Quantcast
PplWare Mobile

Operadoras nacionais: Preço dos pacotes sem fidelização

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. rui says:

    Areia para os olhos!

    • Asdrubal says:

      Exacto!

      Quem quiser sem fidelização, paga o dobro.

      • Joao Magalhaes says:

        Então, mas achas que alguém dá algo a alguém? Isto são empresas que ao fim do mês têm que ter lucro, é óbvio que pagas mais se não tiveres fidelização. Quando se vê as ofertas dos “telemóveis” é óbvio que o vais pagar bem mais caro.

        • Ze says:

          É por isso que Portugal fica no fundo e há-de ficar até mudarem os pensamentos…
          Aqui na França tenho um tarifário de telemóvel 4€ mensais com chamadas ilimitadas e 5 GB net… quando houver um igual na TugaLandia avisa-me…

          • J.C.Lopes says:

            Aqui em França.

          • Joao 2348 says:

            França: pouco mais de 67 milhões de pessoas.
            Portugal: pouco mais de 10 milhões de pessoas.

            Acho que é fácil de compreender a economia de escala… quanto mais pessoas mais barato pode ser, pois mesmo ganhando menos por cada pessoa, são tantas que ganha-se muito mais do que cobrando mais a poucas… vejamos são 57 milhões de pessoas de França para Portugal.

          • says:

            joao 2348, se fosse assim tão simples por a escala a justificar os preços…Veja por exemplo a Hungria que são cerca de 10 milhões e os preços são inferiores. Aliás eles até perguntam porque é que somos tão caros…

          • joao says:

            Pois indica então que é esse tarifário, pois não o encontro aí em França. Inventar é fácil.

          • Nuno says:

            E que tarifário é esse? Eu procurei e não encontrei nada disso.

          • Azeiteiro says:

            @Joao 2348

            Economia de escala? Ridículo. Falar de economia de escala num país onde o ordenado mínimo são 1500€ portanto os gastos teoricamente são maiores para as empresas. E onde a concorrência é abismal tens dezenas de operadores (talvez por isso seja mais barato não é o monopólio ala tuga). E mesmo assim conseguem fazer preços muito mais baratos que aqui.

          • MLopes says:

            esta problemática não tem nada a ver com economias de escala. tem a ver com cartelização pura e simples. não há concorrência de facto, nunca houve e nunca vai haver porque a legislação e a fiscalização assim o permitem

          • Se Bifes says:

            Já sabemos que os tugas cabeça em França têm tudo mas também sabemos que passam uma fome do caraças. Enfim tugas avecs

          • Angel Divinus says:

            Ainda a tempo:
            – Até já te esqueceste de escrever correctamente português… ou se calhar nunca soubeste!
            Se chamas “tugalândia” à tua Pátria, só mereces DESPREZO!
            Fica lá com os teus tarifários, porque eu pago 120€ mensais por todos os serviços que tenho na Vodafone e não acho caro!
            Mas alguém acredita que “na França” há um tarifário mensal no valor de 4€, com direito a chamadas ilimitadas e 5 GB de net?
            Claro que não há!
            Basófias de um português ressabiado que teve de emigrar para comer, mas que não pode vir para aqui mentir!

    • João Pavão says:

      Serve de muito, essa lei, os preços são absurdos, passaram de roubo a um atentado as nossas carteiras

    • Rui Miguel says:

      Não é areia, é contabilidade simples: eles querem que tu fiques na operadora, queres andar a tirar e a por, e a saltar de operadora? Pagas mais!

      • Miguel says:

        Não! Tem que prestar um serviço a um preço normal sem qualquer fidelização. O cliente deve querer ficar no fornecedor pela qualidade de serviço e não por contrato. Se lhe for proposto um contrato de fidelização então o cliente deve ter um desconto sobre o preço normal pelo facto de perder o direito de mudar. Isso é concorrência e é assim aqui no Reino Unido.
        Em Portugal está tudo habituado a ter rendas garantidas independentemente do serviço prestado. E então para não se acabar a mama das operadoras a solução foi penalizar quem não quer fidelização e não premiar quem a quer.

  2. SSaraiva says:

    Em conclusão, as fidelizações não acabam.

    • Daniel Pinto says:

      A ideia nunca foi acabar, mas sim haver uma opcão sem fidelização.
      A única coisa que eu gostava de ver era o valor da oferta de uma forma descriminiada.

    • Mikes says:

      Mas vocês acham que sem fidelização vos ofereciam a instalação e os equipamentos? Então a operadora ia dar mais do que recebe? Como é que tinham lucro?
      Querem tudo dado? Vocês trabalham de borla?

      • Joao Magalhaes says:

        Ehehehe, esta rapaziada pensava que iam receber equipamentos de borla e descontos sem fidelização nenhuma, isso era uma maravilha, todos os meses tinha um telemóvel novo.

      • rui says:

        A questão não é querer tudo dado. Tudo bem que se pague a instalação, mas por exemplo quase 400€? Já roubam pouco na mensalidade… Até antes mudarem isto, já era um roubo que somos um dos países mesmo a nível mundial com velocidades mais fracas comparando com os preços praticados.
        Trabalhar de borla? Não. Mas o pouco que ganhar ter de o dar assim de uma vez para coisas que não deviam ser tão caras, isso é que é o pior.

        • rjSampaio says:

          “velocidades mais fracas comparando com os preços praticados”
          mete la um fonte disso para verificar sff

          • rjSampaio says:

            Por acaso foi verificar isso agora e encontrei este estudo europeu. “Study on retail broadband access prices (as of February 2015)”
            Onde realmente @Rui portugal paga mais alto que a media europeia, mas axo que a veracidade do estudo esta muito comprometida quando dizem que o tripleplay da Vodafone são 138€ para 100Mbps quando se pagava 25€.
            Alguém explica isso?

        • Técnico Meo says:

          Ainda bem que falas nisso, no outro dia numa vivenda fora da cidade na fibra-global foram lá torrados 800 euros em material ( 500 metros de fibra, 89 metros de coaxial rj11, susbtituidas 5 tomadas de rf, 3 spliters, machos, fêmeas, 5 chiciotes de rf, 2 cabos de rede com 35 metros cada um, 2 boxes, ont e router, e outro tanto material que não cabe na janela de texto. Portanto se estás admirado com os 400 euros, não fiques. Obviamente que não será sempre assim…

          • Oooo says:

            Tretas… Meo nao trabalha com coaxial… É tudo cabo de rede e rj45

          • Rui says:

            treta…. eles se não tiverem no máximo a 50 metros não passama não ser que o cliente pague e pague bem…. o cabo passou como? ar ou solo?se foi pelo ar é porque passaram tb 10 postes….

          • Técnico Meo says:

            Por vezes caro Rui, passa em mais de 15 postes. Se tens dúvidas manda-me mensagem privada com o teu numero que eu combino contigo e vens comigo nem que seja só um dia. Existem clientes que ficam a mais de mil metros por exemplo, mas ai paga os postes e a fibra, isto se for conseguido garantido o sinal até ao máximo de -7 dbm. Vocês têm as coisas em casa devem pensar que vem no bico de uma cegonha. SÓ vos desejo que nunca tenham de trabalhar no meu terreno, pois ai, vão aprender e não só, vão aprender também a lidar com o cliente eternamente insatisfeito. SÓ ai vão dar o valor

          • Técnico Meo says:

            Pois…. é que o serviço de RF que existe na fibra vem no bico da cegonha… em que buraco vives?

          • MIGUEL says:

            Tens mais que 800 € quase só nos 500mts de fibra xD

          • Sujeito says:

            Ótimo input. Ajuda a ter perspectiva das coisas.

        • Fábio Rovisco says:

          E vocês pensam que não se gastam 400€ numa instalação? Esquecem-se que tem que ser passada a fibra para casa, que tem que ser passada a fibra na rua, aluguer ou construção de postes, pagar a nós técnicos, equipamentos, manutenção, ferramenta, transporte… Voces só vêem o que têm em casa, esquecem-se que pra lá da porta há muito trabalho feito….

          • Miguel says:

            Não é bem assim. Todos os prédios recentes têm que ter quadro ATI e ponto de entrada para cabo cobre e fibra. Uma vez ligada uma fracção o custo de ligar a seguinte é praticamente 0.

          • Técnico Meo says:

            Miguel, se fosse assim mandavam os equipamentos por correio. Gasta-se sempre material e tempo, e mesmo com Ited tens de ter pdo lá dentro do prédio e pelo menos um raiser por cada dois andares. O Ited também nem sempre cumpre as normas, já vi muita poupança no projecto, alguns muito aldrabados. E o cliente nem sempre quer as coisas como me dão jeito, já passei cabo em Ited no interior por as tomadas estarem ao contrário onde está a mobília.

        • Daniel says:

          €400… activação é feita por sistema de informação, ok, metam €50 e mesmo assim já é a dar uma margem de 80%; deslocação do instalador, bem ele deve de ganhar mesmo muito bem à hora para o restante ser €350, mesmo que demore 2 horas a instalar (quiçá alguém muito incompetente) isso dá €175 à hora.

          O que quero chegar é que o custo total de activação (e já a contar com contribuição para manutenção daqueles segundos que levou a processar a activação no sistema) mais a deslocação para instalação e materiais nunca seria superior a €120~€150 euros mesmo tendo em conta todas as taxas e impostos que a entidade patronal tem de pagar ao técnico que se desloca (que a PT nem deve de pagar, devem de pagar preço fixo à empresa contratada e ainda abatem em impostos).

          O que estão a fazer nada mais é do que super inflacionar os preços sem fidelização ou com fidelizações mais reduzidas para obrigar a escolher os 24 meses. Depois é só cartelizar o preço dos pacotes de 24 meses de fidelização e todos os operadores saem contentes. Os que têm menos clientes fazem mais baixo, mas à medida que vão aumentando os clientes vão subindo os preços, e no final acabam também eles a cartelizar com os acima… ora veja-se a diferença de preço e a oferta entre o MEO e a NOS actualmente e o que era há 6 anos atrás… Actualmente parece que combinam.

          • Pyros says:

            Daniel, activação é uma coisa (e sim, dá trabalho – principalmente ter os sistemas preparados, mas em grande volume não será uma coisa por aí além). Mas instalação é outra. E o equipamento, mesmo comprado em volume, não é assim tão barato.
            Se for uma instalação completa pode ultrapassar – e bem – os 150 euros em material.
            No entanto, 400 euros perecem-me um exagero significativo.

          • RR says:

            Sabes quanto custa esse tal sistema de informação que é só dar um click e já está, quantos horas foi preciso para ser instalado, quantos homens lá trabalharam, que consumo de energia faz ele por mês, sim trabalha a energia, quantos mais servidores tem por de trás, há é muito lindo ter gravações automáticas, sim é espetacular, mas quanto é que isso custou aos operadores, em servidores, espaço para esses servidores, porque é necessário espaço e se não o tens, tens de o alugar,só um pequeno exemplo, uma instalação no Centro Comercial do Colombo não fica por menos de 400€ em material e mão de obra, fora esse tal click de 50€.
            Sim os operadores tem lucro, mas não é com cliente de 6 e nem 12 meses.

          • Técnico Meo says:

            ” ….. 2 horas a instalar (quiçá alguém muito incompetente)… “. Estás muito enganado, as coisas não correm sempre bem nem de forma fluida, á sempre mas sempre problemas, se fosse tão fácil mandavam os equipamentos ao cliente e ele auto-instalava. Daniel, também penso que os 400 euros possam, eventualmente baixar para 220, 200 e picos.

