Quantcast
PplWare Mobile

Portal das Finanças foi renovado! Saiba o que vai mudar

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. António Lérias says:

    O site da AT é uma ferramenta, tem de ser prático. Esqueçam as modas. Vamos andar todos, mais uma vez, à procura das funcionalidades na nova arrumação.

  2. Ricardo Fonseca says:

    Renovaram a imagem e reorganizaram o portal, mas deixo uma pergunta.
    Acabaram com o Java?
    Isso sim, é que deviam ter feito.

  3. Luís says:

    Saiba o que vai mudar? Esqueceram se de mencionar o mais importante saber se já funciona corretamente com outros browsers ou se ainda continua com Java…

  4. jedi says:

    la estão voçês com o java. o java só corre no servidor, não precisa do cliente. Se fosse preciso aparecia o alerta no browser, a mim a mesmo na versão anterior nunca pedia para instalar algum plugin e utilizo tanto opera como Firefox. 😉

    • Carlos says:

      Depende. Applets correm do lado cliente… o IRS usa uma applet. Deves estar a pensar em Servlets… essas sim correm do lado do servidor.
      Quando a Java… é algo que corre neste momento em biliões de dispositivos… desde micro dispositivos até main servers. É assim vai continuar.

    • David Guerreiro says:

      O Java só é chamado em operações específicas, como envio de SAF-T ou submissão de IRS. E aí é necessário Java plugin. Era isso que deveriam ter alterado. Mas não é apenas o Portal das Finanças, temos o arcaico Citius no Ministério da Justiça, que também requer Java para envio de peças processuais por exemplo.

    • Pedro says:

      E o Portal de Prescrição Eletrónica.
      Tenho que usar um Firefox numa versão mais antiga para poder passar receitas no Mac…

  5. Diogo says:

    Já não era complicado o suficiente, ainda o foram complicar mais. Até para ser bom cidadão é preciso perder os neurónios.

  6. José Magalhães says:

    Espero que consiga entrar no IRS com o meu navegador Chrome, sem ter de entrar pelo navegador Internet Explorer

  7. int3 says:

    o cancro do java continua! 🙂

  8. Francisco Pereira says:

    A história do JAVA é importante, mas também é importante que, quando arranjam uma coima para um contribuinte, indiquem, claramente, a que respeita. Mesmo quando vamos a um SF o próprio funcionário tem de perder tempo para entender a que respeitam as situações. E, já agora … arranjem cursos para os funcionários que, de quando em vez, lá vai mais uma …

  9. Asdrubal says:

    Eu a pensar que o último site no mundo que ia acabar com o java, mas… parece que ainda não.

  10. Rick¥ says:

    Em vez do IE11 usem o Palemoon x86, que ainda suporta Java plugin mas tem actualizações muito mais frequentes de segurança e é baseado no Firefox. https://www.palemoon.org/palemoon-win32.shtml

  11. Joao says:

    Pelo menos da ultima vez que fiz a entrega do IVA já me deu uma alternativa não dependente do Java.

  12. falcaobranco says:

    Não sei porquê tanto drama… para ir ao site das finanças vou pelo chrome, nc tive problemas… todos os anos meto o IRS pelo IE e nunca tive um unico problema… o problema, muitas vezes, está em nós e depois culpam o java…

    • Paulo says:

      Antes de dizeres qualquer coisa, 1º informa-te. Todos os meses só para enviar o SAFT (mas há outras necessidades idênticas), tenho que andar a pesquisar a onde é que esta o Internet Explorer, isto por vezes multiplicado pelo numero de clientes. Em muitas situações é a única vez que o bendito é usado.

  13. Paulo says:

    A única novidade com real interesse para aquelas bandas era mesmo se BAIXASSEM o raio dos impostos que estão abusivamente altos (perdão, estão mais do que abusivamente altos, estão a roçar a escravatura moderna).

  14. jimmy says:

    O java com certeza que se irá manter.
    Não foi noticia a uns tempos:Que uns marmanjos do governo foram
    a uma conferencia da oracle,com tudo pago pela mesma.

  15. Luiz says:

    O site foi renovado para quê? Ah já me esquecia, claro que foi re”complicado” para sacar mais uns euros e fazer confusão para dar erro e mesmo que as pessoas fiquem com a ideia de que está tudo bem mas no final lá vem mais uma multa para pagamento

  16. Aralmeida says:

    Sabem o que não vai mudar? É os serviços funcionarem em pleno durante o período anunciado, como por exemplo o e-fatura que há várias horas que está inutilizável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.