Quantcast
PplWare Mobile

Vai ser possível renovar o cartão de cidadão sem sair de casa

PUB

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. N1ldo says:

    Sinceramente nem o porque de tem vencimento..

    • Peace says:

      E não tem, eu tenho porque trabalho.
      Mas a data de validade é por segurança.

    • Joao Ptt says:

      O vencimento é por um lado para o estado manter o controlo sobre si enquanto indivíduo… se decidir não querer saber mais do estado para nada e não ter nada haver com ele, vai ter a vida muito dificultada a partir de certo momento.

      Por outro lado existe a limitação técnica do chip embutido no cartão que aparentemente anda nos 10 anos, sem falar que as tecnologias criptográficas utilizadas vão evoluindo e é necessário ir tornando obsoleto tecnologias utilizadas que já não dão mais garantias de não serem falsificadas/ ultrapassadas em larga escala.

  2. Samuel MG says:

    Deviam baixar os valores que se paga por estes documentos!! Acho que 15 euros para 5 anos e 18 euros para 10 anos é demasiado elevado.

  3. Pedro Nogueira says:

    Um documento obrigatório para qualquer cidadão Português, onde deveria ser abolido a taxa de emissão /renovação. Deveriam ser os nossos impostos a pagar este tipo de serviço.

  4. Silas C Almeida says:

    Se uma pessoa tem a validade já caducada, já marcou o agendamento presencial para daqui uns meses (nomeadamente para Agosto), não vai alterar uma virgula ou acento no seu CC !!! Vai ainda assim ter que ir se apresentar no Cartório de seu Município para efectuar a renovação do mesmo?? ou vai já receber entretanto a papelada via e-mail para andamento do processo por via não presencial ????
    E os valores vão sobrer uma habitual insuflação ou inchaço de taxas e taxinhas ou vai ficar mais barato???

  5. Rui Miguel says:

    Parece boa ideia, mas depois a parte dos códigos é uma tremenda burocracia. Vão manter os atuais, vão enviar novos por correio?
    Atualmente obrigam as pessoas a ir ao local para receber os códigos. Os que têm a assinatura digital bloqueada, só pode desbloquear de forma presencial. Mesmo tendo os outros disponíveis, tem de lá ir , por causa de um. Depois como não há agendamentos, a pessoa fica impedida de assinar e utilizar a chave móvel digital, por longo meses.

    • rjSampaio says:

      Mandam por correio, se tiveres um leitor de cartões fazes tudo em casa.

    • Joao Ptt says:

      A parte da assinatura digital é que realmente é problemática, por um lado não quer que qualquer um deite a mão à sua carta com o seu cartão de cidadão e comece a assinar por si, e por outro se precisa ou quer a assinatura digital activa tem mesmo de deslocar-se ao IRN para a activar… não é fácil de solucionar a menos que o estado queira facilitar e deixar a pessoa deslocar a qualquer loja do cidadão, ou município para activar tal funcionalidade num departamento específico só para “notariado”… mas não sei até que ponto tal não aumenta a probabilidade de fraudes… mas é uma possibilidade.

      Quanto aos códigos supostamente é o que enviam para casa juntamente com o código de pagamento para o multibanco.

    • Luis Rosalino says:

      Ola Rui, a assinatura digital da para ativar em casa mas para a chave movel digital. Para o cartao de cidadao de facto tem de ser presencial, enfim…

    • N'uno says:

