PplWare Mobile

TV Pirata: PJ detém homem pela prática de Cardsharing


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. Vitor says:

    Por cada “morto em combate”…dez se levantarão!!

    • Falcão Azul says:

      Era bom !! Vais ter cá uma sorte !! Isto há-de ter um fim,de uma maneira ou de outra.Quer dizer,andam uns a pagar,com tudo lícito,dentro da lei,para outros andar na mama,a pagar uns trocos e a ver o que quiserem.Só faltava agora essa !! Nem pensar !! Fora os crimes em que incorrem ainda lesam as operadoras em milhões de euros !! Só faltava essa !!

      • piri_vm says:

        “Fora os crimes em que incorrem ainda lesam as operadoras em milhões de euros !!” isto é totalmente mentira…
        Muita gente que usa serviço ilegal, nunca teria serviço legal. Por exemplo o meu avô para ter o serviço ilegal teve que aderir a Internet, neste caso paga 25 euros para ter Internet, se não tivesse o serviço ilegal, não teria Internet, logo eram mesmos 25 euros. Eu por exemplo, tenho que ter serviço ilegal, porque nenhuma operadora consegue oferecer o mesmo legalmente. Eu não posso ter parabólica, como faço para ter serviço de TV portuguesa fora de Portugal?

        • José Lérias says:

          https://campanha.nowo.pt/box-ip/
          Deu-me menos trabalho encontrar este, LEGAL, do que um pirata.

          • piri_vm says:

            Por acaso não conhecia essa proposta…
            No entanto não serve…
            Só dá na união europeia, só dá para aderir a quem tem conta portuguesa. Mas é uma boa alternativa legal e não muito cara.

          • Jose Lapao says:

            Achas barato? Hum interessante pagar 80€ por uma box que custa a produzir pouco mais de 20€ e até se encontra no mercado por 30/40€ e com muitos mais serviços, e depois pagar 20€ pelos canais, mais outro tanto pela Internet, há e não esquecer, estamos a falar de streaming ou seja internet abaixo de 20mbit os canais engasgam. E qual é o operador em Portugal que só fornece internet que seja estavel. E porque não haver esse serviço sim a esse preço sim, mas via satelite ondem não é necessario Internet e pode-se usar até onde judas perdeu as botas?!

          • Cortano says:

            @jose lapao:
            trabalhas de borla?

          • piri_vm says:

            Eu falei que era uma boa alternativa para o meu caso, mas eu explico.
            Todas as Box custam pouco a ser produzidas, mas tu para veres IPTV como deve ser gastas no mínimo 50 paus. Apesar das mais vendidas Mag ou TVIP rondar os 80. Logo para teres um serviço pirata gastas o mesmo. Para teres tv pirata tens que ter Internet, quer seja iptv ou cardsharing. Era uma coisa que tinhas que pagar. Para teres replaytv nnum serviço pirata, pagas no mínimo 120 euros ano, e não tens em todos os canais e nem 7 dias.
            Ou seja o pirata para esta box (que não conhecia) so ganha nos serviços premium. De resto até nem compensava. Mas para mim não serve, mas vou informar-me.

          • RG says:

            Preciso de ter uma morada de residência em Portugal para poder adquirir a BOX NOWO TV HD IP?
            Sim, para poder efetuar a subscrição do serviço é necessário que tenha uma morada de residência em Portugal.

        • Rrrrrr says:

          Apenas tens o servico TDT… se o sinal for suficiente
          Em tempos, o nosso servico TDT tinha uma proposta para termos acesso a 20 ou 30 canais…. mas possivelmente devido a pressao destas operadoras, temos acesso aos canais da RTP SIC TVI e canal parlamento…

          • piri_vm says:

            Eu disse fora de Portugal… É que nem os serviços de streaming oficiais, funcionam (por meios simples e legais) fora do país.

          • Rrrrrr says:

            exatamente… a nao ser que se ange a alterar a localizacao do nossi IP…
            enfim, maroscas.
            e ainda nos querem acabar com a net neutrality…

          • piri_vm says:

            Mas isso é ilegal, usar uma vpn no serviço streaming de meo por exemplo, é ilegal…

          • Rrrrrr says:

            certo. estou a perceber. a solucao acho que eé mesmo ter esses servicos por parabolica.. comprar em PT e instalar no estrangeiro.. mas sim, estaá dependente da possibilidade de se poder instalar ou nao uma parabolica num predio/casa.. Ca no UK nao é nada facil se estivermos numa casa alugada.

      • Rrrrrr says:

        Roubo sao os precos praticados pelas operadoras.

