Quantcast
PplWare Mobile

Portugal: Tesla despista-se em estrada nacional em Oliveira do Hospital

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. Stalin says:

    Noticia via CM TV

    • Pedro Pinto says:

      Não…foi mesmo o relato de outro condutor.

      • qwdfqw says:

        Eu acho que se estava a referir ao facto de ser uma notícia a um (até ver) acidente normal. Se fosse um Renault ou um Peugeot não era notícia. Só têm relatos de alguém que falou com o condutor desorientado e que não disse nada de especial. Além disso só têm muita especulação. Porque é Tesla e por isso tem de ser culpa da marca.

        • Gabriel Rodrigues says:

          Ultimamente, os sites portugueses de tecnologia têm tido o hábito de reportar todo e qualquer acidente com carros Tesla em território português 😉

          • qwdfqw says:

            Não é só em Portugal. É mal nos sites internacionais também.

          • Rogerio Sameiro says:

            É importante relatar tudo, mas há parolos que se doem muito com as notícias da amada Tesla, como se algum dia tivessem posses para comprar um, como não têm, defender a dama como se fosse a mãe deles. São usados pela tecnologia.

            Pravém era esconder que estes carros não valem o preço que pedem por eles é que estão a abusar dos cliente.

          • Ricardo says:

            “É importante relatar tudo”.

            És um bocado cusco.

          • Louro says:

            @Rogerio Sameiro

            Eu tenho um e em linha de espera para ter o segundo… e nao é que me doa mas também nao percebo a necessidade de noticiar tudo o que for acidente com carros de uma marca…seja ela Tesla, Citroen ou mesmo Fiat.

        • Rogerio Sameiro says:

          Os Tesla tendo em conta a quantidade de tecnologia até fica mal dizer que teve um acidente normal. Mas isso muitos não dizem por vergonha. São tão iludidos que só batem palmas. E eu adoro a Tesla mas pelo que ela pode trazer e inovador, melhorias e ajudas ao condutor. Se for para ter acidentes normais então é uma vergonha.

          • Louro says:

            Gostava que me pudesses, caso fosse possivel, explicar o que é um acidente normal e um acidente anormal.

            Neste momento estou a imaginar que para ti apenas seria aceitável que um Tesla tivesse um acidente caso houvesse fogo de artificio e afins…

        • Stalin says:

          Obrigado por ter entendido o comentário. Não é para todos.

      • Jorge says:

        Uma notícia baseada num comentário do Facebook. Isto diz tudo o que é o pplware!

  2. Apilhas says:

    Brevemente…

    Comentários de que os tesla são perigosos loool
    O rácio de despiste deve ser extremamente elevado, ou não! Ora se fossemos ver nesse mesmo dia, deve ter havido, quiçá, umas dezenas largas de despistes, só por cá, de veículos “tradicionais” 😀

    Vá ok é novidade por ser um carro a pilhas e todo xpto :p

    • Antonio Salaraz says:

      Meu amigo, gosto da tesla, veio impulsionar o mercado dos carros elétricos, são fã de Elon Musk.
      Mas quando faz essa comparação, deve fazer em relação ao numero de carros existentes vs acidentes. E aqui esta em causa se alguns destes acidentes seriam causados pelo piloto automático.
      Quando a Tesla lançou o piloto automático foi muito irresponsável, acho que ainda não tinha maturidade suficiente, mas desde aí e em cenário real certamente aprendeu muito com isso.
      Mas acredito que o sistema mais avançado de condução autónoma seja o da google.

    • Rogerio Sameiro says:

      Mas parece que os pseudo-betos não gostam que se aponte ao carrinho que é caro para a borrada que permite. Um popó de mais de 100 mil euros não evita acidentes normais. Podem passar a mao no pelo mas só se estão a enganar. E a rechear o bolso ao Musk.

      • Wave says:

        Apesar de entender onde quer chegar, esse comentário não tem lógica nenhuma… Se for a contar pelos dedos os carros de 100 mil euros que evitam acidentes normais nem a mão enche, e digo lhe já que há muitos carros acima de 100 mil euros…
        A tecnologia é boa mas não é infalível, aqui o homem adormeceu numa estrada sem marcação onde carros como este não têm por onde se guiar, fosse que carro fosse aqui espetava-se.

        • Rogerio Sameiro says:

          Não é bem assim, carros elétricos acima dos 100 mil? Quantos existem no mercado?

          Repito, pelo nível de tecnologia que estes carros trazem é uma fraude certas menções honrosas que atribuem à Tesla.

