Quantcast
PplWare Mobile

Toshiba Chromebook brevemente por 207€

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. Nuno Vieira says:

    Esqueceram de mencionar que em Inglaterra custa o equivalente a 300€.

  2. RF says:

    Isto faz-me lembrar quando apareceram os EeePC da Asus..

  3. Claudio says:

    O preço em dólares não inclui impostos…mas se seguir a “media” do costume custando 280$ equivale a 280€…

  4. cf says:

    alguém sabe se é fácil trocar o SSD desses bixos? davam um bom ultrabook, barato.. (para correr linux levezinho, chegava bem)

  5. César Augusto says:

    Por amor de deus, isto e um inutilbook, sinceramente não sei qual e o valor deste 0 autentico sem ser o de satisfazer a necessidade material de quem quer porque esta na moda!

    • Nome (Obrigatório) says:

      É tão inútil que “os ChromeBooks representaram, em 2013, cerca de 9,6% de todos os computadores vendidos nos EUA”.

      O teu comentário é que é inútil. Para mim este Chromebook chegava-me bem. Ir à net, consultar o mail, ouvir música, fazer uma edições leves em fotografia, escrever alguns documentos no Word ou no Excel, partilhar ficheiros, etc… faz-se melhor neste tipo de portátil que num PC a sério!

    • Nexus 5 user says:

      É por estas e por outras que nem sequer temos a opção de comprar um chromebook cá em Portugal. Depois andam-se a queixar que o windows 8 não devia ser assim… quando não há opções temos que nos sujeitar…
      Provavelmente o que gastaste inconscientemente no sistema operativo dos vários PC’s que compraste novos (em duplicado, triplicado, etc) chegava para pagar o hardware de um computador novo…

      • lmx says:

        isso é bem verdade…

        eu nem gosto de pensar que cada maquina que compro…financio a M$ e outras com cerca de 150 euros…dá-me azia, e fico irritado…

        Porque para usar um computador, tenho que pagar vassalagem a Microsoft…onde estão as leis da concorrência??

  6. Bruno Rivera says:

    Ja estou a imaginar daqui a uns tempos gente a vender esses pc’s a 50euros ou a vender isso para pecas ou entao bue gente a fazer mods nisso. 😀

    • Nome (Obrigatório) says:

      Bue? O que é Bue?

      Queres explicar melhor o teu raciocínio? Porque raio é que as pessoas iriam vender os ChromeBooks a esses preços? Que Mods estás a falar?

      • Bruno Rivera says:

        Para ser tao barato de certeza a qualidade do computador nao e la grande coisa. As pessoas que os comprarem depois de darem algum uso vao ver ou que sao lentos ou que nao e o que elas queriam, ou seja vao querer despachar o computador. Mods que eu falo vai ser gente a pegar neste chromebooks e a querer arranjar forma de colocar um SSD maior se e que isso vai ser possivel, ou entao linux’s e windows completamente cheios de alteracoes para correr minimamente bem num computador destes. Atencao posso esta enganado, mas pelo que me pareceu, nao parece ser la grande coisa. Agora tambem vai depender do uso que lhe queiram dar, como por exemplo apenas para ir a net, mas para ir apenas a net mais vale um tablet. Isto e so a minha opiniao.

        • Nuno Vieira says:

          Desculpa-me lá, mas desde que ninguém esteja a espera de fazer trabalhos pesados, o CPU tem capacidade suficiente para os trabalhos mundanos (ir a internet, ver email,…). A performance deste CPU é ligeiramente superior ao Core2 Duo SL9600, processador usado no MacBook Air topo de gama de finais de 2010, e este corre a ultima versão do Mac OS X sem problemas.

          • Bruno Rivera says:

            Epa… nao sei sinceramente, vou esperar para experimentar um e logo se ve o que ai vem :D.

            Mas de certeza que mods para estes computadores nao vai faltar se este nao permitir alteracoes de hardware como troca de rams ou de disco rigido, se por ventura este computador permitir que seja trocado o disco e as rams acho que vai ser a minha proxima compra. 😀

      • Mateus says:

        bue é muito ou muita.
        É português e sem acordo ortográfico

      • li70 says:

        Bue = Muito/a :^p

  7. Nuno says:

    Eu li a noticia assim:
    Bla bla bla Toshiba (fixe) bla bla bla Chromebook (fixe) bla bla bla 207€ (espetaculo) bla bla bla Celeron (oh porra, tava bom demais pra ser verdade, lixo), NEXT.