      • Jota says:

        Coitadinhas das operadoras… eu pago 57 € por mês por serviço adsl Meo em zona rural, com promessa de 24 mb, no entanto para fazer um download de 300 mb demora aproximadamente 30 min,,, afinal quem é o lesado? Não aprovo o serviço ilegal, mas dizer que lesam as operadores e para rir… quem o faz nunca será um potencial cliente,,,,

      • Dr ginecologista says:

        Tu deves ser dono de alguma operadora não?? Estás tão preocupado com isto mas não estás preocupado com os milhões que as operadoras nos roubam?? Abre os olhos ou então está caladinho e não digas asneiras….

  2. Falcão Azul says:

    Neste caso foi um tipo de Oliveira de Azeméis.Isto para os lados do distrito de Aveiro é só mafiosos ,só gatunada,eu nunca vi outra !! Em Aveiro o pessoal pensa que é tudo de borla.Não faltava mais nada !! Paguem como os outros também pagam !! Se virem os meus comentários nas referências a certos artigos em outras ocasiões verão em que distrito há mais casos de burlas deste tipo em Portugal.Mas é claro que é em Aveiro, como não podia deixar de ser.Que vergonha !! É vergonhoso para quem efectua este tipo de crimes,como para quem compactua com ele.Não há maneira de esta m**** acabar de uma vez por todas !!

    • Fábio Silva says:

      Antes de falar ou escrever generalizadamente sobre a malta de Aveiro, “lave” a boca (ou os dedos). A avaliar pelo histórico, parece que isto é transversal a qualquer zona do país. Não sei como é que o PPLWARE aceita comentários destes. Francamente! Tenham vergonha.

    • Rrrrrr says:

      as pessoas que estao a disponibilizar estes servicos, podem (ou nao) estar nessa area. o que nao significa que quem usufrua desse servico nao esteja apenas nessa zona.
      e isto nao vai acabar. vai continuar, porque é um absurdo os precos que sao praticados nao so para TV como para canais de tv… mas como ha pessoas que nao se importam minimaente com isso e com a qualidade de servico dos mesmos, acho que nao devemos esperar nenhuma mudanca.

    • R!cardo says:

      Este um dia queria aceder aos conteúdos ilegais, mas como não conseguiu por falta de “inteligência” virou-se contra o “sistema ilegal”, como quem diz: “o teu sistema ilegal funciona e o meu não, logo vou fazer queixa de ti”

    • Tiago says:

      Vergonha e pagar 50euros para se poder ver todo o futebol….. Só para a sport TV são logo 25e e só se vê de deixo a liga nós e liga inglesa devia ser ao preço da eleven sports

  3. CMatomic says:

    É por isso que não tenho tv dos operadores telecomunicações , tenho a TDT e chega , chegam a ligar para minha casa com descontos e tal , e eu digo não quero os vossos serviços de tv como também não estou nada interessado em serviços ilegais de acesso a tv .

    Já alguém imaginou-se ter pagar a um operador de telecomunicações para ouvir radio ?

    Na TDT podia também existir canais por subscrição ” ElevenSports” mas fora do modelo dos operadores de telecomunicações .

  4. Jorge says:

    Só não percebo é o porquê de tantas noticias aqui neste site sobre este tema…
    Sinceramente não sou nada contra este tipo de coisas. Estes governantes bandidos deviam preocupar-se mais com outras coisas que se passam neste pais. Coisas bem mais graves que sinal de televisão… e lucros de operadores.

  5. caetano says:

    Quem não gosta poem na borda do prato e deixa os outros comer

    • Cortano says:

      Tristeza de pensamento.
      Come, estás à vontade. Mas se apanhares uma dor de barriga e o gajo que te vendeu a sandes não assumir responsabilidades não te queixes

      • caetano says:

        Não e tristeza de pensamento e a realidade estas sandes são muito baratas e não estou para sustentar chulos e não tenho medonem vivo no pais

  6. Pedro says:

    Fantástica PJ, quando são crimes do “Zé” conseguem. Mas e os grandes casos de gatunagem?
    BPP, BPN, BES, PT, BANIF, CGD, Salgados, Portas, Loureiros, Bavas, Vieiras desta vida ? E mais tantas outros ligados ao setor público? Isso sim é que nos vai ao bolso.

    • Cesar says:

      Também há “Zés” que te assaltam a casa e gostavas que a PJ fizesse alguma coisa. O teu comentário não faz qualquer sentido.