          Mas atenção, serei um dia um comprador quando o preço fizer jus à qualidade. O que atualmente não faz, nem de perto.

          • Wave says:

            Falou em carros de 100 mil euros não de carros elétricos.
            Sim tem razão, mas não podemos atribuir a culpa toda á tecnologia, ou neste caso ao carro tecnológico.
            Um aspeto que eu vejo também, é que quando há um acidente todos criticam, mas quando há um “não acidente” ou uma prevenção do mesmo ninguém fala (e há muitos casos basta pesquisar).
            Não vou dizer que não gosto da marca, mas também não sou um fanático, aqui como em muitos casos foi erro humano, qual é a pessoa que adormece ao volante e não tem acidentes? o carro devia ter detetado? quando é em estradas sinuosas e sem o piloto automático (que não poderia ser ativado em estradas sem marcação como é este caso), na minha opinião não! era praticamente impossível e não há ainda tecnologia disponível para tal.
            Quanto á questão do preço é verdade sim que são muito caros, mas tem tecnologia possível de ser melhorada apenas através de software pois o hardware está lá. Não há carro nenhum que ofereça o que este oferece por um preço mais baixo ou igual (baterias, interiores, design, updates, etc)
            No entanto e mais uma vez na minha opinão há muitos defeitos de fabrico ainda, não tanto nos model S mas nos model 3 devido á procura excessiva.
            Mas model 3 com boa autonomia e boa tecnologia e um interior simplista (embora não me agrade muito) 40k ronda o preço de um elétrico cá em Portugal o que não deixa de ser caro.

      • toni da adega says:

        Se um carro de 100 mil euros é suposto evitar acidentes então todos os carros de todas as marcas são defeituosos. Porque nenhum evita.
        Ainda no outro dia vi um Ferrari espetado numa rotunda, e custa mais que um tesla

        • Rogerio Sameiro says:

          Lá está a falcatrua a funcionar. Um Ferrari não custa mais de 100 mil por causa da tecnologia sensorial, o que mais custa num Ferrari é o motor e transmissão, o que esses carros não possuem, são motores elétricos e baterias de lítio e muita tecnologia que é vendida como isco.

          Os Tesla não vendem o que vendem por serem elétricos, vendem por terem tecnologias como o auto-piloto, summon, 16 ultra-sónicos de avaliação de perímetro, radar, é muito mais que da ideia de um carro do futuro.

          Mas grande parte das melhores tecnologias são alemãs, como da Bosch por exemplo e triviais que já a Audi, BMW, Mercedes usam e não custam aqueles balurdios.

          • toni da adega says:

            Tens razão é lixado, paga um gajo 100k por um carro e já nem se pode dormir e conduzir ao mesmo tempo.

            O que se vai saber a seguir? Que um avião que custa milhões e tecnologicamente avançado teve um acidente devido a um erro humano ou porque o piloto foi dormir…

  3. Asdrubal says:

    Começam a ficar mais populares os acidentes em veículos Tesla. Fica a ideia que são cada vez mais Teslas nas estradas. É que por cada acidente com veículo Tesla devem haver 5000 acidentes com veículos Opel, Renault, Volksvagen, Fiat, Mercedes, Audi, BMW…. por aí fora.

    • Rogerio Sameiro says:

      Repara que algumas tecnologia nessas marcas “comuns” que falas diminuíram acidentes como por exemplo o BMW Pedestrian Warning que entidades referem o seu sucesso. Então os sensores dos Tesla como o radar os 12 sensores ultra-sónicos, GPS e outros não evitam certos acidentes, ditos normais?

      Vamos lá todos chegar loção.

  4. Edgar says:

    Ja bmws e audis e todos dias

  5. César Gaspar says:

    “É provável que o condutor tenha ativado o piloto automático, algo que é completamente desaconselhado pela Tesla uma vez que apenas deve ser usado em auto-estradas.”

    Como não tinham mais conteúdo interessante para acrescentar à noticia fazem afirmações sem fundamento nenhum.
    Agora deixo a seguinte questão, se fosse um carro normal, um condutor normal a ultrapassar e a sofrer um empurrão do lado direito do carro no momento da ultrapassagem, esse mesmo condutor garantidamente não iria entrar em despiste?
    Mas como neste caso, segundo o autor do artigo, o carro ia em piloto automático despistou-se.

  6. Moneldr says:

    Aqui na minha rua despistou-se um clio esta manhã.