          • Daniel says:

            Pyros, posso dizer-te que o equipamento sai estupidamente barato (além de que não é propriedade do cliente mas sim da operadora, há sempre retorno (ou reembolso do valor comercial – não do valor de compra, e o valor comercial é definido pela operadora – quando extraviado). Posso dizer-te que uma operadora há uns 10 anos atrás comparava modems entre 10 a 20 euros cada. Se houvesse problema com algum lote ficava mais barato ao fabricante dar o lote de borla do que pagar portes (retorno ao fabricante e depois devolução ao cliente) mais as hora/homem a resolver o que quer que fosse (normalmente questões de firmware). Nem tudo é assim tão barato, mas acredita que não são caros pois tudo é reduzido ao mínimo essencial e ao material mais barato que possa existir (indo ao ponto de até se reduzir parafusos e plástico para cortar margem).

            RR, sabes que a operadora tem de ter os SI quer tenha clientes fidelizados, quer não, certo? Os SI não estão lá para facilitar a vida aos clientes, estão lá para maximizar os lucros do operador. O custo dos SI é diluído na rentabilidade acrescida a cada mensalidade ao passarem de processos manuais para sistemas SI integrados (ERP, CRM, OSS, etc). É que eu estive envolvido durante muitos anos nisso, sei muito bem qual o ganho nesses sistemas em termos de facturação (desde controlo de fraude, controlo de cobranças e controlo de ciclos de facturação, rollout e controlo de reference data e novos produtos, controlo de stocks e comissionamento, etc… são centenas de milhares de euros por ano poupados nesses sistemas, não é “favor aos clientes”). E acredita que os operadores têm lucro com o cliente em 6 meses, o que não têm é ROI, diferente. Se te contasse o quanto dinheiro se desperdiça nos ISP nacionais por “pet projects” que são autenticos desperdicios (como desenvolverem constantemente projectos em cima de uma plataforma que nem é usada e nunca se terem dado ao trabalho de perguntar quais as necessidades de quem em teoria usaria essa plataforma, pois aí teriam descoberto logo que não era usada, de todo… centenas de milhares de euros perdidos ao longo de 3 ou 4 anos, só aí pagava todas as activações nesses anos e por muitos mais depois ainda, mas só um exemplo).
            O argumento do ISP ter de pagar os SI é o mesmo que a da banca querer cobrar taxas de operações multibanco: quando os bancos tinham de ter agências em todo o lado e os balcões tinham de ter imensas pessoas a atender era bem mais caro para os bancos, a redução de custos que tiveram com a rede MB mais que paga esse investimento e manutenção. ISP é o mesmo, o controlo que obtiveram em termos de controlo de cobranças, combate a fraude, comissionamento, stocks, portfolio de cliente, histórico de cliente, etc, mais que paga tudo isso.

            Técnico Meo, estás então a admitir que é completamente pláusivel uma instalação em uma hora ou pouco menos.

          • Técnico Meo says:

            Tão plausível como amanhã a lua sair de órbita Daniel. Hora e meia foi o máximo que consegui, e o cliente tinha Ited e já tinha tido fibra. No entanto, quis algumas alterações para meter rj45 num quarto diferente, e que acabou por ficar em todos após a compra de um switch. No campo técnico é difícil fazer projeções, podes no entanto elaborar uma estática de com mapa de Karnouth. Não podes por o taylorismo a funcionar no campo técnico das operadoras, porque a linha de montagem é sempre diferente e o pedido pode ser sempre alterado pelo facto de termos o cliente final sempre presente e ao lado.

      • Ana Toli says:

        Eu não trabalho de borla. Mas quando que faço um orçamento a um cliente vem tudo discriminado e devidamente justificado Caso ele me pergunte o que contempla cada um dos valores apresentados, é possível perceber porque.. Sendo que até se percebe o porque custo de instalação do (aprox. 150€), não entendo se entende muito bem o que é isso do custo de “activação”, ou o porque de ter esse custo(120€). Pagar sim…mas se fizer sentido.

      • Flávio Ferreira says:

        +1

      • Lopes says:

        Os aparelhos são de ouro e a instalação leva um dia a ser feito por uma equipe sendo um instalador um chefe e um eng.

      • PTO says:

        Eles não dão nada. A box paga-se o aluguer e é sempre propriedade deles (incluindo o comando e o cabo HDMI).

        Que eu saiba os televisores são nossos e a sala e o sofá também.

        No fundo eles são é uns aldrabões. Não tem qualquer sentido levarem 150 euros para instalarem uma box, ou melhor, levar a box a casa do cliente.

        A única justificação para existir preço de instalação a cobrar ao cliente é só e apenas nos casos onde têm de passar cabo/fibra pela casa. Fora isso é exploração pura, vulgo roubo.

    • SSaraiva says:

      Só génios a comentar … Deviam ir para a RTP como comentadores. Eu não disse que as fidelizações acabavam o que quero dizer é que continuamos a não “ter” pacotes sem fidelização, na prática.

      Óbvio que não existe nada de graça neste mundo mas pagar 400 € como foi dito por uma instalação de 1 hora. Para além do custo acrescido da mensalidade.
      Devem ganhar muito bem, vocês.

      • Técnico Meo says:

        Uma hora? Onde? Nem uma casa com ITED 2 se demora uma hora. A média é de 3 horas para cima. Na fibra-global(fora das cidades) a média é de 5 horas!!!! E isto contando que vão 2 homens ! Por vezes é só um

        • Djiin says:

          O técnico me Vodafone não passa mais que 200m de fibra,e a Nos 280m.o ONT e outros equipamentos são dinheiro ao isp as tvs nova podem ser adaptadas para servir de box e os router existem ai muito bom tour era por 20€ que conseguem portar -se melhor que os dos operadores…Não falando que alguns sítios não tem fibra quando não são clientes migrados em que a instalação esta paga do operador anterior.

          • Técnico Meo says:

            A maior da fibra global é da visabeira. Passa-se até 500 metros, e a pedido até 600 e 700 como já passei ( juntas duas bobines, é preciso é que a atenuação aguente.) As tvs adaptarem-se para box, nunca vi. Já vi é o kodi instalado em muito sitio. E as tvs novas, com sintonizado digital ficas com 76 canais e alguns em hd, e 20 e tal rádios, mas não tem as funcionalidades da box. E os equipamentos são do ISP mas eles têm que ser comprados, ou pensas que é de borla? As instalações onde já existe algo é sempre duvidoso, pois existem sempre alterações / revisões a fazer, e isso depende se o cliente quer as coisas no mesmo sitio. Já vos disse, meto-vos na carrinha da Viatel e vão sentir em primeira instância o BA-Bá que muitos dão bitâites poraqui.

          • Sergio says:

            Técnico Meo, Técnicos de Field nunca tem a vida facilitada. Até em suporte, depois de já estar tudo instalado e a funcionar por vezes demoram horas a resolver avarias. 90% dos comentadores não fazem a mais pequena ideia a logística necessária para prestar um serviço ao cliente e não falo só da “instalação” mas sim de todo processo inerente a isso.

        • Daniel says:

          A minha casa não tem ITED2 (nem ITED, de todo, casa da década de 70) e o técnico esteve cá nem 45 minutos. Foi largar cabo da janela, Foi fazer furo e passa-lo para dentro com margem para erro, ligar à caixa na rua (ok, perdeu um minuto a subir escadote e prende-lo à braçadeira), colar a tomada e ligar o conector SC/APC ao ONT, ligar pc ao router/gw, ligar box ao router/gw (com passagem de cabo pela casa, com guia – sim, eu já tinha, mas isso demora mais tempo que só passar pelo rodapé e por cola pois ainda teve de cravar o cabo e esquecia-se da ordem dos cabos e andou de entre a sala e escritório duas ou três vezes), mandar sms para activação do sistema (que não estava a dar e teve de ligar para o atendimento) e configuração do router. Depois disso foi confirmar que estava a aceder à net, confirmar que o telefone estava configurado e a tv dava. E acredita quando digo que esteve menos de 45 minutos cá em casa. Na minha outra casa tinha ITED 2 e aí ainda mais rápido foi (isto cabo): chegar, por os equipamentos, ir só ao quadro no prédio retirar o filtro a uma das ligações e fazer a ligação à minha, confirmar que o equipamento se registava, confirmar que a televisão dava, telefone tudo ok, ora boa tarde e um queijo, foram os 20 a 25 minutos mais inconsequentes que tive nos últimos anos.

          E sim, em ambos os casos foi só uma pessoa que foi instalar. Já quando tive problemas nesta instalação aí sim o técnico perdeu um porradão de tempo, mas porque foi pouco esperto, depois de perder imenso tempo a ir ver o PDO, ver isto, ver aquilo, passado uma hora e tal lembrou-se de ir ver a tomada de onde sai o conector SC/APC… ora, tinha-se dessoldado lá dentro (e pronto, eu bem disse que o técnico tinha estado aqui menos de 45 minutos quando veio instalar, foi à pressa e a deitar fogo).

          • Técnico Meo says:

            Não, errado Daniel. Não esteve um minuto no pdo, não prendeu o cabo com braçadeira em um minuto, nem que ele fosse o superhomem. Podia era ter calhado tu seres num primeiro andar e o PDO estar logo por baixo. Antes de ter chegado á tua casa, foi ao sro medir o sinal e encaminhar. O cadastro disto leva sempre tempo porque nem sempre as fibras estão correctas, e ai a culpa sim é dos técnicos. Depois teve de esticar a fibra do pdo até ao buraco, entretanto já feito, prender com braçadeira na fachada e fazer a fusão no pdo nas escadas, ou em baixo ao pé da carrinha se deixou fibra que chegue. Uma fusão, demora nunca menos de 4 minutos. Descarnar o fio, descarnar o patchcord, descarnar a fibra, fazer a queima, fazer a queima da manga termo_retráctil e acondicionar a fibra dentro da caixa. No mínimo 20 minutos, partindo do principio que não teve problemas de encaminhamento no sro, partindo do principio que o sinal chegava bem ao pdo, partindo do principio que a máquina faz a fusão bem á primeira vez ( nunca faz, as máquinas andam todas mamadas e manutenção é só quando partir), partindo do principio que não tem de andar a chorar aos vizinhos para deixar passar o cabo e a prestar 500 declarações a todos os curiosos que entretanto se ajuntam e colocam mil e uma questão sobre a revista Maria, partindo do principio que não está a chover ou é de noite, e partindo do principio que te tapou o buraco com massa. No meio disto tem de ir buscar material á carrinha, subir escadas, guardar material na carrinha, aspirar, limpar. A pistola de cola do meu colega que falas deve ser muita boa, cola dezenas de metros por minuto, fonix, tenho de comprar uma igual, as paredes e rodapés devem ficar lindos. Se mandou sms para activar o serviço, não significa que ainda dentro da tua casa não tenha que aguardar pelos testes normais do pdo decorrerem até ao fim, senão não consegue fechar a instalação, debitar o material, recolher a tua assinatura no pda, e abrir a próxima intervenção e telefonar ao cliente. Tem de testar os pcs, as tvs, sintonizar, EXPLICAR A BOX UMAS 10 VEZES, e rezar a deus para que os pcs estejam minimamente decentes e as tvs tenham sintonia automática ( nem sempre reza assim a história) à próxima vez que te fizerem uma instalação, acompanha o técnico do principio ao fim para veres que não é bem os 45 minutos de que falas. E não tens uma instalação igual á outra, haverá as de muita complexidade e problemas. Que nunca trabalhes como técnico instalador, senão vais ter de engolir muito do quer dizes aqui sobre os técnicos.

          • Daniel says:

            “Antes de ter chegado á tua casa, foi ao sro medir o sinal e encaminhar”, pronto, perdeu 5 minutos? Ok, 45 a 50 minutos então. Estou pasmo!! Não, nem por isso…

            E dezenas de metros por minuto? Ui, queres ver que ele vai demorar um minuto por cada 10 cm?

