PplWare Mobile

Link para Porto-Sporting: Acapor pede demissão de João Galamba


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. Miguel Peixoto says:

    Está errado! Apesar de apreciar o deputado em questão, este tipo de comportamentos é condenável.

    • newJ says:

      +1 perde a credibilidade toda..

      • Tavares says:

        Eu apoio a demissão do deputado…apenas pelo motivo de ser um preguiçoso!! Em vez de pedir o link publicamente bastava… fazer uma pesquisa e encontrava DEZENAS de links para o efeito. E muitos deles com transmissão em HD…rsrs!!

    • lmx says:

      Não está nada errado…está certo esta cambada, deve ir toda mas é trabalhar…ja ninguém consegue sopurtar tanta gente a mamar…

      Só directamente são 200 e tal macacos..é muita fruta para distribuir por todos…

      por isso deve ser despedido, pelo menos é menos um que a gente tem que pagar para la andar sem fazer nenhum…

      Menos um emplastro…

      cmps

  2. Valter Miguel says:

    Se fossem os jogadores da seleção a levar dvds pirata para o estágio, a FEVIP disponibilizava-se para lhes oferecer os originais. Ah esperam, isto já aconteceu. Pessoalmente não gosto muito do João Galamba, mas a FEVIP devia ter vergonha na cara.

    • Eleck says:

      não é isso que está em causa, o que está em causa é:
      “«questão penal do comportamento e da inerente incitação à prática de crime» que «deveriam levar o Sr. Deputado a apresentar a renúncia ao seu mandato, nos temos do artigo 7.º do Estatuto dos Deputados em face da grosseira violação do artigo 14.º n.º 1 al. e) do mesmo diploma legal».”

      por isso lê e aprende qualquer coisa em vês de perceberes só de futebol, pois aposto que se o gajo não fosse do teu partido ja o estavas a mandar de lá para fora

  3. Valter says:

    Tenho uma duvida. Se contratar um serviço por cabo e fizer streaming sem obtenção de lucro estou a cometer alguma ilegalidade?

    • dbrenha says:

      Sim, segundo a lei é o mesmo que teres a carta de condução e conduzires sem ela. (Bem, não o mesmo exatamente, mas fiz-me entender)

    • ZiLOG says:

      E também não podes convidar amigos para ir a casa ver o jogo.

      • Freddy says:

        Agora você partiu a loiça toda.
        Se eu tiver sporttv ou até mesmo um outro canal qualquer do serviço de cabo eu não posso convidar o pessoal ver o jogo em casa? é ilegal?

      • Valter says:

        Eu ia referir mesmo essa questão dos amigos. E como funciona nos espaços publicos? Supostamente streaming resulta em memória cache. Sendo assim tambem não posso fazer gravações de conteudos com os dispositivos do operador. Qualquer tipo de upload será considerado ilegal?

        • Valter says:

          Supostamente outra vez não se pode convidar os amigos.

          11. PROPRIEDADE INTELECTUAL
          11.1. O CLIENTE aceita que os conteúdos áudio e vídeo a que acede, ou que lhe
          são disponibilizados no âmbito do serviço, são exclusivamente para seu uso pessoal
          e privado e encontram-se protegidos por direitos de propriedade intelectual,
          designadamente direitos de autor e/ou direitos conexos, pelo que qualquer
          utilização dos mesmos, para fins distintos da utilização privada, apenas poderá
          ocorrer com autorização expressa dos respetivos titulares.
          11.2. Nos termos legais, depende de autorização dos respetivos titulares a
          comunicação da obra em qualquer lugar público, por qualquer meio que sirva para
          difundir sinais, sons ou imagens. Entende-se por lugar público todo aquele a que
          seja oferecido o acesso, implícita ou explicitamente, mediante remuneração ou sem
          ela, ainda que com reserva declarada do direito de admissão.
          11.3. É da exclusiva responsabilidade do CLIENTE que utiliza o serviço no âmbito
          da sua atividade comercial, solicitar e pagar, junto da Sociedade Portuguesa de
          Autores (SPA) e das demais entidades de gestão coletiva que estão registadas junto
          da Inspeção-Geral das Atividades Culturais, as licenças relativas aos direitos de
          execução de obras musicais e/ou audiovisuais, transmitidas em locais públicos, de
          acordo com as tabelas e as avenças/tarifas fixadas pelas mencionadas entidades.
          É da exclusiva responsabilidade do CLIENTE fazer prova junto das autoridades
          competentes da regularização dos pagamentos associados à execução pública de
          obras audiovisuais e/ou musicais.

          (exemplo contrato PT)

          • Bruno M. says:

            Isto são leis do chouriço… São leis apenas porque sim.. no entanto nem os próprios membros dessas organizações/pseudo-associações da M3RD@ cumprem a lei…

            Faz me lembrar do jornalista que perguntou lá ao outro da Acaladrões
            “O sr já estudou por fotocópias”?
            – Sim, é provavél que já tenha estudado por fotocópias..

            Enfim.. Gentinha metediça que só quer encher os bolsos às custas dos outros!

            Haja paciência para tanta hipocrisia e cinismo.

