Quantcast
PplWare Mobile

Passagem de Ano: Ucrânia abateu 45 drones explosivos russos

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. PQOP says:

    Ainda não percebi é como os dirigentes da Rússia não começaram a ser julgados no Tribunal Penal Internacional.
    O bombardeamento sistemático de alvos civis, habitações e infra-estruturas, é crime de guerra. E um ato de cobardia.
    Espero que quando o tempo melhorar a Ucrânia possa retomar a ofensiva – contra o exército russo, não é contra alvos civis como fazem os russos – e os consigam expulsar definitivamente. PQOP (p*ta que os pariu).

    • jorgeg says:

      hehehe,… A influência da propaganda ocidental é mesmo forte para os teus lados, informe-se do que se escrevia sobre a Ucrânia antes do início do conflito ou quem realmente tinha e tem interesses neste conflito. Quem realmente forçou este conflicto, provavelmente os mesmo que explodiram, com NS2, não?!

      https://twitter.com/MaxBlumenthal/status/1607477025962430465

      • Rui says:

        Já o seu caso manifesta falta continuada de consumo do Canal RT!!!!!

        Quem invadiu a Ucrãnia foram os criminosos russos! Que aliás até à véspera metiam com todos os dentes que têem na boca que não íam invadir a Ucrãnia.

        Eu como tenho memória mais vasta que a sua, recordo-me dos americanos avisarem o mundo inteiro, ainda em 2021, de que a Rússia preparava-se para invadir a Ucrãnia. E insistiram tantas vezes que já gozavam com os americanos e não ligavam nenhuma!!!!!

        Alguém querer convencer que foi o ocidente que provocou a invasão da Ucrãnia vai para além da estupidez óbvia!!!!

        E mais engraçado, a Rùssia está a utilizar os mesmos pretextos de Hitler na IIª Guerra Mundial!!!! Porque será!?!?!?!
        A Alemanha de Hitler também afirmou que foi obrigada a anexar a Áustria para defender os alemães, assim como a Polónia, França…….

        Aconselho o jorgeg a cultivar-se mais porque tem claramente déficites graves de identificar quem está a agir bem e mal!!!!

      • Carlos says:

        Parabéns. Tu ao menos sabes pensar pela tua cabeça. Um bom ano.

      • G. says:

        Apenas tem o que merecem Jorgeg, deviam ter ficado em casa. Guerra é guerra

      • Rui says:

        Então mostre aí as provas sobre quem destruíu o NS2! Ou tudo para si tem a Rússia como vítima e o ocidente como inimigo?

        Diga-me também, como é tão informado e até tem mais acesso a informação russa que as demais pessoas que vivem na ditadura da informação, ao contrário da Rússia em que as pessoas nem fazem ideia do que se passa no mundo, explique-nos lá o que aconteceu a dezenas de milionários russos que apareceram……………. suicidados!!!!!

        https://en.wikipedia.org/wiki/2022_Russian_businessmen_mystery_deaths

        Realmente o dinheiro não trás felicidade, eles viviam tão mal que apareceram mortos…… logo depois de uma ou duas palavrinhas contra o ditador Putin!!!!!

    • David Guerreiro says:

      A Rússia tal como os EUA não fazem parte do TPI. Ratificaram, mas posteriormente retiraram a assinatura do tratado. De qualquer forma, teriam que ser julgados à revelia pois a Federação Russa nunca iria entregar ninguém para ser julgado, e para os tirar de lá só com guerra. Além de que o TPI tem quanto muito prisão perpétua, e os EUA têm pena de morte para crimes de guerra.

    • Carlos says:

      Eu também não percebo porque os EUA ainda não foram levados ao TPI depois de tantas atrocidades que cometeram ao longo de décadas.

  2. Luís Silva says:

    Se em vez dos Estados Unidos se estiveram, e estão, a desfazer do lixo de armamentos dos seus armazéns, mandassem material moderno, já estaria tudo resolvido.

    Também a Rússia, se não fosse os porcos do Irão, Bielorrússia e mercenários etc. a dar-lhes ajuda já estava de patas ao ar.