            Numa coisa tens razão, esqueci-me que nem todas as pessoas querem box e aí pronto, não há escapatoria a ter de sintonizar a tv. Dou a mão à palmatoria nessa.

            Quanto a testar “os PC’s”, talvez queiras dizer “o PC”, pois tanto no caso da minha mãe (Vodafone numa casa, MEO na outra) só se responsabilizavam por deixar um PC configurado, como na minha (MEO numa e NOS na outra) o mesmo (não que me faça confusão, eu também nunca os deixo mexer na configuração do meu PC).

            Quanto a “nunca trabalhes como técnico instalador”, estás sem azar até nisso. Até há 12 anos atrás, a empresa para a qual eu trabalhava na altura, fazia backoffice (a sério) e basicamente nós iamos às casas dos clientes quando os técnicos não conseguiam encontrar problema ou no caso de clientes VIP (técnicos, subcontratadas, não iam lá, de todo). E eu fazia isso como part-time enquanto estava na faculdade. Mas os tempos eram outros, mas sei bem o que a casa gasta pois depois disso estive envolvido durante muitos anos no controlo de qualidade e formação de técnicos instaladores… só assim de repente.

          • Técnico Meo says:

            Olha Daniel, só te estás a enterrar, mais vale estares em mute. Não só 5 minutos no sro, há sros a mais de 7 km de distância na fibra global, ou isto ou aquilo, as coisas demoram tempo, o trabalho técnico, como tu dizes que sabes como é, não se pode estandardizar como numa linha de produção modelo ford ou taylor. Se sabes assim tão bem, part-time então, ui, que desgaste o teu. Há 12 anos atrás, nem tinhas fibra, nem tinhas o rf para configurar e fazer, nem fusões para fazer, nem tinhas um décimo da pressão que hoje existe para fazer nem as condições do passado que um técnico tinha ( horários fechados ao fim de semana e feriado, horários fechados a partir das 18, carrinhas sem gps de controle, nem pdas de serviço, etc etc etc. E sim colar leva tempo, a não ser que queiras lá ir no dia a seguir porque os cabos descolaram todos, nota-se bem que nunca andaste a colar cabos no teu dia a dia, não é só colar a fibra, mas o cabo utp e o cabo rj6 de rf, que é bem grosso e por vezes até tem de levar pregos, que é um cabo de 8mm, que tem um talão pouco flexível que as operadoras todas usam agora, desde a cabovisão até ao meo. Clientes VIP? Claro que sim, ias lá tu fazer a instalação queres ver? Tinhas então certificação de todas as operadoras e podias entrar em todas as centrais de cobre é isso? Fazias o encaminhamento na carta, depois no bastidor, depois na central , depois no RP e depois no PD e eras tu que esticavas o cabo tv_hv se fosse preciso é isso? Eu que saiba em empresas de assistência informática tipo pc médic ninguém faz nada disso desde sempre. Também já vi pessoal na pcmédic dizer ao cliente que era preciso comprar uma placa de rede nova quando o problema dela era só configurar para full duplex. Maus profissionais tens em todo lado. Toma juízo, não inventes. Deste formação? Então aonde para eu perguntar se realmente o fizeste? Olha, os formadores nunca puseram um pé no terreno, os da viatel pelo menos não, sabias? Controle de qualidade? Quê, ligavas ao clt a fazer perguntas de 1 a 10? Fogo, só suor. Cresce Daniel, não inventes. Vais emigrar? Não faças isso, és muito bom, fazes instalações em 45 minutos, he pá, és um achado, vem trabalhar para mim, se trabalhares dessa maneira, dou-te 800 euros limpos no fim do mês. Não emigres, tens aqui a tua oportunidade de trabalho. ÉS UM MUST! Queres o meu numero de telemóvel?

  3. Moliveira says:

    Ta parecendo Brasil onde é regulamentado algo para ajudar o consumidor e as prestadoras dão um jeito de cobrar mais caro pra não fidelizar o cliente

    • Joao 2348 says:

      É ao contrário! Eles cobram mais caro, para fidelizar o cliente! Porque cobram menos com fidelização por mês, mas sem fidelização cobram muito mais… incluindo todas as despesas iniciais que supostamente justificam os tais 24 meses de fidelização… é um roubo descarado.

      Mas a responsabilidade é do estado… se o estado tivesse logo criado a infra-estrutura em fibra-óptica à décadas atrás quando ainda havia dinheiro, agora os operadores poderiam competir entre eles nas ofertas e a pessoa poderia mudar todos os meses se quisesse, porque os custos para os operadores eram incomparavelmente menores… é como já fazem em alguns lados do mundo, a infra-estrutura está montada, os operadores só tem de fazer chegar a fibra-óptica à central da cidade e pode começar a operar sem ter de andar a distribuir o cabo a cada casas, ou a montar torres de telecomunicações.

  4. HB says:

    Ficou tudo na mesma. Os preços sem fidelização são tão absurdos que ninguém os vais querer.

    • Ivosauro says:

      400€ de adesão para pacotes sem fidelização?? Está tudo doido.. :/

      • Mikes says:

        Vocês é que estão doidos aos pensar que tinham as mesmas condições de fidelizados sem o fazerem.
        Que raio de negócio seria esse?

        • SSaraiva says:

          Pagas a um eletricista 400 €, para uma reparação relativamente simples? Então não digas disparates.

          Para a próxima que uma lâmpada tua for à vida, eu vou aí mudá-la pela módica quantia de 200€ + transportes.

          • Sergio says:

            SSaraiva, sabes quanto paga o operador a empresa que vai fazer a instalação? Só de deslocação serão a vontade 100e. Depois, uma instalação demora a vontade entre 2 a 4h, dependendo da complexidade da mesma. Mais Material usado, cabo UTP, Cabo optico/coaxial, fusões, terminais, equipamentos, isto será tudo faturado ao operador pela empresa instaladora. Para alem disso, quem trabalha no backoffice, também gosta de receber ordenado, ativações do serviço/equipamento, apoio técnico ao instalador, ativações técnicas e comerciais, faturação. Um eletricista não recebe 400e para trocar uma lampada, porque não tem a mesma logística envolvida.

          • João F says:

            Depende do que estás a instalar. Dependendo do electricista, perto de 100€ vão só para o acto (incluindo deslocação e mão-de-obra). Depois, se estiveres a instalar um equipamento relativamente caro (o conjunto de modems + boxes + ONT + cabos de fibra óptica sai mais caro do que muita gente pensa) normalmente acresce o risco de estragares o equipamento, que é praticamente o valor do equipamento novo.

          • SapoSempre says:

            +1

            Que o governo faça como em frança : acabe com esta descriminação nas taxas de ativação nos pacotes.
            Estas empresas são uns ladrões…
            Mesma coisa com a 3G/4G : devia-se impor 100% de coubertura da população e obrigações de cobertura do territorio.
            Mas bom…

          • Rui Miguel says:

            Comparação ridícula!

            Ninguém te vai pagar 200€ para instalares uma lâmpada porque qualquer um pode fazer isso!

          • vrael says:

            Levas 200 euros por mudar uma lâmpada amigo? Fonix ainda dizem que os eletricistas ganham mal -.-

  5. RIckPinto says:

    Já se sabia que ia ser uma roubalheira…

  6. Jorge Ferreira says:

    NOS a pedir 400€ pela instalação/adesão???? ahahhaha

  7. Ivosauro says:

    Pena a google não abrir concorrência a estas operadoras!

    • Mikes says:

      Lol… A google trabalha de borla?

      • rui says:

        Tenho a certeza que se houvesse google fiber cá, que não haveria preços a pagar 400 “paus” para aderir. E o mais certo era serem mais baratos porque em termos de velocidade, se for como o que praticam lá fora, já era bem melhor que o oferecido pelas nossas cá.
        E já agora, riscaste o disco, não? 😀

        • rjSampaio says:

          Pois não, mas são 100$ para a instalação, e se os 100Mbps são 50$ fazendo a relação aos nossos 25€ para os mesmos 100Mbps, então a instalação deles são 200€, achas que foge muito?
          Cá a maioria pratica 100 a 150€

          • Daniel says:

            Não é bem, é $100 se for sem fidelização de 1 ano (1 ano!) e for instalação individual num prédio, se for o prédio inteiro a instalar não tem qualquer custo de instalação, mesmo que peças sem fidelização.

            Além disso é 100Mbps sincrono (upstream e downstream), com oferta de 1 tera em cloud storage (e óbvio, trafego ilimitado). O custo do equipamento está incluído no pacote, $50 mensais (e para referência, $50 são €44).

            E não sei onde vês €25 mensais nos pacotes de 100Mbps cá em Portugal. Na NOS, pacote só de internet a 100Mbps, são €37,99 já com desconto de €7,9 (http://www.nos.pt/particulares/internet/internet-fixa/Paginas/internet-fixa-sem-pacote.aspx).
            Na Meo o mais barato de 100Mbps é €29,99 com fidelização de 24 meses, que passa a €34,99 após o 12º mes.
            Na Vodafone é €42,4 com fidelização de 24 meses mas preço promocional de €32,4 durante esses 24 meses.

            E para não falar que nos EUA a Google pratica esses preços “mais altos” (para o pacote oferecido, e se fazem uso de mais de 10Mbps de upstream não é mais caro de forma alguma, mas poucos o farão) que Portugal porque tem margem para tal conseguindo ainda assim ser preço mais baixo que o praticado pelas outras operadoras americanas. Se por acaso decidisse vir para Portugal aconteceria o mesmo, mesmo com todas as taxas e impostos a pagar eles têm margem para fazer mais baixo que as operadoras nacionais actualmente (se as operadoras têm, basta ver a Vodafone). A google não lhe interessa ganhar dinheiro por ser o provider de internet, interessa é o bom acesso aos seus serviços online, o resto é acessório para isso, uma forma de garantir um bom acesso.

        • JP says:

          Quando a Google cá chegasse para montar negócio e visse o que tinha de pagar em impostos ao estado, água e luz, pagava a estadia do hotel e voltava para os states. 😉

        • Pyros says:

          Talvez, mas a net em Portugal é bem melhor que na generalidade dos EUA, incluindo cidades. E bem mais barata. (então os pacotes móveis…)

    • Rui Miguel says:

      Mesmo não USA, eles não fazem o devido, têm fidelização, é caro, e é só em alguns sítios.

      Que cromo! Achas que a Google te vai salvar!

  8. João Moreira says:

    Anedótico, não tem outro nome. E depois é a tal coisa, instalações, activações, etc, são a maior burla que nos espetam aqui.

    • Carlos Martins says:

      Vocês lembram-se do “fim” do pagamento dos alugueres dos contadores, lembram-se? Deixaram de os pagar, ou agora pagam os mesmos valores, ou maiores, com outros nomes bem mais pomposos?!!!

  9. Kabuki says:

    Sou a favor que possam cobrar custos de instalação sem a fidelização. Agora, aumentar o preço do serviço, o mesmo produto, já andam a desafiar a legalidade.

    • Tretas says:

      Concorda com 400 euros por uma instalação que pagam 70 euros à empresa instaladora ?!

      • Joao Magalhaes says:

        O Iphone custa 100€ a produzir mas entretanto a Apple vende-o a 800€, eles cobram o preço que quiserem, nós clientes só aceitamos se quisermos.

    • nulldev says:

      Exatamente se o cliente está a pagar a instalação e a “ativação” (valores exorbitantes) seja lá o que for… porque razão paga as mensalidades mais caras….!!!?
      Só não vê quem não quer…..mas como isto é uma republica sul americana (das bananas..) é continuar a ver as operadoras mafiosas a funcionar em cartel, como se nada fosse….tudo legal…comam e calem….

