PplWare Mobile

Incêndios em Portugal: Alertas vão chegar ao telemóvel


Pedro Pinto

Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

20 Respostas

  1. Alvaro Campos says:

    Será uma PWA ou mais uma aplicação para juntarmos às centenas que teremos no telemovel?

  2. Joaquim Fernandes says:

    Quais

  3. dedro says:

    Será que é desta que se vai usar um serviço que já existe disponível à anos “Rádio difusão” e que nunca se preocuparam em usar.
    É lamentável é que tenham que morrer pessoas para que algo se faça e se use.

  4. S Pimenta says:

    Suponho que seja o Wireless Emergency Alert/ AMBER altert certo?

    • Jorge Carvalho says:

      Nope , deve ser por sms 🙂
      Isto ainda é Portugal …

      Abc

      • Jorge Carvalho says:

        Alias depois de ler o artigo com mais atenção está lá :

        “de acordo com um comunicado enviado pela própria ANACOM, o Regulador das comunicações, ministério da tutela, operadoras, rádios e televisões estão já a trabalhar no sentido de alertar os portugueses via SMS, app e meios de comunicação social ”

        Abc

      • S Pimenta says:

        Aos anos que Wireless Emergency Alert/AMBER alert existe e ainda não é desta que vamos ter?!… Até o meu Nokia 3310 já tinha isto…

  5. vector says:

    Esperemos que chegue também aos telemóveis dos bombeiros, protecção civil, GNR……..

  6. Hugo says:

    Isso vai ser mais um fiasco como o siresp…

  7. carlos p says:

    desde que não ficam a fazer spam…

  8. informado says:

    De lamentar o uso de imagens de incêndios. Estas imagens ou videos são um chamariz para os incendiários que adoram ver imagens e vídeos de fogos nos media. Deve-se evitar ao máximo notícias sobre i8ncêndios. Os incendiários adoram ver os seus própios fogos nos media .

    • sd says:

      menos um bocadinho, diz-me lá onde aconteceu aquele incêndio que está na imagem?tem que se fazer tabú a todo agora?

    • António Fagundes says:

      És tão informado que não sabes que tem Portugal não existem pirómanos..
      Quem diz sê-lo é só para se safar, existem interesses políticos e financeiros ou meramente de natureza pessoal (vingança) para todos os incêndios, desde que existem incêndios em Portugal.

  9. Manuel C. says:

    Não percebo porque não se associam a algo que já está bem implementado e que funciona perfeitamente. Refiro-me ao fogos.pt (presente via browser, android e iOS apps) desenvolvido pelo utilizador do Twitter @tomahock .
    Muito provavelmente irá continuar a funcionar melhor que qualquer sistema que possam vir a implementar e dessa forma terá menos custos para o contribuinte.

  10. Luis says:

    Esperemos que em caso de incendio o alerta nao chegue por sinais de fumo…. ou em cado de tremor de terra por candeeiros a balançar… ja para os diluvios sempre que sentirem alguma humidade acima dos tornozelos que impeça a respiraçāo cuidado pode ser preocupante….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.