      • Jose Lapao says:

        Pois acho que o comentário do Pedro faz todo o sentido, o que não faz sentido são os preços pedidos pelo serviço, muito mais se tivemos em conta a relação preço/qualidade, e mais ainda a localização onde o serviço é prestado. Vimos anuncios na televisão de velocidades astronômicas de internet, de canais em full HD e 4K, etc, etc. Depois do serviço contratado, a velocidade nem chega aos calcanhares do anunciado, ai eles dizem a velocidade anunciada é ao nosso servidor e tal, como se eles tivessem um “espelho” de todo o conteudo da internet nos servidores deles, e os supostos canais full HD e 4k que quando são entregues mais parecem canais SD, digo isto, pois a minha televisão é 4K e olhando a qualidade o video é super pixilizado, pois os nossos operadores para encherem os bolsos sacrificam a largura de banda do canal para conseguirem colocar lá mais canais. Exactamente como na TDT tenhos uma unica frequencia que conporta neste momento 7 canais SD, se quiserem passar esses canais a HD teoricamente não podem pois não ha largura de banda na frequência para tal, mas na prática eles fazem no pois fazem um upscale para HD alteram a flag para HD, e emitem com a mesma largura de banda ou seja para a box/tv o canal é HD, mas na realidade é SD, é como se fizessemos uma cópia de uma cassete já um pouco ronfenha para CD, a gravação não melhora fica exactamente igual, e isto se não urarmos nenhum compressor. Toda esta conversa para dizer se os preços dos serviços fossem cobrados em relação há qualidade do serviço entregue assim como o sítio onde e entregue (ha sitios do país em que o operador entrega TV por uma tecnologia, e internet por outra, e mesmo assim não conseguem a qualidade minima do serviço, mas o valor a pagar pelo cliente é igual e por vezes superior ao serviço que se presta noutro local do pais onde há as ditas velocidades astronômicas, se esse prços fossem ajustados talvez não houvesse a pirataria. Ha também a questão dos canais premium, e é por causa deste que há a pirataria, pois como é que um comum português pode pagar os valores pedidos com os ordenados ouferidos em Portugal, impossível, só para canais de desporto são cerca de 50€ mensais e isto para ver meia duzia de jogos que por vezes não tem qualidade nenhuma pois os jogadores nem sempre fazem o que lhes compete que é jogar. Que tal pagar por jogo, e um valor aceitável ou então haver as duas modalidades que quisesse pagar por canal tipo os cafés pagava, quem quisesse pagar por jogo tipo os particulares pagava pelo jogo que queria ver e pronto, de certeza que a pirataria baixava muito. Nos canais de cinema por exemplo 10€ mes por 5 canais não parece muito pois não, mas se formos ver a programação deles fica de loje mais barato pagar o netflix, pois tenho os filmes que quero e quando quero e não os filmes que eles querem as horas que eles querem, os nosso operadores tem de evoluir se querem ganhar dinheiro.

    • Rrrrrr says:

      isso nao é gatunagem… acima de um determinadao montante deixa de ser crime, e passa a chamar-se “desvio”…

    • MAC says:

      Está a esquecer-se do Sócrates e da mafia cor de rosa.

  7. Ed says:

    Essa é a questão que coloco há imensos anos, a corrupção que existe no sistema politico, no futebol e na banca, esses que lesão os Portugueses em milhões e não se vê nada resolvido, nem ninguém julgado, nem devidamente presa, a PJ só persegue o zé povinho e faz um alarido como fossem grandes criminosos, aqui está mais uma prova de que as leis é só para alguns.

    • Cortano says:

      se calhar, então, o melhor é não a PJ não fazer nada.
      Se um dia te roubarem a casa e a PJ te disser que “ah, não vale a pena, isso é povinho”, depois não te queixes.

      MAS QUE RAIO UMA COISA TEM A VER COM OUTRA?!?
      Uma coisa não invalida a outra! Que raio de pensamento tão mesquinho e “povinho”.

      E caso andes distraído, os casos Salgado, BPI, PT, Socrates, etc., etc., foram todos presos. Estão na justiça, que raio a PJ tem a ver com isso agora?

      Quando aparecem noticias sobre roubos de casas, carteiristas, etc., o “povinho” diz que a policia não faz nada… aparecem casos com este de chico-espertismo, já a policia devia estar quieta.

      • R!cardo says:

        O puritano que nunca cometeu uma ilegalidade, deve ser mais um que queria usar um serviço mas como não tem conhecimentos e não sabe usar o google para um “how to…”

        • Cortano says:

          Onde é que eu digo que não cometo ilegalidades?
          Só digo que investigações a Salgados não invalida que não se combatam crimes pequenos.

          Cresce.

