PplWare Mobile

Teve um acidente por mau estado da estrada? Peça indemnização


Pedro Pinto

Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

27 Respostas

  1. Hugo Gomes says:

    😀 so no meu pais mesmo entao so de chamar a polícia ja temos se pagar, mais o resto nunca mais se vê o dinheiro

  2. Oxodor says:

    Podem ter pago para levantar a “Participação de Acidente” elaborada pelas autoridades (16€ por página, normalmente entre 2 a 5 páginas dependendo do acidente), mas de certeza que não pagou por chamar as autoridades ao local. Para já isso não se paga, mas se começarem a dar muitas ideias… isso ainda começa a ser criado e a vir previsto nos futuros orçamentos de estado…!

    E se pensarem bem, na indemnização, pedem para também serem ressarcidos pelo que pagaram (guardam o comprovativo de pagamento) pela Participação de Acidente elaborada pelas autoridades…!

    • Charles says:

      Isso já é uma questão diferente da que está exposta nos comentários acima. Aí funciona como qualquer serviço público…
      O que queria garantir é que não se paga nem nunca se pagou por chamar as autoridades a uma ocorrência.
      É daquelas tretas que só desinformam…
      Cumprimentos

    • dajosova says:

      Desculpa corrigir-te mas é “ter pagado” e não “ter pago”
      😉

  3. Charles says:

    E acrescento que é válido para qualquer ocorrência com qualquer força de segurança…
    Seja o barulho do galo do vizinho até ao toque no trânsito que riscou o pára choques…
    Nunca se paga…

  4. elga says:

    De que serve chamar a policia sem levantar a participação do acidente?

    • Dan says:

      Para que serve a seguradora? Eu nunca fui levantar nada mando o problema para a seguradora eles vão lá buscar.

    • Hugo Gomes says:

      Pois deve ser so para ter uma visita da gnr ou da brigada de trânsito. Ja vou sr. guarda como ficou o meu carro olhe para isto

      • Marco says:

        Em caso de sinistro, chamem SEMPRE as autoridades, sem excepção…
        Já tive um caso de um condutor que me bateu na traseira do carro enquanto estava numa cedência de passagem e apesar de ele ter os documentos todos incluindo a carta verde, o seguro estava anulado…por sorte depois ele pagou do bolso, caso contrário ia ser complicado eu provar o que tinha acontecido sem a ajuda/presença de autoridades!
        As autoridades verificam na hora a validade dos documentos,

  5. MANUEL VIEIRA says:

    O que começa a ser prática é a aplicação de uma multa de 60,00, não por ter chamado a autoridade mas por estar a impedir a normalidade do trânsito ao ter o seu veículo parado em plena via pública. Esta situação está a acontecer em situações de acidente e em que é chamada a autoridade, sobretudo a PSP e quando chegam ao local retaliam assim …

  6. Informático Amador says:

    Em caso de acidente, não confiem na dita “declaração amigável” – ficam vinculados ao que lá está descrito e as seguradoras seguem-na sem hesitar, pelo que se se enganaram ou forem enganados a preenchê-la, estão tramados – e chamem sempre as autoridades para levantar o auto competente. Para evitar essas multas de estarem a bloquear o transito, acho que o processo a seguir, é colocar o triangulo e o colete reflector, chamar as autoridades para levantar o auto, que depois o seguro do culpado, paga a despesa, isto no caso de acidente. No caso em questão de mau estado do piso, não deve diferir muito, excepto que se o processo transitar para Tribunais, podem esperar “sentados”.

    • Pedro S. says:

      Em caso de acidente e caso ambos concordem, o melhor é mesmo a Declaração Amigável. Chamar a autoridade para tomar conta do ocorrido não confere culpabilidade. A Declaração Amigável, se bem preenchida, e deve ser bem preenchida e bem lida antes de assinar, é o melhor documento que podem ter num acidente…

  7. Pedro S. says:

    Por acaso, já me ocorreu por duas vezes passar com o pneu por cima de dois buracos na estrada, tendo em ambas as vezes danificado o pneu e numa delas a jante, em estradas da responsabilidade da câmara.
    Ora, em ambos os casos, o procedimento correcto foi e será:
    – parar de imediato o veículo
    – chamar a GNR ou PSP para tomarem conta do ocorrido (aqui não há pagamento de qualquer valor), em que devem referir no auto os danos visíveis e possíveis, bem como iam a uma velocidade adequada para a via e trânsito na via
    – devem tirar as devidas fotografias para registo tanto dos danos visíveis como do piso danificado
    – devem contactar assim que possível o departamento responsável da Câmara que trate destes assuntos: irão solicitar o envio de toda a documentação ou irão fornecer o contacto da seguradora
    – não sendo obrigatório o envio do auto, é a prova mais decisiva e que torne todo o processo mais célere;
    – caso a Câmara e/ou a Seguradora não queiram pagar o valor do auto, tal é errado, pois são obrigados a pagar (consultem o site do Instituto de Seguros de Portugal que está lá exposto isto mesmo). [A Seguradora não queria pagar a mim o valor de 40€ do auto, pelo que entreguei a exposição do ISP e lá tiveram que pagar].
    – perguntem à seguradora e/ou Câmara se irão fazer vistoria por peritos ao vosso veículo, se podem circular (se disserem que não podem ou de facto o veículo não poder circular, têm que fornecer veículo de substituição equiparável ao vosso)
    – procedam à reparação dos danos e entreguem a respectiva factura / recibo.

    Podem até inclusive pedir orçamento para verificação do estado da suspensão, jante, pneus etc… Têm que pagar isso tudo…

    😉

    • Nuno says:

      E quando o acidente é provocado por um veado, ou qualquer outro animal selvagem? Quem é que vai pagar o levantamento do auto de ocorrência junto das autoridades? É a minha seguradora? É a entidade gestora da estrada (Infraestruturas de Portugal, Câmara Municipal, concessionária…)?

      • Ricardo says:

        Foste atropelado por um javali? Consoante a estrada em que circulas se for uma concessionaria como Autoestrada, etc… é os responsaveis pela manutençao por nao terem vedado os acessos… o resto… enfim

    • Ricardo says:

      E por experiência própria, só posso confirmar que é tudo assim.
      Ja me aconteceu e a camara depois empurrou para os Serviços Municipalizados (aguas) e foi a respectiva seguradora dos serviços que indeminizou a minha pois eu nao fiquei parado á espera do processo a decorrer 4/5 meses

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.