Titã, a maior lua de Saturno poderá albergar humanos fora da Terra


Destaques PPLWARE

37 Respostas

  1. Terra Plana says:

    Os humanos vivem numa terra plana com uma cúpula, nunca vão sair para lado nenhum.

    • TugAzeiteiro says:

      Lá vem outro com a teoria da terra plana… se tivesses dois dedos de testa fazias as contas e as medições e constatavas por ti próprio! Aliás foi descoberto que a terra não é plana, (conforme dizia a igreja… essa grande instituição que não engana ninguém), há já uma centenas de anos….

      • Vítor M. says:

        Eu acho que ninguém acredita de facto nessa história da “teoria da terra plana”, contudo há dias vi uns “entendidos” a fazer umas afirmações e estavam tão empenhados que até achei estranho… mais estranho foi quando depois vi uns outros especialistas a dar exemplos para mostrar como os outros estavam errados :O

        • TugAzeiteiro says:

          Nem imaginas na quantidade de tontinhos que acredita que a terra é plana.. foi uma moda que começou para aí há coisa de 1ano.. com vídeos e tudo! Só prova que a humanidade é uma tristeza.. vai atrás de tudo o que dizem sem sequer questionarem “e se…”

          • João says:

            permita-me corrigi-lo aqui também.

            Isto não é só a cerca de um ano mas pelo menos à uns 7 ou 8 anos, com representações e supostas explicações no mínimo “estranhas”.

            No entanto discordo num ponto: É que “esses” (os que defendem a terra plana) sim, estão a ir contra a maré!!! Esses sim estão a por os “e se…’s” porque o rebanho – que somos todos nós – acreditamos piamente na forma redonda da terra. (que da parte que me toca é perfeitamente perceptivel numa praia, por exemplo)

            É a diversidade… =)

            se assim não fosse todos gostariamos de amarelo 😀

      • João says:

        Não querendo defender ninguém, mas querendo deixar a verdade vir ao de cima, tenho a dizer que:

        Essa afirmação é de facto INCORRECTA!!!

        Na verdade foi a igreja (na sua maioria) uma das maiores impulsionadoras das mais variadas descobertas cientificas. – É claro que, COMO EM TODO O LADO, há sempre meia duzia de ovelhas ranhosas (que neste caso não eram assim tão poucas) dentro da igreja que defendiam teorias HOJE tidas como descabidas.

        Mas não devemos generalizar!!! Devemos sim investigar verdadeiramente, antes de fazer afirmações tidas como “verdades universais” – aquelas grandes certezas das quais toda a gente fala de peito cheio e das quais na verdade estão quase todos redondamente enganados – aquelas de que toda a gente afirma só porque “toda a gente afirma”.

        Não querendo defender a igreja – até porque acho que ALGUNS sabem bem dos seus erros – mas sim as verdades que devem ser efectivamente ditas, em vez de nos pormos com “clubismos”.

        A igreja tem periodos bastante negros (e “ovelhas” que fizeram actos terriveis!!!) mas devemos olhar a volta porque não é só na igreja que há destas coisas!!!

        E antes que comecem com exemplos dos “pecados” da igreja, acreditem que posso mencionar muitos dos quais certamente poucos sabem, e que são bem mais negros do que certas mentiras sobre a igreja que para ai andam!

        A titulo de curiosidade: Galileu era amigo pessoal do papa Urbano VIII e a igreja não se opôs a pesquisa de Galileu. A ordem que lhe foi dada (resumindo muito da história, quem quiser pesquise – e que não seja na Wikipedia mas sim em documentos verdadeiramente fiáveis) foi que não pregasse a sua – NA ALTURA – TEORIA como sendo uma certeza.

        Este poderia expor a teoria conforme quisesse, desde que esclarecesse que era uma teoria. Só a poderia defender como verdade quando tivesse PROVAS disso. Galileu desobedeceu a tal e vem dai todo este “burburinho” (e já agora… não houve torturas para com o dito Galileu, estando este preso em casa e com bastantes comodidades…)

        (são dispensadas todas alusões a Giordano Bruno ou as mentiras que CERTOS ******** teimam em contar – como na nova série do COSMOS – fazerem dele um grande martir da ciência)

        @TugAzeiteiro: O carissimo lê pouco! Devia ler mais e somente material “certificado”.

