PplWare Mobile

Google aposta em Portugal e traz 500 novos empregos


A tecnologia e aquilo que é possível fazer com ela sempre foi algo que me cativou bastante. Estudo Ciência de Computadores na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto. É a escrever para o Pplware que partilho os meus conhecimentos e a paixão que tenho pelos computadores.

Destaques PPLWARE

  1. M says:

    Finalmente o pplware noticiou isto. Esclareçam-me lá uma coisa. É impressão minha ou este centro de competências é apenas um centro de pessoal de business que mantém contactos com os clientes da Google? Pela ideia que estão a pintar, isto não vai ser uma sede como a de Londres, Zurich ou Dublin onde verdadeiros engenheiros desenvolvem para os produtos da Google todos os dias.

    • Boa tarde,

      Ainda não se sabem grandes pormenores. Apenas se sabe que o novo centro de operações será dedicado a fornecedores que vão dar apoio às operações da Google. A vertente da engenharia será a mais forte.

      Obrigado pela participação.

      • M says:

        Ainda assim, dentro dessa explicação, não percebi o que é um “centro de operações será dedicado a fornecedores que vão dar apoio às operações da Google”. Especificamente o que se faz um centro destes? A Google já tem algum semelhante?

        Obrigado

        • Um centro destes poderá ter engenheiros que ajudam a desenvolver novo software que envolve a colaboração da Google, por exemplo. Mas ainda é um pouco cedo. Em breve, certamente, teremos mais pormenores.

          Abraço

        • diogo says:

          Penso que seja para dar apoio third partys que estejam a desenvolver aplicações que dependam de serviços da google.

          É tipo a autodesk que tem engenheiros a ensinar e resolver problemas que empresas têm quando estão a usar ou criar addons para o Autocad, 3ds max etc

    • Vitor says:

      Pelo que me apercebi da noticia o que vamos ter em Oeiras é uma “hub” para FORNECEDORES EXTERNOS da Google…ou seja um local de desenvolvimento de produtos/tecnologias que milhares de empresas fora dos USA produzem e fornecem à Google! Por isso se fala na “criação de 500 empregos altamente qualificados”…pode vir a ser uma oportunidade para muitos “técnicos” que comentam tudo e mais alguma coisa no Pplware,muitas vezes até chamando “estúpidos e incompetentes” a aqueles que lá trabalham! Penso “eu de quê”…

    • A says:

      também é o que me parece. Gostava de estar enganado, mas não me parece que venha a ter desenvolvimento de software Google.

    • Rui says:

      Call center alert… Pra variar… Não vai passar disso.. Portugal só consegue chamar emprego medíocre, para call centers. Somos a Índia da Europa… Aposto um rim…

  2. Mario says:

    Falando por experiência, à partida será um shared center cuja finalidade será para servir vários países onde a google trabalha

  3. Carlos Pereira says:

    Nearshore é o termo correto.

  4. Tiago A. says:

    Pena que fique sediada em Oeiras.
    Aqui no Porto está a haver um grande “boom” de ITs, era porreiro abrirem um centro desses aqui no norte, afinal somos gente também e com muitas competências. É triste ver tanto talento na IT a ir para Lisboa só porque as “grandes” empresas estão todas viradas ao Tejo no que antes foi a Expo98.

    • Ricardo says:

      Se está a haver um grande boom porque é que acabam por ver ir para Lisboa?
      As grandes empresas estão viradas ao Tejo? Olha que eu viajo bastante para ambos os lados e posso-te dizer que do meu ponto de vista, o norte é mais “rico”

    • Mad Makz says:

      Não. Fica melhor aqui, em Oeiras. Vocês já “sacaram” daqui o INFARMED. Alem disso Oeiras é tambem um polo tecnológico, perto da praia, dá p/ os srs engenheiros irem cavalgar umas ondas depois do expediente… Faz parte da apregoada qualidade de vida em Portugal.

