorge Barreto,

    Já existe, chama-se e-U (eduroam na sua vertente pan-europeia). Abrange se não todas a maioria das universidades e politecnicos de Portugal e oferece net gratis aos alunos de todas as instituições aderentes ao projecto, quer esteja na sua instituição, quer esteja de visita a outra (em roaming).

  6. Jomjo says:

    O título do post está incorrecto.
    Não foi provado que ajuda a tirar melhores notas.
    Segundo a descrição, nenhum índice de desempenho escolar foi avaliado.
    O que foi provado é que os estudantes universitários gostam muito de ter interent onde quer que estejam.
    Qualquer coisa como provar, a soldo de uma organização de promoção do oxigénio na atmosfera, que os seres humanos gostam muito de poder respirar.

  7. Anibal Ferreira says:

    Se me perguntarem eu também direi que internet grátis para todos ajudaria a aumentar a produtividade Portuguesa (Só uma ideia para o Engª Socrátes) 😉

  8. fox88 says:

    mas tenho de concordar com o título.

    em portugal, muitas das nossas universidades têm subscrições on-line de revistas científicas, cujos artigos só seriam acessíveis aos estudantes caso estes pagassem uma pequena fortuna por 3 ou 5 páginas, que às vezes nem era bem o que se procurava.
    assim, com o wi-fi (e outras tecnologias de acesso), os estudantes têm acesso a milhares de artigos gratuitamente que podem utilizar como fontes de informação nos seus trabalhos académicos – o que melhora as suas notas!

  9. JM says:

    “48% desistiria de cerveja em nome do acesso à Internet”

    LOL!!! se as estatísticas forem as mesmas para Portugal então, eu estou nos outros 52% 😀

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.