    • Nome (Obrigatório) says:

      Diz-me, para que queres um outro tipo de processador com este sistema operativo e com todas as suas limitações próprias?

      • dbrenha says:

        se calhar ele até nem queria só esse sistema operativo, se calhar ele queria instalar uma distro linux e queria boa performance. Eu pessoalmente ainda não vi a vantagem deste contra o acer c720 que é 79 dólares mais barato.

        • Nexus 5 user says:

          Talvez a marca? há muita gente que paga 2x mais para ter a mesma coisa de outra marca, é tudo uma questão de confiança ou azares no passado. Mas o problema é que não existem chromebooks à venda por cá..

          • Sergio says:

            ” Mas o problema é que não existem chromebooks à venda por cá..”

            Isso não é propriamente um problema. Há formas de os obter, e mais barato de que se fosse vendido cá (muito provavelmente), basta ver o caso do Nexus 5.

          • Sergio says:

            “Talvez a marca?”

            A marca???? Qual a vantagem de ter um Toshiba em detrimento de uma Acer? Se calhar é por isso que a Toshiba nem no top 5 dos vendedores de PC’s aparece.

            “há muita gente que paga 2x mais para ter a mesma coisa de outra marca”
            Sim isso acontece em marcas como Apple, Dell, Sony, mas não é bem a mesma coisa. Se te referes à mesma coisa ao processador, ram, disco, ok. Mas o PC não é feito só por isso, e se assim não fosse a Apple, Dell, Lenovo não tinham apresentado os crescimentos (num mercado em regressão) face às grandes perdas de Toshiba, Acer, Hp….

          • Nuno says:

            Toshiba nao está no topo por isso nao presta. Que logica. Tens 1 kilo de batatas a 1 euro em uma quinta e tens 1 kilo a 0.90 € noutra, qual compras? A isto, junta-se vendedores das grandes superficies q nao percebem nada de informatica, etc etc. No teu top aposto q estão HP, Acer(Packard Bell, Emachines). Curiosamente esses, também estao no topo da minha lista diária de reparações de clientes. E nao é software. Boards queimadas, graficas queimadas, plasticos derretidos ( oh yeh, made by Celeron ) e plasticos de péssima qualidade (Acer) que por exemplo qd parte nas dobradiças arranca o conector do lcd da board partindo aquilo tudo. Depois so funciona ligado a um monitor externo.

          • Sergio says:

            @Nuno
            Onde está escrito que Toshiba não presta? Aprende a ler primeiro. Deves perceber tanto de computadores como sabes ler.

            “Tens 1 kilo de batatas a 1 euro em uma quinta e tens 1 kilo a 0.90 € noutra, qual compras?”

            Ah sim, existe uma diferença enorme de preços entre Toshiba e Acer (não falei Packard Bell, Emachines), é que nem preço nem qualidade.

            HP no topo… ahahah, deve ser do piorzinho que por ai se faz, por isso tem caído tanto, mais uma vez aprende a ler, repito só para ti: “…o PC não é feito só por isso, e se assim não fosse a Apple, Dell, Lenovo não tinham apresentado os crescimentos (num mercado em regressão) face às grandes perdas de Toshiba, Acer, Hp”. Não vás pela questão do preço que a Dell e Apple apresentaram crescimento e Toshiba, Hp, Acer perdas enormes…

            Se queres saber as preferências é MAC. Para ser PC tem que ser Dell.