    É pena que um país inimigo do Irão não aproveite para o atacar!

    • jorgeg says:

      Temos aqui um voluntário aqui para a linha de frente do conflito.
      Facil vai ao site do gov Ucrânia e increve-te para te juntares ao Batalhao de Azov, para lutar contra a Russia na linha da frente “Má Russia , Máááááá!!!”

    • David Guerreiro says:

      Os EUA enviam o equipamento que é relevante para o conflito. Por exemplo, os sistemas Patriot são irrelevantes para este conflito, pois apenas permitem proteger uma pequena porção do território, e dado o seu elevado custo, é discutível se é viável estar a abater drones iranianos com equipamento desse calibre e custo. A Rússia ainda tem muito para dar, tem cerca de 25 milhões de homens em idade militar que pode recrutar para a guerra, tem ainda muito dinheiro, e muitas munições ligeiras e de artilharia. E dinheiro também não falta porque continuam a vender gás e petróleo.

    • Rui says:

      Os EUA não querem que a Rússia derrote a Ucrãnia, mas também não querem que a Rússia caia no caos! Quem controla depois o maior arsenal nuclear À face da terra? Já imaginou!!!!

      Muito pior é a Europa arrastar os pés e pouco fazer para ajudar a Ucrãnia militarmente e rearmar-se!!!! Depois há inteligentes que não percebem porque é que 80 anos depois da IIª GM, ainda são os americanos que defendem os europeus!!!!!!

      É fácil, os europeus que invistam rios de dinheiro, como faz o mundo inteiro para se defender e aí talvez sejam mais ouvidos no mundo!!!!!

  3. Delmar says:

    OPERAÇÃO MILITAR NA UCRÂNIA
    1 DE JANEIRO, 13:33
    Exército russo atinge locais de produção de drones de combate da Ucrânia em 31 de dezembro
    A medida frustrou os planos do regime de Kiev de realizar ataques terroristas contra a Rússia em um futuro próximo, disse o porta-voz do Ministério da Defesa russo, tenente-general Igor Konashenkov.

    © Ministério da Defesa da Rússia
    MOSCOU, 1º de janeiro. /TASS/. As Forças Armadas da Rússia realizaram um ataque de alta precisão em locais da indústria de defesa ucraniana envolvidos na produção de drones de combate em 31 de dezembro, disse o porta-voz do Ministério da Defesa da Rússia, tenente-general Igor Konashenkov, no domingo.

    “Em 31 de dezembro de 2022, as Forças Armadas Russas empregaram armas lançadas do ar de alta precisão e longo alcance para atingir as instalações da indústria de defesa ucraniana envolvidas na produção de veículos aéreos não tripulados de combate usados ​​para realizar ataques terroristas na Rússia”, disse ele. observado.

    “A medida frustrou os planos do regime de Kiev de realizar ataques terroristas contra a Rússia em um futuro próximo”, enfatizou Konashenkov.

    • Carlos says:

      Pessoas informação são outra coisa. Parabéns.

    • Rui says:

      Você é brasileiro e vou dar o devido desconto, porque os brasileiros ignoram o que se passa no planeta onde moram e….. até acham que a terra é plana!!!!!!

      Aí a Ucrãnia se atacar os russos na própria ucrãnia e mesmo na Rùssia, os ucranianos são terroristas….. e os russos invadirem a Ucrãnia, como é que se chamam? ASSASSINOS? CRIMINOSOS? TERRORISTAS?

      Eu espero nada menos do que a destruição total do exército assassino russo que invadiu a ucrãnia!!!!!!

    • freakonaleash says:

      Portante ataques contra bases aéreas donde são lançados bombardeiros russos usados na nobre tarefa de libertar o nazi que há em cada ucraniano seja criança ou idoso são considerados de terrorismo!?

  4. Luís Silva says:

    O que a Rússia diz não se escreve! Além de mentirosos, são cobardes e ladrões. Na Rússia a única coisa boa são as mulheres 🙂 e nunca fiar; o resto é pobreza.