            Quanto ao João Galamba, não gosto dele, no entanto provavelmente será um de muitos que participam na pseudo-pirataria e na assembleia quando é para votar, votam sempre a favor das associações com leis criminosas!

  4. Filipe YaBa Polido says:

    Deviam era ter vergonha e acordar para a realidade, daqui a uns anos (para não dizer já agora) vai ser perfeitamente comum ver qualquer tipo de conteúdo online, seja em PC ou mobile, assim como era à uma década atrás ir a um video-clube alugar uma cassete VHS (e rebobiná-la no final para não pagar a multa, hehehe) 😉
    Os tempos mudam, adaptem-se seus retrógrados…

    • newJ says:

      Sim, já é, e paga-se por isso.. Devia você acordar para a realidade.. Até porque os atores cantores e demais artistas não vão trabalhar se não ganharem por isso, ou você trabalha de borla?

      • João Pinho says:

        Concordo que não se deve misturar o “online” com “ilegal” uma coisa não está directamente associada à outra.

        Mas ao mesmo tempo também acho piada os números que dizem que a culpa de não haver cinema no curral de moinas é da pirataria, quando muitas vezes e já me deparei com dados estatísticos grande parte dos consumidores desses produtos são os mesmos que os copiam, ou porque gostam e vão ver/ comprar ou porque simplesmente lhes apetece..

        Pergunto-me se o preço de um jogo de computador ou albúm de música também não influencia esses mesmos números… Eu acho que sim, tudo o que tenho original antes comprei, experimentei, dei valor e acabei por demonstra-lo comprando original.

      • Filipe YaBa Polido says:

        Oh newJ, deixa de lamber o cu à ACAPOR, eu pago jogos online tipo minecraft, game dev tycoon, e se puder ir a um concerto do artista X, vou, mas se calhar já não compro o CD original porque sei que na realidade o artista vai receber apenas uma mísera percentagem, o resto é para alimentar porcos gordos…
        por isso cala-te que não sabes da minha vida nem tens nada que saber. E se trabalhar de borla tens pouco ou nada a ver com isso…

      • Filipe YaBa Polido says:

        E mais te digo, serviços tipo Netflix, spotify, a preços decentes, pagava de certeza, aluguer nos meos e zones passo bem sem eles, xulos… e com boas Tvs em casa, evita-se também de pagar 8e no cinema com putos ranhosos atrás do banco a mandar bocas e os da frente com o telm ligado durante o filme. Quanto a video-clubes, deixei de lá por os pés desde a mudança de VHS para DVD 😉

  5. Fábio Ferreira says:

    Muito a ACAPOR faz para perseguir quem pirateia em vez de criar condições para que essas pessoas não pirateem. Talvez como implementar um sistema de Pay-per-view para os jogos de futebol, olhar para sistemas como o netflix, spotify e hulu que fazm sucesso em todo o mundo por oferecem uma grande variedade de conteúdos a preços baixos.

    Enfim, todas as organizações deste país são compostas por senhores de fato e gravata que ainda vivem no século passado e que se recusam a perceber que o mundo mudou.

    • Filipe YaBa Polido says:

      +1 +1 Agora é que disseste tudo! Somos governados por mentes que ainda vivem no século passado e sem hipótese de upgrade, é como tentar meter o Windows 7 num 486 a 33Mhz, é…escusado 🙂

    • Paulo Costa says:

      Concordo! Devem é criar outros tipos de serviços (pay-per-view nos jogos de futebol), o netflix, spotify, por forma a chamar quem pirateia e assim obter mais algum lucro!

      O caminho tem de ser esse!

    • says:

      Gostei.. ai é que esta/ somos governados e “orientados” por Tailloristas..

      • MarioM says:

        Fábio tens 100% de razão mas isso é para mentes que estão muito a frente.
        Eu não tenho pachora para esta gente retrogada que não conseguem perceber que os tempos mudaram e não saber criar oportunidades.
        Prefiro pagar uma Eurosport para ver no pc do que sustentar estes trafulhas cá do burgo

    • Pedro Ferreira says:

      Concordo perfeitamente…a maior parte da programação da SP TV e outros afins durante a semana pouco interessa ao cliente…só mesmo ao fim de semana a coisa tem mais interesse. Estar a pagar 30 euros todos os meses em cima de 50 ou 60 de factura “normal” não está ao alcance de todos principalmente nestas alturas de mais aperto…

  6. Eduardo Silva says:

    Razoes para se perderem 4 milhões de espectadores nos cinemas em 3 anos são:

    Preços altíssimos

    Razoes para que mais pessoas façam como este Sr. Deputador

    Sport TV é só para ricos

    Razões pela qual as blockbusters fecharam

    Preços altissimos

    Nao juntando a isto tudo, acordos absurdos de editoras em que só recebem os filmes em Portugal meses depois deles sairem, em que faz com o Tuga seja considerado menos, do que por exemplo Coreanos e afins

    Juntando a isto tudo e por consequencia a crise! As editoras, cinemas, videoclubes e afins têm que se adaptar ao mercado, não é o mercado que tem que se adaptar à teimosia deles

    Veja-se o caso dos downloads baratos e legais de músicas, é que já não vejo as editoras de musica a chorar, porque será?