      • SofD says:

        No caso da Vodafone, a que tenho em casa, o valor que oferecem sem fidelização não tem desconto. Aliás quando aderi, à cerca de 8 meses, ja havia opções de 1 ano e sem fidelização. E caso não saibam, na oferta de 24 meses tem explicitamente a dizer que é feito desconto de 15€ (Desconto de €15/mês durante 24 meses). Portanto presumo que nas restantes operadoras seja o mesmo.
        Se é caro? é. Por isso e que as pessoas vão continuar a fidelizar 🙂

        • Coisinho says:

          Essa dos descontos é engraçada. Acha que fazem descontos? Fazem como o Pingo Doce e muitos negócios, aumentam os preços para fazer “descontos” como já aconteceu. Uma lata de Pringles custava 1,49€, fazem um desconto ficando o preço a 1,99€ tendo, supostamente, baixado de 2,25€. Aqui é a mesma situação.

    • tprata says:

      Na verdade acho que a ideia foi o contrario, ficar legal. Porque segundo a legislaçao, para que o cliente pudesse ser fidelizado, deveria ter alguma contra-partida a seu favor. Agora já tem, não paga as taxas que foram acabadas de criar, nem os tarifários que inventaram. Foi uma forma “brilhante” de ficar legal sem alterar rigorosamente nada do que estava antes, e de certa forma até tornar mais apetecivel os preços com fidelização, por simples contraste com os preços mais altos da alternativa

  10. Flávio Ferreira says:

    Eu acho muito bem, eu sei eu sei que estas empresas lucram muito, mas há trabalho a fazer.
    Temos os técnicos para pagar, cabos, equipamentos, avarias etc etc, era bom hoje meter a nos em casa e amanhã lembrar e mudar ia já ser de graça para os meninos andarem aí sempre de um lado para o outro, querem paguem acho muito bem, isto já me faz lembrar os colégios, querem o melhor para eles paguem para isso senão estudem no público.

    • paulo says:

      Ó chico esperto, qual é a casa que não tem já a instalação? Pagar no minimo 150€ para desligar e voltar a ligar 2 fios é um roubo, já para não falar em que mesmo assim cobram o dobro do valor da mensalidade. No entanto isso tem solução, caso venha a optar por essa solução, em minha casa vou obrigar-los a arrancar a instalação que lá está e colocar uma nova, afinal estou a pagar-la, à mínima quebra de serviço pedido de indemnização, afinal se pago o dobro é para ter um serviço 100%. Se todos os clientes fizerem o mesmo, aí entrais na linha mais depressa que o tempo que o diabo demora a esfregar um olho.

      • Flávio Ferreira says:

        Já viste que cena

      • SomosInácio says:

        Exacto. É só roubar. Maioria das casas trm pre instalação feita.

      • Joao Magalhaes says:

        Já podes fazer isso, mesmo com fidelização pagas o serviço a 100%, tens os descontos e tal mas no fim dos 24 meses acabas por pagar até mais. Ninguém oferece nada a ninguém.

      • rjSampaio says:

        Para ti são 150€ para desligar e ligar dois fios.
        para eles são o ordenado dois dois tecnicos que la foram, a carrinha de serviço, o gasoleo, o seguro e o selo, o material, etc etc.
        Sim obviamente que 150€ para desligar e ligar dois fios parece parvo. Mas vai la fazer as contas de quanto isso custa realmente.

        É como aquele americano que quiz fazer a sua própria sandes de galinha, entre fazer pão e cria a galinha, foram 1500€ e vários meses.

        • Pedro says:

          Você deve ser dos que ensinam que os ovos vêm do supermercado.
          Tem de haver setor primário, nem que seja apenas para consumo interno e nem que para isso, tenha de haver um período de espera.
          Caso os produtores não trabalhassem 6, 8 ou 12 meses para fazer um filme, gostava de ver como consumia TV, Cinema, etc.
          As pessoas que trabalham, só no final do mês é que recebem ordenado. Não pedem adiantamento ao patrão.
          As empresas para entrarem nos mercados, primeiro investem e só depois é que começam a ver o seu retorno.
          2 Empregados a efetuarem quantos instalações diárias? No mínimo 4.
          Quanto ganham no final do mês? Agora… 530 Euros/cada.
          Faça as contas e diga quanto ganha a empresa…

      • Técnico Meo says:

        Amanhã vens comigo na carrinha e vais ver quantas instalações vais apanhar feitas. Além do mais ando sem ajudante a bater o distrito todo, fazes falta. Pela boca morre o peixe.

        • tprata says:

          Compreendo perfeitamente que os técnicos tenham de ser pagos, e que o material não seja de borla, e que por isso existem obviamente custos ligados a instalação. Perfeitamente aceitavel. No entanto, note-se que estas empresas têm lucro ao final dos 2 anos, mesmo sem cobrar a instalação e activação, quando há contrato. Ou seja, fazendo as contas como alguém fez, mesmo contando com os valores q eles pedem de activação etc que já foram inflacionados para assustar, a mensalidade não deveria passar muito dos 25/30€ em todas as operadoras. O que vemos é o dobro. Isto não se trata de recuperar gastos, trata-se de prender as pessoas pelo custo, em vez de pela qualidade. Se eu investir 100k€ num restaurante, a minha obrigação será oferecer o melhor serviço possivel de maneira a que as pessoas retornem e eu recupere o investimento, seria impensavel fazer qualquer cliente assinar a entrada um contrato em como virá comer ao meu restaurante todos os dias por 2 anos caso contrato terá de pagar o preço dos ingredientes mais a mão de obra do chefe, mais uma margem de lucro à minha escolha… O que isto prova, é que estas empresas não gostam de manter os clientes pela qualidade porque isto custa dinheiro e corta nos ordenados chorudos de quem está no topo. Claro que os técnicos têm dificuldades, mas por muito que defendam as medidas, a matemática não mente, mesmo mantendo o preço da activação e instalação como estão, o aumento na mensalidade não tem justificação possivel

          • tprata says:

            Mais, isto só vem continuar situações como já me aconteceu, em que no 1º mês de fibra com a cabovisão tinha a velocidade perfeita, com todas as condições do contrato, e a partir do 2º mês deixava de ter net aceitável todos os dias entre as 19 e as 00h, porque não tinham condições para prestar ao serviço a toda a gente que se ligava. Traceroute não enganava, o ponto de chocke era nos servidores da cabovisão, chegava aos 1500ms de delay, a partir das 00/01h tornava a estabilizar quando o pessoal ia para a cama.
            Num mercado normal, o que ia acontecer é que eu e todos os outros afectados iamos trocar por uma empresa concorrente que realmente nos desse aquilo porque pagamos, e a cabovisão naquela zona ou melhorava o sinal ou perdia 50/60% dos clientes (Zona de estudantes, notava-se nos jogos online, turmas inteiras de 40/60 pessoas descontentes com os serviços). Com os belos dos contratos tiveram toda a gente presa por mais 2 anos

      • MLopes says:

        “qual é a casa que não tem pré instalação”, “a maioria das casas tem”…vocês devem viver noutro portugal…não têm a mínima noção da realidade do país onde vivem…

    • João Sanchez says:

      Não me importo de pagar, aliás paguei assinatura durante décadas e agora tenho uma linha que não passa os 16Mb?? wtf?
      Vamos ver é se o mercado fica livre na Europa para vir concorrência de fora e matar estas empresas que só roubam!! E técnicos? Quais técnicos? Tens é incompetentes com a 4ªclasse. 5 vezes para fazerem uma ligação em condições.

      • Técnico Meo says:

        Vai para lá e faz melhor. Alem de tendencioso, metes toda gente no mesmo saco. Muita qualidade tens tu se soubesses as condições de trabalho e formação dada á maior parte dos técnicos, pois 90% deles são prestadores de serviço.

        • João Sanchez says:

          Assim como tu estás a meter os assuntos todos no mesmo saco.

          1º Sim faço bem melhor. Tive que o fazer.

          2º E se não é dada formação que raio tenho eu com isso? Quer que lhe dê, não?
          E condições de trabalho, quando foi a última vez que protestou contra algo?
          Manifs…etc? Ah… pois… só no café a beber umas bejecas é que se fala mal disto tudo. Votar e mexerem-se, isso não.

          E nesta área existe investimento!! Depois vem o retorno é desse retorno que tem de sair o ordenado dos técnicos.
          E em Portugal paga-se demais pelas mensalidades! É essa a grande discussão aqui. Não o pagar a instalação.

          E tendencioso??Você vem aqui defender as empresas que ganham milhões nos roubam a todos nós, você inclusive.
          É por isso que me vou embora deste país, fiquem cá com a vossa mentalidade! Deixem-se estar!

          • Técnico Meo says:

            Deves ser muito novo senão não falavas da parte da greve. Meu caro, no sector privado não se fazer greves; quem faz vai pro olho da rua. As leis e as respectivas autoridades do trabalho são uma ilusão, mentira e tu é que as comes todas. Não não fazes melhor até provar que o fazes melhor na pratica; no pc todos somos rambos. Eu não defendo a ALTICE, MUITO PELO CONTRÁRIO MEU CARO, A ALTICE ESTÁ A REBENTAR COM A QUALIDADE DA PT PORQUE NÃO QUER PAGAR A QUEM METE AS MÃOS NO TERRENO, PORQUE SE A FORMIGA NÃO VAI LÁ NINGUÉM GANHA! E olha, não vás embora assim dessa maneira, já estive um ano na Holanda, a vida de emigrante não é o que se sonha, e nem sempre vais conseguir trabalho na tua área como eng etc. Esquece. E lá a internet fibra, pelo menos á 5 anos não havia, e o adsl era asqueroso e pagava-se muito caro, e não só, paguei a instalação e caladinho!

        • João Sanchez says:

          E ficas a saber mais.

          “is the highest for offers between 12 and 30Mbps (i.e. prices
          are between 44 and 49% higher in Portugal)”

          Cá paga-se 44-49% mais pelas velocidades entre os 12 e 30 de net.

          The price of the cheapest Triple play with a speed above 100
          Mbps is more than twice as high as the EU average, while other Triple play offers are on average 20% more
          expensive than the EU average.

          E nos serviços de triple play em média 20% mais altos.

          Está aqui o estudo. E já agora alguém que me explique – se a mão de obra é mais barata e o material fica ao mesmo preço, como raio pagamos mais!

          https://ec.europa.eu/digital-single-market/en/news/study-retail-broadband-access-prices-february-2015

          Ah e isto compara os preços apenas!! Não refere o facto de que o nosso poder de compra é inferior.

          • Pyros says:

            Estranhando os preços do estudo na página 20, vi a nota de rodapé, e vi que estão expressos em PPPs – ou seja, não é o que o preço dos serviços de net em Portugal sejam necessariamente caros (e serão menos caros que em boa parte dos países europeus), o pessoal é que ganha bem menos – 22% menos.
            Podes ver a metodologia no anexo 1 e a tabela de conversão no 3.
            (ainda assim não estou muito convencido em relação a alguns preços – por exemplo, a Vodafone tinha à data triple play por 25 euros com 100Mbps, o que não é reflectido nos valores do estudo (mesmo com o PPP).

          • rjSampaio says:

            eu li o estudo, leste a parte onde diz que a vodafone cobra +100€ pelo pacote de 100mb??? onde ra realidade naquele ano pagavas apenas 24.90 pelos 3 serviços?

            Não sei bem como mas os valores estão bastante afastados da realidade.

  11. Helder says:

    Pelo contrário do que estão a pensar isto é ótimo, porque agora fica muito explicito quanto custa a instalação do serviço, e como agora em caso de interrupção de uma fidelização só se paga a parte proporcional aos custos da instalação do tempo em que o serviço esteve ativo e não as mensalidades que faltam para acabar a fidelização. Portanto apesar de parecer óbvio que muito poucos irão utilizar os pacotes sem fidelização, estes pacotes são muito importantes como tabela para as interrupções da fidelização.