        • Jose says:

          Caramba até que enfim há alguém que sabe do que fala! A Igreja até soube desde muito cedo que a Terra era esférica, pois no Vaticano tem desde há muitos séculos um observatório, que na época de Galileu era do melhor que havia! Ainda hoje, podemos verificar isso! Não sou sequer religioso, mas o seu a seu dono! No século XIX contaram-se imensas mentiras que permanecem até hoje, inclusive o enorme, colossal disparate de criar uma “Idade das Trevas” que nunca existiu. A não ser na Grécia pré-clássica! E muito menos, por mil anos! Pelo contrário, a Idade Média foi um época de enorme vivacidade nas sociedades que se ajustaram ao pós Império romano, Criaram-se universidades, novas formas de ver o mundo e leram-se estudaram-se os clássicos que prepararam o Mundo para o advento do Renascimento, tudo com a acção da Igreja por detrás. Nunca esta época poderia-se chamar das “Trevas”. Na revolução Francesa destruiu-se mais cultura do que nunca, inclusive grande bibliotecas, uma delas a colossal de Cluny destruída com o seu convento, mas depois, vieram a acusar a Igreja de se ignorante! O restante das melhores e mais antigas da Europa, era a de Alcobaça, destruída porque D. Pedro IV fez uma asneira monumental ao nacionalizar o mosteiro, o povo julgou que era para todos assaltou o convento e rapou tudo até ao último grão de pó! Hoje temos um convento vazio das suas peças originais. Nos anos vinte, em Lisboa, ainda havia peixeiras a vender o seu peixe embrulhado em documentos preciosos. Poucos foram recuperados. Outras igualmente importantes, foram destruídas mais recentemente e brutalmente como as Dresden na Alemanha, na 2ª G.M e a de Monte Cassino em Itália. Penso que todos conhecem a História desses casos. Mas poucos sabem os tesouros que se perderam eram dos mais ricos da Europa e do Mundo inteiro! Há listas do que por ali havia. Nenhum destes casos a Igreja teve qualquer intervenção, pelo contrário até foi vitima. Cometeu alguns erros em dois mil anos, mas também marcou indelevelmente o nosso mundo e cultura.

        • Coperniqueu Coperniquei says:

          Galileu não foi torturado fisicamente, mas foi torturado psicologicamente, e isto só por uma razão: ele foi salvo das masmorras pela notoriedade que conseguiu alcançar por toda a Europa. Foi somente isso que levou a Inquisição a optar pela estratégia do medo, pois o facto de Galileu estar em prisão domiciliária isso não quer dizer que ele tenha passado os seus dias tranquilo da vida como você pretende fazer crer, bem pelo contrário, viveu sempre apavorado e sob a ameaça latente de ser levado à tortura, como tantos outros.
          E já agora diz-se ovelha rOnhosa.

          • João says:

            a Inquisição?!
            estratégia do medo?!

            OK… mais um com a teoria de “A-igreja-é-o-Diabo”.

            Vamos por partes:

            A inquisição é outra tremenda mentira eternamente perpetuada, com números incrivelmente inflacionados e, claro, sempre controlada pela igreja católica.

            Não interessam números reais.

            Nem interessam os factos de que, dos números reais, muitas das pessoas condenadas à fogueira nem sequer o foram pela igreja católica como é perpetuado. Aliás, nos casos mais graves, nem interessa referir que a inquisição estava, na verdade, a mando dos reis, em vez de em obediência ao papa ou às entidades das igrejas responsáveis (sim, igrejas, no plural, porque não foi uma coisa exclusiva da Católica).

            quanto à “estratégia do medo” que, deixe-me referir, segundo as únicas documentações oficiais existentes da época não existiu – até porque, como referi havia uma forte amizade com o Papa – (referências a esta “estratégia do medo” surgiu bastantes anos mais tarde pelas mãos de muitos com a teoria de “A-igreja-é-o-Diabo”) .