    • José Canastro says:

      De acordo com dos nortenhos, se uma empresa não for para o Porto nem vale a pena se instalar em Portugal, né? Com essas mesquisses não vamos a lado nenhum. E não, não sou de Lisboa mas fico feliz na mesma!

    • pois..... says:

      As pessoas têm que se adaptar á oferta e não o contrario.
      Se as pessoas não sairem da toca, não vão a lado nenhum.

    • Luís says:

      Portugal não é só Lisboa e Porto. Eu estou aqui no meio e vejo tudo a ir para os dois lados, mesmo havendo algumas empresas de desenvolvimento por aqui. Já trabalhei com parceiros em Lisboa e no porto e alguns chegaram aliciar-me com um lugar tanto num sitio como no outro, mas recuso-me a ir para Lisboa, ou até mesmo para o Porto

      • António Fagundes says:

        Então fica na aldeia, se me pagassem o que eu recebo em lisboa na aldeia, também ficaria, mas na aldeia para teres 3k limpos tens de ter bons padrinhos, vim da terrinha e ganhava metade do que ganho em lisboa e na terrinha nunca subiria, em lisboa todos os anos subo.

    • António Fagundes says:

      Lisboa tem melhor e mais abrangente aeroporto, mais serviços e as grandes empresas estão todas entre lisboa e oeiras, no porto tens poucas empresas grandes, tipicamente empresas de desenvolvimento com máximo de 500 a 1000 colaboradores, em lisboa estão as multinacionais todas. O lagoas park e tagus park estão em grande, perto da praia, bons espaços, bons serviços, sem grandes confusões de um centro de cidade e ainda com muita área plana para crescer e muitos business centers para ocupar.
      Juntas isso ao tempo fantástico e à proximidade com alentejo e algarve e é lógico que não vão querer investir no porto, às custas disso Portugal já perdeu a agência europeia do medicamento, deixem-se de inventar cenas.

    • Ana says:

      Tens a amazon rapaz e Oeiras não é a Expo

  5. Tiago S. says:

    Curioso em saber os valores salariais oferecidos.

  6. eu says:

    Isto vai ser muito bom para o nosso país.
    Vai baixar a taxa de desemprego em 0.1% assim que se instalarem (a médio/longo prazo até poderá ser superior).
    Tendo em conta que o foco é informática, vai causar maior pressão em relação a empresas de informática cuja mentalidade de ordenados, é de vão de escada mas não dar horas de trabalho.
    Venham eles !

  7. Milton says:

    Acho mais importante o que poderá acontecer a médio prazo, muitas empresas lá fora poderão perguntar-se, o porquê da Google ter vindo para PT e isso pode contribuir com que mais empresas venham para PT.

  8. João Tavares says:

    Não consigo deixar de ver isto como uma boa noticia.
    Seja por tudo aquilo que já aqui se comentou ou apenas pela visibilidade “gigante” que a google tem no mundo, que poderá ser muito benéfica para Portugal, levando outras empresas a olhar para o nosso país para um potencial investimento.

  9. Nortenho says:

    Puxem tudo para Lisboa e depois andem em negociações como os da Auto-Europa.
    Portugal é muito mais que Lisboa! Porque não em Braga ou Aveiro?

    • António Fagundes says:

      Desde quando a autoeuropa é em Lisboa?
      Talvez se fosse não houvessem esses problemas, por ser em palmela e pertencer tudo à corja do PCP é que se vê o que vê.
      Como deves imaginar quem escolheu a localização foi a própria google, não foi nenhuma candidatura nem nenhuma proposta do governo, por isso, acho que a google simplesmente não está interessada em Braga ou Aveiro.

  10. Daivd says:

    Pois pessoal duvido que haja desenvolvimento, em Zurique estão a construir edificios gigantes que vão suportar 5000 developers! Apesar da Suiça ter ordenados elevados o que convida a Google para ir para lá são os baixos impostos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.