  12. Vitor says:

    A NOS… exagera um bocadinho. Aposto que vai ter uma adesao massiva ao tarifario sem fidelizacao…

  13. André says:

    esta cena toda foi uma completa parvoice, porque com isto o que se conseguiu foi regulamentar todas as alternativas. eu nunca tive mais de 1 ano de fidelizaçao, pois ao contratar o serviço sempre negociei com as operadoras para que me baixassem a fidelizaçao que normalmente era de 2 anos, e mantivessem o preço. No entanto agora está tudo regulamentado, e se quiser menos tempo está ali na tabela e não tenho alternativa a não ser pagar mais.

  14. Mateus says:

    Mas isso já se sabia que ia ser preços exorbitantes, quem pensava que ia ficar igual os preços ou é ingénuo ou burro, as operadoras têm o poder na mão delas.

  15. Vitor says:

    Para mim a Anacom é uma cambada de paspalhos.
    Que tenha o serviço de instalação e de ativação ainda se compreende.
    Agora mensalidades diferente é uma grande roubalheira.
    E a concertação de preços? Ninguém vê nada ?

  16. Jorge Arada says:

    obviamente que se esperava preços mais caros, mas estas opções são claramente areia para os olhos … o rir … portugal surreal 😀

  17. Diana says:

    Não tenho qualquer problema com fidelizações se isso me garantir um pacote mais barato. As pessoas também queriam o quê? Pacotes sem fidelização ao preço da uva mijona? Querem tudo e não pagar nada? Haja um bocadinho de compreensão também. As empresas investem, querem ter retorno e ainda tem funcionários para pagar.

    • Joao Magalhaes says:

      As pessoas são uma comédia, incrivel como ainda existe muita gente que acredita no pai natal, ninguém dá nada a ninguém, a fidelização de 24 meses garante que a empresa vai ter lucro com o cliente, eu na Meo tive 2 mensalidades “grátis” e mais umas coisinhas, ora era bonito se de 2 em 2 meses trocasse de operadora.

    • João Sanchez says:

      Têm funcionários para pagar, etc… tudo isso se compreende, excepto o facto de estares no top da Europa onde mais se paga nas mensalidades.
      Se os ordenados são baixos, os custos de manutenção também e o material é o mesmo preço que lá fora… porque estamos a pagar mais?

      Mas quanto às fidelizações concordo ctrg, não vejo problema de pagar mais para não a ter.

    • Me says:

      Pagar o quê? Uma m…

  18. R!cardo says:

    Mas que grande fantochada. ANACOM = CORRUPTOS

  19. Rui Pedro says:

    Como já se calculava, nada mudou. Apenas mais umas mãos cheias de areia para os olhos do povo.

  20. Agostinho says:

    Faz de todo o sentido nos a cobrança de instalação e activação. agora alterar o valor do serviço é que me parace que nao faz sentido nenhum, visto que o serviço é o mesmo, apenas uns tem fidelização outros nao. O valor a diferenciar para quem tem fidelização ou nao está nas orfertas e instalação e activação, nunca deveria ser mudado o valor a pagar pelo serviço.

    O valor de serviço devia ter sido obrigatorio a ser o mesmo, ANACOM aqui nao trabalhou(ou nao trabalha como sempre) bem, é o deixa andar e ver!

    • Diana says:

      A questão é que as empresas oferecem descontos nas mensalidades para quem faz os contratos com fidelização, aparte das ofertas associadas a instalação, ativação, mensalidade dos alugueres dos equipamentos, entre outras. Os valores que as operadoras oferecem sem fidelização, são os valores reais do serviço sem esses descontos/ofertas associados.

      • Marco says:

        E o que acontece quando termina o periodo de fidelização? Acabam-se os descontos e passa-se a pagar a mensalidade “sem fidelização”? É que, a ser assim, apenas se garantiu fidelizações eternas (ou desconexão do serviço, no meu caso)

  21. B. Ferrer says:

    R.I.D.Í.C.U.L.O

  22. Luís says:

    Portanto.. assim de repente, analisando os preços da NOS, ficou igual a antes mas com mensalidade superior. Antes se eu quisesse cancelar o contrato a meio também tinha de pagar uma porrada de dinheiro, que se não me engano, seria igual ao número de mensalidades restantes até ao fim do contrato. Imaginando que não quero cancelar o contrato logo ao inicio, os 400€ de instalação que me estão a pedir pelo pacote Iris dão para perto de 1 ano de mensalidades, já par anão falar nos 10€ a mais da mensalidade.

    Ok, agora temos a opção… mas será que é justa?

    E fico com uma dúvida. Se eu já tiver o equipamento, terei de pagar os 400€ de instalação na mesma? Já paguei uma vez! Não me digam que 400€ justificam meia manhã de um técnico em minha casa…

    • Diana says:

      Só paga a instalação do serviço caso a mesma não tenha sido feita. No caso de mudança de pacote, apenas paga a ativação (que é de um valor bastante inferior)

  23. A.tabarra says:

    Já me faz lembrar um gnr que queria entrar de férias e não podia por não ter feito qualquer autuacao e como veio para a rua obrigado deparou com uma pessoa e disse-lhe está autuado porque? Pelo seu cão mas não tenho cão se não tem arranjeo isto só revela estas empresas e tudo igual

  24. João says:

    Não me supreende nada… “Não nos dás garantia que ficas connosco 24 meses? Então pagas mais”. Basico 🙂

  25. urtencio says:

    Alguém me pode dar umas luzes de como criar uma petição para o governo fechar de vez da ANACOM?!
    Ou alguém que crie por favor!
    Está mais que visto quais os interesses que eles defendem! É vergonhoso! Que nojo!
    Estou para ver se a comunicação social vai falar nisto!

  26. urtencio says:

    E outra só demonstra a falta de confiança na qualidade do produto que as operadoras vendem! Eu tendo um bom produto não vou estar preocupado pois o cliente vai querer continuar a usufruir/pagar!!

    Não entendo sendo eu cliente de um serviço móvel à mais de 12 anos com um pacote de TV à mais de 4 anos ainda me dizem que para alterar o pacote de TV tenho de ficar fidelizado por mais 2 anos!?!
    NO MAKE SENSE!!

    • Luis says:

      Comigo aconteceu o mesmo, era cliente optimus há mais de 10 anos, quando a NOS comprou a Optimus recebi um contacto do meu prestador de serviços a dizer que tinha que mudar o meu serviço para a NOS e que tinha que ficar fidelizado durante mais 2 anos! Disse lhes que isto nao fazia sentido nenhum uma vez que era cliente há mais de 10 anos… eles responderam que se nao estivesse interessado podia sempre mudar de operador. Ao ouvir esta resposta exigi de imediato o cancelamento do serviço. O engraçado foi ver o operador ofendido com o meu pedido de cancelamento. Quando me perguntou porque queria cancelar respondi-lhe que foi o operador da NOS que me sugeriu que mudasse para outro operador, isto ficou registado no processo. Dois anos e meio mais tarde recebi uma chamada anónima da NOS cancelar o serviço com a Vodafone para mudar para a NOS!… lololol…. este país é uma anedota!

    • Rui Costa says:

      Só um pormenor, estou a ver que aderiste ao acordo (des)ortográfico, mas evita retirar o H da palavra há de haver: “om um pacote de TV à mais de 4 anos “

  27. Sergio says:

    1- Estou em choque com isto, nunca pensei que com isto o cliente ficasse mais prejudicado..
    2- A ANACOM é de rir.
    3- A Cabovisão e Vodafone, ou ate mesmo uma das outras duas podiam marcaram a diferença no custo de adesão e ganhar uma cota de mercado significativa. Eu se manda-se na cabovisão tentaria marcar logo a diferença por aí.
    4- Quem já é cliente, caso chegue ao final de contrato e quiser mudar para um sem fidelização.. paga só activação ou também instalação?? ( esta na teoria já está feita se o novo produto for idêntico)
    5- Alguém sabe se nos outros países isto também acontece?
    6- A vontade que dá é aderir a esses pacotes piratas por 30€ de 6 em 6 meses e mandar estes gajos todos para um sitio que eu cá sei..

    • PowerVerde says:

      4 – quando chegas ao fim do contrato já não tens fidelização. Se fizeres um contrato novo, assumes as condições inerentes. Não tem lógica fazeres um contrato sem fidelização quando já não a tens. Pelo que percebi das novas regras, podes é re-fidelizar para beneficiar de novas promoções/ ofertas, sem pagar instalação/ activação e se cancelares prematuramente só tens de devolver as ofertas/promoções referentes aos meses em que as usaste, sem ter de pagar nada pelos meses “em falta”.

    • Azeiteiro says:

      3-Não marcam a diferença porque isto é tudo preços consertados. Não lhes interessa competir uns com os outros. Todos mamam da mesma teta.
      5-Só posso falar por frança e inglaterra as activações são identicas mas não existe tarifários de net sem fidelização. E em inglaterra então para teres net tens que ter contrato de trabalho por tempo inderteminado em alguns sitios para te activarem net.
      6-Toda a gente devia fazer queixa à Anacom, Governo e Deco em massa. Devia era haver legislação para poderem alargar a concorrencia!

  28. Luis says:

    Ou seja, fica tudo na mesma! Não há concorrência nenhuma nem esta alteração serve para nada! só mesmo para enganar os tansos!

  29. Paulo says:

    Bem, continuamos no mesmo né??na minha opinião não vejo problema nas fidelizações, vejo problema sim nas rescisões dos mesmos. seria bom para os consumidores se pudessem rescindir gratuitamente em caso de desemprego, doença, mudança de habitação…hoje fazemos um contrato que podemos pagar, amanhã não sabemos…

  30. Bruno Nogueira says:

    Pelo que eu percebi fica pior.
    No meu caso, por exemplo, que tenho contrato com a Vodafone há 1 ano e que queira rescindir tenho que pagar quanto? Qual é a lei que prevalece?
    Pergunto isto porque quando liguei há uns dias para a Vodafone para rescindir contrato, disseram me que eu teria que pagar 150€ de multa dado que faltava menos de 1 ano. Agora terei que pagar o que falta dos meses, mais a instalação mais o desconto … o que vai dar um total bem superior ao que me foi dito antes da nova legislação.

    • PowerVerde says:

      Os contratos anteriores ao dia de hoje regem-se pela lei anterior. Os que forem celebrados hoje regem-se pela lei actual

    • Sergio says:

      Em quase todas as leis pode-se falar no principio da retroactividade.. ou seja, qualquer contrato celebrado anteriormente à data desta nova lei, tem como prejuízo ou beneficio o que estava determinado na lei de então.

  31. Hugo says:

    ha uns anos a traz as operadoras so pediam um ano de fedilizaçao e não cobravam pela adesão ou instalação como agora vem pedir esses absurdos

  32. ZéManel says:

    Que palhaçada!

  33. Manuel says:

    Agradeço à pplware o serviço de esclarecimento que permite com esta publicação.
    Seria bom que fossem actualizando esta informação periodicamente (talvez mensalmente?).

  34. luis says:

    Já se sabia que o cartel das telecomunicações ia reagir assim…

  35. bruno says:

    aumentarem o preço da instalação e activaçao desta forma é chamar as pessoas de otarias e nao ter qualquer respeito. e nao ha ninguem que faça nada? onde esta a proteçao ao consumidor?