            Ainda assim, deixe-me posso perguntar se, caso tivesse efetivamente existido pressão psicológica nesse sentido, não valeria a pena para defender a verdade (digo “verdade” porque, à data em causa, Galileu não tinha provas do que afirmava ser verdade. Conseguiu confirmar-se posteriormente, mas “e se ele estivesse estado errado?” Pregando como verdadeira a sua teoria estaria na verdade a perpetuar uma mentira…

            Já agora… com tanta defesa do pobre Galileu, será que sabe que a nível de informação registada, esta possibilidade foi tinha sido já colocada (e aceite como uma possibilidade pela igreja católica) não por Galileu mas, uns “tempitos” antes por um monge católico?!

            Por fim, relativamente à “ovelha rOnhosa”: agradeço imenso esta e todas as outras possíveis correções ortográficas que possa fazer aos meus textos. No entanto, e ainda assim, recomendo que veja menos programas televisivos sobre ortografia e leia mais documentação fiável, até porque pretendia na verdade eu pretendia indicar “ranho” e não “ronho” (ao contrário da expressão popular “correta” que acho “inapropriada” por indicar que a ovelha sofre de uma doença e que é por isso colocada de lado)

            (Aproveito para indicar que a ausência de mais possíveis respostas da minha parte deve-se apenas à perca de interesse no post e comments ( creio que a partir daqui vai ser só um bate-boca sem interesse ) pelo que me vou deixar de visitar esta noticia =).

            Obrigado pela partilha de opinião =)

    • mlm says:

      Juras? Aposto que é feita de vidro e que o Deus-Todo-Poderoso espreita através dele a ver se nos portamos bem.

    • Rui says:

      e o Pai Natal vai a tua casa todos os anos deixar prendas……

    • Alvega says:

      Boa malha…deves ganhar um prémio por gerares tantos comentários e clicks, nao acreditas mesmo no que dizes pois nao ? espero que nao, pois caso contraio diria que és do BENFICA, pois esses acreditam em tudo, até em bruxaria.

  2. Rui says:

    O título “Titã, a maior lua de Saturno poderá albergar humanos fora da Terra” é caricato. Se não fosse para albergar humanos fora da Terra, seria onde? Haveria mais algum local? Marte talvez? ahahaha

    • Vítor M. says:

      Poderia ser dentro da Terra, mas não, como estamos a falar “fora do planeta” então faz sentido e nada tem de caricato. 😉 Até porque estamos a falar na deslocação permanente e por isso é que foi dito dessa forma. Mas provavelmente nalgum ponto deveria ter sido mais simplista a explicar para não dar este tipo de confusões.

      • Rui says:

        “Poderia ser dentro da Terra”?? Terra, com “T” maiúsculo, refere-se ao planeta Terra, onde estamos. Logo, tal como o título está escrito, “Titã, a maior lua de Saturno poderá albergar humanos fora da Terra”, refere que essa lua poderá albergar humanos fora do planeta onde estamos. Sim, é caricato. Logicamente que se alberga, será lá e não aqui (Terra)

        • Vítor M. says:

          Pois, não tem nada de caricato, estamos a falar em albergar definitivamente, estamos a falar em colonizar extra planeta Terra, por isso, não tem nada de caricato. Lê o texto.

          • Jose says:

            E está bem.

          • Jose Leal says:

            O que o Rui referiu como sendo caricato foi a redondancia da frase.
            Se Titan albergar humanos, será necessariamente fora da Terra. Não era necessário mencionar o “fora da Terra” porque é implicito.
            É como dizer “entra para dentro”… ou seja: a acção de entrar só pode ser executada para dentro de alguma coisa, bastando apenas dizer “entra”… o “para dentro” é desnecessário.

            Chamam-se pleonasmos viciosos, ou redundancias, e devem ser evitados.

            Claro agora, Vitor?

          • Vítor M. says:

            Não concordo, o fora da Terra, sendo em Titã e seguindo o texto do artigo, que não faz sentido dissociar, quer dizer que eles não voltarão, não será uma ida de visita, nada tem a ver com entrar para dentro ou sair para fora. Tem a ver com “nova localização definitiva” e o Terra, como planeta quer referir que, ao contrário do que se pretende em Marte ou até na Lua (a nossa Lua), estações posicionais e temporárias, Titã albergará humanos fora da Terra de forma definitiva. Por isso existe um texto num artigo que explica. Por isso não são pleonasmos viciosos, ou redundâncias… 😉 e nada tem de caricato.

