Quantcast
PplWare Mobile

Já há um banco de criptomoedas e foi criado por um português

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Jorge says:

    Ele tem cara de quem vai roubar. Todos sabemos que bancos geridos por portugueses são ruinosos para os seus clientes. Ou seja… Evitar!

    • miguel says:

      hehehe 🙂
      De facto os Ricardos Salgados desta vida deixaram uma má imagem dos bancos.

      Mas não deixa de ser irónico, a primeira criptomoeda (bitcoin) foi criada para não estar dependente de um banco e no final vamos lá depositar as criptomoedas…lol
      As minhas estão armazenadas offline em nenhum equipamento ligado a net.

    • Maria Aguiar says:

      Na América os Administradores dos bancos que roubam vão para a cadeia por muitos anos e confiscam-lhes os bens todos.
      Em Portugal têm reformas milionárias e fazem jogging com os ex-Primeiros Ministros ladrões que vivem em liberdade.
      Este é o motivo pelo qual os grandes investidores de criptomoedas “guardam” as suas na Anchorage.
      O problema não são as pessoas é a ausência de ação najustiça.

  2. jorgeg says:

    ok cryptomoedas descentralizado,.. huummmm colacar-las num banco,… huummm!!!
    sera que existem pessoas completamentes burrrrrr,… para as colocar la,…. hummm!!!

  3. Pedro says:

    Está na altura dele unificar as criptomoedas numa especie de “euro”.

  4. ... says:

    Quem é o nabo que vai por criptomoedas num banco?
    Nem numa exchange, quanto mais num banco controlado por governos.

  5. Jorge says:

    Infelizmente isto vai-se tornar regra, contrariando toda a ideia da blockchain.

    De qualquer forma, não é diferente das exchanges.

    É a velha história da crypto “se não tens a chave privada, não és 100% dono”

  6. Test User says:

    Na Europa já existem algum tempo. Supostamente Sygnum fundado na Suiça foi primeiro banco de criptomoedas no mundo. Têm Bitwala fundado na alemanha que é junção de serviços cripto com uma conta normal de banco.

  7. dajosova says:

    Criptomoedas de banksters, NÃO… Obrigadinho!
    Bitcoin e o resto é paisagem… salvo projetos descentralizados e com soluções realmente úteis na criptoeconomia.

  8. adbu says:

    Pensava que a essência da criptomoeda era não necessitar de bancos…
    Estamos sempre a aprender….

    • Miguel says:

      E não precisa, nabo é quem mete lá as moedas ou num exchange qualquer dia acordem sem elas, banco falido, hackeado, ou até o governo/tribunal pode congelar essas contas, enquanto se as tiver offline ninguém no mundo te as consegue tirar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.