  36. Carlos Marques says:

    Afinal para que serviu a legislação?
    A mim a fidelização não me preocupa porque considero que tem aspectos positivos quer para a Empresa Fornecedora do serviço quer para o Cliente pois se um garante o Cliente por um período de tempo acordado o outro garante o serviço e o preço acordado durante esse mesmo período. Creio que aqui o Legislador terá querido acautelar as indemnizações a pagar pelo Cliente em caso de rescisão do contracto devendo provavelmente o Legislador ter sido mais especifico e ter distinguido na legislação motivos de vontade própria ou motivos de força maior (incluindo-se aqui a mudança de Residência, Divórcio, Desemprego, Doença e Morte do Subscritor por exemplo.
    De resto tudo na mesma, o regulador não regula nem fiscaliza nada, tanto neste como noutros sectores .
    E quem Legisla são os escritórios de Advogados do costume (Porque os eleitos só lá estão para porem o dedo no ar).
    Adoro esta Democracia da tanga.

  37. Jorge Mendes says:

    E impressao minha ou a Nos ficou louca?
    Antes dos pacotes sem fidelizacao o pacote Nos 4 custava 59.99€, e agora custa 59.99€ durante 24 meses e 79.99 apos?

    Diabo!

  38. Kadu says:

    Mais uma lei de “faz de conta” para justificar a pensão vítalicia de uma dúzia de macacos. Enquando não haver um ordenado minimo europeu e um valor comercial europeu unificado, os países de 3° mundo vao continuar a ter anedotas em vez de leis!

  39. Carlos Martins says:

    Aguardemos também os comentários da DECO…

    • César Sousa says:

      Espera sentado… Esses senhores só estão interessados em leilões!
      Fazes uma simulação e os resultados apresentados pela DECO são diferentes – em muito – aos que obténs nos vários simuladores online.
      Nesses eu já não acredito e já não me “limpam” dinheiro nenhum!

    • Nonnus says:

      A quando da aprovação da lei a DECO veio para a comunicação social dizer que tinha sido uma batalha ganha, que já a muito lutavam pelo fim das fidelizações. De certeza que a partir de hoje, depois de verem os preços praticados pelas operadoras, vão pensar de outra maneira. Falaram antes do tempo, saiu-lhe o tiro pela culatra.

  40. Liberal da Cerca says:

    A chico-espertice das operadoras em muito supera a intenção do regulador. Ou será que a regulação está em conluio com as operadoras para tramar o consumidor? É uma vergonha, as operadoras deveriam ser multadas… funcionam em cartel e exploram o monopólio.
    VERGONHA! SHAME ON YOU regulador (dos interesses pessoais)!

  41. JOAQUIM bAPTISTA says:

    Fico pasmado haver gente preocupada com os lucros destas empresas.
    Claro que em portugal todos sacam o consumidor porque este não grita.
    Basta vir de Espanha e entrar em Portugal para ver a diferença.
    Se olharmos para a lei dos combustíveis e a sua aplicação é para rir, nas autoestradas gastaram-se rios de dinheiro nas placas de informação para verificar que não servem para nada, o preço é igual em todas as estações de serviço ( já sei que vai haver pessoas a defender os coitados das companhias petrolíferas que investiram em colocar as estações de serviços, pois tem que ter lucro, coitados o pouco já tem não chega).
    A ANACOM e o caso TDT é uma vergonha, estes srs defenderam a PT em prejuízo dos portugueses. Aqui ao lado a TDT tem muitos mais canais e em Portugal só agora vai chegar mais dois canais, tudo porque a SIC e a TVI não querem que a ANACOM liberte mais.
    Nos canais por cabo já temos publicidade em todos canais, canais pagos que era suposto não haver publicidade e o que faz o regulador?
    A INSTALAÇÃO DE CONTADORES E DE INFRAESTRUTURAS DEVE SER A CARGO DAS EMPRESAS PORQUE SÃO ELAS INTERESSADAS NA VENDA DOS PRODUTOS, SÓ UM POVO DE CABEÇA BAIXA SE ESCRAVIZA E PAGA TUDO.
    É UMA VERGONHA VER O ESTADO A COMPARTICIPAR NAS REDES DE INFRAESTRUTURAS PARA DEPOIS ENTREGÁ-LAS A PARTICULARES.
    NÃO SOU CONTRA O LUCRO, O LUCRO FAZ FALTA NAS TROCAS COMERCIAIS, MAS DEVE TER CONTA E MEDIDA, APÓS ISSO É ROUBO, PERMITIDO POR POLÍTICOS QUE EM VEZ NOS DEFENDEREM OPTAM EM DEFENDER AS EMPRESAS ONDE LHES DARÃO EMPREGO.

  42. Mike says:

    Como alguém já aqui disse: Areia para os olhos!
    Eu quando vou tomar café e escolho a marca Delta não significa que vou consumir Delta durante um período: não me obrigam. Apeteceu-me café, consumi um produto disponibilizado no mercado. Se gostei volto a repetir, se não gostei mudo de marca!
    Isto simplesmente é fazer negócio de forma suja e ninguém faz nada. Quando se faz, contornam o problema, como fizeram agora. Tretas

  43. Nuno Belino says:

    O grande problema é a TDT ultra-miserável que nós temos mais o seu péssimo sinal e área de cobertura … isto é que a grande arma das operadoras – A falência e o alheamento da ANACOM à TDT que nos temos, ou mais propriamente dito… que não temos.

  44. jazz man says:

    vejam o exemplo da Belgica, um pais do tamanho do alentejo. Nao ha fidelizacoes para ninguem. Os aparelhos sao alugados e o valor esta incluido na mensalidade.
    um exemplo:
    https://www2.telenet.be/fr/

    • Pyros says:

      No exemplo que deste “não há fidelizações”, mas um desconto de 10€/20€ de desconto mensal para quem subscreva 12 meses.. ou seja, fidelização. E o cliente faz a própria instalação (senão paga 80-100€). E mais umas condições (pelo que percebi, essencialmente estar ligado à “rede”).
      E é mais caro que, por exemplo, a Vodafone.
      A Bélgica tem mais do triplo da nossa densidade – e quanto mais densa for a população, menor os custos unitários de serviços de rede. Especialmente redes com cabos (o mesmo é válido para energia)

  45. CMatomic says:

    1993 miguem pagava para ver Tv , passados 23 anos 80 % dos Portugueses pagam uma subscrição a uma operadora de telecomunicações , o inverso acontece e aqui ao lado em Espanha em 1993 , seis canais em sinal aberto , passado 23 anos 70% dos espanhóis veem TV gratuitamente e tem acesso a mais de 30 canais em sinal aberto .

  46. Hugo says:

    Acontece com várias outras coisas na vida real e online, quanto mais quantidade se compra mais barato fica. E é óbvio também que é um serviço que tem um custo inicial associado, as operadoras têm de se salvaguardar de clientes a brincar às instalações

  47. Vitor says:

    Depois de ler a maior parte dos comentários aqui, parece-me que são quase todos funcionários dos operadores, ou têm lá familiares, ou chupam bonus que mas ninguém têm, porque para defender isto só com interesses por trás. Pensava que era a anacom e governo por fazerem lei tão mal feita, mas parece-me que por aqui também andam alguns.

  48. Indignado says:

    Até um dos chimpazés do nosso zoo era capaz de prever que este seria o caminho seguido pelas operadoras, em face, não da avenida, mas da autoestrada que a lei lhes deixou em aberto. Uma lei destas é um duplo atentado ao consumidor porque não só não o defende do autêntico oligopólio das operadoras, como ainda o trata como se fosse um néscio. Por mim tributaria no próximo OE as receitas das operadoras provenientes dos contratos sem fidelização em sede de IRC à taxa de 75%

  49. Filipe F says:

    ”Desativar o serviço

    Em caso de desativação durante o período de fidelização, o valor total dos encargos devidos será igual ao período de duração do contrato em falta, multiplicado pelo total das vantagens conferidas, repartidas pelo total de meses de fidelização. Este valor será proporcional às vantagens que foram conferidas na adesão ao serviço que, na proporção do período de duração do contrato fixada, ainda esteja por recuperar pela Vodafone.

    O valor mensal de encargos depende das condições da oferta subscrita, como por exemplo os valores relativos à ativação, instalação, portabilidade e desconto especial da campanha.”

    Em Vodafone.

    É engraçado como antes na Vodafone, desativar o serviço nos primeiros 12 meses, se nao estou em erro pagava-se 300 euros de penalizaçao, apenas e só, independentemente da mensalidade ou numero de meses em falta desde que fosse entre os 24 e 12 meses restantes, e no caso de se estar no ultimo ano de fidelização eram 150 euros , faltasse 1 mes ou 10 meses, fosse uma mensalidade de 26.90 ou 50 euros.

    Agora mudaram as regras, e para contas que prefiro nem pensar bem no valor que daria por exemplo desistir ao fim de 12 meses no serviço fidelizado de 24meses.

    • Miguel says:

      É simples: a nova lei exige que a indemnização não seja igual ou superior às mensalidades remanescentes. Feitas as contas, o modelo anterior de penalidades no serviço Fixo, que a Vodafone adoptava, acabavam por ir contra a nova lei. Isto porque, cobrar 150€, nos últimos meses de contrato, iria, automaticamente, ser superior às mensalidades remanescentes. A Vodafone apenas está a fazer cumprir a lei, nesse aspecto.

  50. Mauro says:

    No meu caso e atendendo que a instalação teria custado 350 euros:
    Pago 36€ por mês com fidelização de 24 meses, ora isto dará um total de 864 euros em 2 anos. Este valor menos os 350€ da instalação será igual 514€ (montante destinado à mensalidade do serviço). Ora, 514 a dividir por 24 meses é igual a 21,41€. 🙂
    Esta lei está tão bem feita que neste momento para o mesmo serviço, em dois anos, pagaria 1790€ (24*59.99+350). MARAVILHA

    • PQP as Operadoras! says:

      A questão é que a mensalidade sem fidelização deveria ser inferior, ou pelo menos equivalente “aos custos de instalação/activação” vs 24 meses

  51. frigo says:

    desculpem mas alguém reparou que nenhum destes pacotes tem Internet verdadeiramente ilimitada? todos eles falam em limites de upload

  52. Michael says:

    Se alguma destas operadoras tivesse confiança na qualidade do serviço que oferece, teria t0m@t€s para disponibilizar pelo menos 1 pacote de 6 ou 12 meses ao mesmo preço do pacote com 24 meses de fidelização, nem que fosse apenas por um período limitado da primeira aquisição. Aliás, só lhes ficava bem à primeira vista como forma de distinguir do resto da oferta concorrencial. Isto não é pedir para trabalhar de borla como alguns iluminados defendem nestes comments, isto é dizer ao consumidor: Temos a certeza que o nosso produto tem qualidade ao ponto de o consumidor continuar a fidelizar-se no futuro.

  53. Rui says:

    Numa palavra “Vergonhoso”.
    Ainda o ano passado, quando aderi à MEO. Tenho descriminado no contrato 80 Eur de Instalação e 25 Eur de activação o que dá um valor de 105 Eur.
    Agora como esse valor é usado para a rescisão passa para 350 Eur, ou seja nesse periodo de 1 mês aumentaram o preço em mais de 200%.

    Obviamente que têm de se “precaver”, mas acho que deviam ter ido ainda mais para o preço das mensalidades e equipamentos em vez do aumento do valor destas rubricas, que não ficaram mais difíceis com a nova lei.

  54. danny says:

    As mudanças ja se previam e nao me estranha nada que estas fossem assim. Só acho mesmo estranho o preço das mensalidades aumentarem.

    mas vamos lá analisar a situaçao:
    ativaçoes, instalaçoes e afins gratis e baratos? devem estar sonhando.lol
    assim como o cliente tem direitos( como ter o serviço o bom ao qual contratou) tambem tem de ter deveres, algo que muitos se esquecem. E muito importante, tem de assumir responsabilidades em qualquer das escolhas que faça.

    isto é mais ou menos o pessoal que quer mais canais em casa e para nao pagar mais mensalidades, compram uma parabolica.
    Mas ao falar com o tecnico e só de verem o orçamento de instalaçao ja ficam baralhados.