  7. Diogo says:

    Simplesmente ridículo!
    Preocupem-se em prender os corruptos, ladrões e bandidos… mazé!

  8. Nuno says:

    Onde é que está escrito ele a pedir link para stream do canal?
    Não há link para ouvir a emissão de rádio online? E que eu saiba, é gratuita.
    Não há links para ver a sporttv online? Há. Eu vejo online e de forma legal. http://multiscreen.sporttv.pt/

    Factos: ele pediu um link.
    Especulação: acham que ele pediu um link para stream de tv ilegal.

    • Filipe YaBa Polido says:

      A ACAPOR é como uma mulher desconfiada 🙂 Vais no metro, uma loira passa por ti, chegas a casa levas com um sermão de 3h porque estiveste com outra e tal 🙂
      ACAPOR e as suas teorias da perseguição/paranóia… coitaditos.
      Ah, enquanto escrevo este post, estou a fazer um download. (99,9%% dos utilizadores vão ignorar esta linha, a ACAPOR vai julgar que estou a fazer outra coisa 😉 ) LOL 🙂 🙂 🙂

    • Portas says:

      Man, devias de ir para marketing ou advogado 🙂

  9. okapi says:

    As figuaras da ACAPOR para além de ridículas já metem nojo. As coisas não são assim que se resolvem e não é da noite para o dia, é uma questão de cultura.

  10. Bruno says:

    Mas dos preços pornográficos da Sport Tv já ninguém fala. Para uma pessoa ver o futebol do seu País tem de ser rico. Isto sim é uma vergonha e não vejo ninguém preocupado!!

  11. Carlos Senra says:

    Eu acho imensa piada, acusarem a pirataria do deserto pelo que passa agora os cinemas, quando na realidade, existe uma crise instaurada no nosso país à cerca de três anos e é normal que as pessoas, não tenham disposição de dar todas as semanas 6.60 para assistir a um filme, que até pode nem ser do seu agrado. A ACAPOR que vá lamber cu a cavalos, como diz e bem o Quim e o Zé.

    • Rochita says:

      Ora aqui está… vou ser sincero, nunca comprei um dvd desde que trabalho, faço download do mesmo com a qualidade que me convêm, mas agora isso nunca me impediu de ir ao cinema, aliás de todos (ou quase) todos os filmes que tiro já antes o tinha visto no cinema porque é uma experiência única, o mesmo se passa com os dvd´s não pago por um dvd para dar dinheiro ás editoras que estão a transformar a música em excremento, muito menos pagar algo dum artista que já faleceu e como é óbvio já não ganha nada com isso, vou a concertos, vários artistas defendem este modo, só pelo facto de estarmos a ver um video no youtube já lhes dá dinheiro, mas aparentemente ele nunca é demais… quanto á Acapor mandava-a fazer o mesmo que temos mandado a pepsi fazer: vai pó :::::::, Acredita que se vejo pela internet é porque não me vou disponibilizar a pagar por um serviço caro e com má qualidade, os relatos como sempre em Portugal continuam a ser tendenciosos e ainda por cima a benficatv têm direitos sobre vários jogos, para quem é benfiquista é bom, mas num pais onde existe democracia isto devia ser proibido… quero ver jogos da premier league em Portugal vou pagar licença por este canal?

    • naoliveira says:

      Era isto mesmo que vinha comentar. Antigamente sem a suposta pirataria nunca se preocuparam se o pessoal do interior tinha acesso aos filmes ou não… agora que esse pessoal já consegue ter acesso a esses filmes é que andam preocupados!

    • Filipe YaBa Polido says:

      Oh Carlos, e depois os donos dos cavalos não teriam que pagar também uma taxa pelos direitos de autor do animal ? 🙂 🙂 🙂 🙂 🙂

    • Bruno M. says:

      Só 3 anos? Que eu me lembre essa crise nos cinemas vá vem de, pelo menos à uns 6 ou 7 anos!

      E arrisco-me mesmo a dizer que já vem antes do sócrates ter sido eleito a 1a vez!

  12. mitz says:

    Depois de ver a atitude desprezível da acapor daria o link sem pensar duas vezes.
    Querem que se vá ao cinema? 5€ por um filme?? Não.
    Quem faz o download dos filmes para ver e não vender não creio que esteja a cometer crime.

  13. Freddy says:

    Querem saber uma coisa?
    concordo plenamente, até poderia ser o nosso primeiro ministro a pedir o tal link. porque em vez de uma caça às bruxas porque não reintegrar as mesmas bruxas?
    li por ai boas ideias, a ACAPOR poderia pelo menos ler estas ideias e quem sabe por-las em prática, penso que iria diminuir a pirataria.
    Por mim se tivesse lido o tweet teria feito favor ao sr deputado.

    • Luís says:

      Infelizmente dinossauros como os da acapor não mudam de ideias. Só quando morrerem e alguém mais inteligente os substituir é que a coisa melhora.(Atenção não estou a incitar a morte de ninguém)

  14. helder Costa says:

    Tem piada dizerem que as baixas nas idas aos cinemas e compras de DVD serem por causa da pirataria…
    Esses Senhores não devem sentir na carteira o que se passa neste país para chegar aquela conclusão iluminada..