          • Nuno says:

            Não disseste q a toshiba nao presta, mas deste a entender.
            Tens razão, nao percebo nada de computadores. Sou agricultor há mais de 15 anos, faço reparações nas motherboards das batatas, reflows, troca de gráfica etc … Enorme tipo 50 euros? com as mesmas caracteristicas? Pois nao sabias q a Packard Bell e Emachines pertencem há Acer não é? normal … Concordo ctg a HP é o piorzinho mas ta nos tops por ser barato e “bonitinho”. mas por dentro ui ui. Não metas o Mac aqui no meio pq isso é uma maquina diference, nao se pode comparar. E concordo ctg tb no Mac e Dell. Mas vai falar um popular acerca do Dell que eles te respondem que vao comprar acer ou hp pq o vizinho disse q era bom. 😉

          • Sergio says:

            Falei Acer, por alguma coisa essas são vendidas com outro nome. Não vejo grande dif. de um Toshiba de hoje em dia com um Acer. Construção não vale um… Isso tambem se ve pelas quedas sucessivas nas vendas deles. O mesmo na Hp, é a que mais vende, mas também tem apresentado quedas constantes…

            Quanto aos “conselheiros” o que dizem ou não pouco me interessa…

          • Nuno says:

            Os pláticos dos toshibas são simples, não são todos “pipis” como os HP’s. E os Acer tb já estão a ter plasticos todos “pipis”. Mas prefiro o interior ao exterior. Os conselheiros a ti não dizem nada. mas a mim sim pq tenho de dar opinião acerca deste ou aquele portatil e sei como todos eles são por dentro e mesmo depois de dizer este ou aquele nao presta acabam comprando esse e mais tarde ligam a dizer q o portatil fez isto ou aquilo. E eu digo, “não seguiu o meu conselho, agora mande pra garantia”. É dificil mudar a mentalidade das pessoas menos abastadas.

        • Nuno says:

          até ficava com esse SO. mas com o processador nao. nao viste vantagem em relacao ao Acer? Só a palavra Acer já assusta.

      • Nuno says:

        Quero qualquer processador, desde q nao seja celeron. Sou fã do overclocking nos pcs dos outros, nao nos meus. E um aquecimento destes dentro do portatil dispenso.

    • Nexus 5 user says:

      Mas olha que os celeron de hoje não são tão maus como os prieiros celeron que eram mais limitados.

      Este celeron é um Dual Core de última geração da intel (Haswell) com 2M de cache (quantos anos andamos a fazer tunnings com CPU’s single core e meio mega de cache) e é ultra-low-voltage que tem um consumo máximo de 15W ou seja não vai aquecer tanto (menos barulho e menos lixo de ventoinhas e mais duração de bateria).
      E acima de tudo este computador NAO PRECISA de ter um processo sempre a correr chamado ANTIVIRUS que é um dos principais motivos que levam à lentidão dos PC’s com windows, usar mais RAM, aquecer mais e consumir mais bateria, além de não desperdiçar ciclos de CPU (ter um quad-core dedicado para scanar virus é o desejo de qualquer antivirus)…

      • Ruben says:

        anti-virus? ainda vives nos anos 90 ou què?
        desde que passei a usar a internet deixei-me de usar AV. primeiro porque uma firewall é muito mais importante que um AV e segundo porque deixei de usar disquetes e cds com coisas duvidosas.
        agora só coloco no meu pc o que eu sei que é seguro.

        • Nexus 5 user says:

          E aquilo que tu sabes que é seguro é uma garantia de quem? de quem publica a aplicação num site qualquer?
          A maior parte das pessoas não tem grande noção de segurança, e mesmo tendo alguma noção não é garantido que por ex. ao fazeres o download de um adobe reader do site oficial da adobe não estejas a instalar uma versão alterada de um site disfarçado…
          Já para não falar nos sistemas operativos fechados que tem backdors que nem tu nem quase ninguém sabe muito bem… como podes garantir que o teu PC está isento de malware? só porque não se vê não quer dizer que não tenha.. aqui há uns 2 anos um estudo veio comprovar que cerca de 80% dos pcs com windows tinham malware e na maior parte dos casos os donos não sabiam.. simplesmente estava mais lento..

        • Nuno says:

          Humm, deves confiar em todos os sites que entras. Ah já sei, o firewall verifica o site antes de abri-lo. looool

      • Nuno Vieira says:

        O TDP é a energia térmica máxima gerada pelo CPU em funcionamento normal. Este valor serve, como por exemplo, se fores comprar um dissipador para o CPU. O TDP não é um valor indicativo da potência máxima consumida pelo CPU.