          • Jose Leal says:

            Vitor,

            Nada na palavra “albergar” sugere permanencia ou a falta dela: albergar – hospedar / abrigar.
            Eu posso albergar alguem em minha casa de modo permanente ou temporário.
            “A estação espacial internacional alberga humanos fora da Terra”, que inclui a mesma redundancia meramente para facilitar a compreensão, faz o mesmo sentido que a do artigo sobre Titan.
            não é por mencionar o “fora da Terra” que implica que os humanos não vão voltar a casa…

            A frase “Titan a maior lua de Saturno poderá albergar humanos” faz o mesmo sentido que a do artigo… sem usar redundancias.

            Claro que o direito de discordar das regras gramaticais da lingua Portuguesa é de todos… tal como o de discordar da planicidade da Terra.
            No entanto, não poderá queixar-se de pessoas acharem essas frases “caricatas”, que é uma forma simpática dos comentadores mais informados dizerem que estão erradas.

            “Uma crítica é uma pérola de sabedoria”

          • Vítor M. says:

            Se albergar é dar albergue a; encerrar, conter então “… Titã será provavelmente o próximo lugar mais importante em que as pessoas terão uma presença prolongada. Assim, tal como destacado no texto, Titã tem o privilégio de se destacar de Marte e, ao contrário do que se imaginaria, os humanos que lá se fixariam seriam vindos da Terra e não de Marte, logo, por isso faz todo o sentido dizer que “Titã, a maior lua de Saturno poderá albergar humanos fora da Terra”… pois poderiam vir de outro lado qualquer na exploração espacial.

            Isso está devidamente explicado no artigo, basta ler e até com um português simples “Marte tem recebido a publicidade do próximo grande desafio espacial, onde o homem poderá pisar solo extra-terrestre. Contudo, é Titã – a maior Lua de Saturno – que é “extraordinariamente parecida com a Terra”, como diz a New Scientist, e possui uma superfície firme, uma atmosfera espessa e até água superficial.”

            Claro que a interpretação é importante, mas para isso é preciso ler o texto e não se ficar só pelo título, coisa que muita gente desde a mesa das escolas se habituou a fazer. Tão certo como “concordar com planicidade da Terra.”

            è que para se perceber que não é redundante… tem de se ler o texto e perceber o conteúdo. É importante 😉

  3. Tiago says:

    Oba… mais um planeta para estragar 🙁

  4. Cyrus says:

    Se a terra fosse plana nunca haveria 24 horas de sol na Antártida. E há em finais de Dezembro, todos os anos.
    Mas daí, a afirmar que tudo que a Nasa diz é verdade, vai uma distância tão grande que só pode ser medida em anos luz.

  5. jAugusto says:

    Metanos, acetilenos etc eh pá tenho de falar com o meu dermatologista primeiro!!

  6. ww55 says:

    Lua de jupter!! essa é boa!!

  7. José says:

    Meu deu, gente vamos cuidar desse planeta que vivemos não tem outro que possa ser abençoado por Deus.

  8. Alvega says:

    Vou mandar um e-mail ao Elon Musk, pois calculo que ele qual “guru” esteja por detrás disto.
    Eu também quero ir…..espera um pouco, um pouquito mais…
    (letra cantada pelos soldados portugueses na guerra, quando se despediam de algum colega que ia para casa ou para a metrópole)
    No fim de darem cabo do planeta TERRA, querem ir para outro lado fazer o mesmo ?
    Amaldiçoados sejam os que o conseguirem, se querem fazer algo de util, façam-no aqui em baixo.
    O conhecimento é uma justificação falaciosa para o que andam a fazer, pois bem sabem que o planeta terra, sera inabitável a médio\longo prazo, querem +e por-se ao fresco, os outros que se lixem.

  9. José Moreira says:

    Vou esperar calmamente, a ver no que dá… Mas é uma hipótese a considerar, em caso de desavença conjugal.

  10. Pérolas says:

    Bora lá destruir mais um planeta. 😀

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.