  8. poiou says:

    Detiveram, ok, e se forem acusados desses crimes todos, qual é o máximo que o cúmulo jurídico atinge?
    E não se esqueçam que penas menores que 5 anos podem ser suspensas.

  9. Pedro Araújo says:

    É errado fazer as contas que fazem.
    Se tiver 200 clientes, não quer dizer que esses clientes fossem aderir ao serviço de forma legal. Principalmente aos preços que fazem.
    É como as falsificações. Se forem vendidas como originais, sim é prejuízo. Mas se forem vendidas na feira, ou como réplicas, não creio que seja prejuízo.
    A melhor forma de combater a pirataria é baixando os preços. 10-15€ por todos os canais premium e viam que diminuía a pirataria para valores residuais.

  10. Shinchan says:

    Adoro este pessoal! A serio.
    “Paguem como os outros pagam”, “o pessoal pensa que é tudo de borla.” Depois reclamam que pagam muito nos serviços.
    A pirataria de tv em Portugal é uma necessidade. Se tal não fosse, não existia pois a pouca oferta de TDT é que incentiva a isso mesmo…
    Vejamos países como a França, Itália, Alemanha e outros. Eles transmitem dezenas de canais gratuitos, sejam sinal terrestre ou satélite e que eu saiba, as operadoras nao estão a sofrer com isso.
    Aqui em Portugal, se o pessoal aposta-se num sistema satelite, usufruindo de canais gratuitos e legais dos vários países, penso que seria uma boa forma de luta para aumentar a oferta de canais portugueses gratuitos.

    Mas como ADORAM pagar….

    • Cortano says:

      “A pirataria de tv em Portugal é uma necessidade.”
      Bom… por esse prisma, tudo é uma necessidade. Roubar, fazer trafulhices, desviar dinheiro… é tudo uma necessidade para alguém.

      Para mim o problema nem é a existência destes serviços paralelos, para mim o problema são pessoas ganharem dinheiro com algo para o qual não produzem nada a não ser vender algo que em muitos casos até é grátis. Os “chicos espertos” são o problema.

      • Shinchan says:

        Não distorcer nem exagerar ou acrescentar palavras ao que escrevi. Apenas falo na TV, mas dou-te outro exemplo real. Musica!
        Há alguns anos a pirataria de musica dizia-se que andava em alta e coitados dos artistas e e que se perdiam milhões .
        Apareceu o Spotify como um dos serviços mais conhecidos na musica via streaming. Ainda houve que reclama-se, desde bandas de musica até editoras(principalmente estas) mas hoje a realidade é outra. A pirataria na musica sempre foi baixa e hoje é baixíssima e milhoes de pessoas procuram e aderem ao streaming seja pagando ou usufruindo gratuitamente com publicidade pelo meio. E o engraçado é que hoje todos ganham, caso contrario o serviço ja tinha encerrado e nao aparecia concorrência.
        Na pirataria aos canais de tv chegam a uma necessidade no sentido de poder visualizar conteúdos relacionados, principalmente com o futebol. São estes os canais que motivam os pessoas a aderir a pirataria.
        Por isso digo que se em Portugal o pessoal aposta-se em satelite, se calhar a oferta TDT aumentava. So nao aumenta pois a procura da TDT e canais alternativos via satelite ou até canais TDT de Espanha ´não é significativa.
        Procura-se sim os serviços a pagar, tal como todos os portugueses adoram e se sentem felizes com isso. Ser legal ou ilegal, vemos que isso pouco importa nao é verdade? afinal de contas estao a pagar a mesma!

  11. Luis says:

    Os clientes também vão ser ouvidos e julgados judicialmente ? Ou só o cabecilha é que paga ?

    • Rrrrrr says:

      quem vende droga é criminoso, quem consome nao.
      quem partilha conteudos ilegais na internet pratica crime, quem usufrui desses servicos nao.
      os bancos que roubam e fazem as trafulhices nao praticam crime. O cliente que nao paga as contas nos prazos previstos ja esta a fazer um crime.

  12. Alexandre says:

    Não há problema nenhum é termos termos dos serviços de TV mais caros da Europa.

  13. Mateus says:

    Acho engraçado alguns justificarem a pirataria com outros problemas e roubos do país; a ser assim também acham bem bandidos assaltarem um indivíduo rico que trabalhou honestamente e ganhou o seu legitimamente, só porque é rico e há ricos ou políticos que roubam …. … que mentalidade atrasada, daí estarmos com a sociedade como está.

    No caso concreto infelizmente os nossos políticos e ANACOM não obrigam as operadoras a terem um pacote base de 1 0-12 canais (os de TDT e mais alguns dos grátis) por um preço simbólico (8€) e aberto a pelo menos a comunidade europeia via IP (como esta ótima proposta da NOWO).