      • Nuno says:

        Concordo ctg. Já nao aquece como os seus “pais” ou “avós” mas aquece mais que os seus primos Atom.

  8. Ace says:

    Estes Chromebooks são uma boa jogada, se ainda forem como os anteriores, oferecem um serviço de storage durante 1ano e depois começas a pagar por ele porque não vai agora tirar 1TB de informação da cloud.

    Jogada da “vaca leiteira” como diziam aqui noutro post.

  9. Bruno Luís says:

    Assim é fácil produzir equipamentos baratos, não gastam dinheiro na parte do desenvolvimento e design, apenas se limitam a copiar o MacBook Air…

  10. Claudio Oliveira says:

    Qual é a vantagem do Chromebook em relação a um tablet Android, com um teclado físico?

    • Telmo Viana says:

      arrisco me a dizer que nenhuma..

    • Nosferatu Arucard says:

      É preferível o Android com teclado físico por causa da biblioteca de aplicações (AndrOpen Office!), se bem que o Chromebook seja mais fácil de instalar um Linux por chroot que o Android (se bem que já exista algumas distros que instalam por libfakechroot, isto é, sem root do Android).

      • Lisboa says:

        É isso mesmo. Concordo mesmo.
        Para o utilizador final, que procura uma boa experiência de utilização para cumprir os objetivos para que compra os equipamentos, isso que disse é mesmo muito importante.

        Uns colocam homens na lua… outros perdem tempo com tretas.

  11. Rui says:

    Se estivesse disponível em Portugal talvez considera-se comprar um em vez de um tablet.
    E para quem não gostar do Chrome OS não se esqueçam que o linux faz maravilhas nestes pequenos portáteis.

    cumps

  12. Midepa says:

    Será que estamos a ver a fusão dos Android com o ChromeOS e combater a intenção do Microsoft de juntar os seus OS num só?

  13. jose says:

    lol Custa 207 euros onde?? ja viram os preços em inglaterra? £249.00 libras e normalmente la as coisas sao mais baratas k ca por isso acho mesmo que 300 euros ara este bicho se for vendido cá…

  14. José says:

    Acho que vou encomendar um na Amazon UK.

  15. Cris says:

    Toshiba botnet*

  16. Sergio says:

    “Toshiba Chromebook tem excelentes especificações das quais se destacam:

    CPU: Intel Celeron 2955U @ 1.4GHz”

    Ahahah, o pplware cheio de boa disposição, já mete piadas no meio dos artigos e tudo.

    • Aquele cenas says:

      Pelo preço deles onde é que arranjas um portátil pelo mesmo preço e com características superiores?

      É. Deviam de vir com Core i9s e Radeons HDs XPTO^3000.

      Além disso, creio que o objectivo não é ser um super-portátil, mas sim uma coisa a bom preço e prática a fim de ser usado rápida e eficazmente.

  17. Arlindo says:

    Dá para por uma pen com uma distro live de linux? Se dá para formatar o disco e meter linux, é uma boa maquina. 🙂

    • Antonio says:

      Dá.
      Numa partição com 9GB. Tenho ubuntu instalado. Único senão para já não há suporte ao touchpad.

      Se quiseres um destes, avisa-me. Tenho um para venda no OLX 😉
      Um bocadito mais caro que os 207€… mas tive que pagar as taxas alfandegárias.

  18. Stikman says:

    Bem, para mim acho que este chromebook vai ser bem porreiro. Por exemplo, eu detesto tablets, acho que n servem pra nada. Este tipo de portáteis vai ser usado para as tarefas básicas de uma pessoa no seu dia-a-dia que passa por ir as redes sociais, ver emails, fazer umas pesquisas, editar documentos, partilhar ficheiros e jogar alguns jogos. Se querem portáteis específicos para trabalhos puxados, comprem Mac. Se querem programar, usem Linux. E se quiserem pagar mais, é ter uma maquina mais lenta para fazer as mesmas tarefas, então definitivamente comprem um portátil com Windows . É só a opinião de um estudante que está a procura de um portátil que faça as tarefas básicas

  19. Antonio says:

    Quem tiver interessado, na secção de usados está o meu Chromebook Toshiba.

    Entrego em mãos ou vendo por CTT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.