  15. Pedro says:

    A ACAPOR é uma vergonha… deveria era ser exterminada porque parece mais a inquisição do que outra coisa qualquer… Continuam a afirmar que a pirataria é a culpada de os cinemas terem menos clientes?! Ora bem… vejamos… e o facto de com o euro, os bilhetes terem passado de 500 escudos para 5€… Aaaah espera, entretanto já vai nos 6.60€… não haverá aqui também alguma culpa?! Supostamente o pais está em crise… acham mesmo que as pessoas se vão preocupar em ir ao cinema?! Enfim… mas… mesmo assim… eu continuo a ver os cinemas ridiculamente cheios em dias de estreia… a ZON por exemplo criou o cartão ZON, e os cinemas Lusomundo passaram a estar à pinha, mas houve logo instituições que ficaram contra… e porquê?! Porque viram que a partir daí, já não conseguiriam cobrar com tanta facilidade 12€ por 2 bilhetes…

    Isto é vergonhoso, porque como já referiram antes, estas instituições tipo ACAPOR, deveriam era optimizar recursos e engendrar maneiras de atrair mais clientes… mas não… preferem enveredar pelo caminho mais fácil, aquele que não faz a cabeça trabalhar, e depois admiram-se dos resultados…

    • David Ferreira says:

      nao podia estar mais de acordo…mas 6, 60 onde? aki esta nos 8e

    • Bruno M. says:

      Eu ainda sou do tempo, em que um bilhete de cinema, custava 3.40€ (No Arrábida Shopping).

      Uns meses mais tarde, o AMC Arrábida 20, foi vendido à UCI Cinemas e adivinhem, os preços aumentaram quase 2 da água para o vinho.

      Agora o preço está a uns 6€ (sem os descontos de 2a) e a qualidade das salas / serviços / filmes diminuiu drasticamente!!

      Resumindo e concluindo, a culpa é dos pseudo-empresários gananciosos que temos, dessas associações da treta tipo ACAladrões, da conjunctura do país que faz com que as pessoas não tenham dinheiro para ir ao cinema, entre muitos outros factores.

      Eu deixei de ir ao cinema tantas vezes quanto ia. E agora quando vou, muito raramente compro, por exemplo, pipocas.

      Chegava a ir 2 e 3 vezes por semana ao cinema (as vezes mais) e em todas as vezes comprava pipocas e bebida.

      Agora vou 1 vez /ano ou duas quando estreia algum filme que a mulher quer ver.

      Pipocas nem ve-las!

      30€ não chegam para 2 pessoas irem ao cinema e comprarem pipocas! 50€ não chegam se tiverem filhos!

      Isto são preços de ladrão!! E depois queixam-se que as pessoas não vão ao cinema! É de bradar aos céus!

      • Pedro Ferreira says:

        o mesmo é para ir ao futebol…moro fora de lisboa no alentejo…fui ver um jogo com o meu filho que nunca tinha visto um jogo no campo…gastei cerca de 120 euros apenas pelos bilhetes, gasoleo portagens, jantar etc…ainda se os bilhetes fossem baratos…mas na maior parte das vezes rondam os 20 25 euros … os mais baratinhos….ser sócio tb não é alternativa uma vez que não podia disfrutar…

    • kimbas says:

      Eu ia ao cinema quando ganhava pra isso, chegava ir todas a semanas, mas ganhava quase 3 x mais do que ganho agora… entretanto veio a crise a empresa onde trabalhava fechou e agora estou a fazer um estágio profissional mal remunerado… tinha de cortar nalgum lado.

  16. João says:

    Se tem dinheiro para comprar brincos, também tem dinheiro para subscrever um canal pago.

  17. Paulo Bastos says:

    Atire a primeira pedra quem nunca pirateou.

    • Luís says:

      Pedra atirada!! Garanto-te que nunca na minha vida pirateei. Nunca na minha vida pilhei ou saqueei navios ou cidades.
      Agora partilhar, isso partilho muita coisa.

    • Quimboio says:

      Paulo se a ACAPOR lhe atirar uma pedra veja se tem o selo do IGAC, eu duvido que eles só tenham pedras licenciadas.

    • Bruno M. says:

      Eu nunca pirateei… não sou hacker…

      Infelizmente “pirata” hoje em dia é qualquer coisa que tenha a ver com fazer downloads, nos primórdios, os conceitos eram completamente diferentes!!

      Acdho simplesmente que o termo “pirata” foi criado para dar mais ênfase à coisa e para servir como “lavagem” cerebral aos que têm QI muito baixo, como os Srs governantes ou os membros dessas associaçõezecas da treta.