    Depois pensam: ” bem, deixa-me ir a loja, compro a parabolica e todo o material e eu monto.”
    Chegam a casa, montam a antena , apontam para o ar e ja pensam que aquilo vai apanhar canais com fartura.

    Por isso que hoje em dia poucos querem parabolicas pois é preciso ter muitas responsabilidades. quer sejam financeiras ( como contratar o tecnico ou mudar de receptor) ou técnicas ( procurar estudar posicionamentos de lnb, dos satélites, enfim, como afinar a antena.
    Ja nestes serviços as responsabilidades e direitos sao menores, no entanto os deveres sao maiores. Agora façam a vossa escolha.

  55. MaraCoimbra says:

    Fazendo as contas “mesmo à merceeiro” com os custos astronómicos apresentados para a instalação e activação dos serviço, coitadas das operadoras, têm uns gestores de topo, dignos de comenda. Mesmo serviços na ordem dos 800€/600€ por cliente, ou mensalidades com desconto de 10€, ainda conseguem dar lucro, mais precisamente:
    50,9 milhões de euros – e 220 milhões de euros
    Estes gestores merecem uma estátua! Já agora também os laboriosos funcionários dos call centres que são esmifrados para vender (a mãe se necessário), para conseguir uma fidelização, retenção ou prisão de ventre a um cliente ou futuro cliente para a eternidade. Aos que nas saídas das estações da CP, ou num qualquer espaço comercial, instalam a “barraca” e estão a distribuir “panfletos”. Já agora uma estátua aos senhores da supervisão, sim aqueles que suam todos os dias no esforço titânico da regulação do sector das comunicações, incluindo as comunicações eletrónicas e postais e na de defesa do consumidor(?).
    MERECEMOS!!!!

  56. PQP as Operadoras! says:

    O mais grave é cobrarem novamente a instalação/activação quando se subscreve um novo pacote! Qual é o custo que isso tem? Um ordenado mínimo a pessoas que vão demorar tanto tempo a alterar um pacote como o tempo que demorei a escrever este comentário!

  57. João says:

    É por estas e por outras que ainda sobrevivo sem serviço de TV e internet. Não vejo nada que se justifique!

  58. Pedro Lopes says:

    Boas. Na minha modesta opinião as condições aplicadas nas fidelizações dos operadores têm uma razão válida.
    Se Eu comprar um electrodoméstico Novo ele tem uma garantia de 24 meses. Se ele deixar de trabalhar ou recorro a dita garantia para não perder o dinheiro investido.
    Ora bem. Nas fidelizações acontece o mesmo. O dinheiro investido na instalação,no equipamento e na assistência, seja por avaria ou na linha assistencial é ressarcido ao longo dos 24 meses. Por outro lado acho que o período de fidelização imposto para quando se acrescenta outros serviços ao pacote em uso é um autentico roubo visto que por exemplo o aumento de canais ou de velocidade de internet não requer mais equipamentos ou qualquer instalação. O grande problema está na relação preço por Mb que comparativamente a outros países da UE é de 1/50. Portugal no seu pleno TACHO.

  59. Miguel Ribeiro says:

    Ahahaha! Que palhaçada!
    Estão mesmo a esticar-nos o dedo do meio.
    Eu tenho plano sem fidelizalão e paguei 50€ pelo Router, mas a mensalidade é exatamente a mesma do que com a fidelização.
    Também só fazem isso porque os deixam.

  60. Jorge Paiva says:

    Mediante isto a MEO ainda é pior. Não recomendo a ninguém. Toda a minha familia tinha e já deixou…. gastam mais dinheiro em pub do que a resolver os problemas existentes!

  61. Miguel Peixoto says:

    Os operadores, como empresas privadas que são, visam o lucro, ponto final! Alguém no seu perfeito juízo acha possível que os preços abaixo dos 30€/mês para um pacote 3P se pudessem manter em contratos sem fidelização? O operador ia suportar os custos da instalação mais os equipamentos, para o cliente mudar de empresa ao fim de um mês? Acham??? E não falem em fidelização pela qualidade, pois o tuga só pensa no preço, sendo bem capaz de mudar do operador A para o B apenas porque o B faz 1€ mais barato…

    • JJ says:

      Se as operadoras praticam praticamente o mesmo preço para os mesmos serviços, e os serviços em si não variam assim tanto, porque raio os clientes iriam mudar de operador todos os meses?

      Só quem nunca fez mudanças, de casa ou de operadores (de telecomunicações ou outros) é que não tem ideia da trabalheira e do tempo gasto que isso dá. Por isso essa de mudar ao fim de um mês não faz sentido.

    • Mike says:

      Como diz o JJ e acrescentando: se a operadora tiver um compromisso sério com o seu cliente e fornecer um serviço de qualidade não vai haver quem queira mudar de operadora e a questão está aí mesmo: hoje em dia as pessoas sentem-se encurraladas por estas empresas porque não confiam nelas… e a existência destas fidelizações só agrava esta confiança.
      As fidelizações não têm razão de ser: já houve quem o provasse aqui da forma mais matemática possível. Mas pode-se provar da forma não-matemática também: eu se gosto do produto sou consumidor, se não gosto mudo para outro! É assim que deve funcionar o mercado e não com estas correntes que nos prendem a que chamam de fidelização.

  62. Azeiteiro says:

    Mas a anacom não regula nada disto? Só na tuga…

  63. Joao says:

    E paga aki o pessoal na Suíça 150ch por ano inteiro de serviço de televisão com canais premium

  64. Rui Magalhaes says:

    Ja se esperava este resultado. E em portugal e raro o setor k nao tenha um cartel. Nas telecomunicações e mesmo a descarada

  65. Rui Pereira says:

    Estes tipos de adesão já existiam anteriormente, simplesmente agora o colocaram obrigatório as empresas de telecomunicações informarem e apresentarem também esta forma de tarifários/contratos. Qualquer pessoa anteriormente poderia presencialmente em loja, por exemplo, informar-se e solicitar estes tipos de planos.

  66. Alvega says:

    Este topico é um must.
    Andam para qui uns pseudo tecnicos, outros talvez o sejam mesmo, mas todos enfermam do chamado efeito coorperativo.
    Passo a explicar, todos defendem a sua dama (quem lhe paga), mas esquecem-se que na verdade quem lhes paga é o consumidor, e esse está como sempre esteve a ser ROUBADO, nao há outra forma de dizer.
    Vou deixar a esses tecnicos algumas questoes:
    Eu pago 400€ de instalaçao (supostamente o custo do material e instalaçao (tretas digo eu), se passado algum tempo der baixa do serviço por algum motivo o que acontece ao material?
    E se passado algum tempo (breve ) eu decidir reactivar o serviço no mesmo operador, Volto a pagar 400€?
    Que treta é essa de serviço chapa 7 ?
    isto é 400€ para todos, quer exista ja instalaçao, pré-instalaçao, ou eu proprio saiba fazer o serviço,
    OS SENHORES TECNICOS DEVERIAM RECEBER PELO QUE PRODUZEM E NAO PELO QUE SUPOSTAMENTE FAZEM.
    Que me dizem aqueles tecnicos vossos colegas que andam há anos a instalar serviços e logo no acto tentam vender algo mais ? (Isto é aldrabar o sistema para que o cliente usufrua do serviço pagando muito menos do que usufrui)
    Deixaram uns posts acima um exemplo de instalaçao supostamente complexa, de modo a justificar (o injustificavel) preço dos 400€, e eu pergunto por que raio nao deram um exemplo de um hotel, ou algo similar ?
    Entao quer dizer que o Cliente (A) que tem uma instalaçao muito dispendiosa e complexa paga igual ao cliente (B) que por acaso já tem pré ou mesmo instalaçao já pronta ?
    Pois eu sei a resposta, depende do GUITO que passar por debaixo da mesa ao tecnico na altura da instalaçao.
    Isto é um negocio que dá muito dinheiro a muita gente, mas quem se LIXA E PAGA é o consumidor\pagador.
    A Historia ensina-me que todos os Imperios caiem, mais tarde ou mais cedo, igualmente os monopolios, depende somente do consumidor querer ou nao.
    Há que nao esquecer que os instaladores ganham por obra feita, dai querem é faturar, portanto essa de estarem 5 horas em casa de um cliente, já era….mal entram já estao a pensar em sair, e a buscar argumentos para voltar uma vez ou mais e assim justificar uma ou mais deslocaçoes, etc….€€€€€.

    • Técnico Meo says:

      Caro ALVEGA, fica o convite que me mande mensagem privada para combinar uma voltinha pelo meu batente. Eu recebo á peça, sou subempreitreiro. Se não faço, não ganho, mesmo que me tenha deslocado 100 km e perdido 3 horas em viagem. Eu não acrescento produtos ao cliente porque dessa forma tenho de esperar que o backoffice desfaça a encomenda toda e a volte a meter no pda; por vezes leva mais que 3 horas. Cada hora que perco é mais uma hora que vou chegar tarde a casa e junto dos meus filhos! Os técnicos não ganham mais nada por acrescentar produtos; ganham dores de cabeça, juízo e atrasos para o resto dia, pois vou perder tempo a acrescentar o tal produto novo e a chegar atrasado ao resto da intervenções; adeus hora de almoço. Na viatel as gorjetas estão proibidas de ser recebidas porque dão mais prejuízo que beneficio; basta encontrar alguém mal intencionado como tu para que depois mal o técnico vire costas e faça reclamação á PT a dizer que o mesmo aceitou dinheiro para fazer coisas; já foram despedidos colegas por porcarias dessas; Não concordo com os 400 euros, mesmo que por vezes se gaste bem mais do que isso. Duzentos e qualquer coisa para todos e ai sim, será justo. Já estive numa vivenda 7 horas, sai de lá era meia noite, e não ganhei nada porque pura e simplesmente os problemas foram tantos e as exigências do cliente foram outras tantas que me vim embora e não ganhei um euro; Se acha que é tudo um mar de rosas venha comigo pra semana, que já vou trabalhar; pago-lhe o dia, temos horário de entrada; já de saída meu caro só quando o trabalho que foi carregado de manhã no pda estiver feito fora o que vão metendo ao longo do dia; e com muitos km por fazer entre intervenções. Vocês só vêm o lado politico da coisa; só treinadores de bancada.

  67. JJ says:

    Vamos lá fazer contas… com 1 exemplo rápido:

    No pacote NOS 2 Iris, para 24 meses, “oferecem” a instalação (400€) e outras coisas que ao totalizar dará uns 843,99€, isto com uma mensalidade de 31,49€. Sendo 24 meses, e um cliente que não utiliza serviços extra, no total de mensalidades, será de 755,76€.

    Se “oferecem” 843€ e só recebem 755€, isso dá um valor negativo de -87€. Afinal como ganharam dinheiro com este cliente?

    E já agora, se um cliente estiver num local sem fibra, se pagar a instalação instalam fibra no local? Se o cliente vai pagar, qual é a desculpa para não instalarem?