  5. Linus says:

    Falam do covid da ucrania qualquer dia ate de nutricao, vale tudo para encher hehe. Boas festas!

  6. Paulo says:

    Se a Ucrânia diz deve ser verdade… Isso e não bombardearem diariamente escolas, mercados, hospitais, creches em funcionamento em Donestsk.

    • Carlos says:

      Ao menos não tens os olhos tapados como a maioria. Os meus parabéns.

    • Luís Silva says:

      Exato!

    • Jose says:

      Gente como você entende ver apenas o agressor, a Rússia, agir cegamente e sem escrúpulos! Gente como você esquece quem iniciou a guerra e quem atingiu e atinge à vista do Mundo todo hospitais e maternidades, escolas e jardins infantis, assassinar e torturar ucranianos patriotas – como se fosse um pecado mortal – e inclusive bombardear Kyiv durante a visita do Secretário Geral da ONU! Depois quando os ucranianos atacam, ficam os fascistas e comunistas deste triste Mundo amantes do obscurantismo, muito “ofendidos” porque os ucranianos atreveram-se a partir os queixos da Rússia! Nunca devem ter ouvido falar de guerra! Por vezes, há erros, mas ao contrário dos ucranianos, os russos e traidores que lhes lambem as botas usam mesmo essas instalações. Curioso, nunca falarem de baixas, e quando existem, são diminutas e acidentais a não ser que o alvo seja um nojento traidor. Esses sim, têm sido alvos da vingança ucraniana e são um alvo legítimo. Quem vai a guerra, dá e leva, sempre disse o povo na sua milenar sabedoria. Se os russos e os seus aliados não quiserem ser atacados, voltem para casa, têm na miserável Rússia muito espaço, que façam alguma coisa de útil como fazer retretes, já que não as usam.

      • Paulo says:

        Olha outro que deixou de ser especialista em COVID 19 para ser mais um pseudo especialista a ver as tretas de contínua desinformação e meias verdades.

    • Jose says:

      Na Ucrânia estão lá jornalistas de dezenas de países. Ainda não reparou? Na Rússia o que têm é gente acéfala e doente mental a defender o afogamento de crianças ucranianas nos rios nos canais aceites pelo regime! Nem lhr falo, do lado ucraniano da minha família para lhe espetar a realidade na cara de uma vez por todas.

  7. Luís Silva says:

    Exato!

  8. Rui says:

    Bom Ano para todos e que a rússia sofra a maior humilhação de sempre, a total destruição do exército! Não está longe, metade já foi com os porcos (equipamento).

    • Paulo says:

      Acreditas mesmo no que dizes? Deixa lá o Reddit, YouTube, CNN, BBC, TVI, 9gag e CMTV e acorda para a realidade.
      Ainda hoje os canais de propaganda ucraniana afirmam que matarem centenas num edifício. A realidade porém é: 26 mortos e 67 feridos, dos quais apenas 3 merecem mais atenção. Também abateram 500 dos 80 drones lançados e 300 dos 70 Kalibr.

      • Rui says:

        Sabes lá tu o que eu leio!

        A realidade é que desde que a Rússia atingiu o seu ponto máximo de território roubado à ucrãnia (como faz na Geórgia, Chechénia, Moldova…….), todos os dias perde terreno, equipamento e militares!

        Já agora consegue elucidar-nos porque é que a Rússia está a recrutar mais soldados para a frente (carne para canhão)? Deve ser porque estão a ganhar………….

    • David Guerreiro says:

      Metade do Exército russo? Nem pensar. Além de que eles possuem cerca de 25 milhões de homens em idade militar para recrutar.

  9. RUY ACQUAVIVA says:

    A Rússia já ganhou essa. O Império americano está em franca decadência e mesmo tendo colocado a Europa de joelho, completamente submissa aos seus interesses, não conseguirá evitar sua derrocada, no máximo pode adiar, mas parece quevnao vai conseguir nem isso.

  10. Luís Silva says:

    Se com o dinheiro que a Rússia gastou e gasta em armamento tirasse o seu povo da miséria, batia-lhe palmas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.