    Satélite com os custos e instalação que necessita é uma estupidez em locais com internet de 10 mbit ou superior. Um canal em HEVC (atual TDT) mesmo em HD usa pouquíssima largura de banda. Os aparelhos custam uma miséria a fabricar (menos de 6€ já com licenças incluídas) e QUALQUER box Android com visualização HEVC ou TV com suporte HEVC podem visualizar IPTV sem necessidade de box adicionais.

    Cardsharing não é para ver TV standard com paus, avós e mesmo nos para as notícias; é para quem quer os canais todos, desporto e filmes e séries grátis.

    • Shinchan says:

      Realmente é a sociedade que temos, cuja mentalidade é a que se apresenta.
      Quanto aos 10-12 canais, dificilmente poderá acontecer pois as operadoras estão com medo de perder clientes, a começar pela MEO e seus fantasticos serviços de tv via streaming. Se queres ter TV, tens de meter net em casa, quer queiras ou nao. Bem, pelo menos a uns familiares meus a proposta foi essa, sendo obrigado a ter internet sem a usarem. Ou melhor, usam para ver tv. LOL

      Sobre o ” Satélite com os custos e instalação que necessita é uma estupidez em locais com internet de 10 mbit ou superior.” Ou entendi mal a tua frase ou estas mal informado pois tv via satelite não precisas de internet e alem disso multiplica 30€x 24 meses de fidelização. O dinheiro que pagas no serviço durante 2 anos chega para ter tv satélite.

      Sobre o teu comentário final, a pirataria de tv existe por esses mesmos canais, principalmente o desporto, o incentivo principal para aderir aos tais “pacotes”

      • Mateus says:

        Shinchan, o que quero dizer é que hoje em dia em países civilizados (salvo zonas muito remotas) tens internet de qualquer modo e serve para IPTV; satélite obriga-te a fazer uma instalacao extra (proibida em muitos países salvo telhados dos prédios visto “desfazer” a integridade estética, o que concordo). Satélite devia estar reservada a condicoes excepcionais onde nao há acesso de internet suficiente.

        De resto acho que há certos ramos (telecomunicacoes, energia, transportes, etc) onde os governos estao feitos com as empresas e nao com os consumidores (que os elegem…), tal como a ANACOM raramente intervém pelo complô nao-oficial. Em todo o caso a TV Portuguesa cada vez é pior, os canais “premium” salvo os de desporto também, por isso só acedo para ver as notícias, cafés ou amigos para desporto com umas cervejas à mistura e de resto Netflix + Amazon Video cobre as necessidades.

  14. Jose Lapao says:

    @Mateus (proibida em muitos países salvo telhados dos prédios visto “desfazer” a integridade estética, o que concordo). Integridade estética, que é isso então é preferivel ter uma janela com uma parede ao meio para preservar a estectica do prédio, é preferivel colocar as unidades de ar condicionado no telhado ao calor e ao frio e a enormes distancias gastando imensa energia para preservar a estetica do predio, eu prefiro ver as unidades de ar condicionado na parede logo por detras da unidade interior, prefiro ter a minha parabolica na parede a gastar km de cabo para trazer o sinal ate a box, a não ser que nao aches Portugal um não civilizado estas enganado quanto a velocidade de internet pois aqui em Borba a escassos 50km da fronteira com espanha onde nuestros ermanos tem fibra até no curral das cabras, para que estas possam ser monitorizados em tempo real, nos temos adsl a 1mbit e a tv tem de ser entregue por satelite (estragando a estetica do predio), mas quando falamos em valores a pagar no fim do mês pagamos o mesmo que os meninos que usufruem de iptv com todos os serviços disponiveis num unico cabo.

  15. mike says:

    Vamos partir do princípio que a principal finalidade das “adesões” ao serviço de tv pirata é o acesso ao canais pagos/premium, tipo sport tv, tv cine, etc. Não acham que, o há muito prometido, sistema pay-per-view, viria no mínimo, reduzir a quantidade de adesões? Por exemplo, sport tv custa X. Esse X dá acesso a 4/5/6 canais de desporto, ou melhor, 24/7 futebol. Eu não tenho interesse nenhum se calhar na maioria dos jogos transmitidos… Pago apenas o jogo(s) que quero ver. Ou então melhor, não sou adepto de futebol. Vejo F1 de 15/15 dias, e há semanas que não tenho disponibilidade para ver a prova… é ridiculo pagar o X! Não?! Pay-per view!
    Resposta das operadoras: NOOOOOOOO!!! Assim nós perde muita xixa!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.