    • John says:

      Esses valores de encher o olho são a diferença para um cliente com fidelização e outro sem fidelização 400€ instalação (sem fid paga)
      31.9€ por mês (sem fid paga mais 10€- logo mais 240€)
      e o resto é + 1 ou 2 mensalidades, boxes e serviços suplementares (sem fid paga tudo isso a parte)
      o que dá esse valor em ofertas

  68. John says:

    Vamos fazer uma conta simples… O vendedor ganhar por volta de 40€ pela venda (em média, umas vezes bem mais outras menos) + o técnico que ganhe pela instalação mais 50/55€ pelo seu trabalho(depende um pouco mas é preço para sub-contratado) + a empresa para a qual o técnico trabalha mais uns 30/40€ + material (box+ont+router) que custe a empresa 200€ (que no caso de desaparecer a empresa fica com o prejuízo…e sim, nem todos os clientes são santinhos)…já falamos em 230/240€, como acham possível que não se peça em troca uma fidelização a fim de reaver este dinheiro??
    Esta nova lei só veio prejudicar o cliente, veio fazer com que se aumentassem os preços mesmo com fidelização de 24 meses (vodafone vai passar de 26,90€ para 28,90€) as activações que dantes eram 20/25€ passaram a 120/150€ (para que quando haja quebra de contrato seja cobrado mais de penalização)…
    Ainda se queria que a fidelização passasse a 1 ano… em vez de pagar 26,90€ por um serviço triplo passavam para o dobro (quem diz este preço diz outro).
    E as tretas que la fora é tudo melhor….tretas…tamb/em conheço gente que para 40 francos na Suiça por ter telefone fixo e net 100mb que nem é ftth…e para terem um tarifário com chamadas ilimitadas e 1 gb de net pagam outros 40 francos!!
    Portugal tem das melhores, e que a mais gente chega, redes ftth da Europa (seja ela Vodafone, Meo/PT e até a Nos)…. e pensem que à 8 anos pagavam por tv 30€ + net adsl 12 mb 30€ + telefone fixo 15€ = 75€

  69. Francisco Maio says:

    Voces discutem treta e de coisas que nem sabem, os preços estão caros sim. Uma mensalidade é uma renda para cada uma das operadoras, sendo que o investimento de Fibra e cobre em Portugal foi financiado a 100% pela UE! Fazem o investimento, apresentam a fatura recebem a tranche! Somos dos poucos países do mundo fibrados a 80% do País. Devam isso ao Guterres que fez o excelente acordo com a europa no desenvolvimento de comunicações em Portugal! Obvio nasceu como cogumelos Jazztel, Clix, CaboVisão, Portugal Telecom, AR Telecom, BragaTel, Pluricanal entre outras dezenas de operadoras… Acabou-se o investimento pela UE em ligar Portugal numa rede de telecomunicações e puffs so temos 3 operadoras destintas e alguns satélites… Acham que isto agora está barato? Fiquem sabendo que em uma instalação em vossa casa paga pela operadora está automaticamente paga pelo lucro de rendas de outros clientes mais antigos! Que mentalidade é esta que uma instalação vale 120 euros e nós temos que pagar? Querem margens de lucro a 100% ou qué? Eu agora monto uma oficina e incremento na fatura (um serviço ou taxa com nome não relacionado) que permita pagar o investimento que faço pela ferramenta que vou adquirindo! Acordem pa vida!

  70. Augusto says:

    As fidelizações são uma maneira abusiva de agarrar os clientes. Portanto deveriam acabar de uma vez por todas. O que estaria certo era as operadores concederem descontos por cada meio ano que o cliente se mantivesse na operadora. Por exemplo, uma mensalidade inicial de 50€ passaria para 45€ ao fim de meio ano; passaria para 40€ ao fim de um ano e assim sucessivamente até atingir um determinado valor mínimo (por exemplo 25€). Claro que o cliente seria sempre livre de sair da operadora a qualquer momento sem qualquer tipo de penalização.

  71. Miguel Ferreria says:

    impressão minha, ou fica mais barato pagar os 24 meses de contrato e usar apenas um mês do que sem fidelização?

  72. Mauro says:

    Se no meo a instalação custa 350€, então significa que a minha factura mensal relativamente ao serviço 3P é de aprox. 21€.
    Pago actualmente 36€ por mês, ou seja 864€ em 2 anos. Se retirar a este valor o custo da instalação (864€-350€), ficamos com 514€. Ora 514€/24 é igual à mensalidade do serviço : 21.41€

    Expliquem-me então porque pagaria eu 59,99€ mensalmente pelo mesmo serviço?!

    No caso da vodafone quem paga 27€ (648€ 2 anos) passaria a pagar 49€ (1176€ 2 anos) + 290€ de instalação. Em suma, a mensalidade da vodafone sem fidelização deveria ser (648€-290€)/24 = 15€

  73. Mike says:

    Trata-se apenas de fornecer um bom serviço e estabelecer uma relação de confiança com o cliente. Estas empresas hoje em dia não fazem nem uma coisa nem outra.
    Como não há qualidade no serviço, a melhor forma de prender o cliente à empresa é a fidelização.
    Como não há uma relação de confiança entre clientes e estas empresas, a melhor forma de os prender é, lá está, a fidelização.
    Se houvesse uma relação saudável e de confiança e um bom serviço prestado, as fidelizações seriam obsoletas. Assim como o preço de instalação: que é como a história do Pai Natal: há ainda quem acredite!

    Há ainda quem diga que isto da fidelização é para garantir a despesa feita pela empresa para o caso do cliente ao fim de um mês não saia. Ora, porque raio é que o cliente iria sair ao fim de 1 mês? Estas empresas já partem do pressuposto que o cliente vai ficar desiludido com o serviço prestado? Conseguem percebe que só esta postura já cria desconfiança no consumidor? Não vejo porque razão uma pessoa fosse mudar de operadora se ela estivesse satisfeita com o serviço prestado… e se não estiver então teria todo o direito em mudar apresentando para isso uma razão construtiva. Há muitas formas de controlar um cliente: a de o prender com fidelizações não é a melhor forma!

    Abraços

    • Sergio says:

      As pessoas podem desistir por.muitas razoes. Podem mudar de casa, ficar desempregadas, nao pagar etc. Como qualquer contrato, as operadoras disponibilizam vantagens a quem fideliza, nunca funcionou doutra forma.

  74. Vitolas says:

    Independentemente de ser caro ou não e ser ou não neste assunto especifico o facto é que as pessoas querem tudo dado e pensam que as empresas são a santa casa da misericórdia e que existem, só para fazer caridade.
    Quem trabalha directamente com o atendimento ao publico tem diariamente bastantes exemplos disso.

  75. vrael says:

    Isto é tudo muito giro, mas é uma grande mentira, sem fidelizaçao quem é que vai dar 300 ou 400 euros de instalação? Eu nunca!

    • rjSampaio says:

      Por outro lado, esperas que eles gastem 200 ou 300€ em equipamento e instalação e depois no dia seguinte canceles o serviço?

      • Miguel Ferreria says:

        eles gastem? serio? lol… os equipamentos são alugados, no final de 2 anos estão mais que pagos e, depois ainda são reutilizados ; eu tenho em casa um box tão merdosa e antiga que até youtube ela emperra… mas pronto… são equipamentos extremamente caros e, eles compram sempre novos a cada contrato…
        PS: a minha instalação em casa demorou bues, demorei mais a beber a cerveja e a fumar um cigarro enquanto o técnico estava ao telefone que na instalação do serviço, se um cliente já teve fibra/iptv, as coisas são fáceis, um pc via wifi/cabo + 1 box + 1 tomada antena… e demora-se 3 horas nisto? bem que não sabe puxar cabo ou quem tenha a mania de colar cat6 em cima de gesso… instalações apenas para despachar e não durar os 2 anos.

        • Técnico Meo says:

          Neste tipo de cenários podes não demorar 3 horas. Onde se perde tempo Miguel nesses cenários fáceis é na porcaria do PDA que anda connosco, que se ele não avança tu não podes avançar. Também já estive muitas vezes a olhar pro ar quando o sistema está em baixo e fico horas, literalmente horas a olhar para uma ont cujo firmware teima em não subir, ou o firmware do router. A PT não deixa que o firmware seja flashado localmente por questões dizem eles de segurança, e depois a porcaria é que tudo sobe na rede PT e no acto da instalação. E depois não posso adiantar serviço porque a intervenção seguinte fica no rabo da velha mais velho e não posso avançar mesmo que quisesse porque o pda não me deixa abrir outras tarefas enquanto aquela não está fechada, e também por causa dos agendamentos que tens de abrir as tarefas em determinados momentos. Cada vez que que o SP falha um agendamento paga 50 paus e tem de lá ir na mesma. Muitas vezes dou comigo a resolver porcarias de tirateimas comerciais com o cliente ou a resolver porcarias de encaminhamentos do que a trabalhar com as mãos, ou a reinstalar driver de placas de wifi ou rede porque o cliente acha fixe estar sem formatar a máquina á mais de 5 anos, com o windows vista! Torram-se horas a resolver problemas da caca e que muitas vezes nada têm a ver comigo, mas se não os resolver não posso avançar. A parte física, dois homens bem motivados e bem batidos no assunto a coisa flui que nem um relógio tirando as obstruções nos tubos etc, o problema são as cacas, caquinhas e caco…nas! E explicares uma box a um casal com 80 e picos anos? hahahah e ires meter uma net a uns velhos que nunca usaram a internet e andam naqueles cursinhos seniores? lol até já me ligaram tipo logo ás 6 da manhã a dizer que não encontram o facebook e cenas assim completamente maradas! Durante 31 dias a garantia é directa ao meu telemóvel, imposição da PT aos SP, já me ligaram aos gritos porque é que a box não grava as pornadas do correio da manhã, e porque é que um torrent com 2 seeds e 500 leechers não está com 100 megas de download…não é fácil camarada, é o que te digo, se fosse só a parte física todos os dias estava em casa a horas pra jantar com os meus filhos, mas a história não reza assim…

  76. Vars says:

    Num país de “terceiro Mundo” em África, pago para 39 dias! Paguei tenho sinal, não paguei não tenho sinal! Equipamento e instalação por conta do cliente mas nada de valores absurdos como 400€ e o equipamento e meu, não o devolvo no fim do “contrato” (que não existe)! E viva o terceiro Mundo!!!

  77. dajosova says:

    vodafone. sem dúvida a melhor para quem tem fibra

  78. Megacoelho says:

    A malta não queria pacotes sem fidelização? aí têm! Estavam á espera de quê? Queriam que fossem lá técnicos instalarem o serviço, terem boxes, routers e telefones de borla?
    Se não querem este tipo de serviços ponham TDT que é de borla.

  79. Nobre Luso says:

    Sempre ao lado dos poderosos, a ANACOM e a Lei do Estado português aprovou um regulamento provocante que mais uma vez enoja e nos faz perder a confiança em determinadas instituições públicas.
    Era lógico que se não fossem criados mecanismos de protecção, os clientes de todas as operadores seriam mantidos sob o jugo dessas empresas gananciosas.
    Já os novos clientes têm de ser inteligentes e negociar o maior número de vantagens.
    Claro que alguém que contrata um pacote mínimo mensal de € 24,90 não tem qualquer força negocial.
    Mas quem pode subscrever contratos iguais ou semelhantes ao meu (por exemplo), já se pode dar ao luxo de pisar os calcanhares dessa espécie de empresas.
    Foi o que eu fiz, quando em Novembro de 2015 deixei a pior (Nos) para a melhor (Vodafone).

    O que mais me revolta neste assunto é a posição da Deco.
    O que fizeram para ajudar os consumidores? NADA!
    E embora os contratos de fidelização não me aflijam, hoje mesmo vou telefonar para a Deco e pedir a anulação da minha assinatura.
    Afinal, consigo defender-me muito bem sozinho!

  80. Hombre says:

    Façam como eu e usem a net do vosso vizinho, só gastei o dinheiro de um router para repetir o sinal e não tenho fidelização!

    • BlaBla says:

      Boa, continua assim. Tenho um router com 2 ap’s criados especificamente para pessoas como tu. Adorava ver a cara delas quando ao final de 1h de utilização em vez do google lhes aparece uma pagina com todos os sites que visitaram, passwords, etc. Para uns chuparem pagam os outros?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.