  18. Travolta says:

    Eu estou inteiramente de acordo com a Acapor!
    Que a Acapor só tenha descoberto agora que a Assembleia da Republica é um Circo onde só os que são melhores que o Cardinali têm lugar….tenho pena deles porque têm andado a durmir durante anos a fio.
    Mas uma coisa é certa, estes senhores da assembleia ganham resmas de dinheiro, e muitas vezes nem sequer poem lá os pés! Ganhasse eu o que eles ganham e não precisava de andar a pedir links. Pagava a subscrição com um sorriso nos dentes, porque afinal, a mensalidade nem se faz sentir no bolso deles.
    Nem os deputados deste pais, que andam tão preocupados com a cumprição das constitucionalidades se precupam em cumprir a lei. Porque é que será que isto não me surpreende…

    • Tavares says:

      Ó “travoltinha” não me venhas com moralidade da “treta”…se ganhasses o mesmo que um deputado,irias “ambicionar” ganhar o mesmo que o 1º Ministro ou o Presidente da República.E pagavas a subscrição se fosses OBRIGADO a isso…tal como qualquer um! Não conheço ninguém que goste de pagar impostos…quanto mais um canal Premium de televisão com um preço absurdo!!

    • Bruno M. says:

      Tu cada vez que atiras a pedra para o teu telhado ele parte-se sempre…

      Não faz mal, eu entendo-te…

  19. Filipe YaBa Polido says:

    Algum artista (músico,actor,etc) que venha aqui dizer publicamente em que é que a ACAPOR contribuiu para o sucesso dele se faz favor?!?!?!?!?

    … posso esperar deitado certo ? …

    Certo.

  20. MarioM says:

    «pirataria é a principal causa da perda de 4 Milhões de espectadores”
    TRETAS
    O Pior cego é quem não quer ver.
    A causa da perda dos espectadores é o preço dos Bilhetes,a falta mesmo de dinheiro,a comida e as despesas fixas convem pagar,se estão mal vão ter como os amigos do governo que não param de roubar o povo,o dinheiro não chega para tudo,e depois por meia duzia de tostões os operadores cabo,tb dão filmes.
    Além disso agora que ate já nem á sites piratas já não precisam de estar preocupados,porque as salas já devem estar todas cheias.
    não me digam que ainda não têm lucros,mau qual é a desculpa agora,a ja sei deve que agora não compram dvds a 30 euros.
    Ou então é mesmo porque só mesmo eles é que podem roubar,mas legalmente.

    • newJ says:

      Teno outra opinião que acho muito mais razoável.. As pessoas investiram sim em TV’s com full HD, ecrãs de tamanho + maiorzito do que antigamente, e claro que perfiro o conforto do meu sofá, desde que tenha esses conteúdos todos à disposição na minha tv mesmo que pagos..

  21. Trupe says:

    Demissão de João Galamba não por ver um jogo online, mas por ser um idiota, que o faz publicamente.
    Não precisamos mais idiotas na Assembleia da República

  22. JP says:

    tendo em conta o que fizeram alguns ministros do governo em exercício pedir a demissão dum deputado por pedir um link é desproporcional.
    A acapor deveria reflectir no facto que as pessoas se afastam do cinema porque os bilhetes são cada vez mais e no final do mês as pessoas têm cada vez menos dinheiro.

  23. Gonçalo says:

    «pirataria é a principal causa da perda de 4 Milhões de espectadores nas salas de cinema em menos de 3 anos – 1,1 milhões só nos últimos 10 meses – é responsável por não existir actualmente exibição regular de cinema dos Distritos de Évora, Beja, Portalegre e Castelo Branco»

    1º – No distrito de Beja existe sim exibição regular de cinema.
    2º – A maior parte das pessoas preferiria continuar a ir ao cinema, mas os preços impostos pelas salas de cinema tiram a vontade a qualquer um.

  24. Gerardo says:

    Srs. da ACAPOR, o que levou a perda de espetadores no cinema, e falo por mim, não foi a pirataria mas sim o peço ridículo dos bilhetes. Nos tempos de escola tinha um grupo de amigos que todas as semanas não falhava uma estreia. Agora vou 3 ou 4 vezes por ano e a vontade era não ir nenhuma…

  25. boy says:

    A acapor não conhece Portalegre para estar a justificar-se com tal barbaridade. Portalegre perdeu o cinema ainda a internet era “a vapor”, se nao foi antes, não tem nada a ver com pirataria.

  26. kala5h says:

    Estou desiludido sr deputado, tanta coisa importante para se preocupar num país à beira do abismo e o meu caro quer futebol??? Mas mais desiludido estou, por o meu caro perder tempo a ver jogos desses 2… lol.

  27. Jacinto Leite says:

    Um link para que?
    Stream de uma rádio para acompanhar o jogo?
    Jornal que cubra o evento em directo?

  28. Antoino Alverca says:

    Voltamos ao mesmo !
    Os senhores da ACAPOR não devem estar a par do estado do país (dos Portugueses, o dinheiro mal gasto pelos políticos é outra conversa) quando fala que a queda das vendas de bilhetes de cinema, DVDs, Blu-Rays, música, etc.
    Se as pessoas mal têm dinheiro para comer e pagar as contas (as que podem), porque raio haveriam de gastar dinheiro a ver filmes no cinema em vez de comer ?????

    CAIAM NA REAL !!!

    Deixem-se de merdas e façam algo de benéfico para a sociedade e para o país !!!
    Esse dinheiro que vocês querem não cria empregos nem mais valias para os criadores, apenas mais riqueza para vocês (ACAPOR) e para os vossos amigos das editoras !