      Se tiveres a sorte de receber um cartão que se activa ao fim de 48h (máximo, porque normalmente é antes), podes autenticar-te no portal egov e activar a chave móvel digital, isto se tiveres um leitor de cartões. Os códigos são enviados para casa em carta própria.
      Eu recebi SMS ainda em Abril e no mesmo mês recebi o cartão, assim como os códigos. A chatice é que não está activo, logo não consigo autenticar-me no egov e em lado algum… Até conseguir avançar um pouco a resolução do problema foram umas 3 chamadas de 40 ou mais minutos de espera, com informações incoerentes, tentativas de agendar na conservatória nunca atendidas, ou atendidas e desligadas, enfim, um terror! Hoje consegui finalmente um agendamento para resolver isto, mas estou ainda dependente da confirmação da recuperação dos sistemas, pois hoje todos os nossos certificados (em sistema) desapareceram pelas 11h30. Nem presencialmente teriam resolvido alguma coisa a partir dessa hora! Enfim, querem facilitar, mas parece-me que estão longe de lá chegar…

  6. B@rão Vermelho says:

    Eu pelo passaporte até quase que desculpo o elevado preço 65€, por 5 anos, agora o CC, é obrigatório devia ser grátis, há impostos em Portugal que deixam “confuso” como por exemplo IMI, para habitação própria permanente acho uma tremenda injustiça, 48% de imposto de mais valias para habitação secundária, lá está fazer bons negócios em Portugal é crime, como os governos só fazem negócios ruinosos, temos de castigar aqueles que sabem fazer negócios, pelo menos aplicar este valor para valores de venda de a partir de 1 milhão de €, por exemplo.
    A quantidade de imposto cobrado pelos estados são um convite a fuga de impostos, e atenção que isto não é um exclusivo nosso Português e geral, sendo certo que na Europa ainda temos bastastes direitos e apoios, com educação grátis, saúde, apoios ao desemprego etc., mas falta é muita fiscalização para apanhar os aproveitadores

  7. JSILVA says:

    Eu já renovei o meu em Fevereiro sem sair de casa. Como os dados pessoais eram os mesmos pude fazer tudo online. Para receber o documento, fui noticado por SMS com a seguinte mensagem: Vai receber o C Cidado pelos CTT com entrega ao PROPRIO. Para receber noutra morada ou Loja CTT utilize ctt.pt.
    E no dia seguinte tive que me identicar perante ao carteiro com o CC caducado para receber o novo.

  8. JPO says:

    boa tarde,

    Suponhamos que tenho o CC caducado, tenho 23 anos.

    queria também aproveitar a renovação do CC para alterar a morada fiscal.

    A questão do multibanco está fora de questão para mim certo?

    • Ricardo M. says:

      Boa tarde, o que recomendo é que faça onlina a alteração de morada antes de renovar o CC. Assim quando fizer a renovação já está tudo atualizado. Para atualizar a morada apenas tem de ativar a chave móvel digital. Veja se no seu caso é possível ativar

  9. rjSampaio says:

    Nos moldes que dizem na notícia já é possível, eu o fiz em Novembro do ano passado.

    Dai de casa porque os CTT falharam a entrega, mas isso é outra história…

  10. iDoente says:

    Vão ter de deslocar caso pretendam ativar a assinatura digital

  11. JPO says:

    Obrigado caríssimos.
    Porque , ao tentar no portal, dizia que apenas poderia ser efetuado se tivesse +25 anos.
    Achei ridiculo, mas que certamente existiria outra alternativa.

    Obrigado mais uma vez.

  12. gil says:

    a fotografia é a razao dos 25 anos

  13. Helio says:

    No dia 20 de junho de 2019 renovei o meu CC pelas 23h, por acaso estava no trabalho e não em casa.
    Só tive que agendar o levantamento, na altura claro

  14. ONUBB says:

    Ai tantos que nem vão receber os seu cartão, e depois vão a televisão dizer que tem um empréstimo e nem sabem de onde e como o tem, prefiro ir la para renovar e levantar

    • Joao Ptt says:

      Infelizmente é uma possibilidade real.
      É sensato querer que seja entregue no IRN e ir lá levantar, desde que consiga agendar tal… antigamente dava para simplesmente aparecer e esperava um pouco (dependendo da localização), hoje em dia aparentemente é hiper difícil… o vírus deve ter morto muitos funcionários do IRN ou coisa parecida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.