  7. Leandro Reis says:

    Pensei que aqui também tinham banido os comentários que criticam a pplware….
    Quantos Tesla tiveram acidentes este ano em Portugal?

  8. Ricardo says:

    Vi já bocado um acidente com um fiat Punto.
    Posso dar o meu testemunho.

    Querem criar artigo disso?

  9. Leandro Reis says:

    Ainda bem para o condutor que tinha um Tesla senão talvez não se tivesse safado.

  10. migs says:

    Custa-me a acreditar que o piloto automático faça ultrapassagens. Por mais fé que os engenheiros da Tesla tenham no seu produto, é uma manobra demasiado perigosa em termos legais.

    • Leandro Reis says:

      Estrada nacional com autopilot? Tenho lido que não deverá estar ativo.

      • Pedro Pinto says:

        Ora agora falaste tudo… “não deverá”…e se foi ativado?

        • Ricardo says:

          Se foi activado, a Tesla não se deverá responsabilizar porque o condutor é advertido para não o fazer.

          Todos os carros têm travão de mão, mas que só deve ser usado com o carro estacionário, ou em situações de emergência. Se alguém o usar, numa situação que não estas, o pplware também cria artigo???

        • Leandro Reis says:

          A culpa seria do sistema ou de quem o ativou sem que o devesse fazer? E o limite de velocidade também não deverá ser ultrapassado, e foi? Pois será difícil falar do assunto de uma forma que não seja especulando e em que a paixão de alguns e a falta dela de outros se intrometa.

          • iDespairing says:

            Os sensores do carro podem ter detectado algum animal na estrada (uma formiga gigante) e guinou para o lado?

          • Wave says:

            Pf leia o que diz no artigo, “O carro guinou quando o meu pai adormeceu. Saiu para onde estava virado”.
            Quando vamos sem as mãos no volante basta uma pedra para alterar a direção do carro, mas aqui nem se trata disso. O que diz no artigo é saiu para onde estava virado o guinar de certeza que foi quando saltou a valeta. Ou o carro lembra-se de virar quando as pessoas adormecem?

        • Louro says:

          @Pedro Pinto,
          Em teoria nao o podes activar, dependendo do ambiente em que estejas, se o tentares fazer o carro vai desactivar automaticamente ao fim de uns segundos pois nao foi desenhado para isso e nao entende o que fazer.

          A única razao que vejo para que isso possa acontecer é ele ter activado o autopilot durante a ultrapassagem, o que fez com que o carro tomasse uma accao e virasse no sentido contrário ao que deveria, no etanto desde já uso o autopilot (auto-estrada) diariamente faz uns anos e nunca em situacao alguma vi o carro a fazer uma mudanca de direccao brusca e que fosse impossível de eu o conseguir impedir de tal (claro que estou a assumir que o condutor estava a fazer uma ultrapassagem com as maos no volante).

          • Pedro Pinto says:

            Sim, havia essa probabilidade. No entanto parece de descartar visto ter sido apenas o condutor que adormeceu.

          • Louro says:

            @Pedro Pinto,
            Basicamente, neste caso e apesar de estarem alguns aqui a fazer “Filme” por causa disto tudo, o carro nao teve qualquer tipo de culpa do acidente.

    • jaugusto says:

      Faz ultrapassagens mas tens de ser tu a dar o pisca primeiro…

      • migs says:

        Interessante. Assim o caso muda totalmente de figura.
        Desconheço totalmente como funciona o piloto automático, o Pplware até que podia fazer um artigo sobre isso.

        • Louro says:

          @Migs,
          Sim faz, mas tens de estar em auto-estrada para ele as fazer.

          Basicamente tens uma velicidade que podes definir e o carro vai sempre tentar circular a essa velocidade a menos que seja impedido de o fazer (Tipo tiver carros a frente).

          Imagina que entras na AE e ligas o autopilot, tens a velocidade maxima definida para 120 e vais na faixa mais a direita, entretanto aparece um carro na frente que vai a 90, o Tesla por defeito abranda para os 90 e segue o carro a distancia que também pode ser definida por ti.

          Se tu ligares o pisca para a esquerda, o carro vai analizar a estrada por forma a poder passar para a outra faixa, como nao há ninguém a frente ele vai acelerar novamente até aos 120 e podes dar o pisca para a direita novamente para voltares a faixa mais a direita.

          No etanto tens de ter em atencao que o autopilot, nao te permite retirar as maos do volante e que o carro continue sozinho sem qualquer input teu.
          Se tiveres as maos fora do volante durante muito tempo o carro vai solicitar um input teu através do volante, seja um toque ao agarrar o volante ou assim.