  29. João says:

    “pirataria é a principal causa da perda de 4 Milhões de espectadores nas salas de cinema em menos de 3 ano”

    Para mim é ter que pagar 6€ por um bilhete.
    Não deixo de estar presente todas as semanas na promoção da Yorn a 3€, não venham culpar as alternativas pelo fraca atractividade dos cinemas.

    • Pedro says:

      Concordo… desde que a ZON disponibilizou o cartão com um bilhete de oferta, também passei a ir regularmente ao cinema, e não há uma única estreia de um blockbuster que não esteja a abarrotar…

      São tristes estes gajos da ACAPOR… Só me pergunto, de onde vem o dinheiro que lhes paga o ordenado?! Que tipo de lucro terá uma instituição como esta para pagar os salários aos seus funcionários?!

  30. Não querendo tomar um partido de quem esta certo ou errado a ACAPOR anda a mexer com muita coisa com muito poder. Esta a fazer frente a deputados, a utilizadores da pirataria em Portugal a grupos de Hacker’s Portugueses e alguns sites influentes em Portugal. A única coisa que eu tenho a dizer é que ou eles são muito fortes e conseguem lidar com isto tudo ou um dia destes eles vao estar a jeito para serem lixados e toda gente lhes vai carie em cima.
    PS: Com isto nao quero incentivar ninguém a fazer perdoes sobre a ACAPOR… Apenas partilhar a minha opni-ão enquanto espectador desta guerra que eles tanto querem manter.

  31. Se eu disser no twitter: “Alguém me arranja uma faca para eu matar alguém” sou assassino?

    Se eu disser no twitter:” Alguém me da um link para ver um jogo pirata” sou pirata?

    • Benchmark do iPhone 5 says:

      Se o streaming for de má qualidade, como é costume, cai o sinal e tem que se procurar outro link que funcione, e às vezes nem se percebe a língua do locutor – não é pirataria. É uma maluqueira como outra qualquer.

      Se os patetas da não sei das quantas (Sacor, ou lá o que é) soubessem do que estavam a falar nem tentavam dar isso como exemplo de pirataria, nos tempos que correm. Arranjavam maneira de se poder ver streaming da bola melhorzito por uns tustos e ainda ganhavam dinheiro.

  32. domestos says:

    Mas a ACAPOR agora faz parte da policia da internet?
    Coitados, ao que parece, também eles podem invadir a privacidade e fazer o que “acham” correcto.
    De facto o deputado em causa não o devia ter feito no twitter, mas isso não impede de perceber o quão desesperados estão na ACAPOR(COS).

    O deputado em causa também os deve processar pro perseguição publica.
    Ao que sei, a ACAPOR(COS) é a defesa dos clubes de vídeo, e não Policia da Internet, e invasão da vida PRIVADA das pessoas.

    • Filipe YaBa Polido says:

      +1
      Ou será que o jogo estava disponível num clube de vídeo?
      Pois… não me parece.
      A cultura devia ser considerado um bem essencial aos cidadãos, seja ela uma simples pintura, música, filme ou estátua.
      Há que baixar os preços e em vez de viverem em mansões milionárias que façam como o Keanu Reeves!

  33. RCT says:

    Eu com o custo de vida atual, não me posso dar ao luxo de poder ir ao cinema.

    Quem quiser proporcionar uma ida ao cinema aos filhos, quanto é que gasta no mínimo? E depois, só vês os desenhos animados? E os que tu gostas?

    O meu filho vai morrer estúpido porque o pai não o pode levar ao cinema?

    Qual o mal de usar um link para ver um simples jogo? Porquê pagar o valor mensal (elevado) para ver apenas uns 4 jogos do teu clube de eleição?

    Eu pirateio tudo e mais alguma coisa, até ter capacidade monetária para poder fazer e usufruir de tudo o que gosto!

  34. José Lameira says:

    A meu ver nem fez bem nem fez mal, fez uma pergunta. A ACAPOR que se preocupe com coisas bem mais importantes do que andar a perseguir as pessoas.

  35. Pedro Davide says:

    O link podia ser para o site da TSF com o relato, podia ser para o site do jornal A Bola com o resumo via texto em direto… este pessoal também pensa logo em piratarias e cenas! 😀

  36. newJ says:

    Link para o benfica vs braga?

  37. Anticorporativista says:

    O que eu me ri com isto.