          Se mesmo assim nao o fizeres ao fim de algum tempo, o carro liga os 4 piscas e comeca a abrandar até parar por completo, depois durante algum tempo nao vais conseguir activar o autopilot outra vez.

  11. Pedro says:

    O caso só pode ser este: as noticias dos tesla atraem cliques e isso dá dinheiro… Mas é ridículo todos os carros tem acidentes ao menos este não polui

  12. Leandro Reis says:

    Ao que parece e estatisticamente falando: ” Condutor vinha em excesso de velocidade e após manobra perigosa, ultrapassagem, terá perdido o controlo da sua viatura após pisar a berma embatendo numa árvore”

  13. Rogerio Sameiro says:

    Realmente é estranho, muito provavelmente foi erro humano ao confiar na máquina que erra. Tem sido comum por esse mundo fora na esfera Tesla.

  14. aware says:

    Entao mas mesmo que fosse em autopilot, este ao mexer no volante para iniciar a ultrapassagem nao se desliga?

    • Rogerio Sameiro says:

      Parece que há muita invenção à volta destes carros. Na estrada não é como pintam. É sim em grande parte uma fraude. Mas pelo preço que cobram e pelo que prometem. Vão ver em breve a Tesla a cobrar mensalidade pelo aumento da performance da bateria do carro que a pessoa comprou, uma mensalidade pelo uso de auto-piloto, mensalidade pelo uso de outros sensores que estão no carro mas quem manda neles é a Tesla.

  15. DrFrankenDerpen says:

    +1000

  16. Antonio says:

    Ora nem mais !

  17. Ricardo says:

    Agree 🙂

  18. Pedro says:

    Acho esta notícia ridícula. Mas não devo ser só eu.

  19. toni da adega says:

    Penso que este acidente deveria ter mais cobertura e deveria-se até organizar excursões para presenciar este fenômenos raro e único.
    Acidente com um carro numa estrada portuguesa ainda por cima durante uma ultrapassagem, penso ser a primeira vez que acontece. Isto é um bom case study

  20. N5.1 says:

    @JC, o pplware é um blog e este “artigo” e outro são apenas post’s de um blog de tecnologia.

    O Pedro Pinto não é jornalista e nem deve ter carteira profissional, por isso escrever o quer e apetece… O intuito dos post com títulos e conteúdos deste tipo apenas um tem um objectivo: gerar pageviews e vender publicidade.

  21. Rodrigo says:

    Verdade. 99% das noticias não passam de boatos: “Será que esta marca vai lançar isto? Será que este smartphone vai ter aquilo?”. Infelizmente a maioria do jornalismo faz-se de histórias sem factos só para encher páginas e clickbites. Se não fosse isso quem escreve não tinha nada para publicar. Um bom jornalista investiga antes de fazer copy paste de outras fontes. Essa é a diferença entre um bom e um mau jornalista. Abrir um blog e enchê-lo de notícias de outros sites qualquer um pode fazê-lo. Investigar antes de publicar, isso sim, é de valor e demonstra profissionalismo.

  22. Rogerio Sameiro says:

    Isso passa loção hidratante, acusa quem escreveu para acalmar o palato. Estava bebado o condutor? Adormeceu? Era um Fangio? Ou merecia trazer o ovo estrelado? É o magnífico, o futurista, o imponente, o majestoso Tesla não conseguiu detetar e corrigir estes comportamentos?

    Grande m#### de carro.

  23. Jose Costa says:

    Daqui a pouco até quando um tesla or mudar os pneus ou colocar liquido no para brisas vai ser noticia…

  24. Castor.atento says:

    O nosso planeta nao aguenta mais CO2. De acordo com curva de Keeling chegamos a 406,55ppm em 22 agosto em Mauna Loa Obervatory, valor que continua a subir cada ano. Isto porque usamos combustiveis fosseis. Estamos constantemente a retirar do subsolo o CO2 (combustiveis fosseis) que foi sequestrado durante milhoes de anos e permitiu que a Terra mantivesse uma temperatura estavel e um ambiente que permitiu a evolucao da vida, animais e plantas, e o desenvolvimento da raca humana. O gelo nos polos, o gelo das estepes ( permafrost) que retem o metano da materia organica sequestrada, as correntes profundas do oceano, a corrente quente do golfo que permitiu um clima ameno na europa, a floresta amazonica que retem CO2, o efeito tampao dos oceanos que retem CO2 acidificando a agua, tudo isso permite vivermos num ambiente favoravel ao desenvolvimento da vida. Mas o uso dos combustiveis fosseis rebentam com este equilibrio ao permiter que o calor fique retido na superficie da Terra (efeito estufa). E estamos ainda em posicao de emendar o rumo das coisas, se deixarmos de usar combustiveis fosseis…..Por isso seja Tesla, Renault, Nissan, Toyota, Mercedes ou Fiat o importante e que seja electrico. Nao e tudo, tambem polui, mas se a electicidade for de origem renovavel ja estamos a reduzir combustiveis fosseis que NAO PODEMOS USAR MAIS se queremos planeta para nossos filhos e netos! A Tesla necessita de ter arcaboico para investigar, inovar em tecnologia e ser apetecivel. Ainda bem que tem essa capacidade. Esta a trabalhar para nos, para mudar o mundo. E os que compram Tesla caros estao a ajudar a essa mudanca com o seu dinheiro. Deixemo los ajudar e financiar a investigacao e inovacao e arrojo. Falta ainda as celulas de combustivel….Fiquemos felizes porque estao a trabalhar para nos. E ajudemos o que pudermos na mudanca de paradigma do consumo de energia e na mobilidade. Estas noticias que dao ma imagem aos carros electricos sao tiros no pe!

  25. Denis says:

    Deve de exister a cada segundo no mundo pelo menos 1 acidente, e alguém tem um acidente em um testa, já é razão para fazer uma publicação, no mínimo hilariante

  26. Rui says:

    Centenas de carros de diferentes marcas têm acidentes todos os dias, de igual forma centenas se incendeiam.. mas a única marca que falam que tem acidentes e que se incendeia é a Tesla?? quando tem dos melhores resultados tanto num aspeto como no outro??
    Um mínimo de dignidade quando transmitem estas coisas a que chamam ‘notícias’ por favor…..

  27. Jakuti says:

    Se em vez do auto-pilot tivesse a minha mulher ao lado não adormecia de certeza!
    Além disso, ao contrário do auto-pilot não dá para desligar!!

  28. Rui Gonçalves says:

    É só fanboys e fanáticos da tesla que de inteligentes nada têm, com as palas que têm nos olhos não conseguem ver um palma à frente dos olhos.
    Eu tenho uma pileca de um carro que me avisa se sair da faixa de rodagem e que detecta o cansaço do condutor … essa bosta do tesla que supostamente tem tanta tecnologia (que na verdade não tem) nem isso é capaz de fazer para evitar estas situações … boa porcaria !

    • Miguel Rebelo says:

      Ora nem mais !!! Até a porra de um Kia faz isso 🙂
      Mas deixe lá que esses fanáticos da tesla que nunca sentaram um cu num falam sem conhecimento e só tem um imaginário, se algum dia chegarem a ter contacto com a realidade vão ter uma decepção .

  29. Leandro Reis says:

    Click click click afinal compensa…. é só tecnologia… Olha o meu click a fechar a página… Click…

  30. Ascário says:

    Uma carroça com 3 ocupantes quase batia num poste numa avenida em Évora.

  31. Filipe says:

    Hoje ali na rua do Ti Manel aconteceu o mesmo com um Fiat Uno…. é o que dá… andar na estrada…. acontece a qualquer um….

    • Carlos Silvino says:

      O problema é que o Ti Manel tem um carro de 5000 euros, e um Tesla custa 100000 euros e supostamente quem o compra é lhe dito que o carro conduz sozinho de que tem todas as medidas de segurança para que acidentes destes não possam acontecer.
      Não é necessário ser muito inteligente para compreender que esta noticia tem relevância por isso mesmo!
      Ao contrário do que você diz, esse “acontece a qualquer um” não era suposto acontecer neste Tesla pois isso mesmo é que as pessoas dão uma pipa de massa por eles ! Ou seja, SÃO ENGANADOS !!!

  32. Porconta says:

    Mais uma vês os títulos a truncarem as noticias, isto faz lembrar os jornais que colocam títulos garrafais na primeira página que são falsos e depois para emendar a mão colocam dentro do mesmo jornal num cantinho a correcção e o pedido de desculpa, porque o que interessa é chamar á atenção para o Jornal.

  33. Porconta says:

    Mais uma vês os títulos a truncarem as noticias, isto faz lembrar os jornais que colocam títulos garrafais na primeira página que são falsos e depois para emendar a mão colocam dentro do mesmo jornal num cantinho a correcção e o pedido de desculpa, porque o que interessa é chamar á atenção para o Jornal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.