  38. José says:

    Antigamente, ir ao cinema era uma forma de diversão barata, simples, mas mesmo assim cheia de charme. As salas competiam para ver quem tinha a melhor projecção e som, era fabuloso ver uma imagem com quase uma dezena de mestros e som que fazia realmente envolver o espectador na cena! Hoje as salas são horríveis, cheias de barulho, pipocas e qualidade de imagem e som cada vez pior, quando curiosamente em casa temos melhor! Não seria melhor está gente perguntar-se se o problema também não estar aqui? Eu não tenho vontade nenhuma de ir ao cinema hoje em dia, pois deixou de se um momento agradável para ser uma forma de gastar umas horas por vezes mal gastas, pois os filmes nem sempre são de qualidade, aliás cada vez menos, já não fazem as pessoas sonhar nem viver outras histórias tal é o artificialismo com constroem as histórias, isto para não falar em argumentos mal escritos e realização quase caseira! Indiquem estes senhores quanto ficam na memória das pessoa e se torna de culto, nos últimos anos? São raros muito raros, aguentam-se 10 anos e depois já ninguém quer saber deles! E depôs há o seguinte, no pedido do deputado não sabemos que tipo de link ele pedia e ao contrário do que os primeiros comentadores diziam há forma de quem tem zon ou meo ver os canais no computador e tablet, eu tenho assinatura Zom e vejo televisão no IPad e ou no PC sem problema nenhum e com o devido apoio do operador. Depois, temos mais uma achega, quem é o raio da ACAPOR? É polícia? Inquisição? Quem os mandatos para controlar a sociedade? Representam uma associação, por sinal, de vídeo-clubes, e aonde estão eles? Aqui a pé de mim existiam 3, cobravam pelas “novidades” entre 4 e 5€, e depois comprava o filme a 1,90€ nas promoções quer dos jornais que pé das grandes lojas e o filme por menos, ficava meu para sempre! Acham que era possível? E perguntem aos associados que foi feito das jóias de certos vídeo-clubes, que cobravam a jóia e meses depois fechavam! É que o “drama” do fecho não é de hoje, já existia! E quem ficava a “arder” era o cliente! E finalmente, apelidar de pirata todos aqueles que partilham, como se fossemos únicos culpados! Como tentei fundamentar, há muitas culpas por parte dos operadores, mas dessas, certa imprensa não dá cobertura porque muitos dos seus elementos, fazem parte da roda do lucro fácil, sobretudo do trabalhos dos outros, pois que me conste não há uma só artista português que tivesse ficado rico com o apoio desta associação de vídeo-clubes, vivem não esquecer. Quem no fim de contas, leva a sério está associação? Representam o quê, deve já haver muidos que nem sabem o que é um vídeo-clube sem ser o do fornecedor de TV-cabo! E porque não existir uma associação dos almocreves? Acordem que o vosso tempo já passou! A realidade é outra e até mesmo o Direito se ajusta às necessidades da sociedade, tem que ser assim, senão somos, não quero acreditar nisso, governados por seitas de interesses particulares! Como dizia, o Direito prevê que existam excepções no caso das práticas reiteradas e socialmente aceites possam fazer parte do conjunto normativo geral, nesse caso a cópia privada a troca, algo legítimo desde que há humanidade, não só é moralmente aceite e como deve ser legalmente protegida, contra interesses de gente que nada deu à sociedade, nem dará, mas que descobrindo “novas áreas de negocio”, julgam poder viver eternamente à sombra do labor dos outros! No fim desta conversa toda o que eles querem é dinheiro, e fácil, nada mais.

  39. SexOnaSal says:

    Vai à m#rda acapor..

  40. José Coixão says:

    qual é o problema da pessoa em questão pedir um link para um jogo de futebol? não é isso que o comum freguês faz quando não tem um serviço? pede ajuda, dêem ajuda ao homem. é ilegal? desde quando conteúdo digital é ilegal? desde que se lembraram de cobrar dinheiro pelos programas, serviços e aplicações? que aconteceu à liberdade da Internet e de expressão? não temos os mesmos direitos que ele? http://www.fsf.org/ alguém que dê uma vista de olhos a isto e que pense antes de falar se faz favor.

  41. Filipe YaBa Polido says:

    Já agora, alguém sabe em que ponto está o processo da Igass – Investimentos Gestão e Assesoria, Lda. contra a ACAPOR ?
    É que neste processo o réu é a ACAPOR 🙂 Para não calhar sempre aos mesmos, lol…

  42. mc says:

    LOL Este comentário no DN diz tudo:

    “Sou profissional do setor do audiovisual em Portugal e repudio a ACAPOR, pois representa não todo o universo do audiovisual mas uma meia dúzia de proprietários de videoclubes, que compõem a própria direção da associação.”

    • Filipe YaBa Polido says:

      ORA!!! Agora disseste tudo!
      Façam o trabalho de casa, procurem em sites tipo e-informa a informação disponível sobre a ACAPOR e respectivos sócios.
      Há sites que têm a possibilidade de cruzar dados depois sobre os sócios, vejam lá bem que tipo de negócios têm esses senhores e depois venham cá dizer que é para proteger os artistas… é para proteger mas é o ca***** da carteira deles.

  43. Gaius Baltar says:

    Há que diferenciar várias coisas:
    1) Sim, a ACAPOR é ridícula, sua “luta” é infrutífera e ninguém gosta dela;
    2) Por sua posição, o deputado deveria evitar situações que colocasse em causa sua honorabilidade. Ele foi no mínimo imprudente, pois ao assumir o cargo deixou de ser um cidadão como outro qualquer;
    3) Nem tanto ao céu nem tanto à terra. Se é verdade que o modelo actual de rentabilização de conteúdos é extremamente obsoleto, não é menos verdade que na nossa sociedade nada vem gratuitamente, portanto as empresas e pessoas das mais diversas profissões ligadas à criação de conteúdo devem ser remuneradas por este trabalho. Só um tolo ou um desonesto acredita em conteúdos gratuitos.

  44. jack madruga says:

    Tenho 75 anos e sou filho de um bairro de Lisboa, já vi muita coisa e talvez por isso deixei há muito de ser falso moralista. Vocês não acham que é um ESCÂNDALO vergonhoso o que tem sido feito nas TVs e não só, existem locais sem acesso aos ladrões do cabo. E fico-me por aqui senão ia sair asneira. Fiquem sabendo fui um dos que lhe disponibilizou informação para o mail pessoal, Apenas porque já dito por todos os poros VIGARISTAS.

  45. Miguel says:

    Está toda gente enganada!
    O Sr. deputado só perguntou pelo link para o Sport TV… porque não se recordava….
    Foi um lapso de memória! Não sejam assim tão exigentes com os nossos governantes.
    Muito embora possa haver um ou dois Juizes neste País que possam não concordar (mas que só podem ser do contra…)
    Afinal, tratam-se de pessoas com elevados padrões de moralidade e de idoneidade que respeitam a Lei e a Constituição e que a defendem e fazer defender. Estão ao serviço do população, dos seus direitos e das entidades reguladoras, defensoras do estado social.
    Em alternativa poderá ser sido já o início de uma proposta legislativa que, como País inovador que somos nestas lides, se iniciou pelo twiter..
    Enfim… mais do mesmo.
    E o problema não está nos políticos. Está na justiça!

  46. Miguel d says:

    Hoje em dia está na moda discutir tudo e mais alguma coisa. Quando realmente deviam intervir, particularmente nas eleições… Ficam em casa ou na praia.
    Analisando o caso, os experts deduzem muita coisa que não está escrita. Ora o que este senhor pediu foi um Link para o jogo em questão. Não vejo qual é a ilegalidade nesta questão, pois existem diversos tipos de links legais que transmitem o jogo, mais concretamente na rádio. Porque é que assumem logo que seria streams ilegais em vídeo? Faz lembrar quando se fala de torrents assumem à partida que só existem ilegais…
    Em relação à Acapor…. Acordem para a vida sff. Mas quem é que ainda tem ou usa DVD? A falar assim dos cinemas até parece que é um bem essencial uma ida ao cinema… Já repararam por acaso qual é a taxa de desemprego? Já se deram ao trabalhode perceber qque o custo de vida aumentou drasticamente desde 2002 sem o correspondente aumento dos salários? O que acham mesmo que as pessoas fazem… Vão ao cinema ou comem? Ou pagam a prestação da casa? Sinceramente não percebo em que mundo navega esta gente…

  47. David says:

    Fico espantado com a cambada de gente hipócrita que vem para aqui publicar comentários…
    Sim, ele é deputado, sim, não deveria fazer esse tipo de comentários publicamente por uma questão de ética profissional. Agora condenarem o homem por isso?!?!!? CRESÇAM!!! De repente são todos uns iluminados que começaram a pagar pelos MP3´s, Filmes, Jogos, Softwares que usam diaramente nos vossos pc´s…! Alías, aposto aqui que 90% das pessoas que aqui comentam devem usar uma cópia ilegal do Windows…! Pior…99% das pessoas devem publicar conteúdos no facebook que têm direitos de autor como fotos, textos, e até clips de filmes…! Ahhhh mas isso já não é pirataria certo? Não é porque não vos interessa! Deixem de ser hipócritas! Criem condições para se pagar por conteúdos multimédia…PAY PER VIEW por exemplo….criem condições para deixar de se alimentar os gordos

  48. Careca says:

    Depois de ver um porco a andar de “bicla”…

    Seja no Governo da República, seja na oposição.

  49. Manuel says:

    Dizer que a pirataria contribui com números perfeitamente pornográficos para o afastamento das pessoas das salas de cinema é andar a viver no “País do faz de conta” ou tentar tapar o sol com a peneira.
    A verdade é que os preços que se praticam são totalmente “PIRATAS”. Isso sim é que a ACAPOR deveria combater!!!

    E quanto a falar do interior do País não ter cinema o que a ACAPOR deveria de combater, se está tão preocupada com o interior, é a pouca vergonha do estado da TDT. Isso sim era serviço público!!!

  50. Hackers Skillz says:

    Pirataria é ilegal…Hackers são bandidos!No entanto aposto q aqui quase 90% ou mais já fizeram algum tipo desses pseudónimos “downloads ilegais” e agora dão uma de bons “rapazes”…Lembrem-se sp, se não fossem os hackers a esta hora nem um computador pessoal voces tinham,era caso pr um pc custar mais de 5mil euros se viesse pelas empresas!E além do mais isto da internet era para ser uma sociedade livre e de partilha, eu não tenho culpa k fizessem disto um negócio e tds quisessem vir pr aqui ganhar dinheiro!!Sr ministro, axo k só lhe falta é umas aulinhas de informatica a mais, pq com isto da internet daqui a bocado até apanhava a tvcabo dos seus vizinhos!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.